Ir para conteúdo

Urubici - uma surpresa agradável em Santa Catarina


Posts Recomendados

  • Membros de Honra

Dia 20/09 foi feriado aqui no RS e decidi conhecer um lugar que há tempos eu tinha vontade: Urubici, em Santa Catarina.

Iniciei a viagem na quinta pela manha, saí de Caxias as 08:00 porque queria conhecer a Serra do Rio do Rastro e a Serra do Corvo Branco.

Para quem viaja da serra gaúcha e quer fazer esse roteiro, a melhor opção é ir por Vacaria, Lages, pegar a estrada que vai pra São Joaquim e de lá desviar para a Serra do Rio do Rastro.

Assim, desci o Rio do Rastro, chegando em Lauro Muller fui em direção à Grão Para, que é onde pega a estrada para fazer Corvo Branco. Subi a Serra do Corvo Branco que já dá direto em Urubici!

O tempo de viagem nesse dia foi de 8:30 horas, com várias paradas para fotos e descansos. Se eu fosse direto Caxias – Urubici são 5 horas de viagem.

 

 

Para quem sai de POA ou região Metropolitana, acredito que o melhor é ir pela 101, subir a Rio do Rastro e de lá ir direto pra Urubici, e deixar pra conhecer a Corvo Branco direto de Urubici, assim pode só descer a serra do Corvo Branco até o final das curvas, não precisa ir até Grão Para. Desce e sobe de novo assim que acabar as curvas, que é a parte mais bonita da serra.

 

Eu acho que é mais bonito subir a Rio do Rastro do que descer, e os principais mirantes estão no lado da subida mesmo. Mas isso é opinião pessoal, eu não subi a serra, só desci, mas pelo retrovisor a vista parecia mais bonita se eu estivesse subindo que descendo, porque na subida tu vai tendo a visão das montanhas! E a Corvo Branco achei mais bonita que a outra, apesar de ser estrada de chão.

Não esquecendo de parar no Mirante da Serra do Rio do Rastro, no topo dela. Linda vista.

 

 

Eu fiquei hospedada no Refugio Rio Canoas http://www.riocanoas.com.br/Home-2009.swf , que fica na subida da Serra do Corvo Branco mesmo, lugar paradisíaco no meio das montanhas num vale maravilhoso. Quando terminei de subir a serra passei pela entrada do refúgio mas decidi ir direto pra cidade para abastecer, comprar comida, ir na agencia e tentar fechar as trilhas... Assim não tinha mais que me preocupar com nada quando realmente chegasse no meu destino. Fui na agencia do Sérgio http://www.graxaim.com , participante aqui do site, para tentar fechar a trilha da Pedra Furada e do Cânion Espraiado, porem não havia mais nenhum interessado, eu estava realmente sozinha naquele paraíso! Como no Rio Canoas não tem comunicação, fiquei de voltar no dia seguinte para ver se eles conseguiam alguma coisa.

 

Bom, um aparte para falar do Refugio Rio Canoas. O lugar fica há 30 km de Urubici, não tem nada ao redor, apenas as montanhas, o rio, um vale e muita paz e tranquilidade. Pra chegar lá tem que andar uma parte no asfalto e outra por uma estrada de chão por uns 20 min, a estrada estava muito ruim por causa das chuvas da semana anterior, mas vale totalmente o sacrifício. O Refúgio é dividido em duas partes: a pousada e o albergue (R$30,00 a diária). A pousada deve ser muito aconchegante, não conheci os quartos, mas entrei na sala e na cozinha e tudo é muito arrumado, limpo e organizado. E olha que não tinha ninguém hospedado.

O albergue fica numa construção separada da pousada, tem um quarto coletivo com sete beliches e dois banheiros. Tem cozinha com fogão a lenha e uma salinha bem aconchegante ao redor do fogão a lenha também. Tudo muito arrumado, limpo e organizado também, impecável o lugar. No albergue eles não servem refeição, tem que levar tudo que precisar.

 

Quando cheguei no refugio já era final de tarde, e eu estava sozinha lá, não tinha mais nenhum hóspede nem na pousada nem no albergue. Até fiquei meio decepcionada, porque como eu estava sozinha esperava encontrar e conhecer outras pessoas! Mas depois da noite maravilhosa de sono que eu tive sem absolutamente nenhum, mas nenhum barulho, no dia seguinte eu já estava rezando pra não chegar ninguém, hehehehe!!! Sério, eu nunca dormi num lugar tão silencioso, dava pra ouvir o sangue circulando nas veias!!!

 

Na quinta feira eu fiz uma pizza e fui dormir era 9 horas da noite, pois estava muito cansada, afinal tinha passado o dia na estrada e tinha ido dormir tarde no dia anterior. A programação para o dia seguinte era fazer a trilha do Cânion Espraiado, que inicia no próprio refugio. São 30 Km de caminhada, em 9 / 10 horas, mas o lugar é lindo demais, pena que só vi por fotos, porque o dia amanheceu chovendo e com muitas nuvens e tive que abortar o passeio.

 

Acordei as 07:30 hs depois daquela noite de sono, olhei pela janela e vi muitas nuvens baixas e o chão todo molhado. Nem pensei muito, já vi que o Cânion tinha furado e decidi voltar pra cama e dormir mais um pouquinho. Acabei acordando era 11:30 hs!!! Sério, esse lugar é uma maravilha pra dormir, duvido que até os insones não tenham uma noite maravilhosa lá!

Almocei o sanduiche que tinha pra lanche de trilha e como tinha parado de chover decidi fazer a caminhada pelo vale até o inicio da subida pro Espraiado. São 4 km de caminhada por um vale lindo. Pena que não rolou o Espraiado, mas esse é um motivo pra voltar lá!

 

Voltei pro albergue e fiquei conversando um monte com a Gisele, que é a dona do lugar. Depois fui pra cidade ver se o Sérgio tinha conseguido alguma coisa. Na agencia dele não tinha nenhuma trilha programada, então ele entrou em contato com a Serra Sul http://www.serrasul.tur.br/ , e lá eles tinham um grupo formado pra fazer a Pedra Furada no dia seguinte. Achei muito correto da parte dele me encaminhar para a outra agência! Trilha fechada para o dia seguinte, decidi subir no Morro do Campestre para ver o por do sol. Paga R$2,00 e dá pra ir de carro até lá em cima, onde tem umas formações rochosas interessantes. Voltei para o meu refúgio para mais uma noite daquelas!

 

Que noite maravilhosa de sono, esse lugar é mágico, só pode! O dia amanheceu lindo, sem nenhuma nuvem no céu. Arrumei minhas coisas e com muita tristeza me despedi do albergue, do refugio e da Gisele e do Juan, marido dela que tinha chegado na noite anterior, pois iria dormir na cidade para agilizar o retorno para casa no dia seguinte. Assim, com uma leve tristeza saí em direção ao Morro da Igreja, onde fica a sede do SINDACTA d aeronáutica e onde tem um mirante para a Pedra Furada lindo demais, vista de tirar o folego mesmo.

 

Encontrei com o resto do pessoal lá em cima mesmo, e antes de iniciar a trilha fomos no mirante, o que já valeu o dia, a vista de lá é linda demais. Em seguida iniciamos a trilha. O começo é plano porem passa por umas partes úmidas, então não é legal ir de tênis, porque molha o pé. Depois de uma leve subida, a trilha entra no mato fazendo a curva no morro. Em seguida, uma descida por meio de umas pedras com água correndo, e depois a parte braba: descer uma ribanceira se segurando nas pedras galhos e raízes para então chegar no meio da Pedra Furada! A trilha tem vários lugares bonitos e vale a pena fazer! Do meio da pedra víamos o mirante onde estivemos antes! Na volta subir a ribanceira e aquela subida mais longa e depois bem tranquilo. Levamos cerca de 5 horas, mas andando bem devagar e parando muito para fotos e descanso. Se for com pessoas acostumada a caminhar dá pra fazer mais rápido com certeza. Ir com calça e manga comprida porque o mato é bem fechado em várias partes.

 

A Trilha da Pedra Furada fica dentro de uma área militar, por isso é obrigatório fazer com guia. Tem uma discussão aqui no site sobre isso e eu perguntei para o guia, o Zé da Serra Sul e ele me disse que até dá pra fazer sem guia, porem precisa pedir autorização para o SINDACTA com no mínimo 15 dias de antecedência e comprovar experiência em trekking. O valor da trilha ficou em R$50,00, não achei nenhum absurdo se for comparar com outras por aí. Então acho que vale a pena sim pagar um guia, até porque o Zé foi super profissional, nos passou um monte de informação sobre plantas, animais, sobre o relevo da região, topografia, sobre a formação das rochas e das montanhas, e outros dados muito interessantes.

 

Na volta paramos na Cachoeira Véu de Noiva, onde paga R$3,00 pra entrar. O lugar é lindo e no verão eles fazer rapel nessa cachoeira.

Paramos ainda num lugar onde vende produtos orgânicos, que é uma gracinha, fica na estrada do Morro da Igreja mesmo, se não me engano no nome é Chalé do Ne. A casa dele é uma gracinha, com um jardim muito arrumadinho e uma vista linda para o vale. Comprei um mel delicioso lá. Ele serve refeições orgânicas e vegetarianas, mas tem que agendar com antecedência. Como eu não peguei o contato dele quem tiver interesse é só passar lá na Serra Sul que o Zé indica o lugar.

 

Eu tinha reservado o Urubici Park Hotel para a última noite só pelo fato de ter piscina térmica, e cheguei lá e ela não estava funcionando... Decepção total. Já estava triste porque não ia dormir no refúgio, mas tudo bem. O quarto era bom, o chuveiro também. O café da manha com bastante opção, bom também. Só não gostei muito do restaurante que fica no hotel, jantei lá na noite anterior e não achei a comida muito boa, apesar de não ser cara. Dormi que nem uma pedra de novo, apesar do meu quarto ficar de frente para a única avenida da cidade e passar todos os carros por lá. Eu estava tão cansada que nem ouvi nada!

 

Último dia de viagem, dia amanheceu meio nublado, meio querendo abrir. A primeira parada do dia fui na parte de baixo da cachoeira do Avencal. No hotel me disseram que precisava de guia, mas é totalmente dispensável. Na estrada tem a placa indicando a parte baixa, entra e anda 4 km por uma estrada de chão, vai passar por um Eco Resort bem legal e a estrada vai acabar bem onde começa a trilha. Tem duas pedras grande pra impedir a passagem dos carros e ali mesmo começa a trilha, que leva 10 minutos a pé até chegar na cachoeira, sem mistério nenhum.

 

Depois parei nas Inscrições Rupestres, que não achei nada demais, mas vale parar porque é bem rapidinho, em 5 minutos vê tudo. Em seguida parei no Mirante da Cidade, de onde se vê toda a cidade de Urubici, o vale e as montanhas ao redor. Depois segui para a parte alta da Cachoeira do Avencal (R$3,00), onde tem dois mirantes para ver a cachoeira e uma tirolesa que estava desativada. E assim acabou o meu feriado, depois disso voltei pra casa e to esperando dia 12/10 pra ver se volto lá e faço o Espraiado. Alguém topa?

 

Serra do Rio do Rastro - vista do mirante

 

20120926201706.JPG

 

Serra do Rio do Rastro

 

20120926201756.JPG

 

Serra do Rio do Rastro

 

20120926201910.JPG

 

Serra do Corvo Branco

 

20120926201932.JPG

 

Serra do Corvo Branco

 

20120926202143.JPG

 

Serra do Corvo Branco

20120926202156.JPG

 

Vale do Refúgio Rio Canoas

 

20120926202207.JPG

 

Entrada para a pousada e albergue

 

20120926202221.JPG

 

Quarto do albergue

 

20120926202329.JPG

 

Sala e cozinha do albergue

 

20120926202340.JPG

 

A pousada

 

20120926202352.JPG

 

O Albergue

 

20120926202406.JPG

 

Morro do Campestre

 

20120926202426.JPG

 

Mirante da Pedra Furada no Morro da Igreja

 

20120926202442.JPG

 

Mirante da Pedra Furada no Morro da Igreja

 

20120926202459.JPG

 

Trilha da Pedra Furada

 

20120926202516.JPG

 

Trilha da Pedra Furada

 

20120926202536.JPG

 

Trilha da Pedra Furada com ela vista de lado

 

20120926202551.JPG

 

Trilha da Pedra Furada com ela vista de trás

 

20120926202606.JPG

 

Trilha da Pedra Furada

 

20120926202708.JPG

 

No furo da pedra!

 

20120926202726.JPG

 

Cachoeira Véu de Noiva

 

20120926202745.JPG

 

Cascata do Avencal por baixo

 

20120926202801.JPG

 

Mirante da cidade

 

20120926202817.JPG

 

Cascata do Avencal por cima

 

20120926202834.JPG

Editado por Visitante
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 29
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros de Honra

Muito legal o relato Deia, só faltam as fotos!!! ::cool:::'> ::cool:::'> ::cool:::'>

Legal ver que tem agências (e guias) honestos e legais, pelo visto o pessoal de Urubici é show de bola. Bom, essa deve ser a regra, né?!?

Não sou contra guias, sou contra a obrigatoriedade de uso de guias para visitar parques e monumentos naturais. Acho até que em certos lugares/momentos é melhor mesmo fazer o uso de guias...

Estive só de passagem na região para fazer o trekking no PARNA S. Joaquim, nem conheci a cidade direito. Mas pelo visto tem bastante coisa legal por lá.

Editado por Visitante
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra

Oi Otávio!

Nao sou muito boa com essas tecnologias, entao nao sei como dimiuir o tamanho das fotos pra colocar elas aqui ::dãã2::ãã2::'> , mas nesse findi vou pedir pro meu irmao me ajudar!!

Lá o que eu mais senti foi que o pessoal nao é louco por dinheiro e nem fazem questao de enxurradas de turistas, eles preferem menos gente e que aproveitem mesmo o lugar, ou seja, vai só quem gosta mesmo! Tomara que continue assim!

Ah, e o que me deu o impulso final pra ir visitar Urubici foi o teu relato e do Getulio da travessia que voces fizeram! ::otemo::

Li o relato e olhei as fotos e me decidi de vez a ir pra lá, mas quis primeiro conhecer a cidade e a regiao, e depois organizar alguma travessia por lá! Aliás, se forem voltar pra lá e fazer alguma travessia me convidem!

Valeu!

 

Déia

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra
.....................Ah, e o que me deu o impulso final pra ir visitar Urubici foi o teu relato e do Getulio da travessia que voces fizeram! ::otemo::

Li o relato e olhei as fotos e me decidi de vez a ir pra lá, mas quis primeiro conhecer a cidade e a regiao, e depois organizar alguma travessia por lá! Aliás, se forem voltar pra lá e fazer alguma travessia me convidem!

Valeu!

 

Déia

Legal, servi pra alguma coisa!!! :mrgreen::mrgreen::mrgreen:

Quando pintar alguma trip pro sul te avisamos, ok?

E sobre as fotos, é só cilcar no box Inserir Foto na Mensagem e seguir os passos, facil facil...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra

E sobre as fotos, é só cilcar no box Inserir Foto na Mensagem e seguir os passos, facil facil...

 

hehehehe, essa parte eu até sei! o problema é que eu bati as fotos com 5 mega, e ficam muito pesadas pra colocar aqui, entao quero diminuir o tamanho delas senao demora muito pra carregar a pagina!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


×
×
  • Criar Novo...