Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Andrea.CG

Opinião: Rota Romântica da Alemanha, Munique e Áustria - Agosto 2013 (máx 16 dias)

Posts Recomendados

Pois é, então não preciso ensinar o padre a rezar a missa. Mas isso de querer estender o roteiro o máximo possível é natural, eu mesmo que sempre recomendo aqui não fazê-lo acabo caindo em tentação nas primeiras versões do roteiro. Mas quando me lembro de como é ruim correria numa atividade que é para se aproveitar, eu sossego :).

 

Vocês chegarão bem cansados no dia de viagem. Tente se lembrar das suas viagens anteriores e pense se não será cansativo demais percorrer 170 km após uma noite mal dormida, após 10h no avião.

 

Dormir nas cidades pode ser legal, mas você tem que ver se fazer mala, procurar o novo hotel, talvez esperar por um check-in, descobrir onde ficam as coisas na nova cidade, se tudo isso vale dormir numa nova cidade. Na minha experiência, não vale, na da maioria dos viajantes experientes de quem pude ler o relato, também não. Mas isso é algo pessoal, se você se adapta, ótimo.

 

1h é muito pouco para Garmisch-Partenkirchen, que na verdade são duas cidades coladas uma na outra. Até mesmo porque não daria tempo de fazer as duas principais atrações do lugar, que é a Partnach Gorge e o Zugspitze. Se não fizer o Zugspitze, há outros teleféricos que podem ser interessantes, como o Karwendelbahn (ou algo parecido, hehe), em Mittenwald (que, diga-se de passagem, para muita gente lá de fora é a cidade mais bonita dos alpes alemães). Mittenwald fica entre GaPa e Innsbruck.

 

Não sei te ajudar quanto ao trânsito na Alemanha, mas para essa pergunta específica já acho interessante perguntar na seção de rotas e meios de transporte na Alemanha. Cabe um aviso importante - você irá a Innsbruck, na Áustria. Algumas rodovias exigem um selo de pedágio, chamado Vignette. Se entrar nelas sem ele, dançou. Pesquise antes se o caminho que você vai percorrer não exige pedágio. Mas também pesquise se o caminho sem pedágio é o mais bonito, pois dizem que uma estrada que liga GaPa a Innsbruck é dos caminhos mais bonitos do sul.

 

Last but not least, disse para tomar cuidado com o nunca-cheguismo, mas não deixe de pesquisar a Glosglockner road - http://www.grossglockner.at/en/

Compartilhar este post


Link para o post

Olá Andrea,

 

Quando vi seu roteiro inicial eu vi que tinha muitos dias na rota romantica e poucos dias em munique. Felizmente você já corrigiu isso não é?

 

Agora essa estória de pegar carro e dirigir no mesmo dia para outra cidade acho que você pode reconsiderar, ok? Especialmente porque percebo que você está muito insegura em relação a dirigir numa autobahn. Eu lhe digo, por experiência própria, que você irá adorar dirigir na Alemanha (acho que não tem lugar melhor no mundo para isso), mas é verdade que vai levar um tempinho para você se acostumar com o estilo de direção de lá. Isso é normal e acontece com quase todo mundo. Lembro bem da primeira vez que aluguei um carro na alemanha, justamente em Munique, meu vôo atrasou e tive que dirigir de noite na autobahn que liga o aeroporto até à cidade. Olhe que era um trajeto curto, mas fiquei bem tenso, pois o cansaço da viagem aliada a apreensão de dirigir em terras alheias influencia muito nosso estado de espírito.

 

Porque você não deixa para alugar o carro depois? Do aeroporto de munique tem metrô ao centro da cidade bem cômodo e rápido (acho que a linha S7). Como você já deve saber, estacionamento em Munique é caro e difícil de achar. Aliás, nem nas 2 noites em Nuremberg o carro vai lhe ter muita utilidade. Lá também dá para conhecer tudo de metrô ou a pé. Dá uma olhada nesse meu post http://avidadoviajante.blogspot.com.br/2013/02/europa-2013-dias-4-e-5-nuremberg-cidade.html

 

Eu, se fosse você, deixaria para alugar o carro somente no dia de saída de Nuremberg. Fiz isso na minha última viagem e acho que também funcionaria bem para você, especialmente se for mais alguem no grupo além de você e sua amiga. Conhece o bayern ticket? Se ainda não está familiarizada eu explico melhor como ele funciona aqui http://avidadoviajante.blogspot.com.br/2012/12/europa-2013-dia-2-como-e-viajar-de-trem.html

 

O restante do seu roteiro está ok, excetuando-se que não gostei muito da cidade de Wurzburg e passaria a noite em Bamberg, mas é somente minha preferência pessoal. Além disso, me parece que você não está deixando tempo para conhecer os Alpes seja em Garmirsh ou em Innbruck. Dá uma olhada como é legal a vista lá de cima aqui http://avidadoviajante.blogspot.com.br/2012/12/europa-2013-dia-1-como-e-passar-o-natal.html

 

Ah Salzburg vale muito a pena a visita, mas você tem que sacrificar um dia em Munique. Faça as contas, acho que 3 dias livres em munique é o mínimo que você teria que considerar para desfrutar o mínimo dessa maravilhosa cidade.

Compartilhar este post


Link para o post
Dormir nas cidades pode ser legal, mas você tem que ver se fazer mala, procurar o novo hotel, talvez esperar por um check-in, descobrir onde ficam as coisas na nova cidade, se tudo isso vale dormir numa nova cidade. Na minha experiência, não vale, na da maioria dos viajantes experientes de quem pude ler o relato, também não. Mas isso é algo pessoal, se você se adapta, ótimo.

 

1h é muito pouco para Garmisch-Partenkirchen...

 

Oi Marcos! Quanto à questão do hotel, tenho um plano. Vou levar uma mala e uma mochilinha. A mala pretendo largar no porta-malas do carro (acho que na Europa o perigo de furto é muito baixo, né?) e ir dormir nos hotéis só de mochila em mãos. Daí não preciso ficar fazendo e refazendo mala, e as coisas que eu comprar pelo caminho vou pondo na mala e nem fico tirando do carro. Não sei muito bem se vai dar certo, mas sou muito prática, viajo sempre com o mínimo de coisas para não ficar camelando na Europa com peso extra. Como essa é a primeira vez que vou de carro, então é a primeira vez que penso em algo assim, vamos ver se vai dar certo... :)

 

Ah, e acho que meu roteiro não ficou muito claro, kkkkk. O tempo que coloco entre parentesis não é o tempo que pretendo ficar na cidade, e sim a estimativa de tempo do percurso conforme o google maps. É claro que a realidade é diferente, podemos pegar engarrafamento ou nos perder, é só para ter uma noção mesmo. Mas pensei em ficarmos 3 a 4 horas em Ga-Pa. Será que assim dá tempo de pegar um bondinho e também dar uma voltinha básica no centro, talvez almoçar lá? Eu acho que seria legal chegarmos em Innsbruck até umas 15 hs. Valeu as novas dicas de teleféricos, estrada e pedágio, vou dar uma pesquisada!

Compartilhar este post


Link para o post

Oi Mário. Pois é, eu corrigi muitas coisas no roteiro original, kkkkk. Consegui aumentar os dias em Munique mas acabei retirando Salzburg, iremos lá em uma próxima oportunidade. Eu pensei em conhecer os alpes em Garmisch-Partenkirchen mesmo. Você acha que uma parada de umas 4 hs na cidade é o suficiente? Daí teríamos quase um dia (tarde e manhã) para passear por Innsbruck, li seu blog sobre Innsbruck, parece que esse tempo está legal, né?

 

Nossa, adorei a sugestão de pegar o carro em Nuremberg. Nem tinha pensado nisso! Realmente pegar o carro após o voo não é ideal (e vc não é a primeira pessoa a me falar isso, kkk), mas eu não queria dormir em Munique porque na volta já temos vários dias lá. Mas então podemos pegar o trem para Nuremberg e pegar o carro só no dia 20 mesmo. Vou verificar essa possibilidade.

Compartilhar este post


Link para o post

Oi Andrea,

 

É assim mesmo, eu também começo um roteiro gigante e vou refinando aos poucos. Nuremberg é facil de chegar de trem e tem ruas estreitas no centro histórico, se você ficar hospedada lá o carro com certeza será um estorvo.

 

Olha, dependendo do seu planejamento dá pra visitar o zugspitze em 4 horas sim. Na minha viagem, eu subi o zugspitze e visitei oberamergau, linderhof e ettal em um único dia, mas para conseguir isso, eu dormi em Garmisch e peguei o primeiro trem que subia os alpes da manhã (acho que umas 7h30m).

 

Se você não quiser ou não puder dormir em Garmisch, deixe para aproveitar melhor seu tempo em Innsbruck mesmo. A subida até o hafelekar é mais rápida e barata do que o zugspitze e além disso a cidade em si tem muito mais atrativos do que garmisch, pelo menos durante o verão.

Compartilhar este post


Link para o post

Oi gente, com base nas dicas mudei o final do roteiro:

 

24-27/08: Schwangau/Füssen - 3 noites (chegada no fim da tarde, 2 dias descritos abaixo, saída de manhã)

Dia 01 (25/08) - visita aos castelos Hohenschwangau e Neuschwanstein

Dia 02 (26/08) - visita a Schloss Linderhof, à Abadia Beneditina de Ettal, Oberammergau e/ou Garmisch-Partenkirchen (se o tempo permitir e apenas para conhecer o centro mesmo, as casas pintadas, etc)

Saída dia 27 de manhã. Percurso com parada em Mittenwald (79 km) para passeio na Karwendelbahn e seguindo viagem até Innsbruck (42 km)

 

27-29/08: Innsbruck - 2 noites (chegada no começo da tarde do dia 27 e saída no final da manhã do dia 29)

Dia 28/08 - passeio na Glosglockner alpine road e volta para Innsbruck.

Dia 29/08 - percurso de Innsbruck até Dachau (197 km) para visita ao campo de concentração, depois até Munique (21 km). Nesse dia já devolvemos o carro em Munique, pois os deslocamentos lá dentro são melhores por transporte público.

 

29/08-02/09: München - 4 noites (chegada à tarde, 3 dias e meio para visitar a cidade, saída de manhã no dia 02)

 

02/09: Vôo saindo de Munique dia 02/09 às 07h15 e chegando no destino final dia 02/09 às 21h37

Compartilhar este post


Link para o post

O tempo em Innsbruck ficou curto, apenas a tarde do dia 27 e o que sobrar da tarde do dia 28, mas gostei tanto da Glossglockner que acho que valerá a pena. O que acham?

Compartilhar este post


Link para o post

Se você está acostumada a viajar assim e dá certo, tudo bem.

 

O tempo em GaPa deve dar para ter um gostinho, mas tenha em mente que as atividades demandam mais tempo, como já disse o Mario. Fico até surpreso como ele conseguiu fazer tanta coisa em um dia, pois em nenhum outro relato eu vi alguém fazer tanta coisa num dia só. Vale ressaltar que isso também é função do que cada um quer ver na sua viagem.

 

Olha, Innsbruck é popular aqui no fórum e só, até mesmo porque há uma tendência aqui de visitar as cidades economicamente e politicamente mais importantes (é a capital da região). No Tripadvisor, Fodors, Lonely Planet, você vai ver outras opiniões. Não que seja um lugar que não agrade, mas há quase que um consenso entre quem visita muito a região de que há coisas bem melhores no Tirol, mas aí também vai depender da sua pesquisa e do que você espera.

 

Com relação à Glossglockner, pro meu gosto parece muito mais interessante do que esticar o tempo em Innsbruck.

Compartilhar este post


Link para o post

Oi gente. Alguém sabe se é tranquilo chegar na Hauptbahnhof de Munique e comprar passagem para Nuremberg ou se precisamos comprar por aqui? Fiz uma estimativa pela http://www.raileurope-world.com e achei a passagem muito cara, mesmo com o estacionamento o carro ficou bem mais em conta.

Compartilhar este post


Link para o post
Alguém sabe se é tranquilo chegar na Hauptbahnhof de Munique e comprar passagem para Nuremberg ou se precisamos comprar por aqui?

 

Quero dizer se pode estar lotado, se podemos não conseguir passagem....

Compartilhar este post


Link para o post

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...