Ir para conteúdo

Bolívia e Perú 18 dias de ônibus gastando pouco


Posts Recomendados

  • Respostas 82
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros

Teve um rapaz americano que passou um pouco mal com a subida mas nada além de uns vômitos. Vale ressaltar que ele havia bebido na noite anterior também. A parte mais emocionante do percurso foi quando chegamos em uma curva que só tinha espaço para um carro e vindo do outro lado tinha uma máquina enorme dessas que fazem estrada. Nessa hora todo mundo no carro se desesperou porque não tinha como passar. O motorista da máquina parou e pra desespero nosso o motorista da nossa van continuou e.... Como estava na janela confesso que metade da roda tava no ar!!! Rsrsrsrrs tenso... pensei comigo mesmo. ... fudeu tudo cara, aqui jas macchu picchu! ! Começei a rezar, pedir perdão pelos pecados mais não conseguir fechar os olhos e quer saber que se f... a vida é bela curtir bastante mesmo... rssss não sei se por milagre se foi a mão de Deus ou o motorista que era bom mesmo mais não foi dessa vez não morte! ! Rsrsrsrrs continuamos a viagem e finalmente chegamos na hidroelétrica, lá encontramos outras vans cheias de gente que também iria caminhando de diferentes agências, muita gente, alemão, argentino, americano. .. descemos dar van assinamos o livro de visitas da hidreletrica, todos tinham que assinar e, de uma forma bem desorganizada o guia juntou todo mundo de todas as agências explicou que iríamos caminhando pela linha do trem e que era pra encontrar com ele na plaza principal de águas calientes para pegar os ingressos para macchu picchu, ir para o hotel e tal e... partiu na frente num ritmo forte que era impossível acompanhar, sendo assim fomos ficando para trás e o guia sumiu no mundo Rsrsrsrrs. Aos poucos o povo começou a se dissipar também porque uns andavam mais rápido e outros mais devagar. Ao redor do trilho só a mata e o rio que oferecia umas vistas muito bacana. Dava vontade de parar pra curtir mais a paisagem mais o tempo começou a fechar e logo começou a chover!! Levem uma capa de chuva! ! Em alguns pontos o trilho do trem passa por cima do rio. No caminho meus companheiros ficaram pra trás e conhecir uma argentina, fomos conversando e caminhando quando escuto umas zuadas na pedra olho pra trás e tem uma filha de gente a passos largos com bastões de caminhada vindo em nossa direção, pensei comigo, eles vão passar por cima da gente se não andarmos rápido, Rsrsrsrrs Acho que mastiguei muita folha! !! Rsrsrsrrs começei a andar rápido com medo do povo passar por cima de mim (ai ai ai my lord) , até que eles acabaram me alcançando e.... adivinha? ! Não fui pisoteada!!!! Rsrsrsrrs sentir um alívio tão grande! !! Rsrsrsrrs sério! ! A caminhada é bem puxada, cansativa o tempo todo pela linha do trem que é cheia de pedras. Leve um bom calçado e roupa extra, porque mesmo com a capa de chuva me molhei toda. A Argentina estava atrás de mim (era o que imaginava) quando olho pra trás cadê a mulher?! Sumiu! Rsss e conforme ia caminhando as pessoas iam sumindo de forma que atrás de mim não tinha mais ninguém Rsrsrsrrs o jeito era apesar o passo para não perder os que tinha na minha frente e qualquer coisa dava um grito gigante. No caminho passei por alguns nativos ou seja não é um local deserto, tomem cuidado fiquem sempre perto de alguém. Em determinado pronto tivemos que pegar um atalho pois a linha passava por um túnel sei disso porque ao me ver em uma bifurcação sem saber qual caminho seguir perguntei a um nativo que surgiu do nada do meio do mato como chegar a macchu picchu, teve um senhor alemão que estava bem adiante de mim que seguiu pela linha, tentei chamar ele e avisar do caminho certo mais ele não escutava então seguir meu caminho. Não mais vir esse senhor e fiquei sabendo que cerca de 10 minutos depois passou um trem. .. em uma parte do caminho nos encontramos com o pessoal da trilha salkantay era sinal que estávamos chegando a águas calientes, logo já avistamos algumas casas. Ao chegar na cidade toda ensopada e morta de cansada só queria tomar um banho quente e comer algo. Como o guia marcou na plaza principal lá fui eu, você vira a esquerda depois da ponte e depois a direita. Lá chegando não vir guia nenhum. Bem, formos caçar o hotel sozinho então até que encontramos. A recepcionista nem sabia quem éramos. Falamos que tínhamos reserva mostramos a nota fiscal do pacote e fizemos o check in e..... nada do guia dar notícias. Quando foi lá pra sete da noite ele liga no hotel, em momento algum pediu desculpas nem se justificou porque não foi pegar agente na plaza principal como combinado e marcou de se encontrar na plaza novamente as 20h para nos dar o ingresso e passar algumas informações. Por ele ficaríamos lá no frio e na chuva toda ensopada até as oito da noite esperando ele. Lá chegando na hora combinada nada do guia novamente. Ele só veio chegar quase nove da noite nem se identificou agente que viu uma movimentação e foi perguntar se ele era o nosso guia senão ficaríamos lá esperando eternamente o guia. Horrível! !! Ele nos deu o dinheiro correspondente ao valor do ingresso para macchu picchu e tivemos que ir comprar pegamos os últimos ingressos do dia pois a bilheteria estava fechando. Fiquei muito puta com tudo isso! ! Encontrei outro brasileiro que fechou com outra agência que esquecir o nome agora que teve que tirar do bolso o dinheiro para o ingresso pois a agência não havia repassado para o guia o dinheiro, além disso ele teve que pagar também o trem de volta a Ollantaytambo e o hotel e depois pedir ressarcimento na agência em cusco.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Sei que terminava com tour e era um nome só tipo perutour fica ao lado de uma casa de câmbio. Fomos comer lá pra umas dez horas o guia disse que iria nos encontrar em macchu picchu as 6 horas com uma bandeira branca escrito champion, explicou como pegar a trilha inca para quem fosse a pé e como pegar o ônibus para quem fosse de ônibus. Escolhi jantar lombo saltado e recomendo!!!! Muito bom

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Que legal pessoal que estejam gostando. Economia sempre é bem vinda Isa!!! Vale ressaltar que vocês podem conseguir muito mais desconto que eu, lembrem disso. As passagens de ônibus vocês podem negociar também, algumas agências não negociam mais outras sim. Uma coisa que esquecir de falar foi que pagamos 126 soles a entrada para Macchu Picchu, não tinha mais a opção de subir nenhuma das duas montanhas. Se você não for subir pode ficar tranquilo que tem ingresso a vontade para a cidade mais linda do mundo! ! A cidade de águas calientes é bem bonita e turística. Tem vários restaurantes e lugares para comprar artesanato. Fora isso, as águas termais e macchu picchu, não muito o que fazer não. Se você quiser ir na água termal é só seguir reto uma rua a esquerda da igreja da plaza principal, no caminho você vai passar por um posto de informação turística até chegar numa estrada de chão, continue caminhando e depois de uns 30 minutos vc chega. A entrada é 10 soles, leve roupa de banho, um short tá bom, um monte de menina usa shorts lá. Os restaurantes de águas calientes fornecem o prato principal a 15 soles e, uma sopa de entrada. Se você não for comer o prato do dia irá pagar bem mais caro! ! A cerveja é 15 soles de 600ml mais você pode negociar esse valor e pagar 10 soles. Como nossas roupas estavam molhadas procuramos uma lavanderia com secadora, já que era noite e estava chovendo e não encontramos. Sendo assim fiz minha segunda pele de leggin, coloquei uma havaianas e comprei uma daquelas meias só da canela segundo o vendedor era de alparca ( esquecir o nome ) paguei 12 soles, uma camiseta que tinha de reserva, uma touquinha andina que tinha comprado em La Paz por 35 bolivianos e pronto! ! Não sentir frio não embora o povo estivesse tudo agasalhado. A passagem do ônibus que sobe para macchu picchu custa 10 dólares, é saindo um e chegando outro. A garrafa de água de 2 litros custa uns 10 soles em águas calientes, um snickers custa 5 soles. Fomos para o hotel, lá encontrei com outros brasileiros super gente fina, do nordeste que conseguiram ingressos para a montanha. Ficamos conversando um tempão e rimos bastante de tudo. Amei conhecer eles! !! Depois fui dormir, já que ia acordar cedo pois o tour na cidade inca começaria as 6h, tinha que pegar o ônibus para subir as 5h, o percurso leva 30 minutos.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

No outro dia acordei cedo, tomei o café e fui pegar o ônibus para subir para Macchu Picchu. A fila já estava enorme, pra comprar o ticket foi rápido nem tinha fila, agora pra pegar o ônibus era kilometrica. Quem vai caminhando pela escada inca é só virar a direita de onde parte o ônibus e seguir reto até chegar na ponte, continua reto pela estrada de chão cerca de 15 a 20 minutos de caminhada da ponte até o início do caminho Inca. Existe sinalização e tem um monte de gente que faz. Aconselho levar uma lanterna porque esse horário é escuro e boné pra proteger do sol. Levei repelente mais nem foi necessário. Chegando na entrada de macchu picchu tinha mais fila e a ansiedade em conhecer a tão sonhada cidade perdida dos incas só aumentava! ! Lá estava eu a poucos metros do meu sonho de adolescente... Nem acreditava nisso. É bom sonhar, mas realizar seus sonhos é melhor ainda! ! Por isso nunca desistam de seus sonhos! !

Bem o guia havia marcado às 6:40, na entrada da cidade, cheguei lá uns 5 minutos antes e adivinha? ! Rsrsrsrrs. ... ai ai ai .... nada de guia! ! Beleza, procurei então pela bandeira branca escrito champions e quando encontrei descobrir que aquele não era meu guia. Ele tinha transferido parte do grupo para um guia e a outra parte para outro, ou seja misturou todo mundo de forma que não consegui encontrar ninguém e fiz o tour sem guia! ! E ele foi guiar de forma particular um casal estrangeiro... ou seja eu não recomendo essa agência a ninguém!! Lá tem vários guias de todo tipo é só você se juntar a algum grupo e beleza. Eles cobram se for grupo 15 soles por pessoa e 130 particular. Tem uns que só te enrola e não te leva em todos os pontos da cidade e outros que vai com você em todo lugar incluindo o tempo de adoração do sol, Intipunku, que é maravilhoso e fica no alto da montanha, é cerca de uma hora de caminhada subindo a montanha, do templo você enxerga a cidade bem pequena foi como se tivesse subido a montanha macchu picchu ou a waynapicchu. Dar pra tirar várias fotos. Eu fiz esse tour depois de ter conhecido toda a cidade, que é lindaaaaaa! ! Logo que você passa da portaria tem uma subidinha por uma mata fechada e derrepente a cidade se mostra pra você linda!!! Segura a emoção rssss. Desse ponto que sai as fotos clássicas da cidade. Como você começa do alto aí já compensa ir visitando a parte superior e depois a inferior. Não deixem de tirar a foto na entrada inca da cidade. Eu percorrir cada ponto da cidade... tem algumas lhamas pastando por lá e se você tiver com uma banana dar pra alimentar ela e tirar várias fotos bacanas. No parque tem uns funcionários em todo lugar fiscalizando e orientando as pessoas para não se perder ou se machucar e... evitar que você coma no parque Rsrsrsrrs. Mas, dar pra comer de boa. Depois de conhecer toda a cidade fui para o templo do sol, nem todo mundo vai porque é uma hora de caminhada, mas compensa e muito viu!! A ponte inca também não deixem de visitar. Bem, como comentei antes, os incas não tem medo de altura e amavam andar na beira do precipício. Se você tem medo de altura vai ser testado i tempo todo, principalmente na ponte inca. Depois de conhecer tudo é só você achar um gramado sentar e ficar admirando a vista. Não choveu nem fez frio. Uma camiseta e calça ou bermuda tá de bom tamanho.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Na volta se você quiser pode comprar o ticket e voltar de ônibus pagando 10 dólares ou ir pelo caminho Inca, que foi minha opção. Rsrsrsrrs. Só não subir pelo caminho porque iria ficar cansativo e, realmente cansa subir os degraus. A descida levou quase duas horas a subida é nessa faixa pra mais. Os degraus são largos e altos em alguns pontos o percurso corta a estrada por onde passa os ônibus. Descir sozinha porque ninguém tomou coragem pra me acompanhar e voltaram de ônibus. Não tem perigo nenhum, até um cachorrinho lindo apareceu e começou a me acompanhar. Também fiz várias paradinhas pra admirar o lugar e tal... pra que correr!! Chegando em águas minhas pernas estavam mortas. A subida para Intipunku é forte, se tiverem um bom tênis levem!!! Vai ocupar espaço mais vale a pena! ! Como era aniversário da cidade estava tendo uma festa popular com algumas barracas de comida. Na verdade a festa estava no fim porque já era quase noite. Sentei em um restaurante tomei umas cusquenas conhecir mais brasileiros. .. sozinha você não fica.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Decidir voltar de trem pra ganhar mais tempo já que se viesse caminhando chegaria em Cusco às 22h ou mais e também porque fiquei com receio de chegar na hidreletrica e não ter nenhuma van me esperando depois de tanto furo da agência e tal. Fui na Inca rail e comprei uma passagem para o outro dia às 8h por 47 dólares até Ollantaytambo a viagem durou um pouco mais de duas horas e o serviço de trem é muito bom. No valor da passagem já está incluso uma bebida quente ou fria e uma porção de frutas secas e um chocolate. O trem tem uma vista panorâmica no teto. No caminho passamos pela trilha inca, bem legal, dar pra tirar foto porque ele vai bem devagar. Chegando em Ollantaytambo peguei uma van por 10 soles até Cusco. Não tem erro, é só sair da estação e seguir reto, tem várias vans, bem confortáveis e novas. Chegamos em cusco antes das 13h, fui na Puma's trek pegar minha mochila, descir a boca mas ficou por isso mesmo, bandot de golpistas.

Dessa vez resolvir ficar no loki de Cusco, pois como havia ficado no de La Paz iria ganhar uma noite de graça. Paguei 36 soles no quarto com banho privado com seis camas. No quarto só tinha brasileiro e um espanhol e sendo duas meninas. Deixei minhas coisas no hostel e fui fechar low o City tour, paguei 20 soles e fiz pela agência amazon tours Perú. Fomos visitar saqsayhuaman, pukapukara, Q'enqo, pisac e tambomachay. O guia Alfredo tinha uma boa dicção não falava tudo embolado e dava pra entender claramente tudo. Ainda visitamos uma feira de artesanato, aonde tivemos uma aula rápida de como reconhecer uma verdadeira lã alparca, já que nas ruas eles vendem acrílico e dizem que é alparca. Tomem cuidado ao comprar seus casacos. A lã de alparca é fria ao toque, pesada e bem macia. As roupas de acrílico ou mistas (um pouco de cada um) ao você passar a mão não é macia ao toque nem geladinha e são bem leves. Como nesse lugar vendia coisas 100% original resolvir comprar um casaco por 60 soles. O tour terminou por volta das 20h na plaza San Francisco. Fui por hostel e a festa no bar já estava rolando. As festas no loki de Cusco são mais animadas do que as do loki de la paz. Tem gente que passa da conta sobre na mesa e fazem a festa dos meninos rsssss. No outro dia fui fazer o vale sagrado pela agência sunshine travel Perú por 30 soles sem almoço. Ah nesse loki ao contrário do de la paz o café não é self service, a atendente lhe dar um prato com uma banana e dois pães e pronto. Como eles servem várias refeições você pode comprar o café mais reforçado o almoço e jantar também e paga na saída do hostel, juntamente com ad bebidas consumidas. Nosso guia foi o Alfredo gente fina mais fala muito embolado. A visita aos parques foi bem tranquila, tivemos tempo para tira várias fotos. Tudo muito lindo! ! Por último visitamos chinchero e segundo o guia estávamos a mais de 5mil de altitude. Já era noite e estava bem frio. Dava pra ver as cordilheiras dos andes e as montanhas com picos nevados estavam bem perto da gente. Tinha vários brasileiros tanto no city tour quanto no vale sagrado. Os vendedores ambulantes assediam você o tempo todo. Geralmente são crianças. Algumas ficam vestidas de chola e pedem dinheiro para tirar foto. Depois fomos a uma sede de artesanato aonde meninas vestidas de chola nos receberam cantando algumas músicas típicas e chá de coca, depois nos mostrou como tingir as lãs de alparca e o processo ee limpeza e tal e.... Lógico nos ofereceram suas mercadorias. Dar pra pechinchar bastante e comprar muita coisa se você quiser, tudo de alparca. Depois voltamos para cusco.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


×
×
  • Criar Novo...