Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Entre para seguir isso  
sresralao

Paris: um passeio pelo Quartier Latin

Posts Recomendados

Paris é uma cidade para ser admirada aos poucos, com muita atenção aos detalhes e sem nenhuma pressa. Talvez o principal passeio da capital da França seja flanar entre um ponto turístico e outro. E, justamente em um desses caminhos, é possível conhecer mais do bairro que guarda importante parte da história parisiense em poucos quarteirões. De um lado, a Catedral de Notre-Dame. Do outro, o Palácio de Luxemburgo. Seguindo o caminho entre os dois pelo Boulevard Saint Michel, sejam bem vindos ao Quartier Latin!

 

 

Foto: Internet/Creative Commons

 

Um dos bairros mais antigos de Paris, o Quartier Latin tem esse nome por ter abrigado várias instituições de ensino que lecionavam em latim. Ali a cidade nasceu e viu o bairro se transformar em importante centro cultural e gastronômico.

 

Comece o passeio pela Ilê de la Cité, o centro geográfico da cidade e onde Paris foi fundada, na época medieval. Nessa Ilha do rio Sena, vários prédios formam um belo conjunto arquitetônico e histórico, como a Conciergerie, que começou a ser construída em 1391 e abrigou o primeiro relógio público da França. O prédio parece um castelo e serviu de prisão para vários revolucionários, durante o antigo regime francês. A mais famosa detenta foi Maria Antonieta, que permaneceu no local até ser levada para a guilhotina na Place de la Concorde. Na cela da rainha, bonecos reproduzem as condições em que ela ficou presa. A entrada custa € 8,50 e inclui uma visita ao Gens d’Armes, o grandioso salão que servia de refeitório aos mais de dois mil soldados que trabalhavam no local.

 

 

La Conciergerie – Foto: Internet/Creative Commons

 

A poucos metros da Conciergerie está a Saint Chapelle, construída por Luís IX no século XIII para abrigar o que ele acreditava ser a coroa de espinhos usada por Jesus Cristo na crucificação. Toda em estilo gótico e com uma belíssima ornamentação em seu teto, a Capela surpreende com seus vitrais que iluminam e dão cor ao interior.

 

 

Foto: Internet/Creative Commons

 

Depois de dar um mergulho na história de Paris, uma caminhada de menos de cinco minutos nos leva ao mais importante templo religioso da França: a imponente Catedral de Notre-Dame. Sua construção foi iniciada em 1163, em homenagem à mãe de Jesus (Notre-Dame = Nossa Senhora). Na época, os religiosos acreditavam que erguer catedrais cada vez maiores e mais suntuosas aumentaria a fé dos fiéis. A ideia original era construir enormes vitrais, que permitissem uma maior passagem de luz para o interior da igreja e fizessem com que as pessoas sentissem mais de perto a presença de Deus.

 

 

Foto: Internet/Creative Commons

 

A construção da catedral demorou cerca de 170 anos e o resultado de tanto trabalho deve ser admirado. Do lado de dentro, seus mais de 200 vitrais iluminam o cenário da igreja onde Napoleão foi coroado imperador em 1804 pelo Papa Pio VII. Do lado de fora, a fachada merece atenção especial em seus detalhes. Os gárgulas celebrizados no conto de Victor Hugo dividem espaço com a beleza da ornamentação do portal de entrada, que mostra a ascensão de Cristo aos céus.

 

 

Fotos: Sr. & Sra. Lao

 

Depois de admirar a Igreja, é hora de sentir um pouco da aura do Quartier. Boulevard Saint Michel é a principal avenida do bairro e começa na fonte de mesmo nome, toda feita em mármore rosa. Seguindo pela rua, podemos sentir o clima jovem que toma conta do lugar, com tanta história. Aproveite para curtir os bares e restaurantes, a maioria com mesas nas calçadas, atmosfera agradável e preços plausíveis.

 

Devidamente abastecidos, vá pelo Boulevard até o museu de Cluny, dedicado à história da arte medieval. Com um rico acervo, o espaço tem como maior atração as termas Galo-Romanas, do século 1 d.C., que é um dos mais importantes e bem conservados sítios arqueológicos da França. A entrada custa € 8 e é uma excelente opção para aqueles que curtem uma volta no tempo.

 

 

Foto: Internet/Creative Commons

 

Outra atração imperdível do Quartier Latin nos remete à sua fundação e ao seu nome. É nele que esta localizada uma das mais prestigiadas instituições de ensino do mundo, a Sorbonne. Fundada em 1257, por suas salas de aula já passaram alunos como São Tomás de Aquino, o antropólogo Claude Lévi-Strauss, o cineasta Jean-Luc Godard, o filósofo Jean Paul Sartre, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e até mesmo Joseph Ratzinger, antes de virar o Papa Bento XVI.

 

 

Foto: Internet/Creative Commons

 

No bairro também está o Pantheon, um monumento em estilo neoclássico, que surgiu como pagamento de uma promessa do rei Luís XV para Santa Genoveva, em 1790. Hoje é serve de cripta para importantes personagens da história francesa como René Descartes, Victor Hugo, Voltaire e Alexandre Dumas.

 

 

Foto: Sr. & Sra. Lao

 

Já no final de nossa visita, chegamos à outra pérola do bairro: o Palácio de Luxemburgo e seus maravilhosos jardins. Atual sede do Senado, foi o primeiro grande exemplo da arquitetura clássica francesa.

 

 

Foto: Sr. & Sra. Lao

 

Nos jardins, um clima legitimamente parisiense toma conta do local. É comum ver estudantes e moradores aproveitando as sombras das macieiras para descansar ou ler. Outros preferem as quadras esportivas para jogar basquete e tênis. No lago, crianças se divertem com barquinhos à vela. Frequentado, em sua maioria, por jovens universitários, os jardins coloridos ganham um clima de informalidade, que encanta os visitantes.

 

 

Foto: Sr. & Sra. Lao

 

Veja o post completo aqui: http://sresralao.com/quartier-latin-o-latino-de-paris/

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites


Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Entre para seguir isso  



×
×
  • Criar Novo...