Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
fernandoab

Cuidados com os Pés

Posts Recomendados

Eu tenho problemas com bolhas quando uso meias novas. Sempre.

Independente de ser meias próprias para trekking ou não, tem que ser velha, bem surrada. E limpas, claro!

 

Se quiser dê uma olhada nesse link: viewtopic.php?f=122&t=19519

 

Abraços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sou "aventureiro" desde meus 11 anos quando entrei para o grupo escoteiro local.. depois disso não parei mais.. HIkkings, trekkings, espeleo, rapel, cannioning, escalada, cross-country, etc.. tive poucos problemas sérios com bolhas graças à intruções que sempre recebi de pessoas mais experientes, vou disponibilizar um "pegado" de informações aqui:

 

=================================== PREVENÇÃO:

Dica 1: (a mais importante, previne 99,9999% das bolhas)

Meias! (Meias corretas, do tamanho correto, com os cuidados corretos...)

 

Como já disseram, procurem usar as meias conhecidas por "coolmax" que temos no mercado hoje, utilize 2 meias quando for andar muito. 1 mais suave/fina primeiro, e outra bem grossa (conhecida por meia de trekking, caminhada, etc) por fora. Use sempre calçados de numeração maior que usual para usar esses 2 pares de meias. (boa dica: BLISTER GUARD® ULTIMATE - http://pages.prodigy.net/volksware/volksware/socks.htm)

Anos atrás, nos EUA eu encontrei uma meia que me protegeu durante mais ou menos 4 anos!! Eu usava ela como a primeira meia, e depois meias mais grossas como segundo par, o que essas meias tinham de especiais?? Linhas/fibras de TEFLON nas áreas de fricção!! Eram mágicas.. não encontrei mais, se alguém souber onde ainda existe, me falem por favor!

 

Dica 2:

Esteja com o pé sempre SECO, troque constantemente de meias durante as paradas. (O exército americano ganhou guerras assim já, "mantendo os pés secos".. aprenderam isso duramente no vietnã pois viviam com os pés molhados, e perderam batalhões pois estavam entregues às bolhas..) De nada adianta estar com as meias corretas se os pés não ficarem secos!

 

Dica 3:

Se você tem problemas constantes com bolhas em lugares recorrentes, ou sabe que existem áreas nos pés mais sensíveis, utilize proteção extra nessas áreas, pode ser com faixas, gazes, esparadrapo, etc.. a prevenção é muito importante nesses caso.

 

=================================== REMEDIAÇÃO:

1. Não utilize URINA em bolhas.. principalmente se elas estiverem abertas, você correrá o risco de contrair infecções nos pés, dependendo da situação pode até causar a amputação do mesmo...

2. Se a bolha não estiver encomodando a ponto de interromper a caminhada, não faça nada com a mesma. Caso ela esteja sob forte pressão na bota/tenis/etc então talvez seja melhor estourá-la para continuar a viagem.

3. A bolha surge por basicamente 3 motivos: Humidade, pressão e/ou atrito constante, calor. Portanto, caso tenha bolhas, e não tratar esses 3 motivos, elas não vão parar de aparecer.

4. Para estourar uma bolha utilize algum objeto cortante/de perguração esterilizado (alcool e fogo dão um jeito), perfurem de modo que o líquido/sangue possa ser expurgado, abra um furo um pouco maior do que um simples furo de agulha para que não seja tapado e ocorra o acumulo de fluido novamente.

5. Minha bolha estourou ou foi estourada, o que faço agora?

- Se tiver em mãos, aplique pomada ou solução cicatrizante na área onde se encontra a "carne viva". (Polvidine e outros que já citaram)

- Sempre que possível deixe a bolha em contato com o ar, ou seja, descoberto e arejado, não há forma melhor e mais rápida de curar.

- Caso seja um lugar 'sujo' aplique uma gaze limpa sobre a bolha mas tente deixá-la o mais aberto possível, mas num ambiente que vise não causar infecções.

- Quando for continuar a caminhada, coloque sempre meias limpas e secas, pode cobrir a bolha com uma gaze também para que evite grudar a pele/bolha/carne na meia.

 

 

=================================== FONTES NA INTERNET:

Dois artigos bons (em inglês) sobre bolhas, como acontecem, e como tratar:

http://www.walkscotland.com/blisters.htm

http://www.hikingdude.com/hiking-blisters.shtml

 

Um overview dos pés, botas e meias:

http://www.activetravelvietnam.com/adventures/hiking/foot_footwear_shock.html

 

Segue um gel que promete dar um jeito nas bolhas quando seu pé estiver sob esforço: (nunca usei, nem conheço)

http://www.footcareonline.co.uk/blisters.htm

 

Proteção para os pés (ANTES DE COMEÇAR A ANDAR) da Spenco:

http://www.spenco.com/product/601-blister-dressing-kit

 

 

=================================== SOBRE MIM:

Pessoal, não sou médico, sou um aventureiro que já andou bastante por esse mundão aí.. sempre fui escoteiro (em mais de um país), sempre me mantive atualizado com cursos de primeiros socorros e cursos emergenciais onde não há auxilio médico de pronto atendimento ministrado em hospitais e orgãos específicos. Os dados acima estão coerentes com essas fontes médicas, de tradições e de experiência própria. Se eu disse qualquer besteira por favor me corrijam.

  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nossa, Feld.

Ótimo texto. Vou tentar seguir suas recomendações!

 

Obrigada a todos pelas dicas :wink:

 

Minhas bolhas são sempre no calcanhar. Todos os meus tênis rasgam nessa parte. Sempre que compro tênis pedia ajuda, perguntava como evitar as bolhas. Obviamente nada vinha me ajudando... Comecei recentemente a botar gaze sobre o calcanhar. Tem melhorado bastante... Mas preferia não ter de usar nada.

 

Vou seguir a dica sobre as meias! Tá anotado!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Opa, tudo joia?

 

Seguinte, bolhas no calcanhar sao um claro sinal que voce está usando uma calçado "folgado" demais.

 

Nem sempre voce deve comprar um numero acima do que calça. Apesar de existir um paradigma de que "botas de caminhada devem ser um numero a mais", isso nem sempre é verdade. Existem uma serie de variaveis que irao determinar se dever ser um numero a mais ou nao. Nao da pra generalizar. Depende da forma do calçado, do formato do seus pés, do sistema de construçao da bota, dos materias da qual foi feita, de qual suplementaçao foi utilizada, da escala, etec etc etc... entao cuidado, talvez voce esteja usando um numero errado de calçado, errado pra mais.

 

O ideal é que seus calcanhares fiquem firmes dentro da bota, para que nao rocem no contraforte durante a caminhada e assim, nao façam as bolhas por atrito.

 

Vou tomar a liberdade de colocar abaixo um texto que costumamos passar aos nossos clientes quando somos questionados a respeitro de numeraçao ideal. Ele foi feito pensando nas botas da Nômade, mas em geral, vale pra qualquer calçado, ok?

Tamanho ideal de calçados para caminhada.

 

Relacionamos abaixo respostas para algumas duvidas freqüentes em relação ao tamanho ideal de nossos calçados. Caso a informação que você procura não conste abaixo, é só escrever para nós, ok?

 

· Como devo provar um calçado?

"O seu pé não tem apenas um único tamanho, mas vários. Quando você está sentado, o tamanho do seu pé é menor do que quando você está de pé; caminhando ou correndo; pela manhã ou no final do dia; em temperaturas baixas ou em climas quente e úmido; o pé varia de tamanho e forma. O mesmo acontece quando você caminha com calçados com e sem salto”.

(Fonte: Poron Insider -EUA)

 

Por isso, quando você for provar qualquer tipo de calçado, fique sempre de pé e dê uma caminhada pela loja. Também é interessante provar os calçados no final do dia (ou então prová-los novamente em casa à noite) quando seus pés estão no tamanho máximo.

 

· Como sei se minha Nômade está no tamanho ideal?

Para saber se o tamanho de sua Nômade está bom, coloque a bota e amarre. Ai, fique em pé, ande e veja se seus pés estão firmes, seguros e, principalmente, confortáveis.

Faça então o movimento de flexão do pé (dobre o pé como se fosse dar um passo). O dedão não pode encostar no bico da bota. O ideal é que sobre um pequeno espaço, de 3mm a 5mm, entre os dedos e a biqueira. Durante uma longa caminhada seu pé “incha” devido ao aumento da circulação e esse espaço é importante para que o calçado não lhe machuque. Lembre-se também de usar uma meia adequada.

 

· Devo comprar um numero maior que eu calço?

Normalmente, não. A Nômade padronizou a sua numeração com a real escala brasileira. Desenvolve as formas já com um aumento de 5mm só na frente. Assim, por exemplo, uma bota 40 possui todas as medidas de um 40, com exceção do comprimento que é 5mm maior.

Mas o ideal mesmo é você provar, andar e sentir. Se um número maior -ou menor- ficar mais confortável, não tenha duvida, leve esse.

 

· Posso comprar um numero apertado?

NÃO, o ideal é seguir as recomendações anteriores.

 

· As botas laceiam?

Na largura sim, um pouco. No comprimento não! Como sua Nômade possui uma biqueira e um contra-forte muito resistentes a bota não deforma nesse sentido. Então JAMAIS compre uma bota que tenha ficado apertada no comprimento.

 

· Minhas botas ficaram apertadas, que devo fazer? Tem algum macete para lacea-las?

Se suas botas estão apertadas só existe uma coisa que você pode e deve fazer, TROCÁ-LAS! As botas possuem uma estrutura muito resistente e a deformação é lenta e muito pequena, então não perca tempo tentando “laceá-las”. Também dispense os “macetes milagrosos” que te ensinarem. Isso normalmente não resolve e depois você não conseguirá trocar o produto, pois ele vai estar com cara de usado.

 

· Minha bota esta apertada, retirar a palmilha interna resolve?

Retirar as palmilhas internas pode ate ajudar um pouco, mas isso só deve ser feito em casos extremos, tipo “você só percebeu que a bota estava apertada e machucando quando estava no meio da trilha”. As palmilhas têm papel fundamental para o conforto e a distribuição da pressão plantar, removê-las tornará sua Nômade mais “dura”.

O que pode ser feito é trocar a palmilha interna original, que é bem alta, por outra um pouco mais fina, tipo as de tênis. Já vimos casos em que a bota justa ficou pegando no calcanhar do usuário e com a troca de palmilhas o problema foi resolvido.

 

Bem, é isso ai, fique a vontade pra me escrever caso queira mais alguma informaçao, ok?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

P/ longas caminhadas, eu costumo passar vaselina nos dedos dos pés.

Evita um pouco sim a criação de bolhas. Outra coisa é vc sempre usar meias de algodão ou essas collmax (são caras p/ caramba).

Só que essas ccolmax tem uma desvantagem. Elas são muito grossas e qdo for calçar a bota pode dar problemas.

 

E qdo elas surgem, sempre faço o seguinte:

passo por dentro da bolha uma agulha com linha (obrigatoriamente de algodão) e deixe a linha lá e em cima dela coloco um band-aid.

E sempre no final do dia dou uma limpada e faço um pequeno curativo p/ que a bolha não vire um problema.

 

Alguém aqui falou sobre calçar um numero menor.

Nunca façam isso, pois os pés vão ficar folgados dentro da bota e com isso as bolhas vão aparecer mais facilmente.

 

 

Abcs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu faço o seguinte:

faço um pequeno furo na bolha para a água vazar, seco o pé, e sigo em frente.

pode trocar a meia, caso esteja muito molhada.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esse truque funciona antes de ocorrerem as bolhas....

Quando eu sinto que a bota esta começando a pegar em algum ponto eu colo um pedaço de silvertape na própria pele mesmo. Ele ficará bem fixo na pele e não haverá mais fricção, a fricção ficará toda entre o silvertepe e a meia e a bota e seu pé será valvo das bolhas!

 

Abrax!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O ideal em termo médicos é NUNCA estourar uma bolha. Carregue sempre uma latinha dessas redondinhas de aço escovado com vaselina ou algum umectante/hidratante. Principalmente quem vai caminhar muito, pelos 3 motivos já citados de como se formam, se estourar você fica muito susceptível à infecçoes. Entao o melhor é passar um creme para criar uma barreira e deixar o tecido por baixo se recuperar.

Claro que o incomodo é um incentivo a estourar e até dá um alívio, mas nao é recomendável.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Pessoal,

 

Graças a deus, com a minha nova bota eu não tive problemas de bolhas... Mas pra quem tiver, uma dica que aprendi com os peões de rodeio que passam dias e dias com aquelas botas desconfortaveis é você evitar usando "fita isolante".

Como funciona:

Você seca bem o pé e nos locais onde você acha que vai dar calo ou bolha(ou se ja existir), você coloca aquelas fitas-isolantes de preferencia da 3M e bem grossa.

Não cubra o pé todo pq a fita deixa o local sem respirar.

 

Fita-Isolante você encontra em casa de material de construção e material eletrico.

 

Acho uma boa dica repassar isso pra vocês pq realmente funciona.

Abraço,

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E na hora de tirar a fita? Fecha o olho e e grite bem alto! huahuahuahua...

 

A solução citada pelo Augusto é a que eu sempre usei com qualquer tipo de bolha: agulha e linha, dá um nó e espera sair o liquido. Depois (muito tempo depois) a pele seca, vc puxa a linha. Nao sente dor e a pele sai por completa.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Entre para seguir isso  



×
×
  • Criar Novo...