Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Fabio Capelesso

Experientes me ajudem (ushuaia e carretera austral)

Posts Recomendados

ola... ir até ushuaia hoje, se for pela rota 40 ela foi recem asfaltada e esta em perfeitas condições até El Calafate onde é uma parada obrigatoria na ida ou na volta a Ushuaia, hoje as estrada de rispio ou de pedra, super bem compactada de tanta moto, caminhão e carro que ja passaram por la ja esta virando reliquia pois são menos de 50 km e não continuos, sendo trechos de rispios intercaladas por bom e novo asfalto, lembrando que nos trechos onde estão os desvios ja existe a estrada pavimentada construida que muitos ja estão andando nela, principalmente de moto. o que deixa as Big Trails como a minha uma BMW GS 1200 um investimento ja não necessario, visto que na rispio mesmo vc tendo um 4x4 ou uma BMW ou qualquer outro veiculo, vc não consegue andar mais que 80km por hora e nas curvas não mais que 40km. e sendo sensato como o velho ditado " devagar vc vai longe", agora quanto ao vento, realmente ... mais uma razão que velocidade e vento não combinam. Para os que não sabem, as antigas abordagem pelos policiais argentinos para pedir propina ja não existem mais, pois existem um tratado mercosul, que o guarda antes de te multar, ele deve te esclarecer antes. apenas seja gentil e tranquilo, tirando o capacete para conversar com o guarda, enfim seja humano, os argentinos são apenas rivais no futebol, como pessoa são cordiais e amistosos.

 

boa viagem

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

ola... ir até ushuaia hoje, se for pela rota 40 ela foi recem asfaltada e esta em perfeitas condições até El Calafate onde é uma parada obrigatoria na ida ou na volta a Ushuaia, hoje as estrada de rispio ou de pedra, super bem compactada de tanta moto, caminhão e carro que ja passaram por la ja esta virando reliquia pois são menos de 50 km e não continuos, sendo trechos de rispios intercaladas por bom e novo asfalto, lembrando que nos trechos onde estão os desvios ja existe a estrada pavimentada construida que muitos ja estão andando nela, principalmente de moto.

 

Ué, um amigo meu o F.Quebramar acabou de passar lá, mais ou menos em Março desse ano e a Ruta 40 estava com aquele trecho grande de rípio ainda.... vc sabe me dizer quando foi que asfaltaram ela ?

 

Falo pq estou super curioso com essa sua informação, ainda não vi ninguém falando sobre isso. Sei que sempre falam que um dia vão asfaltar toda a Ruta 40, mas até agora, pelo que eu eu tinha lido não tinha acontecido..... Se foi asfaltada vai deixar muito motociclista triste e outros felizes......

 

E aí só vai sobrar um ou outro trecho com rípio para percorrer nessa parte da América do Sul....

 

Para os que não sabem, as antigas abordagem pelos policiais argentinos para pedir propina ja não existem mais, pois existem um tratado mercosul, que o guarda antes de te multar, ele deve te esclarecer antes. apenas seja gentil e tranquilo, tirando o capacete para conversar com o guarda, enfim seja humano, os argentinos são apenas rivais no futebol, como pessoa são cordiais e amistosos.

 

boa viagem

 

Estive lendo alguns relatos esse ano de gente que passou pela Ruta 14 e as abordagens continuam as mesmas, o que eu li é que em alguns casos estão tentando arrancar 500 reais das pessoas, já li dois relatos de gente que acabou pagando esse valor, um inclusive começou um tópico aqui no mochileiros, foi para lá e li isso no blog que ele criou, pena que parou de escrever quando chegou em Bariloche.

 

E tem um amigão meu, que até tirou a foto do oficial na Twister "preenchendo" o formulário com a "multa" que ele teve que pagar, no início 500 pesos, saiu acho que por 50 pesos no final.... mas não teve jeito, teve que pagar e ainda perdeu 2 ou 3 horas argumentando com os oficiais ..... Pra variar dali foi até Ushuaia e voltou e foi a única multa que pagou na viagem toda ......

 

Também concordo que os argentinos são muito receptivos e muito legais, mas o problema da propina continua...... e tem pegado mesmo os mais experientes (caso desse meu amigão) .... antes era só os "novatos" de primeira viagem.... mas, também já li de relatos de gente que não pagou nada esse ano, mas são mais raros (outro amigão passou na 14 também esse ano e não pagou nada, acho que deve ter dia que esses "oficiais" não trabalham e aí dá para passar numa boa.... mas eu não me arriscaria )......

 

Enfim, tem que realmente se precaver nesse trecho da Ruta 14 para não acabar a viagem ali......

 

Grande abraço,

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Só para não ficar a informação sem a referência aqui está o texto e o link no final:

 

"Andamos uns 20 km e comecou a novela. Fomo apresentado a FAMOSA POLICIA CAMINEIRA DE ENTRE RIOS!!!! Fomos roubados, escrachados, nos sentimos os manés da historia....Nos pararam e falam que o radar nos pegaram! Vem a mordida de 850 pesos por moto. Comecamos a negociar e dizendo que era um absurdo e que nao iriamos pagar! Foi ai que chegou mais um policial e foi taxativo dizendo: Ou paga ou vamos recolher no patio as motos e a multa sobe para 1500 pesos....ai comecamos a enrolar o caldo...falei para o meu parceiro ter calma que tudo era questao de tempo e paciencia, pois tinhamos que somente diminuir a mordida, pois nao iriamos sair dali sem dar um dinheiro mesmo....Papo vai, papo vem...30 min depois, meu parceiro mostra fragilidade na negociacao...aí fodeu!! os caras comecam a precionar muito e meu parceiro se entrega dizendo que iria pagar. Enfim, a mordia foi de 540 pesos cada um!!!!!!!!!!!!!!Que mierda!!!! Meu parceiro dizia: vamos pagar logo, vamos embora, estamos de ferias......Acredito que meu parceiro por ser sua primeira viagem, ficou ansioso e um pouco nervoso, mas tudo bem ele aprende. Apos o fato e 01horas depois retornamos a viagem. Mas o dia foi pessima, baixo austral, depre nos dois......."

 

Link: http://familiacernach.blogspot.com/

 

É uma pena que ele não continuou o blog...... ou posto o resto da viagem aqui no mochileiros.

 

PICT1496-2.jpg

 

Aqui a foto que o meu amigão postou num tópico criado no Falcononline sobre a Ruta 14, tem até um jornalista que foi "propinado" ali e publicou no Clárin:

 

http://www.falcononline.com.br/forum/index.php?topic=15076.0

 

Enfim, tem um outro relato que li, mas infelizmente me esqueci onde..... se lembrar posto aqui, mas foi a história foi bem parecida com a primeira ai de cima.

 

Grande abraço,

 

P.s.: Troquei o tempo de "negociação" do meu amigão com os oficiais, não foram 2 ou 3 horas, foi uma hora....... e o valor pago foi de 60 pesos......

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou colocar minha experiência com as famosas "contribucion" aos policiais argentinos, que relatei nesta página do meu blog: http://www.viagemdemoto.com/2009/01/san-salvador-de-jujuy-presidencia-roque.html Tem foto dos policiais lá.

 

"Até aqui estava imaginando que passaria ileso da extorsão dos policiais argentinos que tanto tinha lido nos relatos de quem havia viajado por aqui. Mas hoje tive duas amostras. Abasteci numa cidade chamada Taco Pozo, na província de Santiago Del Estero, e peguei estrada logo em seguida. Passados uns cinco quilometros vi uma placa da "Policia Caminera" e um policial gordo fez sinal para que eu parasse. As perguntas de praxe, de onde vinha, para onde ia... Depois que respondi o policial, tentando ser simpático, disse que estava fazendo uma campanha para colocar iluminação no posto policial e pedia uma "contribución". O posto policial era um vergonhoso cômodo sujo, com janelas quebradas e sem arandelas e lâmpadas. Falei que estava no fim da viagem, e que tinha poucos pesos. No princípio pensei em me recusar a dar propina ao sujeito, mas aí me lembrei que nos relatos que li quem se negava a dar a "contribución" passava a ter que atender às mais diversas exigências dentre os documentos, extintor de incêndio, mortalha, etc. e era seguro por horas pelos FDP. Peguei a carteira e dei AR$ 9,00 pesos ao sujeito, que simpaticamente agradeceu e desejou boa viagem. Saí me achando um trouxa.

 

Mas não é que menos de meia hora depois fui pego novamente...

 

Tinha acabado de passar por outra cidadezinha, vi a famosa placa "Policia Caminera", um posto policial à frente e dois deles no meio da pista. Ainda com o policial gordo no pensamento, tirei a câmera do bolso e liguei. Fui parado, me perguntaram de onde vinha, para onde ia, etc. Emendei falando que era jornalista brasileiro fazendo matéria sobre turismo em motos na Argentina. Pedi para bater uma foto dos dois policiais, já batendo sem eles perceberem, acho. É uma das fotos da apresentação. O mais novo ficou desconfortável, mas o mais velho nem ligou. Chegou mais perto de mim e eu pensei que iria me tomar a câmera. Falou num tom sábio: "contribución". Só esta palavra mágica. Mais nada. Devia ter escrito "brasileiro trouxa" bem grande na minha testa. E eu achando que minha história era boa e me livraria fácil dos sujeitos. Lembrei que os únicos pesos trocados que eu tinha já havia dado ao policial gordo. Falei que estava no fim da viagem, os pesos que tinha eram suficientes para a gasolina para chegar ao Brasil. Perguntei se poderia dar a "contribución" em pesos chilenos. Ele concordou e dei CH$ 1.000,00 para ele (R$ 4,00). O FDP recebeu o dinheiro e sem olhar ou falar nada foi parar um caminhão que vinha em sentido contrário ao meu, guardando a nota no bolso da calça. Saí puto. Não sei se os desgraçados não tinham noção do valor do peso chileno ou eram tão miseráveis que aceitavam qualquer esmola. Segui viagem ainda mais puto e esperando ser parado em todos os postos policiais dali pra frente. Ainda bem que não ocorreu novamente."

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fabio

 

Por dois anos adiei minha viagem e acredito que em Dez/2011 irei fazer a mesma viagem que vc

Saido de Foz do iguaçu-PR. Ate o Ushuaia, visita a Torre del Paine, Perito Moreno e retorno pela Carretera Austral

Estou na fase de elaboração do trajeto(marcação no Google e transferencia para o GPS)

A principio irei de XT600. Ja fiz duas grandes viagem (Maceio e Machu Pichu).

Nas minhas viagem aproveito bem o dia para a viagem (1000km por dia), e aproveito a noite para descançar BEM, portanto devo dormir em Hoteis.

Pretendo ir o mais rapido possivel ate o Ushuaia..passar a virada de ano em Ushuaia

No retorno visitandar os pontos interresantes dentro do prazo de 30 dias ;

Caso vc mude sua viagem para final de 2011....podemos trocar umas ideias.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ola,

Também vou para Ushuaia esse ano, em Dezembro. A principio vou sozinho, em uma GS-500, partindo de Fortaleza-CE

 

Vendo aqui os relatos de propinas de 5 ou 10 reais, admito que nem incomoda, por ser um baixo valor. Não que eu ache certo, mas já li muitos relatos de valores bem maiores que acaba com a alegria de qq viajante....

 

Um grande abraço a todos

 

JR

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Só para deixar um comentário, se tiver uma barraca, um bom saco de dormir, podes dormir caindo neve, canivete, e o que tiver de cair, indispensável uma capa de chuva para a trip. Qualquer moto chega a qualquer lugar depende do motorista e da sua vontade, por isso vão com o que vocês tem e aproveitem. Vista-se em camadas, é uma forma de evitar problemas, roupas de alta tecnologia já existem como os thermos, não fazem volumes e protegem contra o frio, uma boa balaclava, uma luva extra para frio é uma boa pedida. Nem sempre um casacão de 10 kilos vai te proteger do frio, procurem por roupas tecnologicas, eu usei uma vez e não uso outra coisa, frio.......nunca mais, volume muito menos.

 

Outra coisa não sei por que vocês insistem em usar a Rota 14 na Argentina. Sempre evitei, viajo sempre para a Argentina e Uruguai e nunca tive de pagar propina, simples evitem a rota 14. Os Argentinos são muito gente fina, quem foi para Calama por Salta pode dizer isso. Fui parado umas 5 vezes e em nenhum momento pediram propina.

 

Uma boa preparação se resume propriamente em estar preparado para imprevistos, se tiver roupas para frio, caso sua moto quebre, não vais sofrer. levar barraca pode ser volumoso para alguns mas eu que já estraguei minha moto em Paso Sico, se não fosse a barraca estaria numa pior. Uma dica Levem uma relação extra, e uma corda para reboque (grossa de nylon) Não faz muito volume.

 

Para quem não gosta de acampar, certamente irão sofrer em barracas e sacos de dormir, quem é pau pra toda obra, vão curtir e muito. Alguem já dormiu ao relento em São pedro de Atacama, parece que as estrelas te tocam, é muito show.

 

Vou sair em nova trip em Dezembro de 2012, Ushuaia, Chile, Bolívia, Peru, Equador, Colombia, venezuela. 3 mesês acampando e curtindo, e o melhor pagando pouco em hospedagens, façam assim, 3 dias acampando 1 dia de hotel. O dia do Hotel é para tirar o pó.

 

Abraço a todos. E deus salve o RÍPIO. ::Cold::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...