Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Elder Walker

Tour de carro por Atacama + Pacífico + Santiago + Mendoza

Posts Recomendados

Olá. Este é meu primeiro post no forum e peço que me orientem caso tenha feito algo errado por aqui. Já pesquisei MUITA coisa com relatos e tópicos daqui e pensei em criar um dedicado para compartilhar meu roteiro pretendido e, futuramente, servir como base para relatar a viagem feita.

Bom, meu nome é Elder, moro na região de Presidente Prudente/SP e estou planejando um tour de carro pelo norte da Argentina e Chile para o próximo mês de abril/2018 juntamente com minha namorada que mora na região de Foz do Iguaçu/PR. 

Temos apenas 15 dias de férias marcadas e vamos tentar juntar o feriado do dia do trabalho, saindo no dia 14/04/2018 e retornando no dia 01/05/2018. Tenho uma perspectiva de custos na faixa de 10 a 12mil reais, incluindo todas as despesas. Ou seja, é uma espécie de mochilão com um pouco de conforto, nos permitindo algumas comodidades como algumas hospedagens em padrão melhorzinho, alguns jantares e passeios... muito embora tentarei economizar sempre que possível, fazendo alguns passeios com o carro próprio e tudo o mais.

Nosso roteiro começa na cidade de Medianeira/PR, próximo a Foz do Iguaçu, onde tenho a casa dos meus pais como ponto de partida. De lá serão aproximadamente 7.000km com meu carro, um Peugeot 208 1.6 automático. As principais cidades "alvo" são São Pedro de Atacama, Santiago e Mendoza. As cidades "intermediárias" serão praias no Pacífico: Antofagasta, Bahia Inglesa (Copiapó), La Serena, Totoralillo, chegando em Vina del Mar e Valparaíso. Ainda teremos paradas para pernoite no caminho de ida em Corrientes/ARG, Salta/ARG e no caminho da volta em Santa Fé/ARG.

Abaixo segue uma imagem do roteiro no mapa e uma planilha inicial que fiz já com as pesquisas até o momento. A questão dos valores, embora já tenha estimado e visto "por cima" algumas coisas (especialmente em SPdA), está sempre com uma margem de segurança, mas como mencionei, pretendo ir economizando sempre que não achar necessário para gastar mais em outros momentos que sentir mais vontade.

Já estou ciente dos requisitos para entrar nos respectivos países, documentos (pessoais e de carro), etc.

Já pesquisei e teoricamente defini os passeios no Atacama. O roteiro está relativamente "travado" até este ponto. Sei das belezas do "NOA" mas neste momento estou limitando um pouco o roteiro e deixando essa região apenas como passagem. Após essa parada no deserto, o roteiro terá uma certa flexibilidade, decidindo nas vésperas ou nos dias de estrada se paramos, em qual cidades/praias paramos, e assim por diante. Mas necessariamente vamos passar ao menos um dia inteiro em Santiago e um dia inteiro em Mendoza (duas noites em cada).

 

Gostaria de dicas de alguém que já tenha feito algo parecido, alguém que cruzou essas estradas (ou parte delas), alguém que tenha parado em algumas destas praias no pacífico... aceito, obviamente, qualquer dica geral para essa viagem, dicas de hospedagem e passeios/agências no Atacama... enfim, qualquer comentário ou sugestão será muito bem-vindo e considerado.

 

Agradeço desde já e pretendo ir atualizando o planejamento e o posterior relato com o pós-viagem. :D

Roteiro MAPA.png

Roteiro Planilha.png

  • Gostei! 2

Compartilhar este post


Link para o post

Continuo pesquisando e lendo os relatos de colegas aqui do fórum, fico cada vez mais animado/empolgado. 

Já fui do Paraná ao Acre dirigindo, e já aluguei carro no México, nos EUA e em Aruba. Mas as duas coisas juntas nunca fiz: dirigir longas distâncias e em países estrangeiros. Então toda a parte de estradas e aventuras pelo caminho me animam (e me preocupam) bastante. 

No momento, uma das minhas dúvidas é se faço o pernoite em Salta conforme está no roteiro inicial, ou se passo direto e durmo em San Salvador de Jujuy e arredores, já que não vou ter tempo de conhecer a cidade de qualquer forma, vamos apenas admirar as paisagens ao longo da estrada.

Compartilhar este post


Link para o post

Recomendaria vc inverter sua viagem.

O paso los libertadores é muito propenso a ficar fechado, devido a fatores meteorológicos.

Se estiver fechado da ida, tem a opção de ir subindo pela AR mesmo.

Viajar nesses paises é tranquilo, só cuidado em Vila del Mar/ Val paraiso, tem varios relatos de arrombamento de carro estrangeiros deixados na rua.

Não precisa pagar para fazer os passeios de SPA, só o Tara, isso dependendo do teu carro, eles vao pra lá de van.

Durma em Salta. Os hermanos mantem o comercio aberto até mais tarde, devido a siesta. Poderá curtir a praça central e arredores. Muito agradável.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post

Muito obrigado pelas dicas, @geovanih

Não gostaria de inverter o roteiro porque data que estou planejando (e que não tem flexibilidade) no próximo mês de abril casa perfeitamente com a lua nova, ideal para a observação de estrelas lá em SPA.

Li vários relatos sobre essa questão do paso los libertadores fechar com a neve, mas imagino que não será questão de uma semana (tirando o fator azar) que fará nevar ou não... o que você acha? De qualquer forma, é um ponto muito bem lembrado e que vou rever baseado nos históricos dos últimos anos. E na pior das hipóteses, se fechar por 1 ou 2 dias, não será de todo ruim ficar mais uns dias em Santiago. Só não posso ficar preso uma semana lá e estourar o tempo de volta! haha 

Também li estes relatos sobre arrombamentos em Valparaíso e Viña del Mar. Na realidade achei que fosse mais em Valparaíso, mas redobraremos a atenção. Possivelmente manter o carro na garagem do hotel e gastar um pouquinho com taxi/ônibus pelas redondezas... enfim, vamos considerar isso.

Essa questão dos passeios também li vários relatos sobre quais pagar ou quais é possível ir de carro. De fato, o salar de Tara está 100% definido com agência. O Geyser del Tatio também estava considerando devido ao horário (fico sonolento de manhã tão cedo) e às condições da estrada que, embora possíveis, não são das melhores, e meu carro é baixo. O das lagunas altiplânicas e piedras rojas eu estava "meio assim": sei que é possível acessar de carro, mas por ser um passeio um pouco longo e com várias explicações pelo caminho (além das refeições que costumam incluir), estou cogitando pagar pelo passeio completo. Mas vou considerar isso também. Os demais farei todos por conta mesmo: lagunas escondidas, termas de puritama, valle de la luna, valle da morte...

Legal a dica de Salta. Estava considerando cortá-la do roteiro pois teria que ir e voltar pela mesma estrada de acesso, para depois ir a SS Jujuy. Mas creio que seja bacana curtir uma noite pela cidade, dar uma volta pelo centrinho e jantar num lugar legal. 

Mais uma vez, muito obrigado por participar! :D

Compartilhar este post


Link para o post

Olá @Helder Walker, achei que o seu roteiro ficou bem enxuto e bem bacana, para o tempo que tem para acho que vai ser bem tranquilo.

Das viagens que já fiz por duas vezes passei por trechos desses que vc vai passar.

Um desses trechos foi de Antofagasta até Foz do Iguaçu, mas diferente do seu trajeto eu preferi cruzar por dentro do Paraguai. Foi até tranquilo e rápido dentro do Paraguai, mas as estradas não são 100% e sempre tem blitz.

As únicas dicas que lembrei por agora é para tentar não passar no Paso Jama, na saída do Chile, no fim da tarde, pois nessa entrada na Argentina vc vai pegar um trecho muito longo com descidas muitos ingrimes e curvas bem fechadas, e não vai ser bacana passar esse trecho anoite.

E outra coisa é a polícia da Argentina, fui parado por um dupla deles em um posto muito isolado em Corrientes , o posto era apenas um contêiner adaptado, e eles revistaram todo meu carro atrás de algo errado. O que acharam foi que eu tinha apenas um triangulo, e seria preciso dois. Ai vieram com uma historia que eu teria que pagar a multa direto para eles.

Acabei escapando da "multa" só pq insisti bastante que só pagariam se eles me descem algum comprovante, coisa que não fazem pq seria uma prova contra eles. Mas foi mais de meia hora com eles me coagindo, me levaram para esse contêiner e deixar minha namorada sozinha no carro.

Em Salta uma das únicas coisas bacana é o teleférico.

Se quiser dar uma olhada neste tópico meu talvez pode ajudar em algo, ele é de uma das viagens que eu fiz e passei por alguns dos locais que vai passar. Mas grande parte do relato eu estava por outras estradas, pois nesta viagem eu sai de Goiânia, fui para o Acre, e de lá Peru, Bolívia, Chile, Argentina e Paraguai.

 

No mais, ótima viagem :-D

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post

@Elder Walker Fala Elder! Massa o seu planejamento de viagem. 
Fiz parte deste trajeto que você desenhou. Cruzei de ônibus o trecho Santiago > Mendoza > Buenos Aires.
A estrada entre Santiago e Mendoza é muito bonita, sinuosa e com um alto fluxo de ônibus. Muitas vezes em pista única. Vai devagar e sempre, de boa. Não é uma estrada perigosa. Prefiram fazer esse trecho à luz do dia e curtam a paisagem.
Alguns quilômetros depois que você cruzar a fronteira da Argentina e passar pela aduana, sentido à Mendoza, vocês encontrarão a ponte Inca próxima à beira da estrada:
http://viagemempauta.com.br/2014/09/24/conheca-puente-del-inca-na-argentina/
Vale a parada para tirar fotos. Como eu estava viajando em ônibus, não pude parar e conhecer de perto. Mas vi pela janela.

Mendoza é muito bacana, bonita e organizada. Lá também rola a siesta de almoço que dura uma eternidade.
O Centro de Mendoza é o ponto alto da cidade para um bom almoço ou jantar.
O Parque General San Martin é bem cuidado e também vale a visita. Os portões enormes foram fabricados na Escócia. Também vale a visita ao Clube Mendoza de Regatas que fica dentro do parque... reza a lenda que o restaurante é top. Não tive tempo de provar.
Caso alguém te recomende o Zoológico de Mendoza, passem longe de lá!
Me recomendaram, disseram que a vista era incrível, mas tive uma experiência muito ruim.
Ele fica localizado no alto de uma montanha, em um bairro muito perigoso. Além disso, o zoológico estava abandonado e com animais nitidamente doentes.

Vale você se informar sobre as condições do motor ao dirigir na altitude, no norte da Argentina.
Já li um relato por aqui de pessoas que tiveram que se preparar com uma peça sobressalente. Não me lembro exatamente o que era, mas vale você fazer uma pesquisa para prevenir.
No mais, boa viagem, divirtam-se e solte o relato por aqui!
Abraço!

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post

@carlos.alberto1

Muito obrigado pela resposta! :)

Acho que o seu relato foi um dos poucos que eu não havia lido ainda. Devo ter lido uns 95% dos mais recentes que mencionem trajeto de carro no norte da Argentina e Chile! haha! Mas bem legal o seu também.

Apesar de gostar de dirigir a noite aqui no Brasil, nessa viagem pretendo viajar apenas de dia sim, especialmente nos pasos libertadores e de jama.

Li alguns relatos dessas questões policiais na Argentina e vou procurar ir bem preparado, com todos esses requisitos. Como morei um bom tempo na região de Foz do Iguaçu, conheço um pouco já essa questão das propinas, tanto no Paraguai quanto na Argentina. Mas espero não dar margem para isso.

 

@Duke

Muito obrigado também por comentar aqui! :)

Sem dúvidas, vou cruzar esse passo durante o dia sim. Na realidade foi ele que começou a inspirar essa viagem: estava considerando uma viagem mais turistinha de avião com esquema multi-trechos para Buenos Aires, Mendoza e Santiago; depois cogitei cortar Buenos Aires e ir de carro até o Pacífico; e depois pensei em incluir o Atacama para aproveitar melhor o deslocamento, chegando nesse roteiro atual! haha! Mas enfim, já li bastante coisa sobre a região e creio que deva ser uma experiência bem legal atravessar de carro sim! Estou contando com isso como parte da graça da viagem.

Legal as dicas sobre Mendoza. É a cidade que menos pesquisei até o momento, então já fico com suas recomendações na cabeça quando for pesquisar mais a fundo. Pretendo conhecer sim o centro e o parque, e fazer ao menos um tour pelas vinícolas, nem que seja uma só com aquele esquema de almoço.

Com relação a altitude, é uma preocupação sim. Tanto minha (fisiológica), quanto do carro! haha! Digo isso pois já fui para Bogotá e tive a maior dor de cabeça, e lá ainda nem é tão alto. Imagino que ficarei bem "zoado" nessas altitudes de 5.000m snm. Já com relação ao carro, li bastante também, mas os relatos são um pouco divergentes. Sou engenheiro mecânico e entendo bem o princípio da diferença de pressão atmosférica, da falta de oxigênio para o motor e tudo o mais. Mas na prática é difícil prever como cada projeto absorve e resolve essas situações extremas. Como tenho um amigo pessoal que já atravessou com um Ford Ka 1.0 (além de outros relatos parecidos) imagino que tenha certa margem de segurança com meu carro, que é mais potente um pouco! haha! Mas é algo que me deixa ansioso. Imagino que a peça que você mencionou seja o filtro de ar de admissão: alguns relatam a retirada do filtro afim de diminuir a perda de carga, ou seja, facilitar a entrada de ar no motor sem a restrição do filtro.

 

Vou continuando as pesquisas aqui e continuo totalmente aberto e agradecido a qualquer dica, comentário ou sugestão.

 

 

Compartilhar este post


Link para o post

Apenas atualizando...

Fechei o roteiro com apenas pequenos ajustes comparando com este do post inicial. 

As datas estão mantidas, sairemos no sábado dia 14/04 mesmo. Apenas tirei o pernoite em Viña del Mar (vamos apenas dar uma passada durante o dia) e transferi para Santiago. E adicionei um dia em Mendoza, aumentando em um dia o cronograma de retorno.

Fechamos quase todos os hotéis pelo Booking (dois deles diretamente com o hotel), mas sempre com a opção de cancelamento gratuito, nos precavendo de algum imprevisto.

Já estou com quase tudo em mãos: carta verde, SOAPEX, cópias de documentos, cambão, segundo triângulo, etc... aguardando apenas o chip internacional da EASY SIM 4U.

De resto é fazer as malas e partir.

Em breve farei o relato na área correta para contar nossa experiência...

Compartilhar este post


Link para o post

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×