Ir para conteúdo

5 Melhores Sites para Encontrar Acomodações de Longo Prazo na Praia ou no Campo


Posts Recomendados

  • Colaboradores

Precisa encontrar um lugar a longo prazo para ficar em algum lugar do mundo? Ou quer fugir da cidade durante a pandemia para ir para praia ou montanha? Então dê uma olhada na lista abaixo com 5 melhores sites para encontrar acomodações de longo prazo, incluindo como cada um funciona, uma comparação de preços e dicas para obter o melhor negócio.

Vou ser honesto aqui. Com toda as mudanças de cidades e países que fazemos, uma das minhas coisas MENOS favoritas para lidar é encontrar um lugar para ficar a cada mudança.

É estressante, lidar com proprietários à distância pode ser uma dor e às vezes não há muitas opções.

 

----------------------------------------

[ Este post foi editado e parte de seu conteúdo foi removido por violar os Termos do Serviço e Política de Privacidade do Mochileiros.com] em acordo com a LEI Nº 12.965/14.

Motivo: A imagem não é de autoria do autor do tópico e foi publicada sem os devidos créditos, violando assim os Termos do Serviço e a Política de Privacidade do Mochileiros.com

----------------------------------------

 

Mas embora encontrar acomodações de longo prazo no exterior nem sempre seja fácil… felizmente, é mais fácil hoje do que nunca!

Continue lendo: 5 Melhores Sites para Encontrar Acomodações de Longo Prazo na Praia ou no Campo

Link para o comentário

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

  • Conteúdo Similar

    • Por Fora da Zona de Conforto
      O Airbnb e outros acordos de aluguel de curto prazo são uma opção popular para uma ampla gama de viajantes e turistas. Eles são mais confortáveis do que um acampamento, mas geralmente mais baratos do que um hotel, e muitos oferecem a oportunidade de ficar no coração da comunidade local.
      Neste artigo explicamos como, sendo inteligente e seletivo, você pode encontrar a melhor acomodação possível desse tipo com o mínimo de dinheiro possível. Você aprenderá o que procurar e como evitar armadilhas potenciais para um feriado sem problemas.
       
         1. Equilibre suas opções
      Os Airbnb ‘s disponíveis no local para o qual você está viajando oferecerão, cada um, suas vantagens e desvantagens exclusivas. Isso significa que você terá que colocar suas prioridades em ordem antes de fazer uma escolha.
      O que procura num alojamento? Você quer belas vistas e amenidades de luxo ou simplesmente um lugar para descansar após um longo dia de passeios turísticos? Você está procurando uma localização central com várias conexões de transporte ou está disposto a viajar um pouco mais por um preço mais baixo?
      Você pode precisar fazer algumas concessões para encontrar uma opção de aluguel de curto prazo que se adapte ao seu orçamento, então tente considerar os elementos que você definitivamente deseja e aqueles que você poderia viver sem para encontrar um meio-termo que economize seu dinheiro.
       
       
        2. Escolha quartos individuais
      As opções de acomodação mais baratas são provavelmente quartos individuais em uma propriedade ocupada em tempo integral pelo anfitrião ou compartilhada com outros viajantes.
      Você provavelmente precisará dividir o banheiro – e seus horários planejados para acordar e dormir podem ser diferentes daqueles dos outros residentes. Alguns podem achar isso muito estranho, mas outros podem aproveitar a oportunidade de fazer um novo amigo com toneladas de conhecimento local enquanto economizam dinheiro.
      “Você também encontrará anfitriões muito legais que estariam dispostos a lhe mostrar locais que os outros turistas podem não ser capazes de ver”, comenta Ruban Selvanayagam, da Property Solvers.
       
      Continue lendo em: 8 Dicas para Escolher um Airbnb Divertido e Dentro do Orçamento
       
    • Por thiagovpassos
      Olá, Mochileiros. Há mais ou menos um ano voltei a viajar pelo Brasil e conhecer pessoas incríveis por todos os lados. Uma dessas acabou plantando em mim a ideia de abrir um hostel próximo a praia, em algum lugar do nordeste.
      Pensando nisso, fiquei curioso pra tentar entender o que mais fascina e agrada cada mochileiro ao chegar num hostel. Para mim, um bom chuveiro, uma cama limpa e um local animado onde eu possa interagir. 
      Mas e pra vocês? O que vocês consideram realmente importante num hostel? E o que um hostel precisa ter para tornar sua experiência inesquecível?
      Adoraria saber a opinião de vocês.
      Grande abraço a todos.
    • Por Fora da Zona de Conforto
      Descubra os principais pontos que devem ser considerados na hora de escolher uma estadia temporária em São Paulo, no Brasil.
      Sem dúvidas, a metrópole paulistana, tida como a maior cidade do Brasil, é um excelente destino para quem busca conhecer novas culturas, viajar a negócios ou passar as férias. Afinal, por lá, oportunidade de emprego, opções de lazer e entretenimento é o que não faltam.
      Não é à toa que São Paulo é conhecida como um local onde se encontra de tudo. No entanto, é preciso considerar que, assim como qualquer capital ou grande cidade, São Paulo também oferece riscos, e é preciso se preparar para minimizá-los. Por isso, preparei um guia básico dos principais pontos que devem ser levados em conta no momento de escolher uma estadia temporária em São Paulo. 
      Confira a lista abaixo e depois me diz o que você acha, mas antes:
       
      Continue lendo em: 5 Considerações na Hora de Escolher o Imóvel Ideal em São Paulo
    • Por Paulonishi
      Em Florianópolis são muitos os lugares para se visitar, mas um deles é quase obrigatório, a Lagoa da Conceição. Marco da colonização inicial da cidade, tem muitas atrações culturais, históricas e gastronômicas. Deixarei abaixo um panorama do lugar, com dicas e impressões da última visita em dezembro de 2020. 

      A lagoa da conceição é onde a cidade começou.  Está ao leste de Florianópolis e é dividida em duas partes por uma ponte, a lagoa de dentro e a de fora, estando  ligada ao mar pela Barra da Lagoa
      Para se chegar até ela entrando na ilha, pega-se a beira mar Norte até o Itacorubi. Mas calma, não se preocupe porque tem muitas placas indicativas até o acesso à rodovia SC 404, que nos leva até o nosso destino.

      É uma via de pista simples e que fica bem complicada durante a temporada, devido ao movimento intenso e pelo relevo íngreme e bem sinuoso.
      Na parte mais elevada, temos um mirante com um pequeno estacionamento gratuito. Oportunidade para se ter uma visão da bela paisagem da região.
      Depois disso, agora é só descida, mas com curvas ainda mais fechadas, pedindo muita atenção e paciência até o final.
      Chegando no chamado centrinho da Lagoa, o mais difícil e encontrar um lugar para estacionar durante a temporada, porque na principal são poucas vagas e as ruas transversais são bem estreitas.

      Apesar de poucos hotéis, tem muitas opções de hospedagem em hostels e casas de aluguel por temporada, que considero a melhor opção para quem viaja acompanhado.
      Encontrando uma opção próxima ao centrinho e ao terminal urbano, é possível explorar as principais atrações à pé e de ônibus, sem o stress do trânsito e do gasto com estacionamento.

      Da pequena ponte que corta parte da lagoa, se tem uma bela visão da marina e da chamada Lagoa de fora… Boa também para observar o cotidiano do lugar
      A avenida das rendeiras é passagem obrigatória e caminhar pelo calçadão é uma ótima maneira de apreciar a vista com calma e temos acesso às belíssimas dunas de areias branquinhas e bem finas, é uma atração bem característica da região.

      Continuando a caminhada no sentido a Joaquina, essa parte da Lagoa tem uma boa estrutura para passar o dia, com sombras e gramados, além de ser bem em frente aos restaurantes. Bateu fome, é só atravessar a rua para comer. Conta também com quiosques, aluguel de caiaques e aulas de Stand Up e windsurf.

      Suas águas são bem rasas e limpas na maior parte da sua extensão, mas convém sempre dar uma conferida, principalmente nas épocas de maior movimento.
      A lagoa de dentro tem águas mais escuras.. parecendo sujas 😦
      No Centrinho encontramos agências bancárias dos principais bancos, supermercados, vários restaurantes e um comércio bem variado… ah, e muitos brechós!
      Estando por lá, não deixe de visitar a parte histórica, que preserva parte do calçamento original que dá acesso ao Santuário de Nossa Senhora da Imaculada Conceição da Lagoa, que deu o nome a esta região.

      Esta igreja recebeu a visita ilustre de Dom Pedro II por 2 vezes, que doou 2 sinos para ela. Um pouco mais acima, ainda preservando a arquitetura colonial, temos a casa do vigário, datada do século 18, mais uma belo panorama do lugar.
      Em termos de opções gastronômicas, temos uma variedade bem grande, assim como em preços… Uma boa opção para quem gosta de culinária oriental é esse buffet, com ótima variedade em carnes, saladas e até sushis.

      Fica no Shopping Via Lagoa e abre todos os dias para almoço
      Você vai encontrar dois tipos de ônibus. O amarelo é o executivo. É mais caro (o dobro do comum) e confortável. Para em qualquer lugar também, bastando acenar. O outro é comum (azul e branco), que tem interligação entre os terminais.

      A terceira opção são os barcos, que fazem o transporte pela Lagoa nos mesmos valores dos ônibus urbanos.

      O transporte por aplicativo também é uma opção… Não tão barata, mas com uma ótima disponibilidade e comodidade para quem quer conhecer as outras atrações na ilha, principalmente a noite
      As atrações mais próximas são o passeio de barco até a Costa da Lagoa, a Praia da Barra da Lagoa, a Praia Mole, Praia da Joaquina.
      E, para aqueles dias em que está chovendo muito, uma ida até o centro da cidade para visitar o mercado público ou andar pelos museus e igrejas é uma das opções.
      Ah e no final da tarde, o por do sol na Lagoa é imperdível!
      Esse é só um resumo, procurei detalhar e ilustrar no vídeo sobre o lugar. Dá uma conferida e se lhe foram úteis as informações, deixe o seu comentário e o like lá no youtube (@trips.flicks).
      É isso aí, um grande abraço e até breve!
       
       

       
    • Por Ale Monteiro
      Boa tarde pessoal! Faz tempo que não venho ao site, mas retorno para compartilhar meus planos para julho/agosto de 2021: Caminho Francês de Santiago de Compostela. Sei que estamos vivendo tempos de pandemia, mas estou me organizando/preparando caso a viagem seja possível.
      A ideia é partir de Saint Jean Piet Port (França) no dia 27 de junho e ter pelo menos trinta dias para chegar a Santiago. 
      Assim, abro este fórum para contar com as preciosas colaborações de quem já fez esse roteiro e algum momento da vida!
      Abraços carinhosos!
×
×
  • Criar Novo...