Guias e troca de informações sobre destinos no Sudeste Asiático: Tailândia, Vietnã, Timor-Leste, Singapura, Mianmar, Malásia, Laos, Indonésia, Filipinas, Brunei e Camboja
#675233 por Jessica Pulccino
16 Jan 2012, 12:58
Oii, sou novaa aqui e to indo pra Thai agora e vou ficar a maioria dos dias em Bangkok queria explorar bem tudo la...como voce faluo que conhece bem, poderia me ajudar ? onde ir ? onde ficar? as cidadezinhas proximas de la que falaram que da ate p andar de elefante, da para ver as mulheres girafas! voce pode me ajudar?? beijos e brigado!!

#679030 por ZaXXon Zax
25 Jan 2012, 08:14
Juliana,

Fiz esta viagem em 2004, 6 meses antes de Tsunami e posso lhe dizer que foi a melhor e mais rica experiência de viagem que já tive. Do seu roteiro apenas não estive em Sukkothai, por outro lado estive em Ayuthaya, Kanchanaburi, Koh Samui e Koh Phangan.

Conheci um pouco da cultura budista, do ano novo tailandês (Songkram Festival em Abril). Andei de elefante, fiz Bamboo Rafting, mergulhei com tubarões em Phi Phi, visitei as tribos Karen Long Neck (Mulheres girafas), Akha e Palong, visitei tempos lindissímos, a antiga capital do reino Sião (Ayuthaya), comi grilos, baratas e larvas também...rsssss Enfim, foi de fato uma viagem inesquecível que eu recomendo 1000%.
#696884 por thianika
18 Mar 2012, 21:48
Oiee pessoal!!!
Seguem algumas dicas que talvez sejam úteis na Tailândia:

Chegando em Bangkok: no aeroporto, antes de passar pela imigração, procure o posto médico (pergunte pelo "doctor") para mostrar o comprovante da vacina da febre amarela - ele entregará um formulário carimbado que deve ser apresentado na imigração.

Tiger Temple: os tigres são dopados e dormem quase todo o tempo (triste!). Em Chiang Mai há um lugar muito mais legal onde os tigres são bem tratados e os visitantes podem brincar com eles.

Hospedagem em Bangkok: ficamos em um quarto duplo no Rikka Inn na Kao San Road e tivemos muita sorte que ele era virado para os fundos do hotel - a rua é muuuito barulhenta. Este lugar não é um hostel, sendo assim, também não é a opção mais barata. Nas ruas paralelas há vários hostels e guesthouses interessantes e que devem tem maior custo benefício. Importante: fique em um lugar com ar condicionado!

Chiang Mai: se não está no seu roteiro, pense na possibilidade de incluir este lugar, que é o mais barato de todos! Além dos tigres existem opções de passeios para andar de elefantes, trilhas, rafting e visitar a "tribo" das "mulheres girafas" (neste último não fui porque me parece um zoo humano). Caso opte por fazer o trekking de dois dias, que é muito legal, lembre que a trilha não é para iniciantes, ou seja, se não está acostumado irá sofrer bastante com as três horas de subida na montanha.

Koh Phi Phi: é o lugar mais caro da Tailândia. Super bonito, porém bastante muvucado no verão. A dica aqui é o Maya Bay Camping, foi a coisa mais cara que fiz lá, custa em torno de US$ 100 e vale cada centavo pra quem gosta de coisas diferentes. Maya Bay é a praia que foi filmado o já super conhecido filme do Leonardo Di Caprio e como é um ponto turístico sempre está cheio de gente. Este passeio faz o horário em que não há ninguém - sai de Koh Phi Phi às 15h30, chega em Maya Bay às 18h00 - à noite é servido um jantar e bebidas e a galera fica conversando e ouvindo música - todos dormem na praia com uma esteira e saco de dormir que são fornecidos pela própria agência. O retorno é às 9 da manhã do dia seguinte, depois do café da manhã! Ahh, à noite nadamos com os plânctons brilhantes!

Cuidado: vi muitas pessoas com o pé machucado por causa das pedras nas praias - isso acontece porque todos ficam abobalhados com a beleza dos lugares e saem dos barcos sem prestar atenção aonde pisam.

::otemo::
#703672 por Iuna Patacho
06 Abr 2012, 19:37
Em dezembro desse ano estou indo pra China e no final de janeiro do ano que vem pretendo partir pro sul da Tailândia pra curtir a Full Moon Party. Quero ir da China pro sul da Tailândia de avião, mas não sei qual aeroporto fica mais perto de Koh Phangan. Alguém sabe me dizer? Queria saber também se é preciso comprar algum tipo de ingresso/pacote pra rave.

=)
#703937 por heka
07 Abr 2012, 19:48
A cidade mais perto de koh Phan ngan é Surat Thani, de onde saem os ferries pra ilha. Tem um pequeno aeroporto lá, 21 km da cidade. Eu n fui pra full moon party, mas acho q não precisa de ingresso nem pacote, o problema é achar lugar pra ficar nesta época.
#705006 por fernandinhas
10 Abr 2012, 22:16
Olá pessoal!

Terminei minha volta ao mundo há 2 semanas. Passei por 20 países e postei sobre todos no meu blog, mas percebi que os tópicos mais procurados por lá são os que falam da Tailândia. Resolvi postar aqui também algo que postei lá no blog, explicando as diferentes maneiras de se viajar pela Tailândia. Em breve, vou fazer um post parecido para todos os outros países. Espero que seja útil para vocês.

Bom, muita gente me pede dicas de como viajar pela Tailândia, então resolvi fazer um post específico sobre isso.

A Tailândia é grande e quem quer visitar os principais pontos turísticos – Chiang Mai (norte), Bangkok (centro) e alguma ilha no sul vai ter que viajar vários km. E não esqueça de contar o tempo de deslocamento no seu roteiro. Porque tem gente que quer abraçar o sudeste asiático em 1 mês visitando 3,4, 5 países e esquece de contar tempo de deslocamento, tempo perdido na imigração, transfer para o hotel, entre outros.

Avião
É a melhor maneira obviamente. Lógico que essa também é a mais cara, mas sempre há a possibilidade de arranjar alguma coisa barata na Air Asia, Bangkok Airways e até mesmo na Thai Airlines.

Minibus (van)
Outra alternativa muito popular é usar os serviços de minibus (como eles falam), que seriam as vans. Muita gente reclama, diz que demora mais, que eles param em uma agência de turismo e fazem você comprar algo, que vão te trocando de van no meio do caminho, que o ar-condicionado não funciona e por aí vai. Em partes, isso é verdade, mas vou contar aqui minha experiência com as vans.

Cheguei no aeroporto em Phuket e precisava ir a Patong Beach (mais ou menos 1 hora de viagem). O táxi custava uns 700 baht (U$23) e a minivan 150 baht (U$5). Não tive dúvidas e peguei a van. Paramos no meio do caminho numa agência de viagens? Sim. Mas, sinceramente não ficamos mais do que 20 minutos lá. Eu desci do carro, entreguei o endereço do hostel para eles escreverem em tailandês para o motorista e voltei. Não comprei nada e ninguém ficou me enchendo o saco para comprar. Depois, o motorista seguiu viagem e deixou cada passageiro em seu respectivo hotel. Perdi no máximo dos máximos, 40 minutos a mais com as paradas, mas economizei U$18 (que é bastante dinheiro na Tailândia). O ar-condicionado funcionava perfeitamente.

Minha segunda experiência com as vans foi de Phuket para Ao Nang (praia próxima a Krabi). O táxi custava 2500 baht, o ônibus normal da rodoviária me falaram que custava 200 baht (mas eu gastaria pelo menos mais 400 baht para ir de Patong para o centro de Phuket via táxi) e a minivan depois de muita pechincha eu paguei 500 baht (começou em 800). Esse era um trajeto de 3, 3 horas e meia, mas com a minivan demorou 5 horas. Mas, isso porque um dos passageiros teve a capacidade de esquecer sua mala em Patong e lembrar quando chegamos em Krabi. Aí paramos na famosa agência de turismo (novamente, eu não comprei nada e ninguém me encheu o saco) para tentar resolver o caso da mala. Nisso, um casal resolveu ver opções de hotéis ali na agência e perdemos uma meia-hora. Aí 1 hora depois, quando a van estava pronta para partir, o amigo do cara que esqueceu a mala tinha ido dar uma voltinha ali perto e desapareceu. Aí ficamos uns 15 minutos esperando o cara. Ou seja, se não fossem esses incidentes, a viagem poderia ter sido feita em 4 horas e não 5. Novamente, nenhuma diferença gritante entre os outros meios de transporte e eles também me deixaram na porta do hostel. Valeu a economia na minha opinião.

Minha terceira experiência com as vans foi de Ao Nang para Koh Lanta. Paguei 300 baht (via ferry era mais rápido, mas custava 500 baht). Foi a melhor van. Super moderna, ar-condicionado no último, não estava lotada, parou em poucos hotéis e apenas uma vez no caminho (adivinhem? Em uma agência de turismo). O prometido é que demoraria 2 horas e meia de viagem e de fato demorou isso até a entrada de Koh Lanta. Mas, chegamos e o trânsito estava absurdo, perdemos o primeiro ferry. Resumindo – chegamos em 3 horas graças ao congestionamento. Novamente, tudo foi como prometido e eu não tive que mudar de van. Porém, entrou um casal na van no último ferry que estava vindo sabe Deus da onde e aparentemente já tinham mudado de vans várias vezes.

Joint ticket
É o famoso “você vai andar em tudo“. Comprei esse ticket para ir de Ao Nang para Bangkok. Uma van passou para me pegar no hotel em Ao Nang, de lá fomos pegando mais um pessoal no caminho e paramos em Krabi Town para esperar o tal do ônibus “VIP” que nos levaria até Bangkok. Paguei 500 baht por tudo isso, mas vou dizer que a economia não compensou. A viagem foi um pesadelo. Durou 14 horas e meia (ao invés das 12 horas do ônibus convencional), tivemos que trocar de ônibus 3 vezes durante o caminho. O ônibus era horrível, muito ruim mesmo. Minha mochila chegou com o zíper aberto (diz a lenda que pessoas viajam no bagageiro abrindo as malas). Chegamos 5 e meia da manhã na Khao San Road e ainda tive que sair procurando um hotel.
No joint ticket, o sistema que eles usam é engraçado. Como muitos motoristas não falam inglês, eles colam uns adesivos na sua roupa. Exemplo – quem está indo para Koh Samui, recebe um adesivo “Samui” ou “S”, quem está indo para Koh Lanta recebe um adesivo “Lanta” ou “L” e por ai vai. Porque muitas vezes você não pega só a van. Você pega a van, o ferry e às vezes até um trem junto. Aí eles vão te movendo para onde você precisa ir. E, inacreditavelmente tudo funciona e todo mundo chega onde tem que chegar (mesmo tendo que mudar várias vezes de transporte durante o caminho).

Ônibus convencional
É uma ótima pedida também, porque são modernos, tem ar-condicionado, oferecem comida e vão para todos os lugares. Porém, tem a questão de ter que ir até a rodoviária comprar seu ticket, depois ir novamente até a rodoviária pegar o ônibus e depois pagar um táxi até seu hotel. Um amigo inglês fez o mesmo trajeto que eu de Krabi para Bangkok e com certeza a experiência dele foi bem melhor que a minha. O ticket dele custou 580 baht + uns 200 baht (no máximo) de táxi para chegar na rodoviária e depois no hotel. Ele gastou pouco mais de U$7 e conseguiu dormir 12 horas no ônibus. Minha experiência no ônibus VIP foi a pior possível.


Ferry
Esse é outro meio popular para viajar principalmente entre as ilhas. Aqui vale a dica que você deve comprar tudo com as agências de viagens e não no pier. Novamente, olhe os preços nas agências, entre em uma e negocie. Pelo menos 50 ou 100 baht de desconto são garantidos. Paguei 300 baht no ferry de Koh Lanta para Koh Phi Phi. Já tinha visto até por 400baht. Entrei numa agência e perguntei o preço e ela falou – 350. Eu respondi, ok, eu vi por 300 lá perto do píer. Estou indo para lá comprar. Aí ela respondeu - “I give you discount”.

Trem
Não usei nenhuma vez, porém li no Lonely Planet que são confiáveis e tem preços bons. Mas, eu sinceramente não sou fã de trem, ainda mais quando preciso carregar uma mochila de 16 kg nas costas. Conheci 2 americanos no hostel que tinham vindo de Bangkok até Krabi de trem e adoraram. Porém, o preço é mais alto que os joint tickets ou os ônibus tradicionais.

Carro
Óbvio que também existe a possibilidade de você alugar um carro e ir dirigindo para onde quiser. Acredito que o aluguel não seja caro. O litro da gasolina custa mais ou menos 30 baht. Mas, aí é por sua conta e risco. Eu não me arriscaria a dirigir na mão inglesa e no trânsito da Tailândia.

Minha recomendação seria:

Se você tem dinheiro – voe!

Se você tem dinheiro, mas não o suficiente para voar – use o trem ou o ônibus convencional

Se você está no limite do seu orçamento – use os joint tickets, use e abuse das vans e dos ônibus VIPs, só que depois não reclame do perrengue.
#728728 por marconilenza
18 Jun 2012, 19:51
Não gaste muito tempo em Phuket ou Krabi. Você entenderá quando chegar lá. Pegue direto um barco para Phi Phi Islands. Lá na ilha tem de tudo para se fazer, desde mergulho até ir para as ilhas que ficam bem perto, como Maya Bay... Você aluga um barco com várias outras pessoas por 600 BHT e eu te digo, foram os 600 BHT mais bem gastos da minha vida! O barco sai no começo da tarde e volta depois que o sol se põe. Se tiver interesse, eles ainda deixam você subir numa gruta e pular de 10 ou 30 metros de altura dentro do oceano... E a água é muito boa! Dá vontade de ficar lá o dia inteiro.

Outra dica é: não perca tempo com o mercado flutuante... É bem coisa de turista mesmo. Por toda Bangkok você vê pessoas vendendo frutas (eles comumente comem nos saquinhos com palitinhos) e a preços bem melhores.

Se tiver interesse, vá ver uma luta de Muay Thai. É muito emocionante.

Eu só gostaria de lhe perguntar uma coisa: você comprou a passagem da Turkish Airlines num cartão com seu nome ou de outra pessoa? Porque eu comprei com o cartão da minha mãe uma passagem de Hamburgo para Istambul e eles dizem que o dono do cartão deve estar presente na hora do check-in... Queria saber se isso é realmente verdade... Obrigado!
#748901 por maland
16 Ago 2012, 16:37
fernandinhas escreveu:Carro
Óbvio que também existe a possibilidade de você alugar um carro e ir dirigindo para onde quiser. Acredito que o aluguel não seja caro. O litro da gasolina custa mais ou menos 30 baht. Mas, aí é por sua conta e risco. Eu não me arriscaria a dirigir na mão inglesa e no trânsito da Tailândia.




ola....a gasolina esta hj em dia (a 91, mais barata) 36 bath, algo em torno de 1,1 USD. O aluguel de carro é mais barato q no Brasil, mas também não é tão barato como o resto das coisas por lá, mas te dá uma mobilidade sem igual para conhecer realmente o interior do pais e as cidades e atrações as vezes mais distantes. Dirigir ao "contrário" é uma experiencia fantástica!!. As estradas Tailandesas (pelo menos de Bangkok pro norte - não fui pro sul) são todas ótimas, maioria duplicadas e em boas condições (estilo as de SP). Só não faça a loucura de dirigir dentro de Bangkok, nunca.
#780566 por rafalesao
21 Nov 2012, 21:19
Galera, preciso de dias de hospedagem em Bangkok, Hanoi, Luang prabang e siem reap. To sabendo que o local em bangkok para se hospedar, porem gostaria de saber nomes de hospedagens pra eu começar a pesquisar preços e etc daqui do brasil mesmo....
Valeu galera...abraço
#780576 por victorprado
21 Nov 2012, 21:49
Rafael...tá pretendendo gastar qto por dia??? Vai ficar em hostel barateza?
Caso sim, seguem as minha indicações:
Hanói: Travelmate Hanoi Hotel - http://www.travelmatehanoihotel.com/
Siem Reap: SIem Reap Hostel - http://www.thesiemreaphostel.com/
Bangkoc: New Siam Guest House II - http://www.newsiam.net/
Luang Prabang: Xanaya Guesthouse - http://www.travbuddy.com/Xanaya-Guesthouse-v498132

Abs.
#780589 por rafalesao
21 Nov 2012, 22:12
Valeu victor!!
Vou pesquisar essas hospedagens aqui... to querendo gastar o mínimo possível com hospedagem, gostaria apenas de um lugar bem localizado, limpo e com banheiro privativo (estou viajando com minha namorada). Estava pensando entre 30-50U$ ao dia para me hospedar, comer e passear, conforme dicas da galera aí...
E sobre o cruzeiro em Halong Bay, tem alguma operadora pra me indicar? Gostaria do cruzeiro de 3dias/2noites saindo de Hanoi....
brigadão e grande abraço
#780800 por rafalesao
22 Nov 2012, 16:43
Cara,
ficaremos 04 dias em Bangkok, 1 dia em Hanoi, 3 dias de cruzeiro em halong bay, 3 dias em Luang prabang e 3 dias em siem reap.... Como vcs podem ver escolhemos 1 cidade em cada país pra praticamente um bate-volta.... Por isso estou tentando deixar mais ou menos as coisas pre-organizadas daqui do brasil...pra evitar de perdermos tempo.... por isso qualquer dica de hospedagem ou agencias que fazem os passeios são extremamente fundamentais....
Dá pra se tirar os vistos ao chegar no aeroporto em cada país?
abraço

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 0 visitantes