Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Vietnã - perguntas e respostas


Posts Recomendados

  • Membros
No dia seguinte nosso guia Jason estava bem cedo no hotel para nos levar ao Delta do Mekong e aos túneis da guerra, Cu Chi Tunnels. Pegamos a van e partimos ao sul do Vietnam em direção a Cai Be, por uma “super” rodovia que não se podia passar dos 80km hora. Paramos em um mercado local de frutas e vistamos um pagoda, Phu Chau , escondido por entre as casas de uma vila local. Um pagoda bonito mas nada comparado aos pagodas da Tailândia. De lá pegamos o barco em direção aos menores canais do delta, passando antes pelo mercado flutuante de Cai Be, que não estava em seu auge, apenas poucos barcos vendendo frutas. Nos dirigimos a casa de uma família local para almoçar passando pelo Sau Ca canal. Lá, pescamos com rede em lagos artificiais uns peixes que seriam nosso almoço e almoçamos nessa casa. Para ser sincero o maior programa de índio das últimas viagens. Pularia fácil o Delta do Mekong.

 

Caro, queria que voce falasse mais sobre o delta do Mekong. Pq achou furada? Foi um passeio de um dia, pelo q entendi, nao? Eu pensei em fazer o de dois, mas to quase trocando para ficar esses dois dias em Hoi Am

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 163
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros

Fernando,

sim, vou ao Camboja.

Creio que minha cidade base será Kuala Lumpur, pois encontrei vôos quase US$ 1.000,00 mais baratos em relação a Bangkok e Singapura, mas não pretendo ficar muito tempo na Malásia, talvez dormir uma noite para descansar e conhecer as Petronas Towers e seguir viagem na manhã seguinte.

Depois vou rodar: Tailândia - Camboja - Vietnam - Singapura

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

inogueira, costumo viajar muito, não tenho frescura com as coisas e até gosto de algumas coisas bem turistão. Mas o Delta do Mekong pra mim foi a maior furada, não gostei mesmo. Te levam até o rio Mekong onde existe um mercado flutuante com barcos grandes que vendem frutas, mas são pouquíssimos barcos, não se compara em nada ao mercado flutuante de Saduak na Tailandia. De lá vc passa para um barquinho menor, a remo, onde vai passeando por canais menores. No programa do meu guia o jason, super cotado no Tripadvisor e Virtual tourist) mas que na verdade não achei nada de mais, além de não ser atencioso é super marketeiro, acha que tudo que faz é fantástico, nos levou para um programa que acho que só ele faz, que é ir a uma casa no meio do Mekong para almoçarmos lá. Achei tudo um saco para ser sincero e nada atrativo, tem coisas que são programas para turistas mas que são legais , mas esse não indico para ninguém. 2 dias em Hoi An dariam de MIL no Mekong. AMEI Hoi An, voltaria lá fácil fácil, para mim foi o melhor do Vietnam junto com Tam Coc e Halong Bay

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Ferlui,

 

Quero te agradecer muito pelas informações. Estou numa correria louca por causa do trabalho, precisando arrumar tempo pra programar a minha viagem, e o seu relato ajudou muito. Apesar de você ter me deixado numa grande dúvida! rsrsrs

 

Achei uns passeios muito bacanas em Halong Bay, e provavelmente vou passar umas 3 ou 4 noites por lá. Agora, o seu relato sobre o museu da guerra é realmente impressionante. Tive a oportunidade de conhecer Auschwitz na Polônia, e acredito que pude entender pelo que passou lá. Apesar de "pesado", acredito que esse tipo de experiência é muito importante para qualquer ser humano. Ou seja, você me "obriga" a descer pro sul do Vietnã. Não sei como vão ficar os meus dias na Tailândia!

 

Não gostou do seu guia, mas poderia me orientar onde eu posso procurar por eles? Estou entendendo que por lá é complicado fazer os passeios, os deslocamentos por conta própria. A parte dos deslocamentos entre aeroporto e hotel foram tranquilos? Táxi? Ônibus?

 

Se o seu relato já estiver completo, me diz onde eu posso terminar de lê-lo.

 

Vou tentar esboçar um roteiro para as minhas duas semanas de viagem, e, com certeza, volto a te incomodar!

 

Bela viagem, grande ajuda!

 

Abraço!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Felipe, aí vai a continuação do roteiro, mas ainda não acabou, falta terminar Tailandia e depois Praga.

 

Cont

No dia seguinte fomos em direção ao templo de Ta Prohm , mais conhecido pelas gigantes raízes das árvores que destruíram suas construções. Ta Prohm é um templo mágico, lindo e a harmonização das árvores e ruínas é fantástica. Foi erguido entre os secs XII e XIII para ser um mosteiro budista. Negligenciado e abandonado mais tarde, foi um dos únicos templos que permaneceu intacto e da mesma maneira que foi encontrado, com as raízes das gigantes figueiras se entrelaçando por entre suas paredes de pedras. Voltamos para o hotel, pegamos uma piscina e fomos curtir nosso último dia na cidade, aproveitando a fantástica comida cambodjana e para finalizar uma foot massage. Aproveitei nesse dia e desconfiado arrisquei cortar meu cabelo, e olha que não ficou ruim. A noite nosso guia nos deixou no aeroporto para embarcarmos para a Tailândia.

Chegamos na Tailândia com o intuito de passarmos 5 dias pelos arredores de Bangkok, pois já havíamos conhecido toda a Tailandia em outra viagem. Bangkok para mim é uma das 5 cidades do mundo que você tem a obrigação de conhecer. Uma cidade espetacular com todas as suas contrariedades. Encontra-se prédios high tech ao lado de templos milenares, shopings de luxo que nem em Nova York existem e os milhares de camelos espalhados pela cidade. Logo no domingo cedo partimos para o Weekend Market conhecido pelos locais como Chatuchak. Neste mercado a céu aberto encontra-se de tudo a preços muito mais baratos que em qualquer outro lugar de Bangkok mas infelizmente só abre nos finais de semana, ou seja, se for a Bangkok programe-se para estar lá durante um. Passamos o dia inteiro por lá, fazendo compras e voltando a experimentar os sabores da Tailândia. É claro que voltamos com as sacolas cheias para nosso hotel o The Key Bangok. A respeito do hotel, ele é muito bem localizado na Sukunvit soi 19 próximo a estação Asok do BTS, mas exija um quarto para não fumantes e com janela para não ter aborrecimento como nós tivemos.

No outro dia encontramos com nossa guia Nina que faz parte da equipe da Tong, outra guia que utilizamos na nossa outra viagem. Nina foi uma surpresa agradabilíssima, super simpática e com um inglês com sotaque tailandês de morrer de rir. OK KA !!! Já havíamos combinados com ela pela internet meses atrás para nos pegar em nosso hotel com o intuito de irmos revisitar o mercado flutuante de Saduak, o templo dos tigres em Kanchanaburi e conhecer pela primeira vez as cachoeiras de Erawan pois não tivemos tempo de conhecer da outra vez.

Bem cedo Nina chegou em nosso hotel e fomos direto a Saduak onde passamos algumas horas, compramos umas fantasias para o Carnaval do Rio que começaria assim que chegássemos no Brasil. De lá partimos para Tiger Temple passando antes pela ponte do Rio Kwai, aquela que deu nome ao filme e chegando ao templo dos tigres mais umas centenas de fotos com os bichanos. Como o passeio dos tigres ainda iria demorar para começar e como já havíamos feito na outra viagem, abortamos o passeio e por sugestão da guia fomos direto a dar banho nos elefantes. Foi uma das experiências mais engraçadas que passei na vida. Pedimos nosso almoço por telefone para ganharmos tempo e comemos dentro da van mesmo e em pouco tempo chegamos ao local. Eram só nos 4 para dar banho em dois elefantes e para agradá-los compramos antes cachos e mais cachos de banana. Seguimos em direção as margens do Rio Kwai e lá nos divertimos muito com os paquidermes. Eram duas fêmeas e ao comando do instrutor e com suas trombas enormes esguichavam água na gente enquanto sentados em seu dorso. Em um outro comando diferente elas se rebolavam e como em cima de um touro mecânico éramos jogados dentro do Rio. Passamos algumas horas ali nos divertindo e brincando com as duas para depois seguirmos em direção a Erawan.

Chegamos as cachoeiras as 15:00 (fecham as 16:30) mas foi perfeito pois a maioria dos turistas já haviam ido embora e podemos curtir o local quase sem turista algum. Erawan é um conjunto de 7 patameres de cachoeiras que formam piscinas de água calcaria de cor bem verde. É um espetáculo e você ainda pode nadar pelas piscinas, se dirigir as quedas d’água e se posicionar bem atrás delas nas cavernas rochosas que se formam. Tome apenas cuidado para ao mergulhar não acertar um das centenas de peixes que nadam na superfície da água, mas fique tranqüilo que eles não atacam. Passamos o resto do dia por ali, nadando e curtindo aquele local paradisíaco e voltamos dormindo na van pelo longo caminho de 4 horas até Bangkok.

Em nosso outro dia na cidade revisitamos com a Nina os templos que já havíamos conhecido antes só para tirarmos fotos dos 4 juntos, já que visitamos a Tailândia em épocas diferentes, e outros diferentes que não vimos anteriormente. Fizemos os templos e pagodas bem rápidos, só com o intuito de tirar fotos mesmo. Depois de andar por Wat Arun, Wat Pho, Wat Phra Kaew, Wat Traimit, Grand Palace .... continua

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Felipe sobre os guias;

Tong no Cambodja : [email protected]

Tong e sua equipe em BKK, peça pela guia Nina :http://www.tourwithtong.com/

Em hanoi contactei o Mr Binh do Hotel Elegance Diamond [email protected] ele pode arrumar guias e excursões para vc, são super organizados e gentis

Jason SSS (Super Star Service) em Ho chi Minh [email protected]

Hoi An e Hue não precisa de guias.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Valeu Ferlui!

Esse final de semana vai ser colocar todas as dicas no papel, e procurar os voos para as cidades!

Uma outra questão: o passeio em Halong Bay. Você reservou algum daqueles passeios que mencionou em seus comentários anteriores? Foi tranquilo? Recomenda? Vi no site que há um novo "Emotion Luxury Cruise 2". Pode dar uma luz nessa questão dos passeios por lá?

Abraço!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 5 meses depois...
  • 2 semanas depois...
  • Membros

Olá! Em Junho de 2014 estou pensando ir até ao Vietnã de avião desde Lisboa(Portugal) até Hanói. Depois de 5 dias em Hanói, visitando lojas e a baía de Halong, irei até Da Nang onde ficarei 10 dias para relaxar nas praias etc,...

Tenho algumas duvidas.

Qual o preço de algumas coisas normais em euros, dolares, reais,... como uma garrafa de água ou um chapeu conico tipico?

Devo ir desde Hanoi até Da Nang de ônibus ou avião?

É preciso fazer paragem(escala) na viagem de Lisboa-Hanói?

Eu não vou para áreas de selva ou rurais, preciso de vacina na mesma?

Esta ultima pode soar meio estranha: Ja viajei várias vezes de carro, mas de avião apenas uma vez para a Bélgica, quando só tinha 10 anos, agora vejo as coisas de maneira diferente e tenho um certo receio que o avião caia. Eu sei que as hipoteses são quase nulas mas mesmo assim ainda existem, o que devo fazer na hora?

Alguma dica para conseguir atravessar o intenso tráfego das grandes cidades?

 

Bom, acho que é "só" isso, haha.

Se acharem que devo mudar alguma cidade no roteiro ou algumas dicas de locais para visitar, digam por favor!

Obrigado

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...