Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

JacquelineCarlile

Mulher no Egito sozinha, é realmente perigoso?

Posts Recomendados

Tenho muita vontade de conhecer o Egito, mas tenho lido informações contraditórias a respeito dos perigos para uma mulher sozinha. Li fatos incovenientes inclusive para mulheres acompanhadas de namorado/ marido.

O que têm a me dizer?

Não quero ir com pacotes também, porque pelo que vi são muito caros. Vi uma entrevista de uma mulher que foi sozinha e achou tudo lindo e maravilhoso, mas gastou 10 mil reais!! Não tenho condições de gastar nem metade disso!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu fui sozinha e por experiencia, digo que o Egito foi onde tive mais problemas. Eu andava de modo bem conservadro, roupas largas, calça longa e manga comprida. Tinha na epoca cabelo curto ( dizem que os cabelos pra eles são como mostrar alguma parte do corpo nu, em comparação a nós ocidental) , ou seja nem um pouco atrativa, rs.

Mas sofri assédio em onibus de viagem ( Cairo-Alexandria),e dentro de loja pelo vendedor. Nada grave, mas umas mãos bobas.

Ouvi historias de mulheres, mesmo as cobertas da cabeça aos pés terem problemas em locais cheios. Ou seja evite, pois eles passam a mão mesmo, acompanhada de marido ou não. Onibus ou trem sente-se ao lado de mulheres ou peça para a reserva ser em vagões de mulheres. O metro tem um vagão somente para mulheres, não lembro se a primeira ou ultima. Evite andar de noite ou ir a lugares ermos sozinha. Eu andei muito sozinha pelo CAiro, Alexandria e Dahab, não tive problemas ( durante o dia). O único lugar foi mesmo o onibus. Evite o onibus noturno, ouvi historias de aproveitarem enquanto a pessoa dorme.

Não lembro qto gastei, fui mochilando. Mas com certeza foi beeem menos de 10 mil reais :)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esse tópico me pareceu interessante, por ter interesse em viajar com namorada. Alguma mulher que viajou acompanhada de marido/namorado que queira acrescentar aos relatos?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá pessoal!

Viajar sozinha pra mim é uma das melhores coisas! Adoro toda a independência e tal.

Sobre o Egito posso falar bem, estou morando aqui por um período e cheguei em Setembro deste ano. É possível viajar sozinho, mas prepare-se para o assédio. Não é somente com as estrangeiras, mas com as mulheres no geral. Nem tente entender o que se passa na cabeça desses homens daqui.

O que aprendi foi a falar em árabe de forma bem rude coisas como "você não é bom" "sai fora" e etc. Os homens assediam porque não esperam que as mulheres vão responder. Na cultura muçulmana existe o tal do respeito ao homem e muitas mulheres se calam.

 

Dois "causos":

Andava pelo calçadão na Alexandria com a minha amiga, quando 10 adolescentes começaram a jogar pedrinhas na gente. Me emputeci e mandei eles se f*** em inglês. Desapareceram em 1 segundo.

Um cara começou a seguir minha amiga e a assediar em um mercado de rua. Ela com vergonha não falou nada. Quando eu disse em árabe "cai fora" ele me olhou super assustado e sumiu.

 

Não dê bola, para pedir informação peça à mulheres. Mesmo viajando sozinha, nunca aparente estar sozinha, faz cara de que sabe onde está, de que conhece como as coisas funcionam. Não precisa cobrir o cabelo, mas ande de forma mais conservadora.

 

E se precisar de qualquer coisa, pode me perguntar. :)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estive no Cairo agora em fevereiro/2013 com meu marido. Andamos muito a pé, inclusive a noite. Posso dizer que em nenhum momento me senti vulnerável, ou numa situação de risco, mas penso que se eu estivesse sozinha, em algumas situações a coisa poderia ter sido bem diferente...sem dúvidas a presença de um homem, ou de um grupo faz diferença.

Eles te olham do cabelo aos pés, encaram insistentemente, cochicham e riem entre eles, tiram foto escondido com o celular, às vezes andam meio perto demais de vc, te encostam sem necesssidade. Meu marido ouviu inúmeros "Lucky man" e até um "How many camels? I want to buy her. You just say how many camels do you want."

Fato consumado mesmo só aconteceu uma vez quando o "vigia" da entrada da Pirâmide vermelha pediu para tirar uma foto comigo, me abraçou meio apertado demais e veio com a famosa mão boba...e ficava pedindo mais uma foto, e outra, e outra. No final o cara de pau ainda pediu gorjeta por ter tirado a foto!

Como tudo na vida, não se pode generalizar. Encontramos vários egípcios educados, bem humorados, prestativos para dar informações. De modo geral fomos super bem tratados em restaurantes, lojas, staff do hotel, táxis. Curiosidade pelos ocidentais eles têm mesmo, grupos de adolescentes pedem pra tirar foto com você, crianças ficam paralizadas te olhando, mas isso sinceramente não me incomodou. É manter o bom humor e viva a diversidade cultural!

Uma dica que eu daria para mulheres sozinhas é contratar um guia. Eu indicaria o Sheriff

(email: [email protected]), já citado outras vezes aqui no site. Ultilizamos os serviços dele e valeu cada centavo! Ele é formado em Línguas Latinas (fala português!) e é uma pessoa de altíssimo nível, educado, super culto e politizado. Nós tivemos verdadeiras aulas de história, política e religião do Egito. Além da comodidade de ter um carro com motorista por nossa conta (e não ter q perder tempo entendendo o transporte público confuso do Cairo), tb evitamos golpes, extorsões e outras roubadas tão comuns naquelas bandas!

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom, comecei a pesquisar hoje minha viagem para o Egito. E seria justamente a parte da viagem que estaria sozinha.

Fiquei um pouco apreensiva mas pelo que entendi nao é nada que te faca desistir de seguir viagem, certo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não é caso de desistir não Chaiana! É um lugar fantástico, vc vai adorar! O intuito dos relatos é alertar, e deixar a mulherada mais preparada para o que vai encontrar. O aperto de um quando compartilhado aqui, pode evitar a cilada do próximo!

Mande email pro Sheriff citado aí em cima, eu te recomendaria demais, se possível, contrata-lo como guia!

Se eu puder te ajudar mais, pode perguntar!

Bjs!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Respondendo direto a pergunta da Jaqueline, posso relatar a minha experiência.

Voltei do Egito na semana passada, viajei sozinha por duas semanas, sem nenhum problema, fui à Luxor e para a região do Mar Vermelho em Sharm El Sheik de avião em razão da suspensão do trem. De Sharm a Cairo de ônibus, tudo muito seguro e tranquilo. Nas regiões turísticas a segurança está reforçada, inclusive nos hotéis de 3, 4 e 5 estrelas há detector de metais.

 

O que recomendo para as mulheres que, utilizem blusas folgadas que cubra totalmente o quadril na rua, evite decotes profundos, vestimenta sem mangas e roupas justas, porque os muçulmanos não pensam como homens latinos, entendem que mulher que mostra parte do corpo não precisa respeitar, que pode tocar ou passar a mão boba, mesmo sabendo que é turista, mas, se estiver com roupas discretas e adequadas eles te respeitam muito e passam a ser gentis e generosos.

Não há necessidade de uso de lenço na cabeça.

Na região da praia ou do rio, dentro do hotel pode usar de tudo inclusive, short, mini saia, mini vestido e biquíni, mas, nas praias públicas ou nos passeios de barco as mulheres muçulmanas usam roupas de banho parecidas com roupas de mergulhos, que são calças compridas, blusa de mangas compridas com saia/babado cobrindo o quadril e lenço cobrindo todo os cabelos, as que utilizam burcas tomam banho de burca, por isso esteja preparada para a diferença cultural.

 

Para pegar um táxi, tenha sempre o mapa ( Google Maps) e o endereço para onde quer ir além de papel e caneta, pois, sempre nos aeroportos, ponto de ônibus e na saída dos pontos turísticos exitem aproveitadores e enganadores, podem mudar de valor no meio do caminho. Faça piti, eles se assustam e volta para o valor inicial ou quase. ::lol4::

 

Em Cairo, quando pegar um táxi fora do lugar acima, eles cobram o valor fixo pré determinado ou utilize o taxímetro, lembrando que o transito é caótico. Se tiver smartfone ou tablet utilize o GPS e veja por onde o taxista está caminhando.

 

No Egito, pode andar de dia ou de noite, exceto no horário do toque de recolher, ( de 0h a 5h, exceto na sexta de 19h a 5h), atualmente há exército e policiamento em todos os cantos, lá ninguém te recomenda para tomar cuidado com a bolsa ou ladrão. Achei um país muito seguro para viajar sozinha, muito melhor que no Brasil.

 

Transporte público é tranquilo, só que sempre lotado mas muito barato.

 

Se pretende viajar de ônibus recomendo que seja de dia, pois em todas as estradas há várias barreiras de exércitos verificando os passageiros e o visto de entrada e o passaporte.

 

No Egito tudo tem que ser negociado até cansar, exceto se tiver preço afixado como no supermercado, transporte público, avião, trem, hotel, restaurante quando tem cardápio e pacote turístico de empresa, se tabelado.

 

Um exemplo foi o valor de um metro de tecido de algodão egípcio no Souq, que variava de LE 200, 70, 40, 20 e finalmente o menor valor foi 10. :o . Não comprei.

 

São pouquíssimos estabelecimentos que aceitam cartões, por isso tenha sempre dinheiro.

 

Quando pesquisar "hotéis" no site, se não apresentar a foto da fachada do hotel, com certeza não é hotel mas um dormitório ou albergue ::grr:: . Em Cairo alguns transformaram apartamentos antigos e grandes, anunciando que é hotel. Aí você chega no local não acha o hotel porque não tem placa, depois, entra num prédio velho residencial e lá em cima está o tal "hotel". Melhor procurar o hotel de verdade, nem sempre as recomendações publicadas na opinião dos hóspedes são verdadeiras e nesse momento de crise os bons hotéis estão fazendo promoções.

 

No momento, para quem gosta de museus ou algo assim é a melhor época para ir, pouco turista sem nenhum tumulto. ::otemo::

 

Abraços

lisavix

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá Jaqueline.

 

Acabei de postar o relato da viagem que fiz ao Egito em abr/2012. Eu viajei com meu amigo e mesmo sendo ele figura do sexo masculino, tive muitos transtornos com assédio dos egípcios.

Foi o pior lugar que estive até hoje, apesar de afirmar que o Egito é um lugar que todo mundo deve conhecer.

Um comerciante me disse que o pior mesmo é ficar com os cabelos à mostra. No Cairo é o pior.

Se interessar, dá uma lida:

http://www.mochileiros.com/egito-de-historias-incriveis-mas-que-foi-tao-dificil-pra-mim-t91287.html#p919326

 

Boa sorte!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...