Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

MauroBrandãoo

Pico da Bandeira - Serra do Caparaó - ES/MG Agosto 2013 (Com Muitas Fotos)

Posts Recomendados

[Relato originalmente postado no meu blog chamado De Mochila e Bota ]

cropped-capa-1.jpg.0d3296f0aef882a5995f75537a868685.jpg

Buenas amigos, mochileiros, curiosos e você que não tem a menor ideia de como esta lendo isso aqui.

 

Segue agora o relato da viagem que fiz do Paraná até o Estado Capixaba do Espírito Santo em busca de subir o maior pico acessível do Brasil chamado Pico da Bandeira, que fica localizado na Serra do Caparaó na fronteira do Espírito Santo com Minas Gerais !

 

Preparação

 

Basicamente, a única coisa que precisei comprar mesmo para o pico foi uma lanterna de cabeça, pois a subida é feita de madrugada, e nada melhor que deixar as mão livres para uma trilha noturna.

 

Roupas de frio são essenciais pois lá faz muito frio

 

Equipamentos básicos de Camping

 

Barraca, manta térmica, colchão de ar auto-inflável que comprei na decatlhon, lanterna de cabeça, lanterna de mão, saco de dormir, canivete, cantil e fogareiro, pois em parques estaduais é estritamente proibido realizar fogueiras.

 

Gastos

 

Passagens de avião de Londrina até Vitória pela Tam. Comprei 2 trechos, o primeiro de londrina até São Paulo(GRU) e São Paulo Vitória(VIX). Comprei deste jeito por sair R$ 150,00 mais barato.

Total passagens R$ 650,00 dilmas.

 

Excursão – Através do meu amigo CJ, que conheci no Tren de la Muerte indo para a Bolívia em Janeiro, consegui entrar em uma excursão organizada pelo Angelo saindo de Cachoeiro até Alto Caparaó.

Nesta excursão, estava incluso:

 

- Ônibus de Cachoeiro até Alto Caparaó ida e volta(R$ 75,00)

- Café da Manhã no Sábado (R$ 10,00 a vontade)

- Ida e volta de Jipe até o começo da trilha(R$ R$30,00)

- Entrada e diária no Parque(R$ 17,00)

- Mulas para a Bagagem(Descida e subida até o terreirão R$ 30,00)

- Almoço no Domingo (R$ 15,00 a vontade)

 

Total ficou em R$ 177,00.

 

E também separei dinheiro para deslocamentos e comida no Aeroporto. Por ter comprado trechos separados, na ida fiquei das 10 hrs até as 15 hrs em GRU e na volta fiquei das 13 hrs até as 20 hrs lá(é meu amigo, Vida de viajante não é fácil, tudo para economizar :D ).

Dicas

 

- Se você partir do sul, é melhor ir por minas direto para a Serra do Caparaó. Eu fui para Vitória por ter amigos lá e fechar com eles.

- Leve roupas de frio como :

 

Gorros e Luvas de lã;

Bonés;

Calça de Moleton e calça jeans para sobrepor;

Suéter;

Camisetas leves para caminhada, de malha;

Bota resistênte;

Cobertor ou Saco de dormir;

Isolante térmico, colchão e barraca.

 

Alimentação : Fogareiro, enlatados, miojo, doces como de banana,sucos e bolachas. Lembre-se que é importantíssimo se alimentar bem.

 

A Barraca é um item muito importante. Compre uma de qualidade que aguente bem os ventos. É essencial que seja impermeável. Existem bons modelos com bons preços.

Eu aconselho a Falcon da Nautika(R$160 média), a Everest da Guepardo(essa eu tenho, R$ 220,00 média) e a Bivak da Trilhas e Rumos(R$ 350,00), todas essas são de 1 pessoa.

 

Basicamente, material básico de camping em lugares frios.

16 de agosto de 2013 – De Londrina(PR) até Marataízes(ES) e Alto Caparaó(MG)

 

O dia começa cedo pra mim, consegui folga no trabalho, comprei as passagens e acordei cedo para seguir para o aeroporto.

Chegando lá fui tomar um cafézinho aguardei alguns instantes e já embarquei rumo a GRU todo animado. Cheguei as 10:00 hrs em GRU, e ai começou a minha espera até as 15:20 para embarcar para Vitória.

O tempo passou voando e quando vi, tive que sair correndo para embarcar ! O Vôo durou uma hora e pouco, e logo quando desci fui pegar minha mochila na esteira.

 

Acho engraçado como o pessoal olha quando estamos de mochila. Todo mundo fica olhando, parece a coisa mais estranha do mundo aquela mochila toda equipada. Imagino que o pessoal pensa :

 

- Olha outro louco ai, aventureiro.

 

Pelo menos tento acreditar nisso, pois todo mundo, lá no fundo, tem essa vontade de fazer algumas loucuras. Alguns não fazem por falta de tempo, dinheiro, oportunidade, mas sinceramente o que falta mesmo é a coragem de meter a mochila nas costas e partir.

 

Logo quando peguei minha mochila, sai do desembarque e encontrei o CJ, ele ficou de me dar carona até Marataízes que fica a uns 120 km de Vitória.

Quando entrei no carro ele disse que estava com um problema na bateria. Isso já aconteceu comigo e sei muito bem como é, então, dale tranco do Uninho !! hehehe !

 

Então, seguimos para a Terceira Ponte para seguir para Marataízes. Era mais ou menos umas 18:00 e todos sabem que 18:00 em cidade grande o trânsito vira um inferno ! Ai não deu outra, o transito na Terceira ponte andava mais devagar que o rubinho. Quando estávamos na metade da subida, o carro morre.:shock:

Moço, a gente tava na subida !! Pensa, em pleno horário de pico, um carro sem bateria morre !:shock::shock::shock::shock:

 

Hahaha. É a vida. Agora era resolver. Ficamos sem ação no primeiro momento, mas depois falei com o CJ para tentarmos dar um tranco de ré. Para dar um tranco de ré, eu tinha que afastar o carros de trás e tentar em um pequeno espaço fazer o carro pegar de ré ! Foi o que fizemos.

Tentamos a primeira, sem sucesso, ai o camelo aqui foi empurrar o uno pra cima para poder descer !! Graças a Deus o Uno é um carro leve e eu sou um burro de carga que tenho um pouquinho de força, e consegui empurrar o carro pra cima sozinho.

O Engraçado foi o pessoal passando do lado e olhando com cara de assustado eu empurrando o carro na subida sozinho !! hahaha !Eu ouvi até um :

 

- Olhá lá, puta que pariu !!

 

Hahahah ! Bom, depois de umas 5 tentativas, 4 empurradas pra cima e a ultima comigo no volante, conseguimos fazer o carro pegar, para a alegria da nação. Nessa brincadeira perdemos quase uma hora. Mas aquele não era o nosso dia.

 

vitoria.jpg.3a3acd46ef0b42f3d01df6231dd06007.jpg

 

Seguimos em frente, e como o CJ não conhecia muito bem Vitória, ficamos andando até achar a Terceira Ponte. Nisso gastou mais gasolina e começamos a ficar sem !! hahahah

Então, tivemos que entrar em Guarapari para abastecer e fazer uma chupeta!

 

Quando voltamos na estrada, e parecia estar tudo certo, houve um acidente na 101 e tivemos que fazer outra volta !

Resumindo, era para a gente ter chego mais cedo, mas chegamos mesmo em Marataízes as 21:00, horário que estava marcado para o ônibus sair !

Cheguei na casa do CJ, tomei um bom banho e partimos para o Busão.

Logo quando chegamos, já tinha alguns caras esperando. Cumprimentei a todos e partimos para Cachoeiro do Itapemirim.

Quarenta minutos depois, chegamos e ai a galera estava completa.

 

Quanto todos estavam subindo, ja veio o Edinho 13 com um Cajón e Uma viola !! Ahahhahaha

Agora sim vocês tão falando minha língua.

 

O CJ havia me explicado que a viagem de Cachoeiro até Alto Caparaó, direto dura 3:30 hrs, só que pra não chegar muito cedo, a galera vai parando nas cidades pequenas, comendo alguma coisa, bebendo alguma coisa, e atrasando o coreto até dar a hora certa e chegar lá as 06:00 hrs !

E foi justamente isso que aconteceu !

 

Foi bom essa demora, pois tive oportunidade de me enturmar com aqueles capixabas totalmente receptivos e bacanas. Principalmente a galera do fundão do ônibus, da qual faço sempre parte !::tchann::

 

Paramos em uma cidade no caminho, não me lembro o nome, fomos para uma barraquinha de lanches, levamos o cajón, a viola e o Eugênio a Gaita e começamos a fazer um som lá !O Edinho mandando muito bem na percussão com o Cajón, o Catonha na viola e o Ângelo na Gaita ! Ficamos umas duas horas mais ou menos, e te juro, paramos a cidade(pelo menos as pessoas que estavam acordadas das 03 as 04 hrs da manhã) !

O legal era o Catonha. Pensa num violeiro de mão cheia ? O cara é uma enciclopédia musical. Tocou de Belchior a Ira !!! E todas as músicas muito bem tocadas, com o Cajón sendo tocado pelo Edinho muito bem. E o Ângelo tocando a gaita. As vezes até arrepiava velho !!!

As horas passaram voando.

 

Voltamos ao ônibus e ai sim, seguimos diretamente para Alto do Caparaó. Como eu estava viajando o dia todo, desmaiei no ônibus.

Observação

 

Neste dia não tirei muitas fotos, mas só esse dia ! :D

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

[Relato originalmente postado no meu blog chamado De Mochila e Bota ]

cropped-capa-1.jpg.2df6f2067d360a4a2d2136828fe6e7a9.jpg

 

17 de agosto de 2013 - Alto Caparaó(MG) e acampamento no Terreirão !

Solavanco… ::dãã2::ãã2::'>

 

Acordo com o movimento do ônibus !! Parecia que havia dormido umas 20 horas seguidas ! Olhei para fora e já estava claro, olhei no relógio, era por volta das 6hrs da manhã.

Olhando melhor para fora, já vi alguma casas, e olhando mais uma vez, vi que estávamos em uma cidade.Nesse momento todos começaram a acordar também como eu. Parece que foi até combinado, pois o solavanco do ônibus acordou a maioria do grupo. O CJ continuou dormindo ainda por um tempo !

Começamos a subir uma rua, e um olhando para o outro com aquelas caras amassadas. Homem já é feio por natureza, mas quando acorda é pior !! Hahaha !

 

Finalmente chegamos a cidade de Alto Caparaó no estado de Minas Gerais. O ônibus para, e logo o pessoal começa a descer.

Logo quando desço vejo uma cidade com paralelepípedos, algumas placas, e logo em frente ao bus olhei em que rua estávamos, era a rua Pico da Bandeira ! :D :D :D

1.jpg.95be6f468f6f56f1194a858c9c746942.jpg

2.jpg.1941ec241ff14ca222174f61f7a348e7.jpg

003.jpg.2007c22d4c1c1b425ab1fc027f41a7ff.jpg

04.jpg.a14e95d440762412dcb00c68a38fd665.jpg

05.jpg.893ae58255fef07541f7fb2332acf6b2.jpg

Paramos a alguns metros do Restaurante mineiro, onde estava marcado nosso café da manhã. Nosso ônibus chegou praticamente no mesmo horário que um outro, e pelo que percebi a maioria do pessoal que vai para alto caparaó chega mais ou menos naquele horário, e para também naquele restaurante.

 

O Pessoal começou a descer do ônibus e ir direto tomar café. Uma pequena fila se formou mais logo todos se serviram. Agora, meus amigos, pensem em um café da manhã BÃO !!! Hahaha ! Tinha suco natural, de popa mesmo, queijo(minero,claro), pães, bolos e muitas outras coisas boas. Então, aqui já vai a primeira dica do dia, tome café da manhã naquele restaurante. Custa uns R$ 10,00 reais, mas vale a pena, a galinha e o galinheiro todo !

06.jpg.8cb442b0034a310ad25c07c57bdc0765.jpg

07.jpg.835990ec67760a92002efcfbcdd0fd91.jpg

08.jpg.a80a7704eadaa5d93f0f6b6f722f9b4b.jpg

09.jpg.ebde88f73e026bc0da5bf34d55545ee7.jpg

Após um café da manha reforçado e à vontade, começaram a chegar uns jipes para levar o pessoal até o começo da trilha. Foi interessante que todos chegaram de uma vez só fazendo um barulão naquela cidade pequena.

 

O grupo do primeiro foi primeiro, e nós ficamos esperando a nossa vez. A Viagem de ida e Volta no outro dia fica por R$ 120,00 dividido por 5, que é a capacidade de cada jipe com bagagem. Portante, R$ 24,00 reais por pessoa !

 

Sentamos e ficamos papeando até os jipes chegarem ! E é claro, aproveitamos para registrar algumas fotos do nosso grupo, que era praticamente composto de Capixabas e Eu, o Paranaense. Então, meu de nascimento passou de Mauro Brandão para Paranaense, Paraná, Gaúcho e suas ramificações, além de também “Manjar dos Paranauê” de acordo com os capixabas ! hehehe !

 

Ai meu povo, quem me conhece sabe, virei amigo de infância do Gabriel, Fausto, Frank, Deivid, Catonha e todo o pessoal. Foram muito receptivos comigo, me senti realmente da família !! hahaha

10.jpg.c9e071ea6e48b87377942c2ecea3e30f.jpg

11.jpg.a409e3c665541ce653a3d4a75756a9ee.jpg

12.jpg.420b924c4fff90b3dfec9abe853b859f.jpg

13.jpg.b172714e7705ef3dc5bb0cdee21f54f3.jpg

14.jpg.c1321a11d96a5be9633ff838459aea55.jpg

15.jpg.626df7e2617e142e4602b9e25a144d7b.jpg

16.jpg.66086e0ad37589000d70d985e029f67a.jpg

Chegando os Jipes, a galera embarcou e tocamos para a entrada do parque e posteriormente o começo da trilha ! No caminho até a entrada do parque existem varias pousadas, um restaurant gourmet e um campo de Paint Ball ! Então, quem tiver interesse, tente dar uma pesquisada. Eu vi muito rápido o campo de paint mas pelo visto era bem bacana ! ;)

17.jpg.478a2b871239c87f2d539f0814eedf9c.jpg

18.jpg.00abe69fde9b63bdfa6782c4a1dcfe0b.jpg

19.jpg.6d8e4f7cfcb4ae577e3c8c31f516ef6f.jpg

20.jpg.2a816a4c67eff82c072179c3a60e5716.jpg

O valor de entrada no parque é de R$ 11,00 , mas se quiser passar a noite lá acampado o preço fica entre R$ 17,00 !

Como o Angelo já havia planejado tudo(Palmas para você Angelo pelo organização), passamos pela entrada do parque. Da entrada até o começo da trilha são 7 km de subida muito forte. Não é permitido entrar com bebidas alcoólicas no parque, existe um pessoal ai que dá um jeitinho, mas é proibido.

 

Chegando lá reunimos o pessoal, o CJ me disse sobre um mirante, e fomos lá conferir. A alguns passos avistamos várias barracas de um outro grupo que já estavam acampados desde o dia anterior, era um grupo conhecido do CJ. Cumprimentei o pessoal, enchi o cantil e fomos ver o mirante, e realmente o lugar é lindo.

21.jpg.4b853bd8a723a7d2e88d57985b30858b.jpg

22.jpg.b03ef3943d63a1ab718c8051e5a504e5.jpg

23.jpg.1646f5c0121de294408d8cef27e9337c.jpg

24.jpg.f1efc966d0c837230c0c76889c814a57.jpg

E logo em seguida as mulas chegaram. Essa mulas são para carregar a bagagem de quem esteja disposto a pagar . O grupo no qual fui tem o costume de pagar as mulas pois levam material para cozinha como botijão de gás, panelas e um tenda pois não se pode fazer fogueiras no parque, e eu também não fui diferente, pois minha mochila estava com 18 kg. O preço de cada Mula é mais ou menos R$ 70,00 reais, e ela leva bagagem de mais ou menos 2 a 3 pessoas. Cabe umas 2 mochilas de 70 litros igual a minha ou mochilas e malas menores. Vale a pena viu !Se dividir por pessoa, fica em torno de uns 25 para cada.

25.jpg.88dbe58ea1dc86153907b5744a3a1465.jpg

E começa a subida !! Sinceramente eu achei bem leve a subida. Pensava que ela era forte, com uma subida constante, mas na verdade ela é bem sossegada !

Logo quando você começa subia é mais forte, mais após uma meia hora mais ou menos ela fica bem sossegada.

26.jpg.25adc43e3996806fb355092e9784f58a.jpg

27.jpg.0f3afdeec1799537078dafc9690fabd4.jpg

28.jpg.df71ecf1f0d0803dbdfeca6a9f2960aa.jpg

29.jpg.edcdcc3f26a35311ce767f4f57e1c7e5.jpg

Logo no caminho existe o chamado cemitério das pedras, com várias pedras empilhadas. De acordo com o CJ, essas pedras funcionam como uma comunicação entre os trekkeiros, sempre empilhando as pedras e a ultima apontada para a direção na qual esta seguindo ! Lá usamos como primeiro posto de descanso, pois estávamos fazendo a trilha com o pessoal, e muita gente não tem costume de andar nesse tipo de terreno e tal. Por isso acho legal quem tiver querendo entrar nessa vida de trilheiro, de começar a se mexer correndo, andando e começar a ir na academia, faz uma diferença enorme !

30.jpg.5d7cf55ca93300de03e24527d5510ccc.jpg

31.jpg.31f3f586b046cfaa8e12b4cf4f4df895.jpg

32.jpg.232fabfab8abc44f321000e1f66596e6.jpg

33.jpg.95225cfd0f848a262855dbbf6566285f.jpg

34.jpg.70a839a6f4442b71dbd1e7ebc52cbc8e.jpg

Andando e andando avistamos uma Araucária enorme. Aqui no Paraná é bem comum, mas naquela região ela era a única !

35.jpg.5c0ac55130277f72382d00a2ab965d5c.jpg

36.jpg.25e6baef055fef4aa40088410ea4b027.jpg

Após uma hora e vinte avistamos a placa do terreirão !

37.jpg.0c9d677f871af243e98bdb60ef0cbe88.jpg

 

………

 

Pessoal, a postagem estava ficando muito grande, por isso dividi esse dia em 2 postagens. Ok ?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito bom Mauro, aguardando ansiosamente a próxima postagem kk

 

Você saberia informar em quanto tempo que você fez a trilha na ida e na volta? e gastou mais ou menos quanto em tudo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fala Henrique !!

Cara, do começo da trilha até o Terreirão fizemos em 01:30 hrs, mas fizemos assim porque havia mulheres e um pessoal meio acima do peso, por isso tivemos que parar algumas vezes. Se tu for em um grupo com gente mais acostumada da pra fazer em 01:00 hr ou menos ! Do terreirão até o Pico foram três horas, mas fizemos assim pelo mesmo motivo, muita gente não estava acostumada a fazer trilhas e tal, e sofreu demais ! Mas se tu tiver um mínimo de preparação pra trilhas, tiver acostumado, vai aguentar sem grandes dificuldades e se o grupo tiver no mesmo nível, da pra subir em mais ou menos 01:40 a 2:00 hrs ! Mas é importante ressaltar que é bom tu chegar no pico bem na hora do nascer do sol, por volta das 06:00 até as 06:10, pegar o sol nascendo e tal, porque lá em cima é MUITO FRIO ::Cold::::Cold::::Cold:: ! Pegamos -2ºC com sensação de -8ºC fácil. E o vento não perdoa ! Por isso não da pra ficar muito tempo lá em cima.

Vou ver se hoje termino de postar o restante do relato !

Abraços e se precisar, estamos ai !

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Continuando....

 

Mais um pouquinho e chegamos no terreirão. O terreirão é onde fica a casa dos guardas do parque e também onde o pessoal acampa. Existem umas mesinhas espalhadas por lá, e basicamente cada grupo tem uma ! Lá existe água encanada da montanha e chuveiro, mas não tem energia, portanto, sem água quente.

1.jpg.e28ad2dba734ec939101292fe4fc9a69.jpg

2.jpg.673d833b404931b00fc3a5884c03c679.jpg

3.jpg.5d2d65ee817d673729a7317512f6d104.jpg

4.jpg.0e45262625a03f0da6652213d82ddb45.jpg

Logo quando chegamos, escolhemos nossa mesa e esperamos as mulas com as bagagens, barracas e etc. O sol estava brilhando forte e esta um calor gostoso.

E finalmente as mulas chegaram e montamos acampamento.

5.jpg.89fad58206ec16b6d3748adf79b5d93a.jpg

6.jpg.3b24e5f34217115370db2b55d8909d70.jpg

7.jpg.ccb03b90bfcf4a48fdec28644d182635.jpg

8.jpg.132ce0caf34e0f5ab3d7b7e222b36635.jpg

E começamos a também fazer comida.

9.jpg.dd4f5803d28f7309078c66f5a9ca6dd8.jpg

10.jpg.faa48dc360bd31ee7a86b3b11baca26e.jpg

11.jpg.d558994f49c77748a3f5563b4356fe57.jpg

12.jpg.a9c8ec5f0117ddd089ba7eb985eb17eb.jpg

Volte e meia aparecia uma nuvem bem grande e encobria todo o terreirão. O dia foi avançando e a temperatura caindo. Quando chegamos devia estar uns 15ºC , mas logo de tarde antes do pôr-do-sol a temperatura foi caindo vertiginosamente.

13.jpg.9d2bb519fad924992fd7c1a3d71b339b.jpg

14.jpg.fe47fa54245895c5cdc8cd66ee28bd93.jpg

15.jpg.1e82a95733a1843dc53c51a2c71ad9eb.jpg

No meio da tarde fui lavar uma panela lá na pia quando vi um homem meio gordinho pisar em falso e cair. Aparentemente não foi nada.

Quando volto para minha barraca, ouço o pessoal comentando que um cara tinha aberto a canela. Liguei os fatos e fui lá conferir, pois fiz o curso de técnico em enfermagem e tenho noção de primeiros socorros!

Logo quando chego vejo o mesmo gordinho lá, com a perda suspensa, meio deitado no chão, um puta corte na canela de mais ou menos 6 centímetros de comprimento por 3 de largura, muito sangue embaixo da perna dela e para estancar o sangue, fizeram um garrote(amarraram a perna dele para estancar o sangue).

 

A primeira coisa que tive vontade de fazer quando vi foi dar risada. O cara tava quase branco de medo, muita gente em cima e a perna quase roxa !

Pessoal, quando alguém cortar a perna, e não pegar uma artéria(quando pega artéria esguicha sangue), é só fazer uma média pressão no local que já para. Lembre-se disso.

 

Então, fui lá, limpei o corte, fiz pressão no ferimento e tirei o garrote. Fiz um curativo rapidamente e o pessoal já foi falar com os guardas para chamar a mula, e mais tarde ele desceu de mula. Outra dica, sempre leve em acampamentos um pequeno Kit de primeiros socorros. É sempre útil !

 

Bom, a tarde passou rápido e logo fomos ver o pôr-do- sol, que diga-se de passagem, é uma espetáculo a parte.

16.jpg.62d9c1697dc772ee40eeecd92d85b4c8.jpg

17.jpg.ae5c6c774081a5246cd55724c9c03625.jpg

18.jpg.f3a45683c66ea44b07ee1fc17374aba1.jpg

19.jpg.50e2847f9e397c44f02edd3ade54e858.jpg

20.jpg.1560edac6b34b027a45f24e07d522e3b.jpg

21.jpg.d6c3f207fe130f5af9fe3e5e13d04e15.jpg

22.jpg.17885aa3c8881956d081dca92d00209e.jpg

A noite chegou, e com ela as temperaturas baixas também. Fiquei com dó dos capixabas, que não estão acostumados com temperaturas baixas. E é claro, dei uma zuadinha ! :D

 

Voltamos do por do sol e tocamos violão, comemos(muito) e ficamos curtindo a noite. Volte e meia ia no termômetro que fica na casa de pedra para olhar a temperatura, e lá mesmo conheci um pessoal de minas muito bacana. Quando você não se preocupa com relógio, parece que o tempo rende mais. Eram umas 21 hrs quando fui tentar deitar, mais ai ouvi o violão e segui “O som do coração” ! hahah

Detalhe, pegamos temperaturas de -1ºC ! Mas só tirei foto do 0ºC !

23.jpg.dbafa91fe8131c19793375c24c0f7adc.jpg

24.jpg.950f3e48997c3f1a59097cc12223f173.jpg

25.jpg.729793dc78bf0d6bb86400ba9e2366d8.jpg

26.jpg.9a520fad8364d6aa38d4227922a21303.jpg

Mais um tempinho, o pessoal foi deitando, pois marcamos de acordar as 3hrs da manhã para subir o pico ! Voltei para minha barraca, entrei no meu saco de dormir, brinquei um tempo com a lanterna(sim, as vezes faço isso) e aos poucos tudo foi ficando calmo, silencioso e tranquilo.

Texto Originalmente publicado no blog De Mochila e Bota !

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

[Relato] Pico da Bandeira na Serra do Caparaó – ES/MG | Vamos Subir ?

 

Acordo com as risadas do Fausto ou Frank, não tenho certeza !

 

A noite foi tranquila, muito frio, mas meu saco de dormir deu conta do recado sem problemas. Levanto, coloco minha lanterna cabeça, minha Parka(Blusa de Frio) e saio. Pensa num frio ! hahah

E olha que sou do sul estou mais ou menos acostumado com baixas temperaturas como 6ºC !

 

Click ! Ligo a Lanterna, procuro o CJ que já estava de pé e a galera se junta. Olho no relógio e vejo, são 02:50 hrs da Madruga !

Quando olho ao redor, vejo várias pessoas de pé, não só onde estávamos acampando, mas também todo o pessoal do Terreirão estava se preparando para subir. Quando fui chamar o cabelo, ele me disse que o tornozelo estava ferrado e não iria subir. Concordo com ele, não adianta subir com o tornozelo, parte fundamental em qualquer caminhada, ferrado, e como ele já vai para o Pico fazem uns 8 anos, de boa.

 

Não falei ainda do tempo né, só da temperatura. A lua que iluminava mais que o sol quando fui dormir, estava escondida atrás de muitas nuvens, densas e cinzentas. Pelo que conheço do tempo(não muito), percebi que era provável uma chuva ! Mas “vamo que vamo“.

3.jpg.686c7e1d6bee5af02907aff8fad4c00a.jpg

O CJ lidera o grupo de subida, e todos seguem em fila indiana pela trilha. Ela começa pelo lado esquerdo do Terreirão, tomando os banheiros como referência. No começo ela é um pouco íngreme, mas nada tão forte.

 

No momento em que estávamos subindo, vários e vários grupos também estavam subindo, pelo que entendi, as 03:00 hrs é o horário que o pessoal normalmente sobe. Muitos disseram que se for um grupo com um bom preparo físico sobe até o pico em 1:30 hrs a 2:00 hrs, e no nosso grupo de subida haviam homens com um melhor preparo físico e algumas mulheres, por isso a nós(homens) íamos subindo na frente e em determinado ponto parávamos para esperar os casais e o pessoal que andava mais de boa.

6.jpg.734313eedbda46d88af27be40b213460.jpg

Continuamos assim durante toda a subida, só que em determinado ponto aconteceu uma coisa muito chata e desagradável, mas calma, não com o nosso grupo.

 

Quando estávamos subindo a primeira parte da trilha, que é um pouco mais intensa e forte, nos deparamos com uma mulher subindo com dificuldade, sem lanterna nem água, totalmente sozinha. Quando o CJ viu a situação, parou para perguntar o que havia acontecido, e ela explicou que o grupo dela havia ido na frente e deixado ela pra trás ! Da para acreditar ? ::grr::

 

O nome dela é Lorena, e fui deixada para trás :evil: , sem água nem lanterna, no começo de uma trilha, as 03 hrs da manhã, em um frio de 2ºC ou abaixo isso, em um Breu danado. Não vou nem comentar. ::bad::

 

Bom, o CJ disse que iríamos na frente ver se achávamos o grupo dela, e o pessoal que andava mais devagar iria acompanha-la !

 

Então, dito isso, apertamos o passo e ultrapassamos umas 4 grupos, perguntando se alguém conhecia a Lorena ou era do grupo dela. Nada. Ninguém.

 

Quando paramos novamente e esperamos o pessoal, conversamos com a Lorena e falamos a situação, e o CJ como nosso “Líder Amado” :lol: e nós como grupo adotamos ela para a subida. Deixamos um homem para acompanhar ela e ajudar, pois ela estava tendo muita dificuldade para subir sozinha.

 

Feito isso, partimos novamente para a subida. Duas paradas depois o cara que estava com ela, não lembro quem, veio até mim e disse :

 

- O Paraná(meu apelido), fica com ela porque a gente esta andando muito devagar e eu to com frio ! OK ?

- Ok !

 

E assim foi durante toda a subida do Pico da Bandeira, naquela fria madrugada de 18 de agosto de 2013. Agora com os papéis trocados, eu fiquei para trás e o pessoal foi na frente ! Hahah !

E nessa situação, o que me restava a fazer ? Motivar, animar e puxar conversa com a Lorena, para ela tentar esquecer a dor e o frio e fazer ela dar umas boas risadas, e olha, sou bom nisso ! ;)

 

Conversamos umas duas horas direto, no meio de vento cortante, temperaturas negativas e para completar, chuva. Chuva Boa, congelante, mas nada muito forte. É aquela chuva, como um amigo mineiro meu me diz, é “Chuva de moiá Bobo uai” !!!

7.jpg.f85fb370fb978f2ffeb65ee8d7edd313.jpg

Durante a subida, vimos vários grupos voltando e dizendo “Ta impossível ficar lá em cima, ta muito frio e chovendo”, e foi assim até chegar o pico.

Várias pessoas chegaram lá muito cedo, e mesmo com sol(não era o nosso caso), lá é muito frio. Ouvimos vários relatos que o pessoal havia pego -10º C em semanas passadas. Então, como o CJ mesmo disse e todos que vão lá todos os anos, o segredo é chegar 10 min antes do nascer-do-sol, para não sofrer tanto.

 

Mas isso com certeza não me desanimou, e muito menos a Lorena e nosso grupo. Eles podiam falar o que quisessem, só iria sossegar se subisse e visse por mim mesmo.

 

O percurso de subida todo fiz de mão dada com a Lorena, pois realmente ela estava com muitas dores e com a perna tremendo demais. Logo quando estávamos perto do cume, estava puxando a Lorena quando a Lorena reconhece o grupo dela. Ela me agradece rapidamente e se junta ao grupo.

 

Bom, 2 min depois disso já alcanço meu grupo, digo o que aconteceu e me junto a “Elite” novamente, desse vez na frente, por estar mais descansado.

 

Resumindo a parte da trilha até agora, posso dizer que a trilha não é tão forte quanto pensava. Existem partes um pouco íngremes, mas a maioria da trilha é uma subida moderada, com algumas partes mais fortes.

 

Após me juntar com os capixabas mais bacanas do Brasil novamente, começamos a subir a parte final do pico, essa sim é bem mais forte. Quando chegamos a placa de 200 m, agora sim meu amigo e amiga, o coração bateu mais forte. Esperamos o grupo, falamos com o Capitão CJ, e decidimos Frank, Fausto, Paulo e Eu subirmos mais rápido, pois como estávamos perto, dava pra gente se separar !

9.jpg.49e84b03e8104186adbce27608a439d9.jpg

Então, vamos que vamos. Mais uns momentos, falta de ar e frio finalmente chegamos ao pico negada !! #TodosComemora

 

Pensa num frio ?! Pensa “num” vento ” Mas chegamos. Molhados, quebrados, suados mas chegamos. Logo em seguida, fizemos um vídeo(Ative as legendas) :

Quando fui prestar atenção no ambiente, estava tudo coberto, chuva leve, vento forte, pessoas espalhadas por todo o pico, algumas com sacos de dormir, mantas térmicas ou simplesmente juntas e abraçadas !

14.jpg.28399d21fe64be3eaf739aedb91a8e18.jpg

Depois de um tempinho, o pessoal foi chegando e nos dirigimos para a Cruz para algumas fotos. Naquele momento deu para saber que o sol iria ficar escondido por um bom tempo ! E dale fotos!

16.jpg.b2a53229760e2ec8eab7c020d676cd54.jpg

Quando estava tirando esta foto, alguém vem até mim e diz :

 

- Você é o Mauro ?

 

o.O Pensei comigo na Hora :

 

- Eu to em outro estado, a mais de 1.200 km de casa, em cima do maior pico acessível do Brasil, como alguém pode me conhecer ? COMO ? ::ahhhh::::ahhhh::::ahhhh::

 

Foi ai que…

Continua…. ::tchann::

1.jpg.6911ac30fcc5a0d33ea30aa5ef3b1f5d.jpg

2.jpg.8d8cf2b542bddbb986ee4fe21c44e46f.jpg

4.jpg.3de579067b3b60e7f68045243b12469f.jpg

5.jpg.fc1d04a63785d8ccf76b4008e3f658de.jpg

8.jpg.df98ad30583f1463ddf25f7939fc85d2.jpg

10.jpg.3fa7137e720257238d9a41b3748e78d7.jpg

11.jpg.8ac1b71100816932161c141b35317a2b.jpg

12.jpg.dd29214a5498e69d0dc14c0c88046921.jpg

13.jpg.e805a3dd48cc852c06d13bd8f4f25272.jpg

15.jpg.82a701138849ab33859a148649c628dc.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Blz, galera?

 

Vou para lá na semana que vem, mas vou pelo lado do ES...

 

...Vamos ver o que espera...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fala Mauro.

 

Estou indo em Janeiro, mesmo sabendo da possibilidade de chuva, mas é o mês que eu estarei de férias.

 

Bom, você acha que da Praça do Alto Caparaó até a Tronqueira, dá para ir de carro de passeio. O carro é alto, mas não é 4x4. É um meriva.

 

O que acha?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...