Ir para conteúdo
Fred Moura

De mochila (literalmente) no Peru: Cusco, Vale Sagrado e Machu Picchu...

Posts Recomendados

Ao iniciar o ano de 2013 decidi fazer minha primeira viagem internacional! Dentre muitas idéias a que melhor se encaixou foi Machu Picchu! Logo no inicio de 2013 eu já andava pesquisando locais, custos, datas... e após alguns dias cheguei à conclusão de que deveria mesmo mergulhar no mundo Inca. Fiz essa escolha no dia 8/01/2013 e 2 meses depois (07/03/2013) comprei as passagens, aproveitando a antecedência e a baixa do dólar. Terrível! Agora teria que conviver com 7 meses de muita ansiedade, pois a melhor data para mim seria somente em outubro.

Enquanto a ansiedade tentava me matar, aproveitei para fazer mais pesquisas, escolher hospedagens, tirar documentos...

Decidi que deveria relatar aqui no Mochileiros, mesmo parecendo repetitivo, mas talvez eu traga informações atualizadas, ou que alguém ainda não tenha falado. Algumas situações que vivi lá não me lembro de ter lido aqui. Então espero trazer informações para aqueles que terão a grande experiência de passar por lá.

Bom, vamos lá...

 

PREPARATIVOS

 

Escolha da data: como sou professor, tiro férias no mês de julho todos os anos, porém vi muitos relatos que não seria bom ir a Machu Picchu no mês de julho. Então decidi ir em algum feriado. A data melhor pra mim foi de 9 a 14 de outubro.

 

Passagens: escolhi a data ainda em fevereiro e logo fiz a compra das passagens aéreas, já que as passagens poderiam ficar mais caras. As do trem eu comprei ainda no Brasil, algumas semanas antes.

 

Vacina: tomei a vacina contra a Febre Amarela e após alguns dias fui à ANVISA solicitar meu Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia. Documento esse que em momento algum foi solicitado, mas é bom ter, vai que...

 

Passaporte: apesar de não ser obrigatório, resolvi fazer, pois queria ter os carimbos dos países que eu fosse visitando e, principalmente, pelo carimbo de Machu Picchu.

 

Hospedagem: fiz muita pesquisa por aí, mas principalmente, me baseei em relatos aqui do Mochileiros para a escolha da hospedagem. Preferi me hospedar em quarto indiviual, pois queria ter noites tranquilas de sono. De acordo com indicações, escolhi e fiz contato com o Samanapata (Cusco) e com o El Místico (Águas Calientes).

 

Seguro Saúde: Resolvi fazer também um seguro para essa viagem. Contratei através de uma agência de viagem, na qual comprei as passagens. A empresa do Seguro foi a CORIS e custou R$ 99,88.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

1º DIA, 09/10/2013:

 

Na verdade esse dia começou as 19:25 do dia 08/10, pois meu embarque que era a 1:10 do dia 9 acabou sendo alterado pela TAM há poucos dias da minha viagem. Saí de Fortaleza, fiz uma conexão em Guarulhos e outra em Lima. Viagem muito tranquila, apesar de no vôo GRU-LIM, a poltrona que ocupei no avião da LAN não reclinava e tive que passar 5 horas de vôo numa posição desconfortável. Fora isso, o serviço da LAN é excelente!

 

Durante o vôo para Lima já dava pra ter uma noção do que viria. Olhando pela janela do avião pude contemplar algo que eu só tinha ouvido nas aulas de geografia: a Cordilheira dos Andes e o Lago Titicaca. Apesar de varias pessoas dizer que nesse vôo o lado direito era melhor, eu só pude ver o Titicaca porque estava do lado esquerdo.

 

GEDC4158.JPG.e43d1724eacc0ba02b668c8d756c9e51.JPG

 

GEDC4170.JPG.184a2517e60eb3e5485b3cde87f4c83d.JPG

 

Finalizando a viagem: o pouso em Cusco é um negócio muuuuito louco! Fico até agora tentando entender como aqueles caras conseguem aquela manobra! Que vertigem!!!

 

Chegando em Cusco fui recebido no aeroporto por uma pessoa do Hostel Samanapata que havia feito a reserva. Detalhe: 2 dias antes fui informado que este serviço teria em custo de 15 soles! Como se isso não bastasse, fui levado ao Hostel errado. Eles possuem 3: Riqchary, Comfort e Backpacker. Eu, claro, reservei o mais barato, mas chegando lá descobri que estava no Comfort. Reclamei e a dona resolver aplicar a tarifa do que eu havia feito a reserva: 44 soles a diária.

Chegado e instalado, sai para almoçar e como estava cansado da viagem, resolvi comer por perto, mesmo achando caro: “Trucha Frita” e uma deliciosa Cerveja Cusqueña (23 soles).

 

A noite dei uma volta pela Plaza de Armas e já aproveitei para comprar os passeios do City Tour e do Vale Sagrado. Escolhi a empresa “Inkaschacana” e não me arrependi! O guia era excelente! O nome dele era Benjamin e contava as histórias com uma riqueza de detalhes incrível, excelente guia. O preço acertado foi: City Tour 15 soles e Vale Sagrado 45 soles (com almoço).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

2º DIA – 10/10/2013:

Resolvi acordar cedo e já sair pela cidade, andei por aquelas ruas incríveis, visitei alguns lugares, fiz cambio na Plaza de Armas (US$ 1.00 = S/. 2,75), comprei o Boleto Turístico (completo: S/. 130,00) e a entrada para Machu Picchu (S/. 128,00)

 

cusco1.JPG.0542024f71d377029bff2fff9195f308.JPG

 

A tarde iniciamos o City Tour, começando as 14:00 e terminando as 18:30. Passamos pelo Qoricancha (pagando 10 soles a mais), Saqsayhuaman, Tambomachay, Puca Pucara e Qenqo. Incrível ver aquelas construções em pedra. Mas é lamentável essas agencias começarem um passeio, fazê-lo as pressas e terminar as escuras. O nosso guia, quando entravamos em um dos sítios ele dizia “deixem as fotos pra depois da explicação, não vamos perder tempo”. Mentira! Aproveite e vá tirando suas fotos, pois depois não sobrará muito tempo! Nosso City Tour terminou em Qenqo, quase às escuras. Na volta, eles ainda param em uma lojinha de artesanato. Tudo muito caro!

 

GEDC4392.JPG.3264cdc0c1dbb4ddf266436458604fe4.JPG

 

GEDC4446.JPG.06ebbe28b4d81fb245a22345e8eb3870.JPG

 

GEDC4508.JPG.3837d2a34e4c37a808a650f4fdc41e46.JPG

 

GEDC4574.JPG.0dfe0d34e2dbf1e8a0b9a0488ad7cf8f.JPG

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

3º DIA – 11/10/2013:

Dia de percorrer o Vale Sagrado! Começamos o passeio as 9:00 rumo a Pisac. Antes, no meio do caminho eles param com a desculpa de que será a última parada com banheiro (que eles chamam de “Servicios Higiénicos”), mas na verdade é mais uma daquelas paradas estratégicas para compras. Eles devem ter algum acordo com esse pessoal. Aproveite para usar o banheiro, o próximo só no almoço em Urubamba.

 

 

GEDC4618.JPG.6982ea5f181f553ddfa81c14860952b6.JPG

 

 

Aqui não vou relatar, nem contar as histórias que ouvi do Vale Sagrado. Acredito que cada um queira fazer a sua própria experiência do local. Deixo apenas algumas fotos desse lugar fascinante...

 

 

GEDC4709.JPG.3e94ff0a89718ac865fb29727913c35a.JPG

 

GEDC4739.JPG.cb1670c991944f259c67e1e4d2d9b7aa.JPG

 

GEDC4909.JPG.fbf89af7b41670a4f489d89a02df7800.JPG

 

GEDC4856.JPG.a4d5119cda5d9904f865d13072b24dc1.JPG

 

 

Finalizamos o Vale Sagrado em Ollantaytambo, apesar de o passeio prosseguir até Chinchero e retornar a Cusco. Em Ollanta peguei o Trem Expedition para Aguas Calientes as 19:00. Em Aguas Calientes a moça do Hostal El Mistico já estava aguardando na estação e aproveitou para indicar o local onde comprar o passe do ônibus para subir a Machu Picchu (US$ 18,50).

 

Essa foi uma das melhores hospedagens que já tive. Até demais para um mochileiro, mas reservei baseado em algumas indicações aqui. Paguei S/. 49,00 num quarto individual. O serviço é excelente: quarto limpo, toalhas, papel higiênico, sabonetes, um bom café da manhã (elas perguntam a que horas você quer tomar), dormida com o barulho do rio... FANTÁSTICO!

 

 

GEDC4926.JPG.908431e51114bedffdb40696d93013ea.JPG

 

GEDC4934.JPG.ce9669e6389f2f2313729e785a450e00.JPG

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

4º DIA – 12/10/2013:

O GRANDE DIA!!!

Acordei bem cedo para tomar café e ser um dos primeiros a subir. E como tava tudo indo perfeito demais, o dia resolveu começar CHOVENDO! Não acreditei, esperei tanto por aquele dia... Maaaas, a chuva logo diminui e dei início à minha subida! Aqueles 20 minutos pareciam uma eternidade! Como demorou pra subir!!!

 

GEDC4936.JPG.cae8196248431f80e3dc0575a9cf5e21.JPG

 

Demorou, mas chegou. Entrei na cidadela e após uma leve subida eu já podia ver algumas construções. Mais um pouco e dei de cara com ele: Machu Picchu!!! Nossa, eu passei alguns minutos olhando aquilo e só consegui pensar em uma palavra: INACREDITÁVEL!!! Eu passei anos sonhando, meses planejando, horas viajando... e agora eu estou aqui. Eu não conseguia parar de olhar e admirá-lo! Aproveitei para tirar a foto clássica antes que o lugar ficasse cheio.

 

GEDC4964.JPG.03664cbbeb33434e8da61ac7951bfb8d.JPG

 

Logo depois da contemplação comecei a explorar o lugar. Resolvi começar indo até a Porta do Sol (Inti Punku). Pensei que fosse perto, mas a caminhada parecia nunca acabar. Acabei com meu joelho fudido nessa subida, mas e daí? Eu estava em Machu Picchu e isso era o que importava!

 

GEDC5000.JPG.de8ee4c8b8f0edbc44041d67502c8cd0.JPG

 

GEDC5064.JPG.13dc580c3492def83d6ad40e05d38b0b.JPG

 

GEDC5084.JPG.0b6cc7c166bdb775931c9032621b72d4.JPG

 

Depois de voltar de Inti Punku saí andando pela cidadela. Não contratei guia, então aproveitei para ouvir (discretamente) o que os guias contavam aos grupos.

 

GEDC5173.JPG.723679bdf05530274af7058b73000ea7.JPG

 

GEDC5226.JPG.9fb7e8738f1852eaf51594670d2cde9f.JPG

 

Intihuatana, minha preferida! A pedra está devidamente alinhada com os Pontos Cardeais. Alguns guias dizem que ela não pode ser tocada por ser sagrada, mas na verdade é por causa do suor das mão, que mudaria a cor da pedra.

 

Entrei as 6:00 e saí as 12:30. Consegui ver muita coisa, mas foi muito cansativo. Não levei protetor solar e tive um brozeamento terrível. Minha alimentação foi, basicamente: 4 barras de cereal, uma garrafinha de água e duas garrafinhas de gatorade.

 

Antes de sair de Machu Picchu, resolvi subir mais uma vez e dar uma última olhada! Nossa, meu joelho tava fudido e eu ainda achei forças para subir de novo! Mas valeu a pena, hoje meu joelho não dói mais, nem me lembro de ter sentido fome ou sede, nem há sinal daquele cansaço extremo! Mas a visão daquele dia, essa sim é inesquecível!

 

Por fim, resolvi voltar. A fila do ônibus estava enooorme!!! Passei quase 1 hora em fila pra poder embarcar e descer. De volta à parte de baixo tive que comprar algo para dor muscular. Voltei pro Hostal e dormi um pouco. Acordei algumas horas depois e fui ver o tal Banho Termal. O lugar não parece ser muito higiênico. Perguntei a um cara que trabalhava lá com que freqüência aquela água era trocada nas piscinas e ele disse: “todas las noches”. Então, se você quer se banhar naquelas piscinas vá pela manhã, ou então fique embaixo de uma das fontes de águas correntes! Esse banho foi muito bom pra aliviar minhas dores musculares.

 

Resolvi passar mais uma noite em Aguas e seguir no dia seguinte para Chinchero. Pra encerrar o dia comi uma boa pizza por 15 soles...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

5º DIA – 13/10/2013:

Acordar cedo, tomar café, pegar o trem para Ollantaytambo... que locura! Não dava tempo para muito descanso! A viagem de trem é bem chata e desconfortável.

 

GEDC5456.JPG.70e432c11e5ec79d53390f7f96314ec6.JPG

 

Chegando em Ollanta fui até a feirinha que tem em frente ao Sítio Arqueológico, achei as coisas de lá mais baratas: tecidos, artesanatos... enquanto fui à feirinha pude deixar minhas coisas na Estação, é gratuito, basta mostrar a passagem do trem.

 

Ali próximo à Estação saem Vans com destino a Cusco. Peguei uma para Urubamba (4 soles) e de Urubamba outra para Chinchero (3 soles). Ao descer do ônibus em Chinchero parei pra almoçar: Trucha Frita por 12 soles! Um prato muito farto, com bastante arroz, salada e batatas fritas (papas fritas). Perguntei ao rapaz que me atendeu se era possível deixar mochilas lá e ele permitiu sem cobrar nada. Deixei e fui para o Sitio de Chinchero.

 

GEDC5474.JPG.16750ac80b1f6a4407ce0ebb069f96e7.JPG

 

GEDC5490.JPG.efbc1def124b7b2354b00a08f705daef.JPG

 

Pra mim o passeio em Chinchero não teve nada de novo ou interessante. Nem a tal Feira Dominical tinha algo de especial ou barato.

 

Depois de uma volta por lá voltei pra Cusco em transporte local (2,50 soles) e fui direto pro Hostal Samanapata novamente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

6º DIA – 14/10/2013:

 

Resolvi acordar cedo também e aproveitar as últimas horas em Cusco, ver mais algumas coisas: Museu do Qoricancha, Monumento a Pachacutec, artesanatos...

 

Embarquei as 17:40. Difícil voltar depois de uma experiência fantástica como essa! A viagem de volta parece não ter fim e você fica pensando em tudo que viveu naquele lugar. Como é bom viajar por aí...

 

GEDC5502.JPG.4d60feaee90b41a3109527e9387862c7.JPG

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

DICAS:

 

• Ao reservar Hostel, certifique-se de que o serviço de traslado será cobrado ou gratuito;

• Leve protetor solar! Eu ignorei essa dica e me dei mal;

• Compre água e lanche para levar a Machu Picchu ainda em Cusco. Gastará o dobro ou triplo se deixar pra comprar em Aguas Calientes;

• Artesanato variado e barato: Ollantaytambo;

• É possível pechinchar em tudo! Quando eles percebem que você está interessado, mas demonstra não poder levar eles começam a baixar o preço e até perguntam quanto você daria pelo produto;

• Leve dólares para trocar por soles lá;

• Troque dólar em local seguro, de preferência na Plaza de Armas;

• No vôo para Lima vão te dar um papel para ser preenchido. Ao passar pela Imigração eles vão deixar uma parte do documento com você. Não o perca! Se perder pagará uma multa para sair do país;

• Experimente a culinária local, vale a pena! Comi Trucha Frita, Lomo Saltado, Ceviche de trucha... tomei Pisco Sour, Cusqueña...

APRENDA ESPANHOL!!! Pelo menos o básico: hotéis, restaurantes, compras... Parei pra almoçar e pedi um "copo", até hoje o cara não trouxe! Claro, eu deveria ter pedido um "vaso" (copo em espanhol é "vaso").

 

GASTOS:

 

• Passagem aérea (FOR – CUZ – FOR): R$ 1410,00

• Passagem do trem: US$ 100.00

• Hospedagem (5 dias): S/. 230,00

• Boleto Turístico: S/. 130,00

• Ingresso Machu Picchu: S/. 128,00

 

* Levei US$ 550.00 e ainda sobraram 100. Gastei em torno de R$ 2.700,00 (incluindo passagens aéreas) em 6 dias de viagem. Principalmente porque gastei com algumas compras.

 

598da95b25415_2013-10-1412_26_52.jpg.15222f1a65f60a3bc46be0f27ddadf8a.jpg

 

598da95b2a989_2013-10-0916_12_16.jpg.2333a7bbae46f5f837deaf51e5fca533.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fred cara, muito bom mesmo seu relato, bem claro!

Me responde uma coisa, vc teve que fazer um novo checkin em lima na conexão para cuzco?? E pagou alguma taxa adicional no aeroporto em lima para poder embarcar?

 

Abração e td de bom.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fred cara, muito bom mesmo seu relato, bem claro!

Me responde uma coisa, vc teve que fazer um novo checkin em lima na conexão para cuzco?? E pagou alguma taxa adicional no aeroporto em lima para poder embarcar?

 

Abração e td de bom.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Fred cara, muito bom mesmo seu relato, bem claro!

Me responde uma coisa, vc teve que fazer um novo checkin em lima na conexão para cuzco?? E pagou alguma taxa adicional no aeroporto em lima para poder embarcar?

 

Abração e td de bom.

 

 

Valeu André!!!

Chegando em Lima tive que fazer novo checkin! Tem que passar pela Imigração, entregar o papel que te dão no avião, pegar as malas (se despachou) sair do aeroporto (literalmente), entrar por outra porta e fazer novo checkin! Inacreditável, mas é o jeito deles... E não tive que pagar taxa, acredito que todas as taxas de embarque foram pagas quando comprei minhas passagens.

Qualquer dúvida pode perguntar...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fala Fred!!

 

Me tira uma dúvida....vc disse que comprou o bilhete para Machu Picchu e o Boleto Turístico (O que vem a ser esse boleto???)...Têm relatos informando que a compra do bilhete para MP deve ser realizada com 3 meses de antecedência...como isso funciona???

 

Desde já agradeço!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Fala Fred!!

 

Me tira uma dúvida....vc disse que comprou o bilhete para Machu Picchu e o Boleto Turístico (O que vem a ser esse boleto???)...Têm relatos informando que a compra do bilhete para MP deve ser realizada com 3 meses de antecedência...como isso funciona???

 

Desde já agradeço!!!

O Boleto Turístico dá direito a entrada em várias ruínas e museus de Cuzco e do Valle Sagrado: Saqsaywaman, Qenqo, Pisaq, Ollantaytambo, Moray. Das atrações principais só não cobre o Qorikancha, as salinas de Maras e, é claro, Machu Picchu. Veja http://www.cosituc.gob.pe/ Pode deixar pra comprar na hora, lá na Avenida del Sol, pertinho de tudo.

 

Se quiser ir só em Machu Picchu, mais ou menos uns 3 dias bastam. Agora, se vc quiser subir Wayna Picchu, acho que precisa de umas duas semanas. Já a Trilha Inca vc precisa de vários meses de antecedência, não sei dizer exatamente quantos. Você pode acompanhar a disponibilidade de ingressos em http://www.machupicchu.gob.pe/

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Fred cara, muito bom mesmo seu relato, bem claro!

Me responde uma coisa, vc teve que fazer um novo checkin em lima na conexão para cuzco?? E pagou alguma taxa adicional no aeroporto em lima para poder embarcar?

 

Abração e td de bom.

 

 

Valeu André!!!

Chegando em Lima tive que fazer novo checkin! Tem que passar pela Imigração, entregar o papel que te dão no avião, pegar as malas (se despachou) sair do aeroporto (literalmente), entrar por outra porta e fazer novo checkin! Inacreditável, mas é o jeito deles... E não tive que pagar taxa, acredito que todas as taxas de embarque foram pagas quando comprei minhas passagens.

Qualquer dúvida pode perguntar...

 

 

E aí Fred, blz?

Cara, ainda estou tentando entender o que disse sobre fazer o checkin (isso é bizarro).

Vlw pelas informações, grande abraço!

 

ps: quando vc comprou o ingresso para MP, ainda tinha para Wayna Picchu tb? e aquele gorrinho clássico que cobre as orelhas, qual o preço médio? kkkkkk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

 

E aí Fred, blz?

Cara, ainda estou tentando entender o que disse sobre fazer o checkin (isso é bizarro).

Vlw pelas informações, grande abraço!

 

ps: quando vc comprou o ingresso para MP, ainda tinha para Wayna Picchu tb? e aquele gorrinho clássico que cobre as orelhas, qual o preço médio? kkkkkk

 

 

Cara, esse checkin é realmente muito louco, mas não é dificil. Voce só vai ter que recolher a bagagem despachada e ir novamente ao balcão da empresa despachar novamente...

Quanto ao gorro ele é excelente para o frio! Eu moro no Ceará e tô acostumado a temperaturas em torno de 30 ºC, então Cusco foi terrivel pra mim ::Cold:: . Esse gorro (marrom) é de lan de alpaca, feito a mão (dificil de ser encontrado) que eu comprei perto do Hostal Samanapata, na Calle Siete Angelitos. Voce vai encontrar muitos desse tipo, mas feito em máquina, mas eu prefiro esse feito a mão. Custou 12 soles.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ah... Com certeza brother!! 100% feito artesanalmente = valorização cultural

Vlw mesmo pelas dicas e informações Fred!

 

Grande abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Fred! Você pode me passar o email do Hostel em Aguas? Já tentei por diversos sites e não consegui... Embarco para Cusco no dia 02 de fevereiro em Lua de Mel e já quero deixar algumas coisas reservadas...

Adorei seu relato... Foi de muita ajuda!

Abraços!

Ale Monteiro

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Valeu Fred! Já li tanto post aqui no Mochileiros que cada leitura me faz tomar decisões diferentes a cada dia... kkk.... assim mesmo!

Minhas outras viagens: Europa, África e Estados Unidos também organizei após diversas leituras por aqui e não me arrependi...

Um Feliz 2014 de muitas viagens pra nós!

Ale

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×