Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Posts Recomendados

  • Membros

Para o pessoal que pretende ir ao México, mas vai incluir uma visita a Guatemala ou Belize por via terrestre:

 

Caso tenha ocorrido alguma alteração nos últimos meses, não precisa. Caso contrário, precisa do visto e de alguns dolares também, pois você será cobrado na saída e/ou na entrada. E não vai adiantar muito gastar o espanhol explicando. Eu fui cobrado na fronteira com a Guatemala e depois de reclamar tudo que podia, o fiscal disse que só devolveria meu passaporte se eu pagasse.

 

Na volta para Belize por via marítima os oficiais de fronteira também cobraram de todos. Segundo eles quem sai por terra teria que voltar por terra para não ser cobrado. O fato é que você não pode fazer nada e tem que pagar. Por tanto, leve dólares sempre.

 

Abraço!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 1 mês depois...

  • Respostas 68
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros de Honra

Para dar um update no tópico:

 

Atravessei por terra, do Guatemala para o estado de Chiapas. Não foram feitas perguntas nem solicitado valor para entrar. Preenchi o formulário e no mesmo está marcado 180 dias de estadia.

 

Saí do México também por terra, de Chetumal para Belize. Fiquei apenas 7 dias incompletos no México e o oficial de Imigração afirmou que quem fica 7 dias ou mais deve pagar 306 pesos mexicanos (aprox. 21 dólares). A nova regra parece cobrar o equivalente a esses 21 dólares para turistas que (entram por terra) e ficam mais de 7 dias... enfim, o oficial de imigração estava resistente e acabei entregando uma nota de 500 pesos, de pronto ele pegou a sua carteira pessoal (com seus cartões etc) e retirou o meu troco da sua carteira. Obviamente não me entregou recibo. Procurei pela internet os valores e dados corretos da nova regra e não achei... vou me informar com a Embaixada do México e assim que tiver os dados corretos posto aqui (pois vou voltar para o México por terra e saio pelo aeroporto de Cancun). Abs., Mike

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Colaboradores

Eu saí do México para Guate por terra também, e na volta me foi entregue um boleto bancário de 306 pesos que eu paguei no banco antes de embarcar de volta para o Brasil. Ainda tenho o comprovante aqui. Agora, pagar na grana sem recibo realmente é bem suspeito. Eu saí do México via Ciudad Cuahtemoc para La Mesilla, e voltei de Bethel para Frontera Corozal.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 3 meses depois...
  • 9 meses depois...
  • Colaboradores

É igual do que no Brasil, eles autorizam 90 dias de estadia e pode pedir mais 90 dias saindo para um país limítrofe (Guatemala ou Belize) e entrando de novo ou pagando uma taxa para estender o prazo em alguma delegacia do Instituto de Migração(que é muito burocrático), recomendo mais sair e entrar de novo.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 4 anos depois...
  • Membros
Em 01/12/2010 em 21:10, _Paulera_ disse:

O sistema de autorização eletrônica (SAE) é realmente uma grande novidade, com isso o brasileiro pode ir ao México sem a necessidade de visto, mas o viajante deve estar atento às informações:

 

- A autorização eletrônica vale por 30 dias e dá direito a somente uma entrada no México.

- Antes de comprar a passagem o viajante deve se informar na companhia aérea se ela participa do SAE.

- A autorização eletrônica só é válida para os turistas que vão ao México de avião, quem viaja por terra tem que ter o visto México para cruzar a fronteira (Nesse caso o visto americano também é aceito).

 

A solicitação da autorização eletrônica é feita através do site do Instituto de Nacional de Migração do México.

 

 

[li=Informações Oficiais]Com a finalidade de oferecer ainda maiores facilidades migratórias para visitar o México, a partir do 1º de novembro de 2010, todos os cidadãos brasileiros nas categorias de turismo, negócios e trânsito, podem solicitar também o ingresso ao México através do visto eletrônico: Sistema de Autorização Eletrônica (SAE). O sistema emitirá uma autorização válida exclusivamente para cada viagem aérea, a qual deverá ser impressa e apresentada no balcão (check–in) daquelas companhias aéreas* que facultativamente estiverem operando com este sistema. Portanto, o solicitante brasileiro não precisa apresentar-se ao Consulado do México para requerer eventual autorização "extra" ou visto mexicano biomêtrico. Sendo o SAE facultativo para as companhias aéreas, o interessado deverá informar-se a respeito das companhias que efetivamente operem o sistema. O Consulado não é responsável por mudanças na política das companhias aéreas.

 

*Companhias aéreas que já operam o SAE: AEROMEXICO, COPA AIRLINES, TACA AIRLINES, LAN AIRLINES e TAM AIRLINES.

 

O SAE pode ser acessado gratuitamente através do link: Sistema de Autorização Eletrônica (SAE) disponível nos sites da Embaixada do México e dos Consulados do México no Brasil. A autorização não tem custos. O solicitante poderá utilizar o sistema para cada viagem aérea ao México.

 

 

A autorização eletrônica é válida por 30 dias após a sua emissão para cada viagem aérea ao México, por isso recomendamos que a data de seu vôo coincida com a duração da sua autorização. A estadia autorizada será de no máximo 180 dias (turismo e negócios) ou 30 dias (trânsito).

 

Vale ressaltar que, por regra geral, os cidadãos brasileiros continuam necessitando de visto para viajar ao México, e que o SAE é uma permissão para que os brasileiros possam viajar ao país sem a necessidade do visto tradicional, ou seja, funciona de maneira alternativa.

 

Nas outras categorias migratórias, os cidadãos do Brasil deverão solicitar o visto normalmente através dos consulados do México.

 

Se você já tiver um visto mexicano não precisa da autorização eletrônica. Os cidadãos que possuem um visto para os Estados Unidos da América com validade também não precisam da autorização eletrônica, poderão continuar ingressando no México nas categorias de turismo, negócios e trânsito, com dispensa do visto mexicano, apresentado o visto dos Estados Unidos e passaporte com validade mínima de seis meses.

 

O uso do SAE é facultativo e você ainda pode solicitar o visto mexicano de turismo, negócios ou trânsito. O processo também é simples! A única taxa é o valor do visto. Recomendamos evitar intermediários e custos adicionais. Os vistos aprovados são entregues no mesmo dia da solicitação em horário vespertino.

 

No Consulado do México no Rio de Janeiro e na Embaixada do México no Brasil o atendimento é efetuado através da ordem de comparecimento. O Consulado do México em São Paulo opera, desde junho de 2008, um sistema de agendamento eletrônico com o intuito de oferecer atendimento em horários programados. Dito agendamento (completamente gratuito) é feito de forma pessoal pelo interessado, através de site http://consulmex.sre.gob.mx/saopaulo e não demora mais de 20 minutos, sempre que as instruções sejam lidas cuidadosamente.

 

 

 

“Para mais informações do SAE envie um email para: [email protected] ou ligue para o Instituto Nacional de Migração na Cidade do México, D.F. aos seguintes números:• Fora do México: +52 (55) 5387-2400 ext. 18515 ou 18722.• Do interior do México: (0155) 5387-2400 ext. 18515 ou 18722 • Na Cidade do México: 5387-2400 ext. 18515 ou 18722”[/li]

 

[info]este tópico tem informações do México mexico-guia-de-informacoes-t51656.html[/info]

Obrigado pelas dicas! México é um sonho de destinos e o fórum do Mochileiros tem me ajudado muito a me planejar. Estou pegando dicas ótimas. Abraços,

Gustavo Woltmann

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 1 mês depois...

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...