Ir para conteúdo
RhayanneM

PRIMEIRA VIAGEM A EUROPA (MOCHILÃO EM 2018)

Posts Recomendados

Olá gente, encontrei esse site como meio de tirar todas minhas dúvidas possíveis sobre um mochilão.

Pretendo viajar em janeiro de 2018, não quero nada de luxo, ou ostentação, quero poder ao máximo aproveitar o que tem de melhor por lá e economizando. Irei me formar final desse ano em arquitetura, e será a concretização de um sonho.

Separei uma lista das cidades por qual quero passar, gostaria de saber se está adequada,se da pra fazer!?

qual melhor roteiro entre elas e de chegada e partida?

quais métodos de transporte usar entre as cidades?

e qual a média de preço em cada local eu gastaria com transporte, alimentação e hospedagem? ( pretendo ficar em hostel mesmo, o mais econômico possível, se puderem indicar sites de hospedagens tb agradeço). ::otemo::

Ja separei alguns sites de passagens de trem também, mas toda ajuda é bem vinda, o que voces puderem ajudar!!!

 

Segue a lista:

 

• LISBOA (3 dias)

• ROMA (3 dias)

• VENEZA (3 dias)

• PRAGA (2 dias)

• AMSTERDÃ (4 dias)

bate e volta em Keukenhof

• PASSADA POR BRUXELAS (1 dia)

• PÁRIS (5 ou 6 dias)

• LONDRES (5 dias)

• BARCELONA (4 dias)

• MADRI (4 dias)

bate e volta em: Toledo

 

Nunca viajei, então sou totalmente perdida nisso. Mas espero ter ajuda aqui com vocês e lendo os outros fóruns!

obrigada desde já :D

  • Curti 1
  • Acompanhando 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá,

 

Keukenhof vai estar fechado em Janeiro, ainda não saiu a programação de 2018, mas Keukenhof costuma abrir somente depois do dia 20 de Março, quando o gelo da neve de janeiro já tiver derretido e as tulipas já terem germinado e estarem florescendo.

 

A distribuição de dias do seu roteiro está relativamente boa, só Roma e Praga é que estão com pouco tempo na minha opinião, eu colocaria ao menos mais 1 dia em cada uma delas, para que você não fique muito prejudicada se chover em 2 dias lá em Roma ou Praga, e chuva com um frio próximo dos 0ºC é terrível, você não consegue fazer quase nada na rua.

 

Você tem algumas cidades caras outras mais baratas, mas fazendo uma média, um mochilão no estilo que você comentou, deve lhe custar em média uns 60 a 70 Euros por dia em despesas com alimentação, hospedagem, metrô, passeios e ingressos.

 

Quanto a ordem das cidades, eu faria algo assim: Brasil > Lisboa > Madri > Barcelona > Londres > Paris > Bruxelas > Amsterdam > Praga > Roma > Veneza > Brasil.

 

Mas como são um monte de cidades, várias variações são possíveis sem afetar significativamente o custo. Mas pegue um mapa, veja onde fica cada uma destas cidades, e tente chegar por uma cidade numa extremidade e voltar por outra na outra extremidade do mapa.

 

Madri > Barcelona, Londres > Paris > Bruxelas > Amsterdam e Roma > Veneza você pode fazer de trem, mas o restante simplesmente é muito distante e demorado para você ir de trem, você teria que ir de avião.

 

O preço vai variar um pouco dos dias exatos escolhidos, vai ter alguns mais caros outros mais baratos, mas fazendo uma média, eu estimaria que cada deslocamento entre cidades vai lhe custar em média uns 60 Euros.

 

Agora é só somar tudo, multiplicar pelo número de dias e deslocamentos e converter para Reais, usando a cotação de 3.75 de hoje...

 

Passagens de avião: www.skyscanner.com.br

Hospedagem: www.booking.com e www.hostelworld.com

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Realmente Praga no mínimo 3 dias, Roma 3 dias é um pouco apertado. Agora leia os relatos de viagens, e Roteiros de viagens. Quando mais vc ler mais vc vai vai formar opinião.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

poxa, estava louca para conhecer Keukenhof, que pena! mas quem sabe posso adiar para março a viagem também.

 

Verei se acrescento mais dias em praga sim, afinal lá merece sem dúvidas, é porque quis privilegiar as maiores, e as que sempre quis conhecer, no caso paris e londres, onde são mais caras também, tudo vai depender do meu orçamento até lá. Mas em janeiro o clima lá é de chuva ou verão?? roma e praga?

 

quanto a ordem das cidades foi o que eu tinha pensado antes mesmo, porque fiz a lista ja olhando pelo mapa hehehe. Quis confirmar com quem realmente sabe do assunto.

 

Você falou que o deslocamento entre elas iria custar em torno de 60 euros né? mas você fala sobre o metrô? e já incluso ou não naquele gasto de 70 euros por dia?

 

sobre as passagens de avião, li sobre também que existe passagens aéreas multidestinos, você acha que vale a pena?

ou devo comprar ida e volta de cidades diferentes mesmo, e ja devo comprar antes da viagem (60 dias antes) e ir com elas garantidas ou da pra comprar durante a viagem? sabe em média quanto custa as passagens de avião internamente?

 

acho que no mais, é só isso por enquanto... hahaha! muito obrigada pela atenção e pelas dicas valiosas!

irei ler com certeza outros tópicos sobre os lugares e outras questões.

o que mais me preocupa mesmo é sobre as deslocações, compra de passagem, metro, avião etc. É muita coisa pra quem nunca foi, Da um medinho.

Obrigada mais uma vez Adriano. :D

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Realmente Praga no mínimo 3 dias, Roma 3 dias é um pouco apertado. Agora leia os relatos de viagens, e Roteiros de viagens. Quando mais vc ler mais vc vai vai formar opinião.

 

 

Vou ler com certeza! Obrigada!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Realmente Praga no mínimo 3 dias, Roma 3 dias é um pouco apertado. Agora leia os relatos de viagens, e Roteiros de viagens. Quando mais vc ler mais vc vai vai formar opinião.

 

 

Vou ler com certeza! Obrigada!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Janeiro é inverno lá, com muito frio, as temperaturas não vão ficar acima de 5ºC a 10ºC, mas tem grandes chances de serem abaixo de 0ºC, muita chuva, dias nublados e grande possibilidade de pegar neve principalmente em Praga e Amsterdam, isto sem contar que os dias são bem curtos, as 16:00 já está escuro.

 

Os 60 Euros de deslocamento que eu falo são para as passagens de trem e avião entre as cidades, como por exemplo passagem de avião de Amsterdam para Praga, passagem de trem entre Roma e Veneza, etc, algumas vão custar 30 Euros, outras podem custar 90 euros depois que você incluir o custo de ir e voltar ao aeroporto e o gasto de despachar bagagem.

 

Comprando na hora, você vai pagar 3x ou 4x mais, mas se você comprar as passagens 120 ou 90 dias antes consegue preços bons.

 

Metrô dentro das cidades para você usar no seu dia-a-dia eu já estava incluindo junto com aqueles outros 60 a 70 Euros de hospedagem, alimentação, passeios, etc..

 

Sempre que possível compre as passagens de Ida e volta por "Multiplos Destinos", geralmente custa o mesmo de chegar e voltar pela mesma cidade, e mesmo que seja um pouco mais caro, você evita desperdiçar 1 dia inteiro de viagem e uns 100 Euros em passagens voltando a Lisboa por exemplo, mas tem que comprar os dois trechos juntos e não cada um deles separado.

 

Dá sim um certo trabalho organizar tudo, mas não é impossível, quando você chegar lá e tudo o que você planejou der certo, a alegria e a satisfação serão enormes! Você ainda tem 1 ano inteiro, pode ir pesquisando e deixando tudo planejado com calma, e quando faltarem uns 3 o 5 meses para a viagem, você coloca tudo em prática, reservando os hosteis, e comprando as passagens.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

shoooow, muito obrigada mesmo! porém não estava contando com o inverno lá :o o verão se inicia quando? porque inverno é bom, pra gnt como eu que moro em fortaleza, quente o tempo todo, porém pode atrapalhar nos passeios de lá né? dependendo da época de verão ou a passagem de inverno e verão, eu posso adiar também a viagem, estarei de férias e formada, então, mais tempo pra juntar dinheiro e poder aproveitar melhor lá. haha

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Realmente o inverno atrapalha, se você puder, viaje no verão, tudo será muito mais bonito. Mas se realmente só puder viajar no inverno, também não é o fim do mundo, é só se preparar para o frio, e ficar mais tempo em cada local, para que aqueles 2 ou 3 dias de chuvas que tem toda semana, onde você não conseguiu fazer quase nada, não prejudiquem muito.

 

O verão mesmo vai de junho a setembro, quanto mais perto de julho e agosto, mais quente será. Sendo que julho e agosto são alta-temporada e tudo fica mais caro

 

Em Maio ou Outubro geralmente o clima é agradável, não muito quente e nem muito frio, as temperaturas durante o dia geralmente ficam na casa dos 20 ºC, você vai precisar de um casaco leve, mas nada que lhe atrapalhe.

 

Mas Abril, Maio e Setembro/Outubro é época de mudança de estação e pode ter oscilações bruscas e grandes de temperaturas. Em 2013 estive lá na Alemanha em Maio e fez 25ºC, em 2016 um amigo meu foi também em maio, e voltou reclamando que pegou um frio fora de época e que chegou a fazer 3ºC na Alemanha durante Maio...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E aí galera,blz?

Primeiramente,fico feliz de que tenha pessoas aqui que possam ajudar.

Estou para fazer minha primeira viagem fora do Brasil em março. Estou com as passagens de ida e volta compradas para Portugal ( Lisboa) via Frankfurt e com o hotel reservado pelo Booking,seguro-viagem comprado e alguns passeios por Lisboa.

Vou ficar 7 dias em Lisboa e outros 7 dias em Frankfurt ( onde já tenho onde ficar e não gastarei com alimentação) e volto para Lisboa para ficar mais 1 dia, para retornar ao Brasil.

Estou levando 200 euros em espécie e mais 700 euros no VTM, lembrando que a hospedagem não está paga, mas ficará no valor de 255 euros, em tese são 645 euros para alimentação ( pretendo comprar comida em mercado e apelar as vezes ao McDonald's) e transporte público. Lembrando que não gosto e não uso cartão de crédito.

 

Seria essa quantia necessária?

Teria algum problema com a imigração por isso?

Tenho trabalho fixo e vou apenas para férias,será que o fato de o passaporte ainda estar branco pode me prejudicar em algo?

Devo dizer que vou para Frankfurt?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dividindo por 15 dias, você teria em torno de 43 euros por dia para alimentação, metrô passeios, etc...

 

Não dá para ficar gastando em qualquer besteira, ou fazendo uma dúzia de bate-voltas a cidades próximas que custem 15 ou 20 Euros por passeio, mas se você for consciente nos gastos e escolher bem onde gastar o seu dinheiro, dá para passar 15 dias sem passar por aperto.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Realmente o inverno atrapalha, se você puder, viaje no verão, tudo será muito mais bonito. Mas se realmente só puder viajar no inverno, também não é o fim do mundo, é só se preparar para o frio, e ficar mais tempo em cada local, para que aqueles 2 ou 3 dias de chuvas que tem toda semana, onde você não conseguiu fazer quase nada, não prejudiquem muito.

 

O verão mesmo vai de junho a setembro, quanto mais perto de julho e agosto, mais quente será. Sendo que julho e agosto são alta-temporada e tudo fica mais caro

 

Em Maio ou Outubro geralmente o clima é agradável, não muito quente e nem muito frio, as temperaturas durante o dia geralmente ficam na casa dos 20 ºC, você vai precisar de um casaco leve, mas nada que lhe atrapalhe.

 

Mas Abril, Maio e Setembro/Outubro é época de mudança de estação e pode ter oscilações bruscas e grandes de temperaturas. Em 2013 estive lá na Alemanha em Maio e fez 25ºC, em 2016 um amigo meu foi também em maio, e voltou reclamando que pegou um frio fora de época e que chegou a fazer 3ºC na Alemanha durante Maio...

 

Pesquisei sobre as estações do ano lá na europa, e vi que março começa a temporada de primavera, onde nem é tão frio e nem tão quente, e é baixa estação, as coisas ficam baratas. Você ainda acha que pode haver mudança de tempo no período de fim de março? a principio, a viagem seria bem no começo do ano, mas não quero arriscar todo o planejamento por causa do clima de inverno lá, então prefiro adiar pra março, época de verão também não poderei ir.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Março ainda é bem frio principalmente nos locais mais ao norte, como Amsterdam, Paris, Londres , Praga, Bruxelas, mas não costuma mais ter neve. Nas cidades mais ao sul como Lisboa, Barcelona e Roma é um pouco mais quente...

 

Em 2015 fui a Lisboa e Itália e Alemanha em Março, teve uns dias bem frios, de manhã cedo chegou a fazer 0 ºC em Florença e -2ºC em Hamburgo que é bem semelhante a Amsterdam em alguns dias e precisava usar um bom casaco, mas também teve dias onde a mínima foi de 10ºC, chegando a fazer até 20ºC logo após o almoço, o suficiente para ficar só de camiseta por algumas horas até voltar a esfriar...

 

Previsão é média de temperaturas em Março em algumas cidads:

 

Roma: http://www.accuweather.com/pt/it/rome/213490/march-weather/213490?monyr=3/1/2017

Amsterdam: http://www.accuweather.com/pt/nl/amsterdam/249758/march-weather/249758?monyr=3/1/2017

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Adriano, outra dúvida que surgiu, sobre o seguro viagem. Não sei nada sobre também

é obrigatório ter? onde posso encontrar, e como é o procedimento?

quanto tempo antes tenho que adquirir?

em cada cidade pago por um valor? ou é um valor pago pelo país ou na europa toda?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Opa,

 

Apenas contribuindo com a questão do seguro, sim, é obrigatório. Mesmo sendo muito difícil e incomum perguntarem e verificarem se você tem, caso você seja abordada, questionada e não tiver, pode te trazer sérios problemas.

 

Você pode cotar com uma agência de viagem, muitas vezes até através da Internet. O procedimento é você informar as datas e seu roteiro. Não é por cidade, é como se fosse um pacote EUROPA. Você pode adquirir com 1 mês de antecedência, 15 dias, enfim, o negócio é deixar tudo pronto antes do dia da viagem. Faça o pacote básico, cobertura mínima de 30.000 euros. Não fica caro.

 

Espero ter ajudado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Opa Eduardo, muito obrigada!

quanto em média é o valor do pacote básico, só pra eu já ir tendo uma noção.

estou anotando e pesquisando todos os gastos possíveis enquanto tenho tempo para planejar. hehe

 

Me surgiu outra dúvida também, é necessário visto para europa ou entrar em Londres?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Complementando, você pode ter uma ideia dos valores do seguro-saúde fazendo uma cotação no site da Mondial (www.mondial.com.br)

 

Geralmente eu acabo contratando seguro com a Mondial, mas como há várias outras seguradoras, é bom você fazer algumas cotações em outras seguradoras, as vezes tem promoções, se seguir as segurados no facebook volta e meia eles publicam "cupons de desconto", etc...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Estarei em Janeiro na Europa também. Vamos entrar em contato via zap 77 99117-3584.

 

Oii Karla, decidi adiar minha viagem para março :( devido ao inverno!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


  • Conteúdo Similar

    • Por Rachel Travel Tips
      E aí pessoal, beleza?
       
      Esse ano de 2017 resolvi fazer uma Eurotrip com foco no Leste Europeu... Passei por vários países num total de 45 dias de viagem.
      A ordem foi:
      Finlândia >> Suécia >> Estônia >> Letônia >> Lituânia >> Bielorrússia >> Polônia >> Rep. Tcheca >> Eslováquia >> Croácia >> Eslovênia >> Suíça >> França
       
      Fiz a viagem sozinha e foi super tranquilo.
      O roteiro foi sendo feito durante a própria viagem... se gostava do local ficava um dia a mais, se não eu ia embora pro novo destino. Por isso todas as viagens foram de ônibus principalmente noturno (quando a distância era maior) pra poder economizar no hostel!!
       
      Tenho um canal no youtube onde estou compartilhando todas as informações, então vou ir postando os vídeos aqui pra vcs tá?? Depois vou postar outros vídeos com mais dicas então se vc tá interessado recomendo se inscrever no canal e ativar as notificações pra ficar sabendo quando os vídeos novos foram lançados
      Inscreva-se: Rachel Travel Tips
       
      "Mas Raquel, quanto você gastou????"
      Essa é a fatídica pergunta que todos temos né? Então vou falar pra vcs tudinho!!! 
      Eu fiz um mochilão com low budget e sou muquirana na viagem, ou seja, gastei relativamente pouco para o tanto de dias que fiquei por lá!
      E como eu sou controlada financeiramente e adoro uma planilha fui escrevendo tudinho durante a viagem, desde o hostel, o ônibus até a pizza que comprei... Vcs podem ver todos os gastos tim tim por tim tim acessando esse link aqui >>> Gastos da minha EUROTRIP
       
      Agora vamos aos vídeos... quem tiver dúvidas só postar que vou respondendo!!
       
      Começando com um resuminho das partes mais legais da viagem!! Tem um pouquinho de cada lugar..

       
      E sobre os países:
       
      Finlândia e Suécia:

       
       
    • Por ana.gonzaga1
      Hello mochileiros!!
       
      Demorei um pouquinho para começar a escrever o relato do meu primeiro mochilão,mas eis-me aqui rs.
       
      Eu sempre achei que viagem internacional fosse apenas um sonho,que não era pra mim,seja por falta de grana,por medo do desconhecido ou por não ter companhia.Via amigos viajando e ficava pensando se um dia o meu dia chegaria mas não fazia nada para tornar isso realidade.Isso ficou pior depois de começar a trabalhar num aeroporto e ver as pessoas indo e voltando.Mas ano passado depois de mais uma vez ter férias frustrantes,decidi correr atrás do prejuízo
      Eu já tinha uma ideia da viagem que queria fazer,a principio só pelo leste europeu.Comecei a pesquisar como funcionava um mochilão e aqui achei muiiiiitas informações que me ajudaram muito.
      Eu passei 1 ano pesquisando cada detalhe sobre cada destino,montei planilha com várias abas para ir colocando as informações e graças a tanta pesquisa a cada mês ia reduzindo o orçamento e aumentando a quantidade de cidades e dias que poderia ficar viajando.
      Acabei fechando o roteiro com Berlim-Praga-Karlovy Vary-Budapeste-Paris e Roma.
      A parte do planejamento foi cansativa mas muito prazerosa também.Eu pesquisei tudo sobre transportes,atrações,melhores locais para se hospedar,dias de funcionamento e distância das atrações já que com essas informações eu podia montar um cronograma prático,preços de supermercado ( SUPERMERCADO = ECONOMIA = DINHEIRO SOBRANDO PRA PASSEAR ),que tipo de roupa levar,como se comportar num hostel,como perceber situações de risco já que ia viajar sozinha e fora outras pesquisas que estão salvas até hoje nos favoritos do pc.
      A parte financeira é complicada,euro caro,problemas aparecendo no meio do caminho que levavam meu dinheiro pro ralo.O dinheiro só diminuía mas eu não queira desistir.Por isso foi tão importante pesquisar bastante,pra saber de onde eu podia cortar gastos e deu certo,deu muito certo!!!!
      No inicio eu tinha calculado 2800 euros pra levar e no fim levei 1700 euros.Todas as passagens internas estavam pagas,com esses 1700,eu pagueis os hostels,alimentação,transporte,atrações e acreditem ainda comprei roupinhas porque não sou de ferro.
      Passando essa introdução gigantesca,vou começar a falar da viagem.Ufa!
    • Por monique.santiago
      Oi, gente!
       
      Depois de ter feito diversas viagens pegando muitas dicas aqui no Mochileiros, tomei vergonha na cara para escrever o meu primeiro relato.
       
      Eu já tinha definido que iria fazer uma Eurotrip em 2017 e, como sou autônoma, tenho uma boa flexibilidade de datas para viajar. Por isso, quando retornei da minha ultima trip pro Chile, comecei a monitorar as promoções de passagens até que, em agosto de 2016, encontrei uma promoção com voo Salvador – Madrid direito e com taxas por R$ 1533,00, pela AirEuropa para uma data que seria viável pra mim.
      Vale dizer que esse valor ainda incluía as taxas do Viajanet, pq mesmo com a comissão deles ficava mais barato que comprando diretamente pelo site da companhia.
       
      Assim, 07 meses antes da viagem, estava eu com as passagens em mãos para passar 15 dias viajando pelo velho continente!!!!
       
      Logo após a compra das passagens, surgiu uma promoção de seguro da Mondial para a Europa dando 50% de desconto! Assim, paguei R$ 197 pelo seguro por 15 dias.
      Então comecei a pensar mais ou menos no roteiro: não abria mão de Paris e Roma e pensava em incluir Londres.
       
      Foi ai que minha mãe, que sempre teve o sonho de viajar para a Europa e nunca pôde realizar, cerca de 01 mês depois da minha compra de passagem, decidiu que ia também já que ela não fala outra língua e sairia mais em conta do que ir pela CVC hahaha. Vale dizer que a passagem dela, comprada um mês depois, ficou cerca de R$ 350 mais cara para o mesmo vôo e que o seguro também, pois só consegui depois uma promoção de desconto de 30%.
       
      Ai veio um porém: eu queria MUITO ficar em hostels. Prá mim, a integração que um hostel proporciona é um dos pontos mais altos da viagem. E claro que não dava pra ficar em quarto privado a viagem toda, pq sairia muito caro e seria até melhor ficar em um hotel pelo preço. Conversei direitinho com ela, expliquei meus motivos e falei que escolheria os hostels com carinho e que ficaríamos em quartos femininos e com menos camas.
       
      Sobre os hostels, um parênteses: foram muito maravilhosooos! Recomendo todos os que fiquei. Vou colocando mais infos a medida que for escrevendo, mas vale dizer desde já que recomendo de olhos fechados: Ok Hostel Madrid, Home Lisbon Hostel, Generator Paris e The Yellow Roma. Minha mãe não cansa de repetir o quanto eu acertei em todas as escolhas.
      Bom, sobre minha mãe, a única coisa que ela interferiu no roteiro foi me pedir pra incluir Lisboa, pois ela queria muito conhecer. Assim, fechei o roteiro da seguinte forma:
       
      Dia 01 – Chegada em Madrid as 11h
      Dias 02 e 03 – Madrid
      Dia 04 – Ida para Lisboa com chegada as 14h
      Dia 05 e 06 – Lisboa
      Dia 07 – Ida para Paris com chegadas as 17h
      Dias 08, 09, 10 – Paris
      Dia 11- Ida para Roma com chegada as 19h
      Dias 12, 13, 14 – Roma
      Dia 15 – Ida para Madrid com chegada as 19h
      Dia 16 – Retorno para o Brasil
       
      Ainda na fase pré-viagem, vale dizer que em razão de eu não ter rendimentos fixos, preferi ir comprando tudo que podia comprar antecipadamente aqui do Brasil mesmo (ingressos das atrações), ainda que tivesse que pagar o IOF do cartão. Sério, foi a melhor coisa que fiz (no meu caso). Antes da viagem eu já estava com tudo praticamente pago, o que foi ótimo, além de ter conseguido tudo pros horários que ficariam melhor na minha programação, além de bons descontos (como na Disney Paris que comprei dois parques pelo preço de um). Também vale dizer que o euro sempre estava fechando abaixo no cartão do que os valores que encontrei nas casas de cambio da minha cidade, o que acabou compensando.
       
      Como decidi fazer os deslocamentos de avião, também fui monitorando as passagens e consegui valores razoáveis, incluindo em todos eles o despacho de uma mala de porão para cada uma.
       
      Outra observação é que tinha reservado sempre dormitórios em todos os hostels. No entanto em Roma consegui uma promoção no Booking para quarto privado por um preço que valia a pena. Como era o último destino da viagem, pensando no conforto de minha mãe, acabei pegando o privativo e foi ótimo (eu também estava bem cansada e todos os dias acabando dormindo até tarde hahaha).
×