Ir para conteúdo

Trilhas ecológicas da Serra do Mar vão ser fiscalizadas


Posts Recomendados

  • Membros de Honra

:arrow: FONTE: O Estado de S. Paulo

http://viagem.uol.com.br/ultnot/agencia/2010/04/08/trilhas-ecologicas-da-serra-do-mar-vao-ser-fiscalizadas.jhtm

 

Trilhas ecológicas da Serra do Mar vão ser fiscalizadas

 

São Paulo - A Fundação Florestal do Estado de São Paulo vai reforçar a fiscalização nas trilhas do Parque Ecológico da Serra do Mar, onde 28 pessoas se perderam na mata durante a Páscoa. Três bases estão em construção e devem ficar prontas até o próximo mês, somando-se às 11 já em funcionamento. A intenção é coibir a atuação de empresas de ecoturismo que não têm guias treinados para entrar em áreas de preservação ambiental.

 

No domingo, o grupo que pretendia passar uma tarde de aventuras viveu dois dias de medo ao se perder na Serra do Mar. Não havia um guia credenciado com as vítimas, socorridas em Cubatão, na Baixada Santista, por policiais militares do Comando de Operações Especiais (COE).

 

Boris Alexandre César, diretor de operações da Fundação Florestal, ligada à Secretaria Estadual do Meio Ambiente, informou que outras medidas preventivas estão em estudo. Uma delas é o mapeamento dos parques, que apontará todas as possibilidades de acidentes na mata. "É um plano de risco. Montamos um esquema de prevenção e socorro, que terá parceria com Defesa Civil e Bombeiros", explica o diretor.

 

Segundo César, o Plano de Contingência de Risco e vai ficar pronto até o fim do ano. A primeira área verde mapeada foi na região do Vale do Ribeira, no litoral sul. Ali, segundo César, é uma região com muitas cavernas. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Link para o comentário
  • Membros

É, galerinha. Passear em contato com a natureza é muito prazeroso. Mas pode também ser arriscado.

Andar no meio do mato não é o mesmo que andar num shopping center...

É preciso tomar vários cuidados para que o passeio se torne seguro e gratificante.

É importante ter sempre em mente que a natureza é (e ainda será por muito tempo) mais forte que o homem. Devemos, antes de tudo, ter conhecimento dos nossos limites diante da natureza.

Iniciativas do Estado como esta são importantes e necessárias. Mas é fundamental a conscientização de cada indivíduo.

Link para o comentário
  • Membros de Honra

Já era de se esperar tal atitude tacanha depois da ultima turma (imensa e pelo visto, sem conhecimento algum do que estava fazendo, alias!) que se perdeu nesse ultimo feriado.

 

Volta e meia tenho amigos que me perguntam, sem entender, como eu tenho coragem, se nao tenho medp de me embrenhar na mata fazendo trilha. Resposta simples: nunca me "embrenhei" na mata sem rumo, apenas sigo caminhos conhecidos e com todas as referencias possiveis, e ainda prefiro confiar nos relatos de quem já trilhou e na minha oriientação visual do que em um guia qualquer, de quem nunca ouvi referencia. Haja visto que o grupo conseguiu se perder na companhia de dois "guias indígenas" e de um GPS...

 

Ou seja, mesmo com um guia, não me aprece absurdo nenhum se informar de para onde está indo, que caminho e trilhas vão ser seguidos, as principais referencias da trilha , por mais besta que seja - afinal, ficar perdido dois dias na mata não é algo que eu possa chamar de legal, considerando um grupo que estava preparado para um simples passeio e totalmente dependente de um guia.

 

Nao demora nada para que se torne obrigatorio a companhia de um "condutor ambiental cadastrado " a tira-colo em qualquer trilhinha, seja a trilha da "Raiz da Serra" em Paranapiacaba , por exemplo, em que a trilha é uma avenida bem marcada e impossivel de se perder... A nao ser, é claro, que se saia da trilha, o que parece ter sido a proeza feita pelos guias desse grupo.

Link para o comentário
  • 2 anos depois...
  • Membros

É, passou-se 3 anos e ocorreu mesmo, ao invés de fazerem palestras, orientar, exclarecer e distribuir panfletos, além de oferecer cursos gratuitos com técnicas de sobrevivencia na mata, preferiram apenas ir pelo caminho mais facil, que é proibir. Bem, isso não vai impedir que trilheiros experientes, responsaveis e conscientes continuem se embreando na mata em outros pontos.

 

De fato, eu não confio em guias que nunca vi na vida e não tenho nenhuma referência. Confio mais em andar com pessoas experientes do que guias que só estão preocupados em arrancar teu dinheiro. Já li muitos relatos como esses de grupos que se perderam até com guia. Logo, vc só vai conseguir evitar de passar por isso confiando na sua experiencia de anos de trilha. Ou então, andando com pessoas experientes, como o Jorge Soto, Andre pimentel, Ricardo e muitos outros trilheiros aqui do mochileiros, cujos relatos mostram claramente o altissimo grau de conhecimento em pernadas na mata. Duvido que qualqeur um desses que se instituam "guias" tenham sequer metade da experiencia e conhecimento da galera experiente. DUVIDO!

Link para o comentário
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.
×
×
  • Criar Novo...