Ir para conteúdo

De Lisboa a Sevilla pelo Algarve:Delicia para os olhos


Posts Recomendados

  • Colaboradores

Este relato estou devendo há tempos.Fiz da 2 parte da viagem,um giro pela Cataluña,mas prometi esta primeira que finalmente vai sair.Como sempre,escrevo um pouco por dia,não fazendo relatos de valores,mas sim do que ver nas cidades aonde fui e arredores para deixar uma contribuição a futuros viajantes detalhistas na história como eu.Não uso serviço de guias ou agencias,quando saio do pais,só tenho um compromisso:Voltar em,no máximo 90 dias,e o que interessa é um dia de cada vez,não agencias que só sabem correr e cobrar.Dessa vez,dei sorte,meses de maio,junho e julho de 2019 não choveu.Foi uma viagem perfeita,mal sabia que o castigo estaria próximo,e me encho de saudades de relembrá-la,por ter a viagem do ano passado comprada e adiada indefinidamente.

 

Benegil.jpg

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

Lisboa

Cidade que já conhecia e estive várias vezes,como muitos aqui.Dessa vez,meu foco era só passar por aqui e seguir em direção ao Algarve,aonde começaria a desbravar o desconhecido.Voo da Azul atrasou muito,sairia originalmente muito cedo e chegaria a Lisboa a noite.Estranhei,mas como só compro no site da empresa e na black Friday(meses de antecedência),era o de menor numero de pontos.Passaram-se alguns meses e a Azul me transferiu para o voo das 17h,esse sim,horario normal que andei outras vezes.O ruim dessa empresa é ter que ir do Rio a Campinas,mas é infinitamente mais barato que o TAP que faz Galeão direto e ainda leva bagagem grátis.Como trocaram antes,nem havia comprado SDU-VCP e fui de ônibus pela manhã.Na rodoviária de Campinas,almoçei e ia pegar o Lira para o aeroporto quando recebi um e mail da Azul que o voo atrasaria.Virou 20h,dei um tempo e cheguei a Viracopos antes das 18h.No guichê,fui informado de mais um atraso,21h,depois 22h.Mas,o que importa é que saiu naquele dia e a Azul ainda me deu 500 reais de desconto na próxima compra,que foi um voo Rio-Confins,ida e volta grátis.Saudades dos tempos pré-pandemicos quando se recebia presentes de aéreas.

Jantamos quase meia noite,pelo fuso já amanhecia em Portugal que 5h depois surgiu.Meio dia,para quem chegaria no começo da manhã seria um problema.24h sem dormir,porem já fiquei 3 dias,não será um pequeno atraso que vai me destruir.Fila da aduana gigantesca,até pegar as coisas,ir para o Aerobus e fazer o caminho do centro,cheguei ao Rossio por volta de 13.30h.Fui almoçar para as 15h ir para o free tour em español que sai do Rossio mesmo.Era o free tour da Alfama,eu já conhecia sozinho,mas guiado primeira vez.Ali começava a "greve" de brasileiros.Como morei anos em Santiago,todos pensam que sou espanhol,então...

Outro dia fui dar uma volta pelo museu de Camões,vi ruinas da Lisboa antes do terremoto de 1755,visitei o museu do dinheiro(que já conhecia),revi a Catedral e a Casa aonde o Santo Antônio nasceu,entre outros pontos no centro da cidade que todos os nacionais deviam conhecer na Europa,mas muito viram a cara por não saberem que até o português língua é muito diferente do daqui,inclusive chamado por alguns de "fala brasileira".No outro dia,ia a Setúbal,próximo,porem diferente para mim.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...
  • Colaboradores

@D FABIANO Ainda ontem estive pensando em uma rota semelhante, mas para chegar até Benicassím.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...
  • Colaboradores

Setúbal 

Ao lado de Lisboa, mas é uma cidade que tem vida própria, um centrinho antigo e compacto,aonde se destaca o Museu do Trabalho, que nada mais é que uma fábrica de sardinha enlatada antiga, hoje transformada em museu. Conta a história das pescarias, que eram grande fonte de renda da cidade, hoje com as fábricas fechadas pela concorrência de outros países da UE,algo para mim,novidade.Fica em cima de uma levada,como se diz em Portugal, o que torna o visual do Atlântico muito bonito.Outro museu está no centro de informações turísticas, aonde conheci uma menina e combinamos irmos a Arrabida no outro dia. O museu em si é interessante, porém pequeno e grátis. 

No outro dia, o guia chegou na hora e nos levou para conhecer a Serra da Arrabida. Ela,moradora de Lisboa conhecia,mas não sabia das histórias do lugar que só os guias contam.São praias muito bonitas,de água fria como normalmente na Europa e muitas pedras. O guia nos levou a lugares desconhecidos e muito bonitos,como um mosteiro construído em uma montanha de onde se tem uma vista maravilhosa em um dia despejado como aqueles ou em praias desertas de verdade no meio de muita vegetação. 

Há também a ilha de Tróia(que não é a do cavalo),mas também é habitada desde os tempos antigos, mas o destino só tem praias e hotéis de luxo. Vá até lá em bate e volta, como fui,ver os pássaros ou mesmo,para quem gosta de caminhada,fazer toda a trilha que há na saída do centro de informações. A passagem custava 6 euros e era um percurso rápido. 

Setúbal conquistou-me,tão perto de Lisboa e eu não conhecia, apesar de ter comboio a todos os momentos. 

Editado por D FABIANO
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores
Em 04/07/2021 em 23:46, D FABIANO disse:

Há também a ilha de Tróia(que não é a do cavalo),

😂

Eu já ia perguntar: Troia em PT? kkkkkk

Editado por Rafael_Salvador
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

Évora

Lugar muito turístico,não sei oo porque,achei pequeno como não gosto,reservei 3 noites,sendo 1 da chegada e achei muito,2 estava bom,o que valeu foi o super hotel que fiquei,Hotel D Fernando a 25 euros na época,muito bom.Era noite,então cheio de expectativa pelo outro dia em que conheceria a famosa cidade murada de Portugal.Fiquei no centro moderno,a uma quadra da muralha(dizem sr original)pela qual entrei no centro antigo.Primeira atração a esquerda,Capela dos Ossos com museu religioso anexo,fez-me ter mais nojo de religião ainda,pois para um ateu,morreu é o fim e aquilo é exploração de relíquias alheias.Continuando,outra igreja,essa fechada,mas do lado esquerdo.Então passa-se reto é a praça central.Aqui há bancos e restaurantes caros,descendo uma ladeira outro pequeno museu(que visitei no dia seguinte),porém estava perto da catedral,que é muito antiga e histórica com museu anexo.O que tem?Sepulturas da idade das trevas,claro.A esquerda estão as duas principais atrações da cidade,os vestígios de uma construção romana e o museu da cidade,esse sim,vale a pena a visita e passei aqui o resto da tarde.

No outro dia,fui a universidade(fundada em 12xx),considerada uma das mais antigas do mundo,assisti a uma aula,e achei incrível como é só pagar que tem-se acesso livre ali.Acostumado com o sistema MEC de ensino,vi muitas diferenças em uma rápida visita.Depois,fui a um museu de arte perto do Templo de Diana(nome da construção romana) e ao outro museu já citado anteriormente.Acabaram-se as atrações,poderia ir embora naquela noite a Beja,mas como tinha reservado 3 dias,só fui no dia seguinte,ficando aproveitando o conforto do hotel.

Editado por D FABIANO
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

Beja

Cidade pequena aonde passei o fim de semana.Muito menos famosa que a vizinha e também sem muito a ver,embora com centro histórico de mais de 700 anos que concentra as atrações.Em 1 dia fui ao museu/convento na praça central da cidadezinha.Fecha para o almoço,mas o ingresso dá o direito a voltar a tarde.Enquanto almoçavam fui ver a Catedral (fecha as 13h),mas vi antes e tem as ruinas do castelo em frente,esse não fecha,pois há um restaurante dentro.A tarde,vi o resto do museu e fui ver a final do campeonato português BenficaxPorto,pois a cidade estava toda fechada e dia de domingo é triste mesmo em todo Portugal.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

Portimão 

1 cidade do Algarve visitada e onde fui muito bem recebido pelos donos do hotel em que ia ficar 3 dias por 25 euros a diária. Era promoção de final de primavera, aumentaria o valor no mês de Junho.Falei 3?Acabei ficando 6 dias,pois os 3 seguintes passaria em Lagos.Como a diária era maior,compensava em ir e voltar de comboio que custa 2,50 euros,se me lembro bem. A cidade em si tem só a Praia do Rocha,praia durante o dia e o comércio abre a noitinha, sendo movimentação de grande cidade na noite.Ali não se concentram ingleses, eles preferem Albufeira, mas há gente de toda Europa. Há um ônibus de turismo, no valor de 5 euros para andar 24h. Muito barato,só não tem grandes atrações, só as duas paradas na praia do Rocha,outra em Campos de golf,muito comuns em toda a região e outra no museu regional, que conta a história da exploração do mar na região,localizado próximo ao centro, porém esse não gostei. Como em Setúbal, o Museu está localizado em uma antiga fábrica de sardinhas. Faltou o principal? Faltou,mas não fica em Portimão, sim ao lado,Carvoeiro,que detalho no próximo post,Benagil, cuja praia está em destaque no relato, sendo uma das mais bonitas que já vi.O acesso de barcos sai da cidade,motivo que entra aqui.O autódromo aonde está sendo disputada a Fórmula 1 é longe,mas lá não há visitas, como também não há no Estoril, uma grande decepção para mim.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

Albufeira 

 Albufeira é bom para inglês bêbado.Eu,como não bebo e não gosto de inglês e da língua colonizadora deles,me senti péssimo.Há passeios, sim,mas não históricos como procuro.Lá tudo é longe, não que a cidade seja imensa,mas o terminal fica na saída da cidade,tendo que passar por várias ruas para se chegar ao centro, ou no meu caso,aos hotéis que ficam espalhados pelas praias. 

Ainda bem que aqui tem bus turístico,que leva a maioria das praias,inclusive ao município vizinho,aonde há muitos resorts com campos de golfe e uma ruína histórica(único vestígio da antiguidade no Algarve).Com esse bus fui a praia do centro, que tem uma escada rolante para se descer ao nível do mar,pois a estrada está acima de um pequeno morro.Lotado na época.A pé,se vai ao centrinho histórico que não se deve perder tempo.Continuando,tem muitas outras praias, uma longe da outra,mas todas cheias de ingleses e bebedeira. 

Em 1 tarde fui a um passeio 4x4.Por incrível que pareça, o guia português queria falar yanki pelas companhias. Disse-lhe que não entendo e ele se tocou e parou de ser vendido ao grande capital. Ora,deixar de falar a língua Pátria para agradar visitas? Ele mostrou algumas vistas da cidade ao longe e parou em um riacho para tomarem banho. Eu,claro, não fui e os ingleses?Foram para o boteco, claro, ou seja hora de nadar também é hora de beber.

A noite,tinha que preparar meu HB como todas as noites, porém graças ao fuso, ainda dava para participar dos finais de pregão.Nem sei o que fazem durante as noites por ali,que cai depois das 23h e eu tenho que manter o horário do Brasil, mesmo ficando meses,o mais difícil é com fuso negativo, mas isso é outra história. Albufeira é isso, praia e inglês bebendo na temporada. 

Editado por D FABIANO
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 3 meses depois...
  • Colaboradores

Faro

A cidade em si,não tem nada,se conhece em 1 dia. Reservei 3,um é o da chegada, no outro conheci tudo. Há hotéis no centro, próximo ao terminal, aonde costumo ficar. No Algarve se anda de ônibus, estações de trem há, mais são longe das cidades. Na outra manhã, pedi informações aonde parava o trenzinho,forma de fazer turismo aonde não há Double decks e sobre a cidade e decepcionei-me coma falta de opções. Caminhei 100m e estava na parada do trenzinho. Ele dá uma volta de whisky pela cidade e,depois, caminhei até a cidade histórica do outro lado da parada.Tudo é muito perto.O portão de entrada é maravilhoso, da idade das trevas, seguido por ruas de pedra e casas antigas até a praça principal. Lá está o museu Municipal, que é bem fraquinho, a igreja Central e a municipalidade. Acabou Faro!!!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...