Ir para conteúdo

Estudando em Londres e batendo perna por 28 dias


buenfab

Posts Recomendados

  • Membros

Meridiano de Greenwich

 

Greenwich é um bairro residencial de Londres,muito charmoso,porém não tão deslumbrante como os demais,é simples,tipo periferia,mas é organizado,limpo,e enfim se não fosse por sua principal atração talvez passasse despercebido.

Chegar em Greenwich não é difícil,porém tem que prestar muita atenção,porque senão você pode parar no destino errado.Pegamos o metrô e descemos na estação Stratford,lá nós andamos pra caramba para encontrar a interligação com a estação de trem(complicado pois as setas não ajudam muito),sabíamos que o trem iria sair da plataforma 4,e procuramos,subimos e descemos e nada da bendita plataforma,já estamos imaginado que era igual a plataforma do Harry Potter na King Cross,imaginária,depois de ficar olhando pelas placas que indicava a plataforma 4 e ela não aparecia,perguntamos para uns dos poucos funcionários que ficam na plataforma para dar informação e ele não entendia meu inglês,até que a minha irmã falou em português a palavra meridiano e ele entendeu e nos explicou como ir lá.É muito engraçado,a plataforma fica literalmente escondida,tem eu seguir reto pela plataforma que nós estávamos,atravessar uma ponte e lá estava a plataforma.Eu que moro em São Paulo acho que a CPTM e o metrô são bem mais sinalizados,aqui tem informação em português,inglês e dependendo da estação até em francês,espanhol e italiano,e quando temos que fazer interligação,tem um monte de seta e funcionários para orientação,coisa que na Europa dificilmente ocorre,e como o trem ia para um ponto turístico,achei que no mínimo tinha que ter setas indicando a plataforma,pois turista não conhece o lugar e acaba se perdendo,e gastando mais tempo que é precioso quando estamos viajando.

 

Bom achamos a plataforma,pegamos o trem,o tiozinho passou para cobrar a passagem do oyster(nem sei quanto foi) e fomos conversando,até que deram um aviso sonoro no trem porém não prestamos atenção e quando chegou na estação Canary Wharf,o trem simplesmente volta para Stratford,ai as duas tontas tiveram que descer na estação anterior,pegar o trem para descer na Canary Wharf e de lá pegar pegar o trem para Lewisham que é o que passa em Greenwich.

Confusões a parte,pegamos o trem correto(que estava cheio por sinal,mas ao contrário de São Paulo,o pessoal lá pede excuse me please ou quando encosta em você fala sorry,o que faz a viagem ser agradável,britânicos são muito educado,nada de empurrar,socar e etc para entrar e sair do trem)e enfim chegamos a Greenwich...

Andamos um pouco e logo achamos o parque que está situado o observatório.O lugar é muito bonito,amplo com muito verde,chegamos lá e fomos direto para o topo que é onde fica a linha imaginária que estabelece os fusos horários e as distâncias em longitude.Para chegar até lá em cima é uma boa caminhada que chegar a cansar bastante,tivemos que parar no meio do caminho para respirar um pouco,a subida é toda em curvas,mas a paisagem de lá é maravilhosa,dá para ver o O2(não deu tempo de ir até lá)e as obras do futuro complexo olímpico,além da cidade.

Lá no topo tem o relógio de Greenwich,tem também uma loja que vende vários cacarecos(mas tudo é muito caro)e também o observatório que eu não entrei.No topo do prédio do observatório tem a “linha” do meridiano que só pode ser visível a noite,mas também não esperei anoitecer,porque nesse dia chegamos lá por volta das 17h e as 19h tínhamos compromisso com uma amiga minha que mora em Londres, no restaurante Salsa que fica no centro da cidade,então estava com um pouco de pressa.Mas vale a pena passear por lá,atrás da loja tem um telescópio imenso que eu acho que é decoração,não sei se ele funciona de verdade.O lugar é fascinante,pois você para e pensa:putz,estou no lugar que sempre me falavam nas aulas de geografia,é uma sensação emocionante estar entre o ocidente e o oriente,lugar que eu considero importantíssimo para o planeta.

Depois que saímos do parque fomos dar uma volta pela cidade, o centro é bem bonito tem o seu charme, pois apesar de Greenwich ser em Londres,achei lá tudo tão tranqüilo que parecia mais uma cidadezinha de interior.Fomos caminhando até a estação e descobrimos que se não tivéssemos nos perdido nos trens,poderíamos ter feito o trajeto em menos de 1h!

 

Fato interessante:estava sentada lá no trem e entra uma senhora que estava com várias sacolas de mercado,a mesma entrou,deixou as suas várias sacolas do lado da porta e veio sentar perto da gente(estavámos longe da porta),o trem começou lotar e eu comecei ficar preocupada com as sacolas da mulher,eu falava para a minha irmã que a senhora era louca,onde lá se viu,estava pedindo para ser roubada,iam levar as sacolas dela,e a senhora estava bem tranqüila,e eu lá incomodada achando que ela ia ser roubada,pois aqui nos trens do Brasil eu ando com a minha bolsa quase perfurando o corpo para não ser roubada!,depois de um bom tempo a mulher levantou pegou as sacolas que estavam intactas e desceu do trem,ai eu pensei que é isso o maior diferencial da Inglaterra com o Brasil:a educação e o respeito,aqui no Brasil se não tivessem roubado a sacola,com certeza não teria mais nada pois o povo empurra tanto para entrar no trem que iam acabar pisoteando em tudo....Fiquei de boca aberta,impressionada,mas me fez pensar que a educação é a base de tudo,boa educação na escola torna os adultos educados e com respeito!Amo meu país,mas quando vejo um exemplo desse,creio que se a nossa educação mudasse,o país iria tornar-se melhor...

 

Segue as fotos

 

20111024222053.JPG

 

20111024222335.JPG

Entrada do parque

 

20111024222606.JPG

 

20111024222825.JPG

 

20111024222954.JPG

 

20111024223208.JPG

 

20111024223417.JPG

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 88
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros
Está muito show seu relato. Meu amigo que não acessa o site fará um curso de inglês por 30 dias em janeiro e estamos aproveitando suas dicas para fazer a programação dele.

 

Abraço

 

Olá,que bom,fico feliz que o relato está ajudando quem quer se programar.Dúvidas é só perguntar

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Loja da M&M

 

Essa loja fica na Picadilly Circus,bem no coração de Londres e fazer uma visita pode ser um programa bem interessante,mesmo para quem não gosta de chocolate.

Ela tem uns 5 andares e vende de tudo com a marca m&m,além dos tradicionais chocolates.Comprei um pijama lindo lá que não foi tão barato,mas é uma recordação já que além da loja de Londres existem somente outras 4, mas apenas nos Estados Unidos nas cidades de Las Vegas,Orlando,Miami e New York.

A loja é muito divertida,tem várias estátuas,quadros e monumentos do M&M,tem uma imitação dos Beatles na Abbey Road,só que com os bonecos do M&M e é muito legal pois dá para tirar fotos,tem jogos,tem umas pessoas disfarçadas de m&m que te convidam para dançar bem no meio da loja,é tudo muito animado e lógico repleto de chocolates por todos os lados,você pode comprar boneco com chocolate dentro(tem de vários modelos),camisolas,bonés,pijamas,canetas,cadernos,pelúcia da m&m,bolsas,moletons,camisetas e mais algumas coisas que eu não me lembro.

Tem também uns compartimentos que vendem o chocolate e que você pode escolher qual tipo e quanto quer comprar,a vontade que dá é de abrir a boca embaixo e comer um monte rsrsrs...

A loja costuma ser lotada,principalmente de turistas,a primeira vez que eu fui foi em uma sexta-feira e por voltas das 23h e estava lotadérrima,porém de domingo ela fecha as 18h se eu não me engano.

Com apenas 5 lojas em todo mundo, visitar essa loja é uma boa atração turística.

As fotos mostram melhor como essa loja é legal...

 

20111028214950.JPG

 

20111028215347.JPG

 

20111028215625.JPG

 

20111028215909.JPG

 

20111028220339.JPG

 

20111028220625.JPG

 

20111028220917.JPG

 

20111028221154.JPG

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Metrô/King’s Cross St.Pancras/Waterloo

 

Já falei aqui que o transporte de Londres não é lá as mil maravilhas mas é eficiente.Para falar a verdade as 2 únicas coisas que eu não gostei no metrô de Londres é o valor da passagem(muito caro)e apesar de não ter deficiência física,eu fiquei imaginando como os cadeirantes devem de sofrer lá,pois diferentemente de São Paulo que o metrô tem elevadores até a plataforma,lá não vi nenhum,e para subir em um acesso superior a estação,não tem escada rolante,é somente no piso superior até a rua,e sem contar que as vezes o metrô chega na plataforma e para de um jeito que temos que dar um salto olímpico para sair...Nem é preciso falar que o metrô de lá é super quente e não tem ar condicionado,pois Londres foi uma cidade projetada para o inverno,porém o clima no planeta está mudando e lá não poderia ser diferente,nos meus 5 primeiros dias peguei um calor de mais de 30 graus!!!! Os assentos do metrô são todos almofadados(eca!!!),achei isso meio nojento,pois a pessoa sua e limpar aquilo é meio difícil(pela aparência creio que nem limpam),sem contar que você não vê faxineiras no metrô e nem nas estações,porém as pessoas mantém a conservação,não jogam papéis,embalagens ou qualquer outra coisa no chão.

Fiquei impressionada com a educação dos londrinos,pois um dia estava na estação de St Paul’s no horário de pico e o metrô veio com os corredores mais vazios e na porta havia muita aglomeração,porém se fosse aqui em São Paulo as pessoas empurram que facilmente você iria parar no corredor,porém lá ninguém empurra e se eles vêem que não dá para entrar o que elas fazem?esperam o próximo metrô até conseguir entrar!e olha que o metrô de lá é um pouco lento e demorado!fiquei de boca aberta com essa atitude...

O metrô de Londres com o Oyster,você paga a passagem quando sai da estação e não quando entra,para entrar você passa ele na catraca,porém não paga,somente é registrado em qual zona você entrou e ai quando você vai sair que é cobrado a passagem.Eu particularmente não gostei,achei que tinha que ser um preço único.

Em relação as escadas,se você não está com pressa,deixe a esquerda livre,é costume deles e é bom respeitar,caso contrário você pode ouvir um dá licença,tipo sai da frente,educadamente claro...

Obs:Quando teve os atentados em Londres eu estava lá,e o metrô ficou meio tenso,pois como ele costuma ser alvo de atos de terrorismo,a policia foi obrigada a ser instalar nas estações e vagões,porém eu só fiquei com medo mesmo quando um dia tivemos que pegar um trecho no metrô que ia para Brixton que era onde tudo estava acontecendo...

 

20111105160214.JPG

 

20111105160450.JPG

 

20111105160600.JPG

 

King’s Cross St.Pancras

 

São estações separadas,porém uma do lado da outra,ambas parecem a nossa Estação da Luz

A St Pancras por fora e a King’s Cross por dentro é quase idêntica,pena que quando eu fui na King’ s Croos tava uma bagunça pois a estação está passando por reformas e eu acabei não achando também a “plataforma” do Harry Potter...

A St. Pancras é a estação de onde saem os famosos trens da Eurostar que liga Londres a Paris e a outros lugares da Europa também.Infelizmente não tem como ver o Eurostar,a não ser se você vai viajar,pois como tem que passar pela imigração,etc,fica em uma área não acessível para quem está somente visitando.Ela tem dois andares,na parte inferior fica os trens internacionais,e na parte superior os trens que vão para várias cidades da Inglaterra e se eu não me engano da Escócia também.

Ela parece um aeroporto,é muito chique,limpa e bem estruturada,possui várias lojas e restaurantes,e tem um monumento lindo e enorme de um casal apaixonado dançando e também um símbolo gigante das Olimpíadas,alias Londres já respira esse evento,tem muita coisa com esse símbolo a venda.

 

20111105160943.JPG

 

20111105161123.JPG

 

20111105161336.JPG

 

20111105161545.JPG

 

 

Waterloo

 

 

 

Fomos parar nessa estação porque por algum motivo nos perdemos nas várias linhas do metrô!

Essa é uma estação que partem também trens para diversas cidades da Inglaterra e para regiões dentro e próximas a Londres.Muita bonita,cheia de restaurantes,nos mostra como as estações brasileiras deveriam ser,se o nosso dinheiro fosse bem investido.Tem um charmoso relógio que lembra aquele da estação de Nova Iorque que nós tanto vemos em filmes.

O que eu acho legal é que geralmente nessas estações possuem alguns monumentos ou obras de artes,é muito interessante isso.Warteloo é interligada com o metrô,dá para visitar,você somente paga se for viajar de trem.

 

 

20111105161941.JPG

 

20111105162223.JPG

 

20111105162601.JPG

 

20111105162914.JPG

Editado por Visitante
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Palácio de Buckingham

 

Antes de começar falar desse lugar vou postar uma breve história que eu retirei da Wikipédia:

 

“Originalmente conhecido como Casa de Buckingham (o edifício que forma o coração do atual palácio) foi uma grande casa citadina construída pelo Duque de Buckingham, em 1703, e adquirida pelo rei Jorge III, em 1762, como uma residêndia privada, conhecida como "A Casa da Rainha" ("The Queen's House"). Foi reformada e aumentada ao longo de 75 anos, principalmente pelos arquitectos John Nash e Edward Blore, formando três alas em volta de um pátio central. O Palácio de Buckingham tornou-se a residência oficial da monarquia com a ascensão da Rainha Vitória em 1837. As reformas mais significativas foram feitas na Era Vitoriana, com a adicção de uma grande ala em direcção a Leste e com a remoção de antigas entradas. A fachada Leste foi refeita em 1913 junto ao Memorial de Vitória, criando a actual fachada pública do palácio, incluindo o famoso balcão.”

 

Esse palácio tem uma história de vida incrível,foi bombardeado durante a 2º guerra mundial,tendo a sua capela totalmente destruída,foi considerado o 4º prédio mais feio de Londres em 2005(gosto é gosto não se discute),é uns dos principais simbolos da monarquia britânica,e também é umas das residências oficiais da rainha e palco de grandes eventos,foi no seu balcão que foi protagonizados os beijos de casamento do Principe Charles com a Diana e mais recentemente do Principe Willian com a Kate,mas isso todo mundo sabe...

Buckingham possui o maior jardim privado de toda Londres,nesse jardim possui um lago e a rainha costuma fazer lá os seus eventos de verão com vários convidados,um luxo que só quem tem “sangue azul” é privilegiado,bom ai eu não sei ,mas acho que ela não convida o povo para isso....

A verdade é que a região é um luxo só,próximo ao castelo temos o St James Park,muito lindo,mas vou falar dele depois,a The Mall é uma avenida com chão vermelho,é o tapete vermelho se estendendo até o palácio...

Os portões do palácio é de ouro,e os portões próximos ao parque também.Em frente ao palácio temos o monumento dedicado a rainha Vitória que também tem esculturas em ouro,resumindo em Londres tudo que reluz é ouro....rsrsrs

Em agosto o palácio estava aberto a visitação,porém depois de 3 tentativas em dias e horários diferentes para comprar um ingresso que custava 17 libras para conhecer apenas algumas áreas do castelo e ver bem de longe o vestido de noiva da Kate,eu desisti...

Desisti porque achei uma grande sacanagem não conseguir comprar esses ingressos,e desisti porque via ônibus e mais ônibus chegando lotados de idosos com ingressos na mão,foi ai que eu tive um raciocinio não confirmado mas lógico,grande parte dos ingressos são vendidos para escursões,por isso que nunca tinha nenhum disponível para venda....No próprio palácio,só que em uma área externa existe uma lojinha que vende bugigangas do palácio,vende de tudo,bolsa,canetas,conjunto de porcelana de chá,toalhas,chaveiros,marcadores de livros,guardanapos,bolo(tipico inglês é bom),fotos,livros contando a história da familia real entre outros....Tem também a galeria de obras de artes da rainha,porém tem que pagar para entrar e eu resolvi economizar minhas libras,já que os museus em Londres são gratuitos e eu havia visto muita arte nos últimos dias.

 

Troca da Guarda

 

Como estudava de manhã e a troca da guarda era bem nesse horário,não tive o privilégio de assisitr a cerimônia completa.A troca acontece dia sim,dia não,até que tivemos a sorte de uma cair em um sábado,porém ela começa as 11:00h e para ver tudinho tem que chegar cedo,mas o cansaço era tanto que eu e a minha irmã dormirmos até umas 9h,e até levantar,tomar banho,se arrumar,tomar café da manhã,etc... e ainda fomos a pé caminhando calmamente(pra que ter muita pressa em Londres ainda maisnum sabádo)e ainda no meio do caminho perto da London Eye vimos a Ana Paula Padrão para fazer uma reportagem e paramos para conversar com uns brasileiros que estavam tirando fotos de lá e brasileiro você sabe como é,se você está longe de casa e encontra um,começa conversar como se conhecesse há anos!!!! e chegamos lá já estava quase no final,mas pelo menos tiramos umas fotos e vimos algumas coisas,acho que eu não teria paciencia de ver tudo,bom é bem lotado...Depois fomos dar uma volta no quarteirão,vimos a Clarence House,também não quis pagar para entrar,tiramos fotos,nossa a residência é muito grande,se eu não me engano o principe Charles com a Camila e o Harry mora lá,parece que recentemente a Kate e o Willian morou lá,mas mudou para Kensington...

 

Segue algumas fotos

 

20111105181016.JPG

 

20111105181328.JPG

Detalhe portão com ouro

 

20111105181626.JPG

Monumento em homenagem a rainha Vitória

 

20111105182305.JPG

 

20111105182530.JPG

 

20111105183213.JPG

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Escola

 

Vou falar um pouquinho a respeito da escola que eu estudei a UIC – United Internacional College.

A escola fica bem localizada no centro de Londres a pouco metros da Tottenham Court Road e da Oxford Street.

Fica em um prédio antigo de 4 andares,sendo que dois pertence a escola e costuma estar sempre cheio,pois toda segunda-feira chega novos alunos para iniciar seus cursos.

Chegamos lá e fomos na secretária e logo em seguida fiz o teste para saber meu nível de inglês,comprei o material,só que como cheguei atrasada pois nos perdemos nesse dia e optamos por não assistir aula,pois já era umas 11:30h da manhã.

No dia seguinte cheguei na sala de aula e tive que me apresentar em inglês e estava começando outras pessoas também,a sala era composta por um mexicano,dois espanhóis,um iraquiano,dois italiano,uma japonesa,uma russa,uma coreana e é claro um brasileiro.A japonesa que estudava conosco falou que a cidade dela havia passado pelo tsunami no começo do ano,o que prova que japonês não é gente como a gente,eles são muito inteligente,avançados não só em tecnologia mas em tudo.

A professora era tipicamente inglesa e tá certo que às vezes me perdia um pouco no que ela falava,mas acho que é normal,já que aqui no Brasil estudamos,mas nunca temos a grande oportunidade de conversar em inglês e descobri ainda que muitos professores daqui nos ensinam pronúncia errada!fiquei um pouco revoltada....Na classe havia bastante conversação,o que era engraçado,pois quando tinha que falar com o iraquiano ou com a japonesa,eu não entendia quase nada,o inglês deles é muito difícil.

Toda sexta-feira tínhamos teste e alguns mudavam de nível e na segunda-feira a sala enchia novamente,depois foi chegando um suíço,três colombianos e uma Venezuela,e como eu falo espanhol,a interação foi ótima com os nossos “hermanos”,me senti realmente em casa,tanto que ainda converso com eles via facebook,e pode falar o que for,mas os nossos vizinhos latinos são muito legais,quando fui para Buenos Aires também me senti em casa....

O horário das aulas era da 9 até 12:20h com dois intervalos de 10 minutos cada.

Sinto um pouco de saudade da minha rotina que era acordar as 7h,tomar banho me arrumar,descer para tomar café da manhã(no hotel mesmo), e ir caminhando para a escola,vendo os ingleses com aqueles copões de café na mão ou sentados em uma cafeteria lendo o jornal ou conversando com os amigos,ou alguns apressados que estavam atrasados para o trabalho e participar das aulas que eram bem legais,porém cansativas,quase todos os dias tínhamos dever de casa(menos em fim de semana)que eu fazia a noite antes de dormir,aí tinha que saber controlar o horário,pois acabava a aula e ficávamos na sala para falar no skpye com meus pais,e lá pela 13:30saíamos da escola e passamos no mercado para comprar comida,almoçávamos no hotel e só depois saíamos para conhecer a cidade.O bom de ficar hospedada perto da escola foi isso,além de economizar com condução eu ganhava tempo para passear depois.

Segue o site da escola para quem quiser saber um pouco mais: http://www.uiclondon.com/

Fechei os valores e o contrato com a escola por uma agência de intercambio aqui em São Paulo,mas quem quiser pode negociar diretamente com a escola por email,sai mais barato,eles encaminham como documentos para entrar no Reino Unido que é o comprovante de pagamento e uma carta de matrícula destinada a imigração,e também o comprovante de acomodação,caso opte ficar em casa de família ou residência estudantil,porém é aconselhável levar outros documentos,caso o agente peça,se não pedir não mostre.No momento em que fechei com a agência de intercâmbio,decidi que queria estudar de manhã,independente do nível de inglês que eu fosse estudar,e assim foi feito,eu aconselho quem for para estudar que opte pelo turno da manhã,pois apesar de ter que levantar cedo todos os dias,pelo menos eu tinha a tarde livre para aproveitar a cidade.Em Londres em agosto, mesmo que não tenha sol escurece por volta das 21h,isso fazia perder um pouco a noção de tempo,mas era bom pois dava mais ânimo...

 

Segue algumas fotos retiradas da internet,pois na correria acabamos esqucendo de fotografar a escola... ::putz::

Fonte:London Connexion:https://www.facebook.com/profile.php?id=100001878561832

 

20111105201839.jpg

 

20111105203151.jpg

 

20111105203203.jpg

 

20111105203215.jpg

 

20111105203231.jpg

 

20111105203241.jpg

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

ooi, eu li no seu primeiro post que você foi como intercambista, eu vou também durante um mês em Janeiro mas para uma cidade que fica meia hora de Londres e tenho algumas dúvidas como o que te perguntaram na chegada ao aeroporto, qual agência de intercâmbio você foi pois parece ser muito bem organizada e se o inglês britânico é muito diferente do inglês americano pois aprendo o americano aqui e se essa diferença causou alguma dificuldade de comunicação?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
ooi, eu li no seu primeiro post que você foi como intercambista, eu vou também durante um mês em Janeiro mas para uma cidade que fica meia hora de Londres e tenho algumas dúvidas como o que te perguntaram na chegada ao aeroporto, qual agência de intercâmbio você foi pois parece ser muito bem organizada e se o inglês britânico é muito diferente do inglês americano pois aprendo o americano aqui e se essa diferença causou alguma dificuldade de comunicação?

 

 

Oi,tudo bem?eu fui como intercambista sim,fui pela London Connexion e gostei bastante,eles organizaram toda a documentação e me deram várias dicas.

Em relação ao inglês aqui no Brasil também estudo inglês americano,mas acho o britânico mais bonito,se eles falam devagar dá para entender bem,dificil mesmo é o inglês dos indianos,árabes e alguns latinos,esses eu não entendia nada,principalmente os indianos que falam "embolado"e com forte sotaque,e não tem como não ter contato com esses povos,eles estão no comércio em geral,lojas,supermercados,etc...

Olha a imigração foi tranquila demais,tava com receio e medo e quando cheguei lá ele perguntou se falava inglês e minha irmã respondeu:no e ele falou em ingles Não fala inglês?então vai voltar para o Brasil...mas ele tava zoando,ai eu falei que tava cansada depois da viagem,mais de 11horas dentro do avião...e mostrei a carta da escola,acomodação(nem olhou)e passagem de volta por Milão e ele carimbou nossos passaportes para 6meses,ou seja não me perguntou nada!!!!levei uma pastinha recheada de documentos como extrato do visa travel money,carta do trabalho e mais algumas coisas e nem precisou,foi super tranquilo,não precisei de tradutor e ele falou super devagar,não fiquei nem 5 minutos lá...

Vá preparada com toda a documentação mas fique tranquila que dará tudo certo.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


×
×
  • Criar Novo...