Ir para conteúdo
Vgn Vagner

Cachoeira da Pedra Furada e uma perda (Biritiba Mirim-SP)

Posts Recomendados

Uma perda na Cachoeira da Pedra Furada

20/01/2013

Participantes: Vgn Vagner, Guilherme, Gleison e Tarley.

 

Após alguns meses de espera por companhia, para tão deseja trilha à Cachu. Conseguimos realizar tal caminhada.

De inicio, procurei infos através do MOCHILEIROS.COM, que me serve com ótimas direções de conhecimento. Através de relatos, um em especial de Kassio Massa me orientou da melhor maneira que eu pudesse entender.

Depois de inúmeras buscas de Cia para tal feito, surge o interesse de Tarley (o Professor), quando leu um tópico meu. Fizemos contato e marcamos para 16/12/12, e justo nessa semana choveu o esperado para um ano... rsrsrsrs. Daí, role cancelado né???!!!!

Marcamos para Janeiro de 2013 (sem data), foi quando surgiu o interesse de Gleison através de um post meu no NAÇÃO TRILHEIRA. Combinamos data, horário, local de encontro e meio de transporte. Detalhe: nenhum dos 3 se conhecia.

O pico está situado mais próximo do Extremo Leste da Cidade do que Extremo Sul, então ficou difícil pro Professor sair do Campo Limpo Paulista e chegar as 07:20h na estação de Ferraz de Vasconcelos onde eu e Guilherme o esperaríamos. Ele pegou o trem errado (chegou 08:45h),... kkkkkk.

Depois de contra tempos, fui pra estação de Suzano encontrar Gleison, pra não ficar tanto tempo a deriva. Tudo certo, então descemos rumo a região serrana de Mogi das cruzes.

Chegamos as 09:30h na Balança do km77 na Rodovia Mogi-Bertioga, arrumamos o que devia ser arrumado, fizemos um lanche antes de partir as 09:45h.

Rumamos pelo acostamento com Maximo cuidado possível, sempre em fila Indiana. Pois os carros passam bem perto em alta velocidade.

Ao passarmos pela placa (Parque Estadual da Serra do Mar e seus 3 Totens), avistamos uma leve subida na Rodovia, onde há 3 placas de sinalização. Na placa branca que indica: Fiscalização Eletrônica reduza a velocidade, se encontra a entrada da trilha no lado esquerdo na pista. Pouco antes de adentramos a mata, olhei pro Gleison e soltei: num leve a mal não, mais o tempo vai fechar pra nós(do litoral vinha uma tempestade anunciada através de nuvens escuras e muito carregadas).

Como se não bastasse ter chovido a semana inteira, o que deixou a trilha encharcada parecendo um pântano. Quando andamos os primeiros 5 min. Mata adentro, dito e feito: tome água.

A chuva dava uma trégua de 10 minutos no Maximo, e quando vinha forte parecia que puxava as nuvens pra baixo acinzentando nosso caminho, enquanto desviávamos das poças, das lamas, das arvores e afins.

Inevitável capote cinematográfico foi quando Gleison, com a maquina fotográfica numa das mãos e um facão na outra, pulou uma poça e, quando ainda no ar parecia que o cipó saia do meio da lama e puxava ele de volta ao chão. PLOFT, corpo ao chão, mais sem se machucar. Lógico que gerou risos antes de prosseguir.

Continuamos nossa lenta caminhada apreciando as belezas da trilha, atentos com as bifurcações que iriam aparecer na seqüência de: direita, direita e esquerda. E assim achamos que fizemos.

Antes da terceira bifurcação (esquerda), atravessamos um rio mais largo que os pequenos riachos que encontramos no caminho. Pouco depois um grupo de 10 pessoas que vinha num ritmo mais acelerado nos alcançou.

Breve dialogo:

Eles: e aí pessoal blz? Pra vcs vão?

Nos: Pedra furada.

Eles: ta errado.

Nos: putz mano serio?

Eles: serio. Aqui vcs vão pra Cachoeira da Light.

*como nosso objetivo era a Pedra furada, segui a prosa:

Nos: onde erramos?

Eles: no rio largo que vcs atravessaram. Vão ter que voltar até lá e atravessar de volta, voltar uns 15mts e pegar a continuidade da trilha, pra depois virar a esquerda.

Depois de cumprimentos e agradecimentos, seguimos.

Chegamos à Cachu 20 minutos depois. Tinha um grupo de 8 pessoas recolhendo equipos de Rapel pra partir dali rumo a Rodovia.

Desescalamos com cuidado o canto esquerdo da cachu (pois estava escorregadio), em um cenário maravilhosos em meio à grandes raízes. Flagramos a Maravilhosa Cachu em sua força, maior devido a chuva a água jorrava não só pela rachadura da rocha, e sim por cima. Daí a pouco eu tive minha perda.

Maravilhados com a chegada, nos cumprimentamos, já colocamos as mochilas do lado e nos preparamos pras fotos e uma ousada investida na água.

Logo no inicio és que surge a perda. Quando eu entreguei a maquina fotográfica pro Guilherme, levei logo um capote por causa as pedras lisas. Foi daí que levei uma bronca: Cuidado meu, você pode se machucar, poxa fiquei preocupado...

Quando entreguei a maquina e virei de costa para fotos, só ouvi: Plaft (Guilherme ao chão) gritei A MAQUINA. Já era, a correnteza levava a digital por água abaixo.

Perdi minha maquina, a do Gleison havia travado no capote que ele levou, então só restou a maquina do Tarley (ainda bem).

Registramos alguns ângulos, fizemos um lanche e partimos, pois a chuva acabara de cair muito forte junto com uma nuvem que beijava o topo das arvores. Eu tremia muito, ao tentar vestir as meias parecia que eu tocava pandeiro. Nos agasalhamos e rumamos forte pro sangue esquentar.

A chuva foi implacável em todo caminho de volta, até chegarmos a balança. Ficamos um tempo nos aquecendo no ar-condicionado do carro e partimos.

*Obs.: após sairmos, em menos de 5 minutos de estrada o sol se abriu forte como que se dissese: Brinquei de esconde-esconde o dia inteiro... kkkkk.

Mais foi tudo muito maravilhoso.

Agradeço a atenção pessoal.

 

*obs.: adicionei umas fotos de uma outra vez que voltei lá, só pra quem não conhece, ter idéia de como é a cachu.

 

 

Abraço e até uma próxima. ::otemo::

SAM_0312.JPG.b8efc63be01dd35c37546b083d1d3ddc.JPG

SAM_0322.JPG.2edf5ee5c4622b2fc7db0feeeba9c6f8.JPG

SAM_0306.JPG.ad7f4de9ba309da6718f58774d201307.JPG

SAM_0353.JPG.b11d6bfe4357398658b1ed54b266c777.JPG

SAM_0395.JPG.32c70ac2c50f376da27df4cc5b2d6d2f.JPG

SAM_0382.JPG.4aa9abb06d2d92489daeea06be264b09.JPG

SAM_0428.JPG.8704eb60c6cfdc855c438b1e47d63bfe.JPG

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

na entrada da trilha, tem lugar de deixar o carro ou é melhor ir de busão mesmo ?

a trilha é dificil, tem perigo de ser perder ou não encontrar a cachoeira ?

existem bastante gente fazendo a trilha ou quase ninguém a faz ?

 

Pois estou pesquisando trilhas perto de São Paulo para fazer,

semana passada fiz umas em Monte verde MG.

 

abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oh Alemão...

 

...a trilha é de fácil navegação "RETONA" com 3 bifurcações (dir, dir e esquerda), na 3° bifurc vc vai descer forte, passará por raizes de cor escura e já sairá no topo da cachu. Na entrada ñ tem onde deixar o carro. Vc indo de carro ou busão o inicio da pernada é no mesmo lugar: NO PONTO FINAL DO BUS, NA BALANÇA DO km 77. Dali vc vai andar 3,5 km até a entrada.

 

obs.: vc andará uns 50 min. no asfalto e 1h ou mais na trilha.

 

Muitas pessoas fazem essa trilha, dificil ñ encontrar alguem por lá.

 

Boa sorte qdo for!!!

Qq coisa é só falar. Abraço.:mrgreen:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quem não conhece a Cachu Furada vá correndo que já já vai ter uma placa no começo da trilha proibindo acesso. O proprietario da área (q não é o PNSM) ficou de saco cheio da farofa perpetrada por grupos irresponsáveis (que agitam oba-oba pelo face), que além de detonar a mata do entorno, emporcalham e descaracterizam a vereda, alem de levar torcentos negos onde mal cabe 1/3 deles. Como as batidas da policia ambiental tornaram-se mais frequentes por la - autuando principalmente os nóias que frequentam o atrativo - ja tramita um projeto pra proibir em definitivo da entrada de quem quer que seja. Parabéns, conseguiram. Por causa de uns manés irresponsáveis, td mundo vai pagar o pato.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nossa Soto...

 

...chegar subir o sangue quando acontece esse tipo de represária contra nossos intentos. Daqui a pouco vai se extinguir também o acesso à cachu do Elefante, pois fui lá 03 vezes esse ano, e o local p/ camping tá parecendo um "XIQUEIRO".

 

TD POR CAUSA DA IRRRSPONSABILIDADE DE UNS FDP.

 

OBS.: ñ sabia que é particular, pensei q fosse do PESM. Valew pela info.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Nossa Soto...

 

...chegar subir o sangue quando acontece esse tipo de represária contra nossos intentos. Daqui a pouco vai se extinguir também o acesso à cachu do Elefante, pois fui lá 03 vezes esse ano, e o local p/ camping tá parecendo um "XIQUEIRO".

 

TD POR CAUSA DA IRRRSPONSABILIDADE DE UNS FDP.

 

OBS.: ñ sabia que é particular, pensei q fosse do PESM. Valew pela info.

 

 

Não é a primeira vez que colocam uma placa proibindo o acesso nessas trilhas. Em 2002, havia uma placa na entrada da cachoeira do Elefante proibindo o acesso, sob pena de crime ambiental, e bla bla....simplesmente arrancaram a placa. Meses depois, colocaram nova placa. E mais uma vez, o pessoal arrancou....e continuou entrando na trilha, sendo que desde então, não colocaram nenhuma nova placa ali....no caso da Cachu Furada, eles vão colocar uma placa ali e o povo vai simplesmente arrancar....Dai se for enquadrado sem a placa, não dá em nada...basta arrumar um advogado e recorrer!

 

Porém, lendo o relato, é surpresa saber que ali pertence a fazenda....o governo abre um monte de estradas, faz vista grossa para as invasões que detonam a mata e fica de implicancia com trilheiros, qdo deveria fazer campanhas de conscientização e até controle de acesso, tal como fazem o parque ecologico da Juréia....ir pelo caminho mais facil é atitude de gestor medíocre!

 

O proprietário pode colocar uma placa ali só para dizer que tem o aviso, dai a responsabilidade passa a ser dos orgãos ambientais, já que a parte dele já fez. E não duvido nada que faça vista grossa....

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A presença constante (e mais assidua) da polica ambiental no atrativo ja fala por si. Se eles constatarem q irregularidades continuam ocorrendo, o proprietario (q se comprometeu a preservar) decerto vai tomar medidas mais eficazes e rigorosas pra nao ter de ouvir mais do governo. Pensando dessa forma, a medida é bem-vinda pois vai filtrar bem quem acede o lugar.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pô, lamentável estar proibido, então no meu caso vou procurar outras trilhas, vou deixar essa para segundo plano. Agradeço as informações, dicas de vocês.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Samuel...

 

Sim, a trilha leva até o topo da Cachoeira. Mas há acesso fácil pelo lado direito, é só descer segurando mas raízes, e pouco antes de chegar nessa parte, ao invés de vc pegar a esquerda, se mantenha na direita e entre um pouco mais adiante.

 

É tudo mto fácil!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×