Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Jonas.Schwertner

Dresden - Perguntas e Respostas

Posts Recomendados

[align=justify][t1]A Florença do Elba[/t1]

 

Castelos, igrejas, coleções de tesouros. A ambição do príncipe Augusto, o Forte, transformou Dresden numa das mais belas cidades européias.

Conta a história que a bela Anna Constantina de Cosel conheceu o príncipe Augusto, o Forte, quando passava por dificuldades em seu casamento. Ele logo a ajudou a deixar sua família e a transformou em sua cortesã oficial. Mais rápido ainda ela se tornou a condessa de Cosel, ganhou todos os benefícios de um membro da família real e o castelo de Pillnitz. Mas a sua sorte não durou por muito tempo. A condessa era inteligente e envolveu-se na política. Além disso, ela tinha posse de um documento que comprometia Augusto a casar-se com ela, assim que sua esposa falecesse. O príncipe, por sua vez, logo se interessou por outra beldade com menos ambições intelectuais e mandou a condessa para longe de suas vistas. Ela passou 49 anos encarcerada no castelo de Stolpen, onde faleceu em 1765.

A história da condessa de Cosel mais parece um conto de fadas, mas ela é mais um reflexo do poder com que Augusto, o Forte, exercia seu mandato. O príncipe governou Dresden entre os séculos 17 e 18 e nesse período sua força e astúcia política fizeram prosperar a cidade. Grande parte do seu atual glamour foi obra da sua ambição.

O centro histórico de Dresden, com o palácio Residenzschloss, as igrejas Frauenkirche e Hofkirche, o Zwinger e outras obras-primas da arquitetura, todos construídos por ordem de Augusto, encantam hoje até os antigos moradores da cidade cada vez que passam por ali.

 

 

[t3]Obras-primas reerguidas das cinzas[/t3]

Destruída pelo bombardeio americano em fevereiro de 1945, Dresden foi em grande parte reconstruída, mas muito do tesouro cultural ficou perdido para sempre. A igreja Frauenkirche, construída entre os anos de 1726 e 1743, é considerada o símbolo da cidade. A sua ruína serviu de monumento contra a guerra durante quatro décadas. Somente em 1994 foi iniada a sua reconstrução e, no ano passado, após dez anos de obras, foi concluído o seu exterior. As antigas casas civis foram substituídas por grandes blocos residenciais para suprir a demanda de moradia urgente e hoje esse blocos se misturam à paisagem nostálgica do centro histórico.

O palácio Residenzschloss foi sede do governo e residência dos príncipes da Saxônia do século 12 até o ano de 1918. Durante esse longo período ele passou por diversas reformas, uma completa reconstrução em 1701, em conseqüência de um incêncio, e após a destruição de 1945 foi novamente reconstruído, mas seu interior ainda permanece em obras, que devem ser concluídas no próximo ano. O seu primeiro andar já é ocupado com algumas exposições raras. Uma delas reúne os tesouros de diversos reinados da Saxônia. Chamada Das Grüne Gewölbe, a coleção também foi criada por Augusto e é a maior e mais preciosa do gênero na Europa.

O Zwinger, considerado uma das maiores obras-primas aquitetônicas européias em estilo barroco, foi construído em 1710 para sediar os festejos da corte de Augusto. Hoje ele abriga preciosas coleções, como a de porcelana, que aliás também foi um dos feitos de Augusto. A seu encargo, cientistas tentaram desvendar o segredo da porcelana chinesa e tiveram sucesso. Para manter em segredo a descoberta, a manufatura da porcelana foi sediada na cidade de Meissen.

 

Além dos salões de relíquias, são realizados concertos e apresentações de balé no grandioso jardim interno do Zwinger, durante o verão, e entre suas majestosas colunas, músicos de rua encontram inspiração.

A Ópera de Semper, em estilo renascentista, foi construída entre 1938 e 1941 pelo arquiteto Gottfried Semper e é mais um dos símbolos da cidade. A sua reconstrução foi finalizada em 1985.

 

 

[t3]Beleza natural[/t3]

 

Construída às margens do Rio Elba e cercada pela floresta Heide, Dresden é conhecida como a Florença do Elba, devido à harmonia da sua beleza natural com a sua belíssima aquitetura.

De junho a setembro, as margens do rio ficam repletas de gente de todas as idades, que simplesmente deitam-se ali para tomar sol, relaxar apreciando a vista maravilhosa, ou aproveitam para fazer caminhadas e passeios de bicicleta. Na margem direita há uma praia, com cadeiras, barzinho e até coqueiro, onde se pode jogar vôlei de praia. Na margem esquerda é colocado um telão onde são exibidos filmes durante um mês.

A frota de barcos a vapor de rodas laterais, a maior e mais antiga do mundo, não pára. A todo instante saem barcos que levam os passageiros para conhecer os castelos que também ficam às margens do Elba. Num dos roteiros, que leva ao castelo de Pillnitz, um guia narra a história dos castelos até a chegada ao destino. Pilnitz, presenteado por Augusto à condessa de Cosel, que ali viveu por dois anos, foi residência de verão da corte durante muitos anos. Os jardins chinês e inglês e o museu de artesanato são algumas das atuais atrações do castelo. Ideal é reservar bastante tempo para fazer a visita, e conhecer também os arredores do castelo, os vinhedos e a igreja.

 

[t3]Cenário alternativo[/t3]

 

Do outro lado do rio fica o bairro Neustadt. Menos imponente que o Altstadt - o centro histórico -, ele é o palco da vida noturna de Dresden, onde se concentram os bares e cafés. Ele compõe um quadro de atividades alternativas, com vários cinemas pequenos, lojinhas e uma galeria de arte - a Kunsthofpassage - que se destaca também por sua arquitetura, e onde se pode encontrar desde roupas até papéis artesanais. O bairro é também o preferido dos estudantes para morar e grande parte das casas e apartamentos são ocupados por jovens e estudantes.

Além dos vários cinemas, diversos teatros, museus e exposicões de arte fazem de Dresden uma das maiores metrópoles culturais européias. Apesar disso, Dresden é uma cidade pequena: com cerca de 500 mil habitantes ainda mantém uma atmosfera tranqüila. Outro aspecto positvo é que, ainda como herança da época socialista, em que fazia parte da Alemanha Oriental, Dresden permanece com preços mais acessíveis que outras capitais alemãs.[/align]

 

[creditos]Fonte:Deutsch Welle

Pesquisa:Schwertner

Edição:Joycebandi e Maurocuritiba[/creditos]

  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esta foi uam das cidades que eu mais gostei da Alemanha...

 

Vou postar umas fotos do meu arquivo pessoal mais tarde..

 

 

Para quem esta indo na copa é uma boa sugestão...e para quem vai so para conhecer tambem...[:D]

 

De Dresden tem a vantagem que tem muitas promoções para ir para Praga e outras cidades do Leste da Alemanha e da Europa....

 

Tempo para conhecer: Eu recomendo dois dias.

 

Vou postar uma lista de lugares que vale a pena conhecer...

 

Eu estive em Julho do ano passado. Logo depois que haviam recostruido a Frauenkirchen. Esta igreja foi totalmente destruida no final da segunda guerra..e foi totalmente restaurada com dinheiro de doações que os turistas faziam....

 

 

 

2005820135524_collage_frauenkir_neu.jpg

  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oque visitar:

 

Altstadt : Cidade Antiga

 

 

 

Zwinger : Construção estilo Baroco... Muito linda

 

Frauenkirche, Neumarkt : Muito linda esta igreja..

 

Semperoper Esta opera é a mais linda que eu vi..vale a pena ficar na fila para entrar lá dentro....

 

Stallhof Se tiverem sorte poderão ver aqui uma apresentação de cavaleiros no estilo medieval ainda...(eu não tive esta sorte)

 

Fürstenzug : è um paredão de 102 metros. Fica perto do museu de porcelana...é impresionante..

 

Residenzschloss : è um palacio muito lindo....ele foi destruido no final 2º guerra mas restaurado apartir de 1985. Vale a pena passar lá e tirar umas fotos..

 

Kathedrale : esta katedral vista de todos os angulos impresiona pela sua beleza...

 

Kreuzkirche : Esta igreja é um pouco mais retirada mas tem uma historia impresionante... È de uma beleza muito grande... Foi recostruida diversas vezes por diversos motivos (guera, insendio..)

 

Altmarkt : Um bom lugar para quem quer sentar e comer algo e beber uma Cerveja..[:D]

 

Brühlsche Terrasse : é um lugar bonito, com algumas estatuas e chafaris...

 

Kunstakademie und Kunstverein : Achei muito bonito a forma arquitetonica como foi construida esta Academia....

 

Albertinum : Aqui tem esposto diversas obras ( em maior parte estatuas) do antigo rei da Saxonia Albert. Para quem gosta de admirar obras de arte vale a pena visitar...

 

Synagoge : Esta Sinagoga eu achei estranha...

 

Großer Garten : Este jardim é muito lindo....mas é bom visitar com calma...curtir a naturesa e a beleza das formas dele..

 

Yenidze: Esta construção não combina com a cidade...MAs é muito linda...é em stilo Mauritanio... A riquesa dos detalhes dentro dela tambem são impresionantes...

 

Russisch-Orthodoxe Kirche : Me impresionei com esta igreja...Muito linda mesmo...

 

As igrejas de Dresden me impresionaram...Unico lugar no mundo onde tem uma igreja que pertence a "Duas Religiões". È isto mesmo, tem uma igreja que cerca de 80% pertence aos Protestantes e o restante aos catolicos...é uma longa Historia...

 

Gläserne Manufaktur : é impresionante esta montadora da Volkswagen. Ai são montados os Phanteon dela...(cada um custa apartir de 100.000,00 euros.... Ai tem o que mais elevado em tecnologia se pode ter...

 

Deutsches Hygiene-Museum Dresden este museu eu não cheguei a visitar..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oque visitar:

 

Neustadt: Cidade Nova

 

 

Elbpromenaden : Caminho obrigatorio para quem quer ir ao Palacio Japones...Uma mistura de natureza e arquiterua muito impresionates... Vive cheio de turistas..

 

Blockhaus und Hauptstraße : Esta casa me impresionou pelo elevado numero de janelas que ela tem....

 

Japanisches Palais : Bem eu esperava algo diferente quando imaginava o Palacio Japones...Mas vale a pena conhecer...

 

Dreikönigskirche: esta igreja protestante tem uma tore de 87 metros... A beleza da torre é oque mais chama atenção...

 

Königstraße: Estrada Real, tem muitas feiras ai...e bons Bier Hofs...

 

Alter Jüdischer Friedhof : Antigo cemiterio Judeu...

 

Äußere Neustadt: esta eu não conheci..

 

Pfunds Molkerei: Lugar de beleza interna impresionante..Cheio de detalhes e corres..

 

Neustädter Markthalle : :Não fui ai, tem o museu dos Automovei lá..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Alem deste pontos tem outros pontos que não citei....

 

A para quem for não deiche de visitar cidades vizinhas que tambem são lindas....

 

Para quem gosta de passeio de Barco façam um..tem aqueles barcos que a vapor se não me engano que fazem um passeio muito lindo ( este não fiz mas vou fazer na proxima vez que eu for lá..

 

2005820143423_336_dampfer.jpg

 

 

Maiores informações sobre a cidade:

 

http://www.dresden.de/index.html

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sim, e um dos passeios foi citado mais acima Jonas, que eu fiz e recomendo, é muito lindo. São vários castelos e vilarejos até chegar em Pillnitz e a sensação de estar num desse gigantes barcos a vapor é indescritível. Vale cada centavo gasto.

A frota de barcos a vapor de rodas laterais, a maior e mais antiga do mundo, não pára. A todo instante saem barcos que levam os passageiros para conhecer os castelos que também ficam às margens do Elba. Num dos roteiros, que leva ao castelo de Pillnitz, um guia narra a história dos castelos até a chegada ao destino. Pilnitz, presenteado por Augusto à condessa de Cosel, que ali viveu por dois anos, foi residência de verão da corte durante muitos anos. Os jardins chinês e inglês e o museu de artesanato são algumas das atuais atrações do castelo. Ideal é reservar bastante tempo para fazer a visita, e conhecer também os arredores do castelo, os vinhedos e a igreja.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Rosana,

 

Vc sabe me dizer se esses passeios acontecem tb em Abril? Pesquisei na net e, a princípio, eles só fazem esses tours de Maio a Out.

Vc se lembra do preço?

 

Grata,

Priscila

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Priscila!

Bom, eu fiz esse passeio fim de agosto do ano passado, sinceramente não sei te dizer se ele é feito durante o ano todo ou não. Sorry![|)]

E sobre o preço, era algo entre 10 e 15 euros, não me lembro agora, mas existem vários opções de passeios, alguns mais curtos e consequentemente mais baratos. Mas é lindo demais. Dresden foi um dos lugares mais apaixonantes que visitei. Só boas recordações![:)]

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olha Dresden eu tambem me apaixonei...Sabe aquelas cidades em que vc vai e parece que ficou algo para traz.....

 

Bem em Abril tem estes barcos sim...So não garanto no inverno Europeu...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara, em Dresden vende uns livrinhos, que paguei 6 euros, com umas fotos dos monumentos antes da guerra, logo depois e atualmente. Muito legal, legal mesmo. Vale a pena!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...