Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

luckylu

Deserto do Atacama de carro - Perguntas e Respostas

Posts Recomendados

Lagartao...eu fui parando muito...fiquei 4 dias em Foz, 3 em Salta....

Na volta fiz de San Pedro até S.P em 4 dias, andando bem...

 

Acho que de Puerto Iguazu não tem ônibus para Salta não...provavelmente tem que se fazer uma baldeação em Corrientes ou Resistência.

 

De Salta a San Pedro tem sim...dê uma olhada no http://www.sanpedroatacama.com/llegar2.htm

 

Abraços

Lucky

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

EM Março/2004 fiz: Porto Alegre, S. Borja, Corrientes, Avia Terai ( fui reto fui parar loooonge), Quimili, Taboada, S. del Estero, Tucuman, Salta, Paso de Sico, S.P. de Atacama e retornando, 4 pneus furados, o Gol 1000 16V aguentou bem, dica: levar um estepe adicional. Qquer coisa é só postar.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pedrocs...eu quase caí nessa de Avia Teray......rssss

Vc furou os pneus em que parte da estrada???? Eu fui pelo Paso Jama...dizem que é mais conservado...em compensação dizem que o Paso Sico é mais bonito (o trajeto)....e olha que pelo Paso Jama o visual é fantástico!!!!!

Abraços

Lucky

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal,

 

Quando estive no Atacama no inicio desse ano, encontrei muita gente falando maravilhas da região de Cachi, Cafayate...

Alguém conheceu essas cidades e tem dicas?

No site www.turismoensalta.com tem algumas coisas interessantes dessa bela região da Argentina, que as vezes serve apenas de passagem para o Atacama.

Abraços a todos!

 

Issao

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Issao...o Trotatorres do fórum América do Sul conhece bem essa região e pode te dar dicasd de lá....a esposa dele mora em uma cidade pr'xima daquela região e ele sempre vai para lá.....

 

Abraços

(PS...Ainda não ví o DVD..acho que hoje a noite rola....)

Luckylu

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal,

 

estou planejando uma viagem dessas nos proximos meses e uma dúvida que ainda tenho é sobre a melhor forma de levar dinheiro. O que é melhor no Chile e na Argentina, leva em real, dólar, troca o dinheiro aqui, na fronteira, nas cidades, em casa de câmbio, banco, hotel....gostaria de saber a experiência de vocês pra eu poder me planejar.

 

Abraços,

Marcelo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Marcelo...eu sempre preferi viajar com dólar....é tudo mais fácil....

Real não vale a pena, só se consegue trocar em grandes cidades ou fronteira, fora isso é muuuuito desvalorizado.

 

Geralmente quando chegava em uma cidade do Chile ou Argentina eu ia perguntando para o pessoal de lanchonetes, taxistas onde valia mais a pena trocar e eles indicavam sempre a barabada do lugar....se era em bancos, ou com doleiros (na rua), que tem de monte na Argentina.

 

No hotel a cotação é sempre menor então fuja....

Na fronteira às vezes vale a pena, mas vc só vai ter certeza disso quando já passou por ela e aí...já era....troque uns 50,100 dólares na fronteira e quando chegar na primeira cidade troque o restante....

Abraços

Luckylu

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ola Marcelo, estou em Buenos Aires agora, ja passei por varias cidades no Chile e na Argentina. Estou usando um cartao de DEBITO do BANCO RENDIMENTO, e aceito por todos os estabelecimentos que trabalham com Visa, e pode sacar dinheiro em varias agencias, so paga taxa quando sacar, vale US$ 2.50.

Eu estou gostando muito, o cartao e adquirido por telefone, entre no site do banco.

Serjao

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Luckylu, o primeiro pneu foi perto de Santiago del Estero, numa estrada que não havia absolutamente nada perto, fui até Salta ( onde morava meu primo), com o pneu furado (tive sorte), deixei meu carro lá com ele durante um tempinho ( fui viajar de ônibus e avião pela Bolívia e Peru), quando retornei peguei o carro e fui para o Atacama ( sozinho) no meio do deserto fura outro pneu, pego o macaco e... surpresa, o macaco estava quebrado, esperei um carro passar- sorte que logo após passou um- para pegar o macaco emprestado, andei meio deserto do Atacama com um pneu furado e um macaco quebrado. Em S. P. de Atacama fui à "gomeria", não havia macaco para vender em S.P., só em Calama, não fui à Calama!!! O máximo que poderiam fazer pelo meu pneu furado era colar um pedaço de borracha, a frio. No outro dia atravessei o Deserto inteiro com um macaco quebrado e o estepe meia boca. Em Salta comprei um macaco ( na argentina tem um nome de outro animal, não me lembro qual) e retornei para o Brasil, perto de J.C. Gonzales furou outro pneu, até entender como funcionava o macaco argentino demorou um pouco, nesta pequenina cidade fui no borracheiro que disse que não havia nada a ser feito poi o pneu era de liga de leve e precisava de um torno, era domingo,... perguntei se havia algum lugar onde podia consertar o pneu, fui na casa do dono da outra borracharia, imaginem um brasileiro no interiorzão da Argentina chegando no meio do almoço dominical de uma família argentina e pedindo para consertar a roda, foi lastimável, mas algumas horas depois estava pronto, peguei aquela enorme reta de Avia Teray e no início furou outro pneu ( lembrar que era aquele com a tira de borracha), não havia ninguém que consertasse o pneu ( era domingo!!!), fui direto até Resistência onde encontrei um local, suspeito, para consertar o pneu, fizeram um serviço meia-boca ( colocaram câmara e ainda tive que ouvir que havia um pedaço de borracha entre o pneu e a roda). Dormi em Resistência e depois vim para o Brasil ( troquei 4 pneus por novos qdo cheguei, o pessoal da garagem me falou que as rodas de liga leve estavam quadradas).

Esse aí é meu relato, não pude aproveitar muito em São Pedro, mas pelo menos tenho essa ( e algumas outras) histórias para contar.

Abraços!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ah, o Paso de Sico é muito bonito, fui nas lagunas Miniques e Miscanti ( ou algo parecido), vi o salar de atacama, vários outros salares, porém não tem o Likankabur. Naquele dia qdo furei o pneu passaram 6 carros pelo Paso de Sico ( todos os carros são anotados na aduana Argentina, pude contar no outro dia, qdo retornei).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...