Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Facas... Qual comprar?


Posts Recomendados

  • Membros

Posta sim Cabral. Eu ja havia visto essa wotan que vc ta customizando a um tempo atras. Estou curioso pra ver como vc a deixou, alias, acho que todos aqui né, todos admiram seu trabalho. Posta ai não só pra mim, mas pra galera tb... e ainda to aguardando o Peter me responder, vamos ver o que ele diz da dele, mas eu tb compartilho das coisas que vc falou, sei bem como esse blank sai da fabrica, inclusive com muita rebarba apos ser prensado. Tem N fotos disso pela net, é facil ver como se consegue modificar ela, porque realmente vem muito material a mais.

Abração.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 4k
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

Mais Ativos no Tópico

Postagens Populares

Rmcolpani,   Pronto, com esta "inocente" dúvida ele tocou fogo no fruteiro!   Brincadeirinha!   Na verdade você está entre duas excelentes opções!   O Mestre VdM tem uma triflex e eu t

Rmcolpani,   Não tenho uma triflex, mas tenho uma classic que se aproxima da 2080 em termos de geometria. Como não fiz battoning ou chopping com nenhuma das duas, não posso lhe dar uma opinião sólid

caro Rmcolpani,   como o velho cabral disse, a bushcraft 2010 tem a enorme vantagem de ser inox.... e a triflex enferruja ! para o preparo de alimentos isso é um grande diferencial. a única vantagem

Posted Images

  • Membros

Senhores,

 

Hoje ( 24/11/2012 ) terminei o trabalho no meu blank da Wotan e finalmente posso mudá-lo de categoria, pois agora é uma faca!!!

 

598d9fc4a5842_Resizeof01.jpg.6c7603e5377068351580679a42317742.jpg

 

Só na fase da geometria foram alguns meses de teste! Ficou definida como convexa, mas da seguinte forma: nas fotos iniciais pode ser visto o blank original. Onde há o desbaste grosseiro de fábrica, foi puxado um flat ( linha verde ). Neste flat foi feito um desbaste de 5 graus de cada lado, seguido de um de 10 graus e um de 15 graus. A partir daí foi puxado um convexo onde a máxima espessura ( 6,9mm, linha azul ) fica exatamente no meio do caminho entre o que seria o “ombro” do desbaste original ( linha verde ) e a espinha, afilando bem em direção ao fio e moderadamente até o dorso, onde ela tem “apenas” 6,5mm. Claro que por fim foi aplicado um micro-fio de 20 graus de cada lado!

 

Essa geometria torna praticamente impossível a faca ficar presa entre as fibras da madeira e gera o menor atrito possível durante a tarefa de rachar. Também retira quase totalmente o strees sobre o fio durante esta atividade pois sempre que ela penetra na madeira seu perfil força as duas metades para as laterais e isto se dá imediatamente após o micro-fio e se acentua à medida que a lâmina avança madeira à dentro.

 

O mesmo efeito se dá em qualquer outro meio a ser cortado! Ao se atingir o ponto de máxima espessura da lâmina que é de 6,9mm ( linha azul ) começa novamente haver um decréscimo na espessura que é um pouco mais acentuado a partir da linha vermelha. Este é outro fator que impede o “engrimpamento “ da lâmina no meio que estiver sendo cortado, rachado, separado, etc.

 

598d9fc4ac5ef_Resizeof02.JPG.ee35af562ab689697749ec372ccbd758.JPG

 

Esta geometria proporcionou a maior robustez estrutural possível, ouso dizer que superior inclusive a qualquer uma das versões originais de fábrica da Wotan, com uma habilidade de corte muito boa motivada pelo acentuado desbaste de alívio de 5 graus de cada lado e uma capacidade de chopping e de rachar madeira também superiores a qualquer uma das Wotan de fábrica pelos motivos já citados! Só para os amigos terem uma melhor idéia, seu peso é de exatos 475g ( 3g só de óleo de peroba, hehehehehehehehe ).

 

Os amigos que têm Wotans originais poderiam me dar uma ajuda postando o peso de suas facas de 7,5 pol de lâmina, pois este é um dado que não é confiável na net.

 

Entretanto, com a finalização do cabo, o desempenho que com uma empunhadura de cordame já tinha me deixado satisfeito, agora me deixou simplesmente extasiado com a faca!

 

598d9fc4c7b3a_Resizeof03.JPG.74b987e95e4c1845f519ed163d468101.JPG

 

A empunhadura é de goiabeira e que ficou secando à sombra por quase 8 meses, lembrando que minha cidade é bastante quente! Como eu queria que o casamento do tang com a madeira fosse perfeito, ao invés de furar a madeira para depois ajustar mais ou menos e colar o tang, optei por dividir ao meio e entalhar o encaixe para o tang de um lado e de outro das talas. Ficou perfeito! Para maior segurança, foram feitos 2 furos rente ao tang na parte superior e 2 na parte inferior, também rente ao tang e foram colocados 4 pequenos pinos de aço inox de 3mm de diâmetro ( pequenos eixos de uma velha impressora ); como se pode ver ( ou não ), eles são “escondidos” nos interior da madeira.

 

Ela foi feita mais comprida ( 14cm ) para propiciar 4 pegas diferentes e na execução de diferentes funções. A pegada enforcada usando o finger choil para trabalhos de precisão; a pegada rente à guarda para os power cuts; a pegada “normal” no meio da empunhadura para cortes cotidianos ou pequenos swings e a pegada de “3 dedos”, que no caso específico é feita com os 4 dedos mesmo ao final da empunhadura para o chopping! O lado direito foi deixado propositalmente mais convexo pois sou destro e assim ficou mais confortável e ergonômico.

 

598d9fc4ce19a_Resizeof04.JPG.cec9e1761a87df4cebdfb24cc18b72a9.JPG

 

Sua espessura vai de 4,1cm na porção posterior até 2cm junto à guarda. A largura varia de 3,1cm até 5,2cm em seu ponto mais largo.

 

O único “pino” que pode ser visto é de aço de haste de amortecedor e não é fixado; sua adaptação ao furo no tang da Wotan é tão justo que chega à casa dos centésimos de mm. O mesmo se da na madeira! Ele ficará ai até que eu consiga um tubo de aço para fixar em definitivo. Se não achar, não tem problema, pois posso deixá-lo e fazer um furo para lanyard após o mesmo.

 

A madeira foi “hidratada” com óleo de peroba, tendo absorvido 3g. Foi então selada com cera de abelha e passado um pano “à quente”, sendo aquecida em um bico de lamparina.

 

598d9fc4d37fb_Resizeof05.JPG.470d01a8f3993093d274ba48c8fb8a04.JPG

 

A pequena faixa avermelhada entre a empunhadura e a guarda foi um rebaixo que fiz na madeira com dupla função: colocar algo que lembrasse a cor da goiaba ( vermelha ) e que garantisse a máxima adaptação e selamento desta região, já que não alterei a guarda original, sequer polindo a mesma! A faixa nada mais é que resina epóxica impregnada com polímero de resina vermelha! Quando estava polida a cor era exatamente a da goiaba!

 

Agora veio o melhor: testei sua eficácia no chopping em uma torinha de eucaliptp e a danada entra com uma voracidade danada, e o melhor: não se sente os impactos!!! É simplesmente incrível!!!

 

598d9fc4d84e3_Resizeof06.JPG.b452c18c6c49c25fb25283da2d0e4793.JPG

 

Ainda prefiro o G-10 como material de empunhadura, pois madeira é muito mais chata para se trabalhar e demanda muito mais cuidados,mas devo reconhecer que neste caso específico ela se mostrou muito superior! A sua leveza e o formato que foi propiciado graças ao tamanho e espessura do galho que eu tinha separado contribuíram definitivamente para o resultado.

 

Como minhas talas de G-10 tem espessura de apenas 7mm e são mais densas e pesadas, por certo não me permitiriam obter esta anatomia final. Pode até ser o que o resultado na absorção de choques fosse o mesmo, já que no comprimento ficaria exatamente igual, diferindo apenas nos contornos e espessura, mas não é muito provável. Outra coisa é o balanço que indubitavelmente seria alterado; com a goiabeira o fulcrum está exatamente localizado imediatamente após a guarda, no finger choil. Com o G-10 certamente ficaria deslocado mais a posterior.

 

Apesar do resultado muito favorável, não voltarei a fazer cabos de madeira pois o trabalho é muito maior e a resistência às intempéries e agentes químicos, biológicos e fogo nem de longe se compara ao G-10. Foi só o desta Wotan e de uma D-2 que é o meu mais novo xodó, não pelo cabo, mas pela faca em si. Mas esta é uma outra história...

 

Aqui, como alguns acharam que o cabo ficou "grande" ( para mim está perfeito ), uma montagem de como seria se eu o encurtasse:

 

598d9fc4dd144_Resizeof07.jpg.e79173d730988bddcaec010f458a00cc.jpg

 

Só de curiosidade, alguém já viu uma Wotan com 6,9mm de espessura máxima??? E olha que o blank tinha 7mm!!! :mrgreen:

 

Abraços

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Cabral, parabéns pela finalização na faca, ficou muito bonita e realmente para Chopping esse cabo comprido vai facilitar bem mesmo! Se me permite, vc fez um trabalho tão bom que pra mim, só teria ficado melhor se tivesse usado chifre de cervo com a roseta nesse cabo viu... ficou muito classica! Parabéns novamente, vc sempre mostrando bom gosto nas modificações.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Leandro,

 

Obrigado pelos sempre gentis comentários!!!

 

Mas no meu caso a goiabeira tem precedência sobre o chifre de veado... porque ela cresce no meu quintal e o chifre na cabeça de algum "bambi" bem longe daqui! :mrgreen: hehehehehehehe

 

Brincadeiras à parte, apesar da beleza estética eu jamis usaria chifre ou osso na empunhadura pois o cuidado e a susceptibilidade à vários agentes seriam muito maiores que os da própria madeira. Outro fator que me levou a decidir em favor da goiabeira foi sua dureza Janka de cerca de 2320 e ainda assim é relativamente leve, com cerca de 680kg por metro cúbico quando seca ( como é o caso ).

 

Ela perde feio para madeiras como o Ipê por exemplo, que marca 3600; o angelim pedra 3400! Mas se comparada por exemplo às madeiras bastante utilizadas no "norte" do globo para empunhaduras, como o red oak, hard maple e hickory que ficam na casa de 1300, 1500 e 1900 respectivamente, ela leva vantagem! Fora que não é atacada nem por cupins nem por brocas.

 

Grande abraço

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Cabral, essa do chifre na cabeça dos Bambis foi boa...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Vc é uma figura mesmo!

Sobre a goiabeira não dar cupim, ter uma resistencia natural a essas pragas é verdade... assim como o Amarelinho tb (vulgo Garapa em alguns lugares), que tb é uma madeira muito firme, bonita e resistente a pragas.

Quanto a Wotan, o que eu publiquei na minha foi a reposta do Peter quando indaguei a ele se a faca tinha sido FEITA na Corneta ou por ele, e ele respondeu "Por mim" "em minha oficina" , como esta la na conversa, logo abaixo da foto. Ele falou da modificação como a faca num todo e não somente ao serrilhado. Tudo o que vc falou faz muito sentido pra mim, por isso voltei la pra indagar ele sobre isso, pra saber mesmo se ela foi feita inteira por ele ou se ele só trabalhou um blank. Aguardando ainda a resposta dele.

Em uma outra parte da conversa que tive com ele, perguntei sobre outros modelos que não estão disponiveis pra venda, e ele me falou que são prototipos que ele fez e não foram pra linha de produção. Então ele faz sim uma faca como a Wotan na casa dele, a partir de uma barra, e é isso que quero saber sobre a minha pois do rasão pra vc nas observações que fez.

Seguem abaixo fotos de alguns desses prototipos que ele fez e não foram comercializados. Algumas são a Wotan 3 com ponta drop e desbaste flat, outras hollow... outras são wotan 3 com desbaste flat... outras são wotan 2 com duplo fio, enfim, essas ele disse que ele que fez mesmo como prototipos, e outra, inguem investiria dinheiro em uma prensa carissima pra produzir só uma faca... Da uma olhada:

 

wotans.jpg

 

Uploaded with ImageShack.us

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Leandro,

 

Entendi sua colocação, mas mesmo sob o risco de ser chato, volto a insistir que todas as facas destas fotos postadadas me parecem puros e simples desbastes realizados nos blanks da Corneta!

 

Leandro, um detalhe que você tem que prestar atenção é a guarda integral. Ah Cabral, você acha que com a categoria do Peter ele não conseguiria fazer esta guarda integral no martelo?

 

Sim ele conseguiria, porém duvido que com esta regularidade apresentada e sem o uso de uma matriz! Ah, mas e se ele tiver uma matriz em casa? Não é impossível, mas matrizes são muito caras e outra, que benefício estrutural o aço teria sendo conformado mesmo em uma matriz com centenas de marteladas, ao invés de duas pancadas de uma prensa/martelo/macho hidráulico?

 

Fazer uma faca com uma dada geometria e repetí-la não é tão difícil, mas fazer uma integral com este tipo de guarda bem uniforme e formato caracteristico e principalmente, com os ângulos arredondados para propiciar menor estresse, ai sim é difícil, bem difícil!

 

E outro detalhe: como foi ele que idealizou, desenhou e supervisionou todo o processo produtivo do blank, mesmo ele tendo sido forjado/estampado na Corneta, não deixa de ser uma obra do Peter, ainda mais se ele o modificou em sua oficina.

 

Veja que a homogeneidade das facas é muito grande, mesmo considerando que há aço de sobra para ser desbastado. Lembre-se que o meu blank tinha exatos 3mm de espessura na borda extrema do que seria o fio! Imagine o quanto isso propicia de "manobrabilidade" para se trabalhar a faca.

 

É por isso que de todas as Wotans que já vi customizadas no projeto da Corneta de enviar blanks à cuteleiros, jamais vi uma convexa como a minha! Acho que é única!!! ::tchann::

 

Já vi o Peter dizendo que a "Wotan" de porte dele foi inteiramente forjada no martelo por ele e não tenho a menor dúvida disto, apesar de nunca tê-la visto em detalhe.

 

Se eu conhecesse o Peter, a pergunta seria direta: você forjou esta faca manualmente nomartelo ou customizou um blank bruto saído da forja da Corneta! Claro que o que ele responder vai valer, mas eu Cabral "tomé" só acreditaria vendo ele forjar uma integral como esta no martelo. Ela não é parecida com as da Corneta, é idêntica levando-se em consideração as dimensões com sobras dos blanks brutos recém saídos da forja/prensa!

 

Hehehehehehe, eita que este Cabral é mais teimoso que mula empacadeira!!!

 

Por falar em mula, as minha jumentas ( by Frico ) estão um espetáculo! A que transformei em full flat então é um sonho! E com goiabeira!!! Diliça!!!! :mrgreen:

 

Abraço

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Pois é Cabral, a pergunta que deixei la pra ele foi exatamente essa que vc colocou... agora é aguardar a resposta dele... que vc é teimoso eu nem discuto, é sim...kkkkkkkkkkkk.. mas são os teimosos que conseguem obter as certezas da vida, não é? Então, vc ta certo, vc gosta de saber das coisas por inteiro, quer ter 100% de certeza das coisas, enfim, ter uma base solida, e ta certo, a teimosia é fundamental pra isso, viu sua "porta"...kkkkkkkkkkkkkkk ;)

Abração meu amigo, vamos ver o que ele diz, ele que me lembra demais os bonecos "Falcon" kkkkkkkkk... ele que não leia isso...rssssss ;)

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Taskeparal!!!!!!!!!!!!

 

Postou a foto do Peter sem óculos e com lentes!!!

 

::lol4::::hahaha::::lol4::::hahaha::::lol4::::hahaha::::lol4::::hahaha::::lol4::::hahaha::::lol4::

 

Cara de um focinho do outro!!!

 

Nem se tentassem esculpir sairia tão parecido!!! Eu até tinha me lembrado que tinha um boneco ruivo e achei que fosse assemelhado. Me enganei... é idêntico!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

 

Se ele ler este fórum o amigo literalmente estará por um fio!!!

 

hehehehehehehehehe

 

Abraço

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...