Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Floripa / Ushuaia, TDP, El Calafate, El Chalten, Bs As - 12 mil Km - 21 dias - jan. 2010


Posts Recomendados

  • Membros

É uma grande satisfação estar postando este relato aqui no Mochileiros, pois foi onde obtive as dicas e informações mais importantes para a viagem, o que contribuiu muito para que tudo desse certo. Então, espero poder ajudar um pouco quem pretende fazer o mesmo roteiro, ou quem sabe até motivar alguém de fazer, pois é uma experiência fantástica. Bom, os mochileiros foram eu, minha namorada e meus pais (na direção revezamos eu e meu pai). Inicialmente vou fazer um breve resumo e depois o relato em si.

 

Período: de 16/01/10 a 06/02/10

Km total aproximada: 12 mil

17 cidades percorridas entre Uruguai, Argentina e Chile.

Carro: Fiesta 1.0 (!) 2004, completo.

Equipamentos: 1 notebook, 2 maquinas fotográficas e um Guia de Rutas do Mercosul da Firestone.

Roupas para temperaturas de 0º a 35º.

24 garrafas d’água e lanches (biscoitos, cereal, chocolate, etc).

Procuramos sempre hospedagens econômicas com um quarto para 4 pessoas, ou dois duplos. Os hotéis e hosterias na Argentina são muito em conta, gastávamos em média 240 pesos com café.

 

1º dia – Florianópolis / Santana do Livramento (960 Km aprox.):

Fomos à Porto Alegre (via 101) e depois até Santana Do Livramento/Rivera via BR 290. Optamos em vir por aqui por ser um pouco mais perto que por Uruguaiana/RS. Outra opção seria ir via Chuí até Colônia do Sacramento (UR), passando a Buenos Aires via Buque Bus, que certamente é uma viagem mais bonita, no entanto sairia um pouco caro a travessia para 4 pessoas + carro.

 

2º dia – Santana do Livramento / Canuelas (AR) - (800 Km aprox.):

Entramos no Uruguai e seguimos até Paysandu, onde há um ponte na fronteira com a Argentina (cidade de Colon). Como é temporada de férias, aguardamos 1h e meia para passar pelas aduanas e atravessar. O pedágio da ponte pode ser pago em Pesos uruguaios (100,00) ou argentinos (20,00); Já na argentina seguimos até a grande Buenos Aires (via Ruta 14 e depois Ruta 9), pegamos a avenida General Paz (uma espécie de rodoanel.) e seguimos em direção ao aeroporto de Ezeiza, procurando pelo início da famosa Ruta 3. O acesso não é difícil, mas é preciso ficar atento as placas e, na dúvida, pedir informação. Já na Ruta 3, seguimos até a cidade de Canuelas que fica a 50 Km de Bs As, onde jantamos e passamos a noite.

 

IMG_2418.jpg.25af009c260acc5817111ecb34a859b5.jpg

 

3º dia – Canuelas – Viedma – (1.000 Km aprox.)

De agora em diante a viajem fica fácil, é só tocar pela ruta 3 até o Uhuaia, cuidando apenas o acessos na cidades, onde a estrada entra no perímetro urbano. À tarde entramos na cidade de litorânea de Bahia Blanca para fazer cambio, (até aqui estávamos com poucos pesos para os pedágios e pagando tudo no cartão) e não nos arrependamos, a taxa estava inacreditáveis 1 Real – 2,15 pesos (alegria total) e pelo que tenho notícia, o melhor cambio da história. Depois seguimos até cidade de Viedma, que é tranqüila e ótima para jantar e passar a noite.

 

4º Dia – Viedma – Caleta Olivia (950 km aprox.)

De agora em diante a ruta 3 é uma grande reta, com pouco movimento, paisagem desértica e muito bonita, milhares de Guanacos e gasolina muito barata (2,69 pesos). Nessa época do ano escurece depois das 10 horas. Sente-se um grande prazer na viagem. Um problema que encontramos foi para almoçar. Praticamente não há restaurantes na beira da estrada, somente lancherias nos postos YPF, então comemos basicamente lanche o dia todo, o que torna-se um problema, pois a fome é grande...

 

IMG_2552.jpg.a1b72e3437c3c0221509d2348c808be8.jpg

 

5º Dia – Caleta Olivia – Rio Gallegos (700 km aprox.)

Nesse dia rodamos pouco, pq para passar o estreito de Magalhães é recomendado ir de manha, pois é necessário passar as aduanas chilenas e argentinas 2 vezes cada, e pode isso pode ser demorado, e Rio Gallegos é a ultima cidade. Aqui o vento frio é bastante intenso e, mesmo com sol forte até as 22 horas a sensação térmica é de menos de 10º. Ficamos muito bem hospedados no Hotel Seuhen (recomendo).

 

6º Dia - Rio Gallegos – Ushuaia (550 Km aprox.)

Dia de grande expectativa, pois é a chegada em um dos destinos principais da trip . A dica é sair cedo para evitar as filas na aduana (no mesmo local funciona a aduana argentina e chilena). Demoramos quase 2 horas para fazer o tramite e depois seguimos até o estreito de Magalhães, onde, por sorte aguardamos apenas 20 min. até a chegada da balsa e início da travessia, que dura 20 min. e custa 114 pesos argentinos ou U$ 28,00 ou alguns milhares de pesos chilenos que não lembro exatamente quanto. Logo depois da travessia, há mais um trecho asfaltando e, depois, inicia o odiado trecho de 120 km rípio. Até que a estrada não é tão ruim, em alguns trechos pode-se trafegar a 80 km, mas em outras partes não da pra passar de 40 km... bom ter um 4X4 nessa hora... demoramos mais de 2 horas nesse trecho. Vê-se vários carros com pára-brisa trincados, mas tivemos sorte e passamos sem nenhum arranhão nem na ida nem na volta. Após passar pelas as aduanas de novo, chega-se a Rio Grande, e finalmente, o grande destino: Ushuaia.

 

IMG_2593.jpg.14c630c650c93f991b19f4580a2396c7.jpg

 

IMG_2704.jpg.80e8ad4c3589458fad02cf494a18c570.jpg

 

Continua....

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Guilherme, a viagem foi mesmo fantástica, vc vai curtir bastante! só prepare-se que em setembro ainda deve ser bastante frio, inclusive com possibilidade de neve na estrada... pelo que nos contaram, no inverno chega a - 20° fácil entre Ushuaia, TDP e Calafatye.... O recomendado seria ir entre dezembro e março...

Os gastos foram em torno de R$ 8 mil no total, incluindo combustível, hospedagem, alimentação, alguns passeios e até umas compras em free shops...

Em relação a ótima cotação, foi pura de sorte, pois no final da viagem, já em Buenos Aires, ela ja tinha caído para 2,04... o que ainda é muito boa!

 

Abraço!

 

Obs. Em breve termino o relato!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 1 mês depois...
  • 3 meses depois...
  • Colaboradores

Fabio,

Muito bom o seu relato, tem me ajudado bastante, tanto na motivação quanto no roteiro em si. Pretendo fazer uma viagem parecida, só que passando mais tempo em aguns lugares que vc visitou, já que vou ter 40 dias para fazer a minha viagem, em junho do ano que vem. Queria saber de algo que vc acha imperdivel na viagem, algo que nao posso deixar de ver ou fazer.

Enfim, asssim que estiver mais certo da viagem coloco o roteiro aqui tambem pra pedir mais ajuda.

Ah, e termine a volta porfavor!!

Valeu, Abraço

Victor

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...