Ir para conteúdo
Mochileiros.com
paulaboracini

2 meses sozinha pela America do Sul - Argentina, Chile, Peru e Bolívia

Posts Recomendados

Roteiro:

 

Buenos Aires - 7 dias

Rosário - 3 dias

Córdoba - 4 dias

Mendoza - 4 dias

Santiago - 5 dias

San Pedro de Atacama - 4 dias

Salar de Uyuni - 4 dias

Arica - 2 dias

Arequipa - 5 dias

Nasca - 1/2 dia

Ica - Laguna Huacachina - 3 dias

Cusco - 7 dias

Puno - 1/2 dia

Copacabana - 3 dias

La Paz - 5 dias

 

Obs.: No roteiro original incluia Potosí, Sucre, Santa Cruz e volta p/ o Brasil pele trem da morte, mas como estava sozinha (me senti insegura na Bolívia), com problemas estomacais, cansada e com saudades de casa, resolvi voltar de avião por La Paz.

 

Obs. 2: Se eu refizesse a viagem, teria deixado Santiago p/ uma outra vez e seguido pelo norte da Argentina passando por Salta e Jujuy, saindo no Deserto do Atacama.

 

 

A "pré" viagem

 

Pesquisei muito no mochileiros.com e em revistas de turismo tudo sobre as cidades que visitaria. Anotei em um documento os endereços e preços de hosteis mais indicados, preços de passeios, dias a ficar em cada cidade, preços de onibus e horários, $ disponivel para gastar por dia e câmbio.

 

Além de prazeroso, essa parte de pesquisa foi essencial para que tudo desse certo. Com esse papel na mão, eu verificava se estava pagando mais nos passeios, me controlava para não gastar toda minha grana no primeiro mês e etc. As únicas coisas que reservei antes foram a Trilha Inca e o hostel de Buenos Aires. O resto fui reservando ao longo do caminho quando eu achava necessário.

 

Como a base da minha pesquisa foi o site, nada mais justo que dividr com vocês essa aventura. Agradeço todos que me ajudaram, até mesmo nas dúvidas mais idiotas! E, p/ falar a verdade, se não fosse o relato da Mi e a Samantha, eu não teria tido coragem p/ fazer essa trip sozinha! ::kiss::

 

 

O que levei:

 

*Ipod shuffle (aquele pequenininho)

*Relógio de pulso digital com alarme

*Lanterna

*Canivete suiço

*Cadeado

*Isqueiro

*Calculadora peq.

*Kit costura com linhas, agulha e botões

*Diário com enderecos uteis, telefones e roteiro

*Pen drive 4gb

*Maquina digital

*Money belt

*Garrafa de agua de alumínio

*Guia Lonely Planet - South America in a Shoestring

 

*Clorin

*Repelente

*Kit primeiros socorros e remedios p/ dor de barriga, dramim p/ dormir, alergia, dor de cabeca

*Band aids... mtos!!!!

*Pomada cataflan e salompas

*Protetor solar

*Protetor labial

*Sabonete

*Shampoo e condicionador

*Hidratante

*Lenços umedecidos

*Lenços normais (na falta de papel higienico!!1)

*Gel antisseptico

*Escova de dente, pasta e fio dental

*Escova de cabelo e eslasticos

*Kit unha e makezinho basico (sombra em creme, lapis, rimel e gloss)

*Cotonete e algodao

 

*Oculos de sol

*Luvas

*Touca

*Lenço

*Meias sem costura

*Calcinhas, souteins e tops (acho q 7 e um bom numero!)

*Segunda pele

*Pijama

*6 camistas / regatas

*3 calças NÃO jeans (uma legging, uma mais soltinha e uma veinha p/ as trilhas)

*Biquini

*2 Fleece

*Anorak

*Fralda de pano (p/ usar como toalha)

*Chinelos

*Tenis

*Saco de dormir

 

Usei todos os itens dessa lista (com exceção da maquiagem que nem lembrei q estava lá!). Deveria ter levado uma boa mascara capilar, porque meu cabelo ficou só por jesuis... E muito, mas muito hidratante! Esqueci de levar um bom livro!!! E me arrependi de não ter levado meu ipod touch.

 

 

$Grana$

 

No total, gastei R$6012,00 dos quais US$2700 levei no Visa Travel Money, US$50,00 e RS$50,00 na carteira e o restante deixei na minha conta corrente do Banco do Brasil. Super recomendo o VTM. Foi bem aceito e não tive problemas p/ sacar dinheiro, a não ser em Copacabana, Bolivia que nao existe caixa eletronico! Nessa hora foi essencial estar com o cartao de credito internacional do banco, pois pude pegar um cash advanced em um café (Não esqueça de avisar seu gerente da viagem!).

 

 

PS: Como foi uma viagem muito longa, vou descreve-la por cidades. Os preços estão descritos em moedas locais, salva exceções previamente avisadas! Todas as dúvidas devem ser perguntadas aqui. Não responderei MP's!!!!

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Buenos Aires

 

20100530043047.JPG

 

 

A primeira cagada da viagem eu fiz logo de cara: fui de ônibus de São Paulo p/ Buenos Aires! Vi no site da Pluma que sairia do Terminal Tiête às 22:30 e chegaria em BA às 11:25. Achei super sussa viajar 13 horas! Mas não reparei que era as 11:25 de dois dias depois!!!!!! ::putz:: Estava toda bela e formosa sentadinha na rodoviária, quando um cara que iria p/ o RS me deu a má notícia. Ainda bem que minha mãe tinha enfiado a força na minha bolsa uns bombons e cookies, porque o ônibus só parou no outro dia para o café da manhã!

 

Depois de rodar o sul do Brasil inteiro (foi muita burrice, eu sei!), aguentar uma véinha portenha mal humorada do meu lado, passar um frio do cão, aguentar aquele fedo de banheiro, contar minha vida inteira para uns caras que iam estudar no RS e umasm eninas que fariam medicina em BA (sai por 400 reais!!!), cheguei em BA no Terminal Retiro. Não diria que é a porta da frente da cidade. Só tem favela ao redor, o que me deixou bem assustada! Para ajudar nas "boas vindas", não tinha dinheiro nos caixas eletronicos do terminal! Troquei minhas 50 doletinhas em um guichê de passagens internacionais.

 

Achei Buenos Aires meio decadente. Não vi aquela cidade que os brasileiros tanto gostam. É bonita, mas nada de mais. Tá, não fui p/ as famosas noitadas, mas não sou da balada. Confesso que viro abóbora depois das 24hrs. Mas acredito que balada seja tudo igual, não?!

 

Fiquei hospedada no Portal del Sur. Muito bom e super recomendo. Não é tão baladeiro como o Mill House, mas tem um barzinho gostoso no roof top. Além do mais, tem um brasileiro que trabalha por lá, o que dá uma aliviada p/ quem não fala (ou não falava) nem uma palavra em espanhol além de "Hola Paco, que hay en tu mochila?"

 

Visitei o Congresso e a imediações em uma manhã e levei dois avisos p/ guardar a câmera na bolsa. Fiquei com medo! Mas no fim nada aconteceu! Não me senti ameaçada... exceto qdo decidi descer da Plaza de Mayo até La Boca a pé! Depois de San Telmo passei por umas bocadas estranhas, acelerei o passo, segurei meu spray com alcool nas mãos e pernas p/ que te quero!!!!

 

20100530043556.JPG

 

 

Achei o passeio para o Delta do Tigre totalmente dispensável! E o Jardim Japonês só serviu p/ que eu usasse o banheiro em um momento de emergência! Maior jardinzinho sem graça... A quantidade de cocôs de cachorro nas calçadas de Palermo me assustaram! E diferente do que ouvi por aí, não fui maltratada em nenhum momento em restaurantes e lojas quando percebiam que sou brasileira.

 

Não perca:

Tour guiado pelo cemitério da Recoleta

Visita a Casa Rosada aos sábados, a partir das 10hrs

Almoço no restaurante Catalinas, Av. Independencia y Defensa em San Telmo

Empanadas do La Morada - Hipólito Yrigoyen 778, entre a Piedras e Chacabuco

Sorvete de dulce de leche da Freddo, ou melhor: meta logo a cara, esqueça a dieta e peça um Trifreddo!

 

20100530043954.JPG

 

Preços:

Passagem SP - BA pela Pluma: RS$245, 00 - Mas por favor, não faça isso com vc mesmo!!!!!!

Diária em quarto quadruplo feminino no Portal del Sur: 40,00

Pizza pequena + Coca cola: 20,00

2 peras e 2 pessegos no Carrefour: 5,00

Almoço no Catalinas: 35,00

2 empanadas e 1 coca cola no La Morada: 15,00

Trifreddo: 21,00

Casquinha de doce de leite do Mc Donalds: 2,50

Quilmes em um mercadinho em Palermo: 3,80

Ligação p/ o Brasil em um locutório - uns 5 minutos: 4,00

Laundry: 15,00

Metro (Subte): 2,20

Ônibus do microcentro até Recolleta: 1,20

Taxi do Camininto até San Telmo: 15,00

Entrada Manzana de las Luces: 6,00

Entrada Jardim Japonês: 8,00

Entrada Museo Carlos Gardel: 1,00

Botas de trekking Salomon perto da Av. Córdoba: 316,00*

Caneca nos vendedores ambulantes da Florida: 12,00

Cartão Postal: 3,00

Selo p/ BR: 5,00

 

* Essa é a prova de que o barato sai caro: como sou muito pão dura, comprei um tênis Timberland, com Gore Tex e solas Vibran só p/ fazer essa viagem pela amazon.com. Paguei super baratinho (nao lembro agora, pq faz tempo! Na época morava nos EUA). Quando o tenis chegou, provei e achei q tinha ficado legal, mas não usei mais. Em Buenos Aires percebi que estava meio apertadinho, mas achei que iria lacear. Doce ilusão! Na segunda vez que usei eu tinha ansias de vômito de tanto que meus pés doíam!!!! Qdo tirei, estava com as duas unhas dos dedões roxas!!! Tive que desembolsar uma grana p/ novos pares... Não posso dizer que minhas novas botas Salomon são exatamente bonitas, mas salvaram minha viagem! E o preço foi irresistível!

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Rosário

 

20100530051158.JPG

 

Não achei graça na cidade. Talvez o que pegue lá são os balneáreos do Rio Paraná aos fins de semana. Mas foi ótimo passar por lá p/ me recuperar de uma gripezinha... No meu primeiro dia visitando a cidade caiu uma chuva torrencial! As ruas começaram a encher e eu, de chinelos, só pensava em todos os cocôs de cachorro que tinha visto!!! Algumas horas depois abriu aquele solzão. Se eu contasse o toró que tomei ninguém acreditaria!

 

Fiquei no Hostel Point. Achei bem localizado, limpo e estava super vazio. Foi a primeira vez que fiquei me quarto misto. Na primeira noite estava super envergonhada... acordei no outro dia de manhã e dei de cara com uma argentina de calcinha fio dental e camisetinha! Depois disso, desencanei!

 

Apesar de Rosário ser meio sem gracinha (NA MINHA OPINIÃO! Dá licença que o relato é meu!), achei a cidade agradável. No fim de tarde, a orla do rio enche de gente tomando mate. A casa natal do Che é preciso estar atenta p/ não passar reto. Eu passei três vezes por lá e não vi!

 

20100530050853.JPG

 

Não perca:

Museu de Arte Contemporânea

Mirante do Memorial das Bandeiras

 

20100530051502.JPG

 

Preços:

Passagem de ônibus BA-Rosário pela Plaza: 55,00

Diária no quarto misto no Hostel Point: 40,75

Taxi da rodoviária até o hostel: 12,00

Elevador p/ mirante: 2,00

Museo de Arte Comtemporânea: 5,00

Cebola, tomate, frutas, pão e bocadillos no mercado: 15,00

Revista National Geographic em espanhol: 10,00

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Córdoba

 

20100604222524.JPG

 

Essa cidade eu gostei logo de cara! É bonita, segura, cheio de pessoas simpáticas e movientada, mas um movimento diferente, com cara de interior, não um movimento caótico como Buenos Aires. A tardezinha o Paseo del Bom Pastor fica lotado de gente jovem e bonita. Até roda de capoeira tinha por lá. Esperava mais do centro histórico, mas está tude revitalizado, bem bonitinho. Visitei o centro de memória e achei super forte (melhor não levar as crianças!). É um antigo centro de tortura da ditadura militar. Saí passando mal, mas a visita vale a pena!

 

20100604222153.JPG

 

Fui até Alta Gracia visitar a casa de Che. Imperdível! A cidade mesmo não tem nada... Depois fui até General Belgrano que é bem bonitinha, mas teria aproveitado mais se estivesse com uma boa companhia para sentar nas cervejarias e encher a cara! ::otemo:: É preciso pegar o bus na ruta, pq ele não entra em Alta Gracia. Nesse dia encontrei as pessoas mais solidárias de toda a viagem! Estava sentada no único restaurante aberto de Alta Gracia quando um casal de americanos que eu já tinha trombado no caminho p/ a casa de Che me convidaram p/ sentar com eles. Depois peguei um taxi p/ chegar até o ponto de ônibus p/ General Belgrano e o taxista percebeu que eu não sabia muito bem como fazer isso e mal falava espanhol, desceu do carro e pediu para uma mulher me mostrar o ônibus. A mulher foi super simpática, ficou o tempo todo conversando comigo e não só me mostrou o ônibus como comprou meu ticket e me mostrou onde descer. Quando ela disse que já estavamos na vila eu fiquei meio alerta, meio impaciente e um carinha do meu lado começou a me falar onde deveria descer e o que deveria fazer na cidade! Depois falam que brasileiro é mal tratado na Argentina!!!!!

 

Em um outro dia, peguei o trem de las sierras (será q é isso mesmo?!) de Córdoba até Cosquín. O caminho é lindo! O único probleminha é que o trem chega lá justo na hora da siesta! A única coisa aberta na cidade toda era uma barraquinha de cigarros! Fumei um cigarro, tomei uma coca cola e peguei um ônibus para Carlos Paz. A cidade estava vazia. Acho que deve ser mais legal no verão! Fui direto p/ o postinho de informaçoes turisitcas e a tiazinha me deu um roteiro legal que passa pelas principais atrações da cidade.Queria ter ficado um dia a mais p/ ir a La Cumbrecita, que dizer ser linda!

 

20100604222825.JPG

 

Em Córodoba me hospedei no Che Salguero. O hostel em si não tem nada de mais, mas a vibe lá é muito boa!!!! Os donos estão sempre no meio da galera e chamam todos pelo nome! É engraçado ouvi-los falando portugues! E a localização e o cafe da manhã são ótimos!

 

Não perca:

Visita guiada pelo Museo de Bellas Artes (Palacio Ferreira)

Um entardecer no Paseo del Bom Pastor (já que vai estar por lá, assita a dança das águas, mas não espero mto!)

Tours pelo centro histórico gratuitos (a programação muda semanalmente e estão disponíveis no Cabildo - centro histórico)

A casa de Che é imperdível (já disse isso, mas é que é imperdivel mesmo!).

20100604221839.JPG

 

Preços:

Ônibus Rosário - Córdoba pela Urquiza: 88,00

Diária em quarto misto no Che Salguero: 32,00

Museo Bellas Artes: 3,00

Museo Casa de Che Guevara: 5,00

Água: 4,00

Papas fritas: 4,00

Chocolate: 4,00

Raviole p/ levar: 13,00

Almoço em Alta Gracia: 19,00

Passagem de Córodoba p/ Alta Gracia: 7,00

Passagem de Alta Gracia p/ General Belgrano: 15,00

Passagem de General Belgrano p/ Córdoba: 22,00

Taxi p/ estação de trem: 15,00

Trem p/ Cosquin: 6,00

Ônibus de Cosquin p/ Carlos Paz: 6,00

Ônibus de Carlos Paz p/ Córdoba: 9,00

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mendoza

 

Logo que cheguei no hostel encontrei três brasileiros e nos demos bem logo de cara. Fomos no Parque San Martin, que fala sério, é muito sem graça! Tá, é bonito, mas Mendoza tem praças muito mais movimentadas espalhadas pela cidade!

 

20100617212517.JPG

 

Fiz o tour da Alta Montanha. O Parque do Aconcagua é lindo! Fizemos um trekkinzinho p/ um mirador e eu quase morri sem respirar (tudo bem que sou asmática, mas era uma caminhada muito de leve!). Isso me deixou preocupada, afinal algumas semanas depois eu faria a Trilha Inca!

 

20100617212820.JPG

 

Em um outro dia fiz o tour das bodegas de meio dia... Queria muito ter feito o tour de bike, mas só teria no dia que fui p/ Santiago :? .

 

20100617212222.JPG

 

Me hospedei no Hostel Campo Base e fechei os tours por lá mesmo. Uma dica é enviar um e-mail p/ eles antes de se programar porque não tem todos os passeios todos os dias (tipo o bodegas de bike!). Daria para ficar uma semana na cidade com a agenda cheia de tantas opções! Essa é uma cidade que terei que voltar!!!!

 

Não perca:

Faça tudo que puder em Mendoza... tudo vai valer a pena!!!!!

 

Preços:

Ônibus Córdoba - Mendoza pela Andesmar: 135,00

Diária em quarto misto no hostel Campo-Base: 38,00

Tour Alta Montaña: 110,00

Las Bodegas 1/2 dia: 60,00

Água de 1,5L: 4,00

Almoço no restaurante vegetariano (Av. Belgrano, na altura da Sarmiento) - uns 300 gr: 12,00 (ou 30,00 p/ comer a vontade!)

Pizza e 2 Quilmes p/ 3 pessoas: 70,00

6 alfajores Havanna + 2 cones + galletas: 30,50

Taxi do hostel até o terminal de ônibus: 8,00

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Santiago

 

Fui para Santiago encontrar uma amiga que decidiu viajar comigo. Eu já estava acostumada a viajar sozinha e até gostando disso. Ela decidiu ir embora no momento que eu mais precisava de companhia. Nessa hora vi como é maravilhoso estar na com a melhor pessoa do mundo: eu mesma! ::hãã2::

 

Me hospedei no Bellavista Hostel. Excelente! Além de ter uma infra estrutura bem bacana, está localizado próximos oas barzinhos e baladas da cidade. Combinei de encontrar os meninos brasileiros lá, e foi difícil falar tchau :(

 

20100617213840.JPG

 

No dia que cheguei, dei um role basico pelo centro com um deles que ia p/ San Pedro no dia seguinte (e assim que chegou lá teve que voltar p/ Santiago e pegar um voo p/ o Brasil pq passou no vestibular! 52 hrs direto de bus, coitado!!!!). Fomos p/ o Cerro San Cristobal na manhã seguinte mas os teleféricos estavam fechados por causa do terremoto e andar aquilo tudo a pé é missão impossível! Acabamos no zoo! A Concha y Toro também não podia faltar! Pena que não pude carregar a taça que eles dão de brinde! :(

 

20100617214204.JPG

 

Depois de despedir dos meninos que ficaram no meu ::love:: fui p/ Valparaíso e Vinas del Mar. A rodovíária de Santiago estava uma loucura porque era sexta-feira santa! Estavamos (minha amiga, um casal de brasileiros que conhecemos no hostel e eu) esperando na fila gigantesca da Tur Bus quando uma mulherzinha veio oferecer tour por Valpo e Viña. Demos uma choradinha básica e conseguimos as passagens de ida e volta mais o tour por 15.000 pesos.

 

20100617214444.JPG

 

Antes de pegar o bus p/ San Pedro de Atacama, fiz um tour "free" que tem todos os dias as 10hrs em frente à Catedral (só procurar o cara com a camiseta vermelha ou uma placa escrito FREE TOUR). Bem legal! Passamos pelos principais pontos da cidade em 4 horas caminhando. O cara explica todos os detalhes e no final, em frente a casa de Pablo Neruda, pede a propina, claro!

 

Achei Santiago mais bonita que Buenos Aires mas acho que isso tem muito a ver com meu estado de espírito que com certeza estava muito mais feliz com as companhias! Infelizmente não pude visitar os museus porque estavam fechados por causa da semana santa. Valapraíso e Viña del Mar mereceríam um dia a mais p/ entrar no museus ou ficar mais tempo brisando na praia. Fiquei louca de vontade de ficar uns dias no Ritoque Raices Hostel que fica localizado em uma praia ao norte de Santiago, oferece aulas de yoga, surf e alugam redes p/ dormir! Mas os caras aproveitaram a semana santa para um surftrip e fecharam o hostel! :x

 

Não perca:

Free Tour todos os dias, as 10hrs em frente a Catedral

 

Preços:

Ônibus Mendoza - Santiago pela Chevalier: ARG 100

Diária em quarto misto no Bellavista Hostel: 27.100

Propina p/ o guia do Free Tour: 10.000

Tour Valpo e Viña com passagens: 15.000

Entrada Cerro San Cristobal com zoo: 3.800

1 emapanada + 1 coca cola: 1.000

Água de 2 L: 600

Cerveja Cristal + Papas fritas p/ 3 pessoas: 6.000

Laundry: 3.000

Metro: 500

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

San Pedro de Atacama

 

Depois de 26hrs de viagem em pleno domingão de páscoa (é p/ essas horas que serve o dramim e os tampões de ouvido!) chegamos em San Pedro. Até então eu só tinha passado por cidades relativamente grandes, com infra estrutura... San Pedro me assustou! Descobri o sentido de pitoresco!!!! Mas no fim me apaixonei pelo pueblo.

 

20100618220701.JPG

 

Mal saí do terminal da Tur Bus e um cara me abordou oferecendo hostel. Como eu não tinha pra onde ir, estava sonolenta e perdida, segui o cara até o hostel Nuevo Amanecer. Fica a cinco minutos da Caracoles (rua principal da cidadezinha) e isso me ajudou ao chorar no preço.

 

Aluguei uma bike por dois dias (1/2 day) e visitei Pukara Quitor e Garganta del Diablo em um e Valle de la Luna em outro. No primeiro dia, se nós não tivessemos ido e voltado três vezes até achar a Garganta, teríamos ido até Catarpe em menos de 4 horas pedalando. No outro dia, se não fosse meu condicionamente físico de tartaruga, tería chego no Vale de la Muerte, mas eu já estava cansada, com dor de barriga e sozinha (nesse dias minha amiga resolveu passar o dia dormindo) quando encontrei um guia que me informou que p/ chegar no Vale de la Muerte teria uma subidona e a descida é arenosa, o que impediria de pedalar... Claro que dei meia volta!

 

20100618221017.JPG

 

Em uma das noites fiz o tour p/ observar as estrelas. O céu de lá é animal! Não é muito barato, mas vale cada centavo, apesar do frio!!!! O chocolate quente servido no final me fez eu e minha amiga passar mal... ficamos até com febre! E só pode ser o chocolate porque sou vegetariana e ela não, portanto a única coisa que comemos em comum!

 

20100618221208.JPG

 

Não Perca:

O tour p/ observar as estrelas

A Quebrada del Diablo

 

Preços:

Ônibus Santiago - San Pedro de Atacama pela Tur Bus: 29.000

Diária no hostel Nuevo Amanecer em quarto misto: 5.800

Aluguel de bike por 1/2 dia na H2O: 3.500

Tour p/ observar as estrelas (só tem uma agência que faz isso e fica na Caracoles): 15.000

Entrada Pukara Quitor: 2.000

Água de 5L: 1.100

2 empanadas: 1.200

Sopa de Champingon: 3.000

Almoço no restaurante vegetariano (no fim da Caracoles): 3.200

Laundry: 1.500

Lenço xadrez + faixa de cabelo + cartão postal: 3.250

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Salar de Uyuni

 

20100618222808.JPG

 

Como minha idéia inicial era voltar para o Brasil pelo trem da morte, escolhi fazer o Salar de Uyuni em 4 dias, com caganeira e tudo, e assim voltei para San Pedro de Atacama. Não recomendo a ninguém! Depois de Uyuni é só estrada! Muito cansativo, frio e chato!

 

Fechei o tour em San Pedro com a Cordillera. Foi excelente! Fomo em um jipe novo, com um guia legal, dormimos no hotel de sal e paramos onde queríamos para as fotos. A comida também não deixou a desejar. Sempre com fartura e saborosa.

 

20100618222311.JPG

 

O único problema foi a volta que nos colocaram em um jipe caindo aos pedaços e, como só estava eu a minha amiga, o motorista resolveu sair dando carona! No primeiro dia ele deu carona p/ um cara até a hospedagem. Primeiro ficamos com medo. Imagina: duas mulheres sozinhas em um país estranho com dois caras no meio do nada falando em quechua ou aymará ou qualquer língua que eu não entendia bulhufas!!!!! Mas no fim a cia do cara foi boa pq ele teve que descer do jipe várias vezes p/ empurra-lo!

 

No outro dia, nos termas, o guia para do nada e diz q volta em dois minutinhos. Voltou depois de dez acompanhado por dois isralenses muito, mas muito, mas exageradamente muito fedidos! Eu não conseguia respirar!!!!! Fiz um sistema a 'vácuo' com meu anorak em volta do meu nariz! Chegando em San Pedro fui até a agencia relcamar e ganhei um almoço no restaurante do lado! ::cool:::'>

 

Durante o tour do salar, minha amiga passou muito mal por causa da altitude. Ninguém nos avisou que subiríamos muito e ela encheu a cara de água com gás. Na primeira noite dormimos na Laguna Colorada a 4.500 metros sobre o nível do mar. A menina acordou no meio da noite com uma dor imensa no peito e falta de ar. Começou a chorar desperadamente e só parou depois de tomar um chá de coca. As dores ficaram por mais dois dias! Muito tempo depois, no Parque da Lauca, o cara que nos vendeu o tour nos disse para nunca comer algo que fermente no estomago ou tomar liquidos com gas antes de subir, porque no alto os gases se espandem e nos faz passar mal!

 

Não perca:

Isla Incahuasi - uma ilha cheia de cactus no meio do salar

 

20100618223413.JPG

 

Preços:

Tour de 4 dias na Cordillera: US$160

Entrada p/ o parque + Isla Incahuasi: BOB 60,00

Banho quente na última hospedagem: BOB 5,00

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Arica

 

Essa cidade foi uma surpresa p/ mim! Não epserava nada e adorei... A cidade é bem feinha, mas rola uma praia para descansar e tirar as marcas de mochila e o Parque Nacional Lauca é lindo! Fechei com a única agência aberta aos domingos e fui somente com mais um casal. Mais vip impossivel!

 

20100618224210.JPG

 

Fiquei hospedada no hotel Mar Azul. Não recomendo! Troquei de quarto 4 vezes! O primeiro fedia cigarro, o segundo não funcionava a água quente e o terceiro dei de cara com uma barata ao abrir a porta! E ainda tinha que aguentar a cara mal humorada da recepcionista todas as vezes que pedia ajuda!!!! Fora a ridiqueza do café da manhã. ::bad::

 

Todos os domingos rola um desfile da marinha quase em frente a Empresa Portuária. Também aos domingo rola uma feira gigantesca onde é possível encontrar tudo que você precisa (estava louca atrás de uma legging, já que a minha já tinha rasgado e sido costurada 3 vezes. Isso que dá ter pernas grossas!). Não me recordo o nome da rua, mas é so perguntar que qualquer um sabe! As praias ao sul do Cerro são boas p/ banho, já as do norte melhores para o surf. Confesso que não tive pique para subir o Cerro, mas deve ter uma vista bem legal!

 

20100618224533.JPG

 

Não Perca:

A feira de domingo

O Parque Naconal Lauca

 

20100618223843.JPG

 

Preços:

Ônibus San Pedro - Arica pela Tur Bus: 16.200

Diária em quarto privado com banho no hotel Mar Azul: 16.000 p/ 2 pessoas

Tour Parque Nacional Lauca com alomoço e ingresso inclusos: 20.000

Taxi da rodoviária até o hotel: 1.600

Fone de ouvido na feira de domingo: 2.000

Calça legging na feira de domingo: 3.800

1 pizza grande + 2 pisco sour p/ 2 pessoas: 10.000 (seria 13.000 se não tivessemos encontrado um grampo de papel misturado ao queijo! ::tchann:: )

Picolé na praia: 300

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
gabiskm    0

Ola Paula !

 

Relato otimo, be detalhado...Creio que em novembro me aventuro nessa. Mas meu tempo sera bem menor. 20 dias de ferias.

 

Estou ansiosa pela continuacao do relato.

 

Beijos

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
lowpower    0

America do sul será meu proximo destino depois da europa! Muito bom o relato.

Aposto que vai ajudar muita gente!

 

Parabens!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mtoo bacana seu relato! A cada relato lido me dá a certeza que o sonho é possível... fico aqui na espera que um dia chegue minha vez!! huhu

 

Aguardando mais histórias e dicas das cidades, passeios e td mais! Parabéns pela viagem!

 

Bjs!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Arequipa

 

Em Arica peguei um taxi na rodoviária para Tacna, já no Peru. Esse taxis são carros comuns para 5 pessoas, mas os caras colocam 6! E adivinha quem foi a sexta? Eu, claro! Fui sentada quase no câmbio! Ainda bem que o carro era automático!!!! ::lol3:: Fora que o motorista se achava o dono da rua e só andava no meio da estrada!

 

Em Tacna peguei um ônibus para Arequipa e muitas horas e muitas curvas depois, cheguei na cidade branca, que é assim conhecida pelos prédios feitos de sial, um tipo de areia encontrada próxima aos vulcões usada nas contruções. O que deve ter em abundância, visto que Arequipa é cercada por tres vulcões: El Misti, Chachani e Pichu Pichu.

 

20100618230356.JPG

 

Fiquei assutada com a loucura da cidade. Um trânsito caótico que depois, comparado com a Bolívia, achei até organizado! Muita gente andando rápido, ruas movimentadas... poxa, eu estava vindo do deserto!!!!

 

Me hospedei no Koala Backpackers que é muito bem localizado! Próximo da Plaza de Armas e de restaurantes muito bons! No primeiro dia na cidade fui atrás de agencia p/ fechar o trekking no Cañon del Colca e acabei fechando também um tour naqueles onibus de dois andares pela cidade (eu estava assutada, lembra?) e o voo das Linhas de Nazca que iria fazer dpois do trekking. Achei todas as agencias iguais e os preços são os mesmos. Acabei fechando com o atendente mais simpático!

 

O tal city tour no onibus de dois andares foi um porre!!!! O lado bom é que ele passa em lugares que eu nunca teria ido sozinha, masáchei um saco ficar descendo e subindo o tempo todo e ter q tirar fotos da cidade do alto. Fora o frio que é lá em cima!!! Ah não, prefiro andar viu...

 

20100618225924.JPG

 

No trekking eu não fui mais feliz que no city tour. Para começo de conversa eu preciso me apresentar melhor: Eu sou a Paula, asmática, sedentária, gordinha e desequilibrada, prazer! Esse foi meu primeiro trekking de verdade e por isso dou um desconto p/ mim mesma. Escolhi fazer o de 2 dis e 1 noite, simplesmente porque eu nem pesquisei sobre o de 3 dias e 2 noites!!!!

 

Esse trekking é assim: a agencia te pega as 4 da madruga no hostel e te levam ate a Crux del Condor p/ tirar umas fotos, analisar a profundidade do Cañon e ver a enrascada que se enfiou. Depois eles te largam com um guia no começo da trilha p/ descer todo o Cañon... são umas 4 hrs de caminhada até chegar numa hospedagem onde é servido o almoço. Se vc, como eu escolheu fazer em dois dias, vai ter q caminhar mais umas horas passando por umas cidadezinhas até chegar em uma hospedagem com águas termais. Se vc foi esperto e escolheu fazer em 3 dias, ficara por la mesmo e percorrerá as cidades no dia seguinte. O último dia é a subida do Cañon ate a cidadezinha charmosa que esqueci o nome.

 

Bom, nem preciso dizer que fui um fiasco né?! No começo estava até ok, segundo a própria guia. Mas comecei a ficar fraca, sem energia e diminui muito o passo. Estava muito cansada. Cheguei na pontezinha, já proximo a hospedagem, e quase desmaiei. Não conseguia levantar... Fiquei uns 20 minutos passando mal, deixei minha amiga desesperada e a guia mal humorada! Até que chegou uma gringa e disse: quer um doce p/ energia? Dois minutos depois estava nova mas mesmo assim a guia não me deixou continuar.

 

20100618230610.JPG

 

No outro dia paguei uma mula p/ subir o Cañon e foi o $$$ mais bem gasto de toda a viagem!!!! Além de poder apreciar a vista, quando todo mudo chegou mega cansados para o café da manhã eu estava novinha em folha! O único probleminha é que a mula empacava a cada dois passos ou parava p/ pastar na beiradinha do precipício...Tirei um dia p/ descansar e relaxar os músculos antes de partir de Arequipa.

 

Não perca:

Cañon del Colca, nem que seja p/ ir de van!

 

Preços:

Taxi Arica - Tacna: CH3.200

Ônibus Tacna - Arequipa: 25,00

Diária no hostel Koala Backpackers: 18,00

Jantar em restaurante francês: 30,00

Almoço em restaurante típico: 30,00

City tour pela Bustour: 35,00

Trekking Cañon del Colca 2D e 1N: 125,00

Mula p/ subir o Cañon: 50,00

Laundry: 5,00

Gravação de Cd com fotos: 4,00

Taxi hostel - terminal de bus: 4,00

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nazca

 

Escolhi fechar o voo das linhas de Nazca em Arequipa porque eu estaria sozinha de novo (minha amiga resolveu voltar antes p/ casa e pegou um ônibus direto p/ Lima) e dessa forma eu não teria que me virar sozinha pela cidade que, sinceramente, não me pareceu nada agradável.

 

Quando cheguei na oficina da Cruz del Sur já tinha um cara me esperando para levar ao aerporto. Lá esperei mais alguns minutos e embarquei no teco-teco. Como estava com mais dois casais, fui colocada sozinha na parte de traz o que foi bom por ter duas janelas só p/ mim e ruim porque chacoalhei p/ burro!

 

20100618231617.JPG

 

Desci com o estômago nas mãos, tirei uma fotinha rápida, peguei minha mochila e o cara da agencia ja estava me esperando p/ me levar de volta. Ele ofereceu um tour pelos aquedutos e outras atrações, mas eu queria chegar logo em Ica.

 

Acho que essa foi uma das melhores partes da viagem! O voô não é baratinho p/ um orçamento mochileiro, mas vale cada centavo!

 

Não perca:

As linhas, derrrrr

 

20100618231309.JPG

 

Preços:

Ônibus Arequipa - Nazca pela Cruz del Sur: 81,00

Voo pela Aeroparacas: US$80,00

Taxa do aeroporto: 20,00

Coca-cola: 2,00

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ica - Laguna Huacachina

 

Tive a infeliz idéia de pegar um ônibus popular para chegar em Ica. Talvez não tivesse me irritado tanto com os peruanos folgados, o motorista que não saia até lotar o ônibus, as menininhas enchendo o saco p/ comprar lanches e as veias porcas se eu não estivesse tão cansada.

 

O ônibus vai parando onde a galera pede, e eu, perdidona, vi uma placa indicando a laguna p/ um lado e o ônibus virando p/ outro, pedi para parar e peguei um mototaxi. Primeira e última vez que peguei essa coisa... dá maior medo! Ele não anda e é todo aberto. Agarrei minha mochila com toda força porque qq um correndo poderia rouba-la!

 

Cheguei na laguna, almocei e capotei... acordei no finzinho da tarde p/ curtir a piscina do hostel El Huacachinero. Excelente! Parece mais um hotel, se não fosse pelo quarto compatilhado.

 

20100702144457.JPG

 

Em Huacachina aproveitei para descansar. Fechei no prorpio hostel o tour para as Ilas Bellestas e outro p/ as bodegas, só p/ ocupar o tempo, e foi excelente. Como eu estava sozinha fui com um cara que tirava fotos p/ mim o tempo todo e respondia todas as minhas perguntas (é que pergunto de mais e as vezes os guias ignoram!). O ruim ;e que paguei mais caro porque não é um tour procurado e a agência não achou niguém para rachar os gastos comigo! Não fiz o tour pelas dunas pq já estava cansada de aventuras! Preferi subi-las a pé.

 

Não perca:

Passeio pela Islas Bellesta é muito lindo!!!!

 

20100702144727.JPG

 

Refeição na La casa de Bambu - o lugar cheira a manjericão! Tudo fresquinho...

 

Preços:

Ônibus Nazca - Ica pela Flores: 8 pesos

Moto taxi ate a Laguna: 2,00

Diária no hostel El Huacachinero: 60,00

Menu na La Casa de Bambu: 16,00

Tour Islas Ballestas: 65,00

Tour p/ bodegas: 55,00

Laundry: 7,50

Camiseta: 13,00

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cusco, Trilha Inca e Machu Picchu:

 

Enquanto esperava o ônibus em Ica comecei a passar mal. Vômito e diarréia... Como já era muito tarde p/ ir ao médico, embarquei me arrastando! Passei mal a noite toda. Meu estômago não aceitava nem água! A minha sorte é que peguei uma poltrona cama (um luxo p/ a minha pao durice!) que estava na porta do banheiro. Várias vezes pensei em pedir p/ ser deixada em qq lugar que tivesse médico, ou em pedir p/ a Israelense que eu tinha acabado de conhecer me acompanhar em um hospital qdo chegasse em Cusco. Mas no fim, a viagem foi tão longa, que acabei melhorando e comecei a beber água de golinho em golinho. Minhas mãos estavam ressecadas, minha boca rachada... horrível!

 

Cheguei em Cusco louca atrás de uma coca cola e peguei o primeiro taxista que se ofereceu a me levar no Loki. Contei com a sorte várias vezes... primeiro deixei minha mochila no taxi enquanto eu veirifcava a disponibilidade do Loki (ainda bem que não tinha vagas porque naquele momento eu precisava de um banheiro só meu!!!) e qdo estava voltando p/ o taxi comecei a pensar na possbilidade do cara ter sumido! Depois, no hostel indicado pelo taxista, ele me ofereceu os tours pelo Valle Sagrado, Moray, City tour e Tampay. Dei uma olhadinha nos pre;cos que eu tinha cotado e como estava dentro do valor, aceite. Dei 100 soles na mão do cara e fui dormir. Só acordei no outro dia e me dei conta que não tinha pego nem um tipo de recibo!!!!! A minha sorte é que o cara era honesto pq eu estava pedindo p/ ser passada p/ tras!

 

20100702145301.JPG

 

Fiquei um dia a toa, me recuperando, e então comecei a maratona de tours. Meu predileto foi Tampay... talvez mais pela guia que pelo lugar, mas são ruínas bem interessantes que muitos turistas pulam. Também é possivel conhece-las em um onibus turistico que parte de Cusco em direção a Puno e demora o dia todo porque vai parando nesses lugares. Fiquei mais um dia a toa, aproveitei p/ ir nos museus e me preparar para o grande dia, para a cereja do meu bolo: A Trilha Inca!

 

No dia do briefing (uma especie de orientaçao que rola com o guia no dia anterior da trilha) eu expliquei para a guia todos os meus problemas, minha desastrosa experiencia no Canon del Colca e disse que estava morrendo de medo de nao aguentar fazer a trilha toda. Ela deu risada e disse que a o Caminho Inca não é uma competição e é muito bonito para não ser apareciado. Lembrei disso o tempo todo e toda vez que estava cansada eu parava p/ "apreciar a vista"!

 

20100702150234.JPG

 

A trilha é de mais! Além da vista, das ruínas que só é possível visitar pela trilha, da emoção de chegar em Machu Picchu ao nascer do sol depois de 3 dias andando.. acho que o melhor de tudo foi superar todos meus medos e vencer esse autodesafio. O primeiro dia foi tranquilo superar as 4 horas de caminhada. O segundo é considerado o mais difícil por ser 5 horas de subida que fiz muito, mas muito lentamente, quase parando e acabei chegando em terceiro lugar de todo o grupo! O terceiro dia foi o pior p/ mim porque é só descida e acho que ainda estava traumatizada do Cañon e acabei demorando p/ caramba. Fora a chuva que ia e voltava o tempo todo. O último dia eu estava muito, mas muito cansada e a mesma sensação de não ter mais energia que senti no Cañon eu sentia novamente. Estava molhada por fora por causa da chuva e por dentro por causa do suor. Tentava pensar que o mal estar era psicológico, enchia a boca de caramelos, andava bem devagar e acabei chegando bemmm depois de todo o grupo! Mas qdo cheguei, levantei a cabeça e vi Machu Picchu chorei igual criança!

 

20100702150519.JPG

 

Pachamama foi legal comigo e deu uma trégua na chuva. Tirei todas as roupas de chuva, tomei um dorflex e fui visitar o sítio...Estava com medo de, depois de ver tantas ruínas, perder o interesse em Machu Picchu. Mas o lugar é realmente impressionante. Talvez pela beleza natural em volta, talvez pelo sacrifício de chegar até ali... Desci para Águas Calientes, almocei e fui dar uma volta pela cidade, mas Pachamama deve ter achado a trégua suficiente e mandou o maior toró!!! Acabei parando em um ciber, fiz uma horinha na internet e enjoei. Saí lá fora, fiquei uns 5 minutos olhando p/ céu e um menino do restaurante do lado se aproximou. Começamos a conversar, papo vai, papo vem... quando vi já estava aprendendo quechua com todos os garçons do restaurante! Acho que fiquei umas três horas por lá até dar o horário de pegar o trem.

 

Não Perca:

Moray e Tampay qye são tour pouco procurados mas muito interessantes!

 

20100702145845.JPG

 

Coca Shop, na rua Carmen Alto em San Blas - Cusco - tem tudo feito de coca e o dono é neto de brasileiros, serve um chá super gostoso e váriosss chocolates p/ degustação

 

Preços:

Ônibus Nazca - Cusco pela Cial: 130,00

Diária no hostal que não me lembrro o nome em San Blas: 20,00 com banho privado

Trilha Inca com a Puma's Trek (fechado com a Edith): US$260,00

Boleto Turístico + City Tour + Valle Sagrado com almoço + Tampay + Moray: 250,00 (com entradas)

2 pacotes de balas de coca e um pacote de cookies de coca no Coca Shop: 14,50

Menu em restaurante em San Blas: 9,00 a 15,00

Almoço em Aguas Calientes: 35,00

Emapanha: 3,00

Coca cola: 2,50

1 cartão postal + 2 selos: 12,00

Colar com pingente de Pachamama: 25,00

Camiseta: 10,00

Laundry: 5,50

1 hr de internet em Águas Calientes: 3,00

Clorin: 18,00

Editado por Visitante

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×