Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Effren

1° Viagem pra Hungria - Budapeste

Posts Recomendados

Galera, boa noite! 

Me chamo Victor, moro em Salvador Bahia e estou aqui meio perdido.

Estou com pretensão de viajar junto com minha esposa em 01/09/2018 e pretendemos ficar lá até 09/09/2018, viajando por conta própria.

Será nossa primeira viagem pra fora do Brasil

Tenho algumas duvidas:

1- Quais hostels baratos pra casal e nos melhores locais vcs indicam?

2- Airbnb o pagamento da hospedagem é feita aqui ainda no brasil em real e eles convertem? ou paga no local? 

3 - Melhor Hostel ou Airbnb?

4 - Quanto se gasta numa viagem dessas? com passagens, hospedagem, alimentação, transporte e passeios? ( foco sempre economia financeira, sem muito luxo)

5 - Quantos Euros por pessoa pra uma viagem dessas? 500? 700? Euros ao todo?

6 - Qual valor dos ingressos das atrações de lá?

 

Desculpem a quantidade de perguntas e o texto grande rs.. espero que vocês possam me ajudar!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

1 - quarto privativo em hostel geralmente é caro, pois não é esta a intenção da maioria dos hosteis, então costuma ser mais barato pegar um quarto coletivo num hotel comum simples do que num hostel. Utilize www.booking.com para buscar algo que lhe agrade e caiba no orçamento.

2 - Não utilizo airbnb, é contra os meus princípios fazer negócios com eles, então não posso responder.

3 - Isto é questão de preferência pessoal de cada pessoa, cada pessoa vai ter duzias de argumentos contra e a favor de cada opção.

4 - Depende das suas escolhas. Passagens para Budapeste são caras, para uma conta inicial, eu estimaria uns R$ 3.500 de passagens Brasil x Budapeste x Brasil, mais uns 140 a 160 Euros por dia para um casal bem econômico gastar com hospedagem, passeios, alimentação, metrô dentro da cidade, etc...  Multiplicando por 8 dias e convertendo pela cotação de R$ 4.30 de hoje e somando tudo, numa conta bem grosseira, daria em torno de R$ 13.000 para um casal ficar 8 dias lá.

5 - Depende do que você escolher lá na hora, mas na média uns 140 a 160 Euros por dia para um casal bem econômico gastar com hospedagem, passeios, alimentação, metrô dentro da cidade, etc. Hospedagem você sabe o preço de antemão, e pode descontar deste valor para ver quanto que sobra para o resto.

6 - Varia muito, varia desde zero nas atrações gratuitas até 15 ou 20 nas mais caras, eu faço uma média, e reservo uns 10 ou 15 euros por dia e pessoa para ingressos.

1 - quarto privativo em hostel geralmente é caro, pois não é esta a intenção da maioria dos hosteis, então costuma ser mais barato pegar um quarto coletivo num hotel comum simples do que num hostel. Utilize www.booking.com para buscar algo que lhe agrade e caiba no orçamento.

2 - Não utilizo airbnb, é contra os meus princípios fazer negócios com eles, então não posso responder.

3 - Isto é questão de preferência pessoal de cada pessoa, cada pessoa vai ter duzias de argumentos contra e a favor de cada opção.

4 - Depende das suas escolhas. Passagens para Budapeste são caras, para uma conta inicial, eu estimaria uns R$ 3.500 de passagens Brasil x Budapeste x Brasil, mais uns 140 a 160 Euros por dia para um casal bem econômico gastar com hospedagem, passeios, alimentação, metrô dentro da cidade, etc...  Multiplicando por 8 dias e convertendo pela cotação de R$ 4.30 de hoje e somando tudo, numa conta bem grosseira, daria em torno de R$ 13.000 para um casal ficar 8 dias lá.

5 - Depende do que você escolher lá na hora, mas na média uns 140 a 160 Euros por dia para um casal bem econômico gastar com hospedagem, passeios, alimentação, metrô dentro da cidade, etc. Hospedagem você sabe o preço de antemão, e pode descontar deste valor para ver quanto que sobra para o resto.

6 - Varia muito, varia desde zero nas atrações gratuitas até 15 ou 20 nas mais caras, eu faço uma média, e reservo uns 10 ou 15 euros por dia e pessoa para ingressos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito obrigado pelas dicas.. fiz uma média de 9/10 mil pra o casal num total de 7 dias, pois estaria descontando o deslocamento de viagem Brasil/Budapeste e vice versa..

Desculpa a insistência, pq não gosta do Airbnb? 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Effren , vou falar de alguns locais em que fiquei na cidade em ocasiões diferentes. Em alguns casos o critério principal foi que havia vaga! A época do Sziget Festival, por exemplo... se você não vai ao festival, melhor evitar a cidade nessa época. Mas o festival é em julho/agosto, então sem problemas.

- Hotel Karin (salvo engano o nome antes era Karin Panzió). Na verdade são duas unidades, uma (a principal) onde fica a recepção, e outra (onde fiquei) que funciona praticamente como um apart hotel, só que num esquema mais simples. Meu "quarto" na verdade era uma saleta com cozinha, quarto e banheiro privativo. Muito bom para quem viaja em família, porque é como um apartamento mesmo e dá uma experiência de "morar" na cidade, mesmo que por poucos dias. Fica em Újpest, numa área afastada do centro e com pouco comércio na parte do hotel mesmo. Újpest tem um centrinho com algumas lojas e uma estação de metrô. Para ir ao metrô você precisa pegar ônibus.

"Panzió" é basicamente uma pousada familiar. Site: http://www.karinhotel.hu/

 

- Jagello Business Hotel: fica do lado Buda, perto de um complexo empresarial moderno. Fiz só um pernoite. É mais voltado para viajantes de negócios, como diz o nome. Se você gosta de regular o ar do seu jeito, fique de olho! Nesse hotel o ar condicionado é central. Site: https://jagellobusinesshotel.hu/en

 

- Sarokház Panzió: perto do aeroporto e longe de todo o resto da cidade. Dependendo do horário do seu voo, pode ser uma boa opção para o dia da chegada ou da partida. Site: http://www.sarokhazpanzio.hu/en/guesthouse 

 

- Garden House: é um local com características de pousada e hostel onde você tem as opções de banheiro compartilhado ou privativo. Os atendentes são bem atenciosos e dão ótimas dicas. Fica no VIII Distrito, que durante muito tempo teve um certo estigma de bairro "perigoso" (para os padrões da cidade), mas andei à noite por lá e foi bem tranquilo. Tem metrô a uns 15-20 minutos de caminhada. Para quem quer acesso fácil às atrações da cidade, dos que citei é a melhor opção. Obs: aqui é ainda mais importante o adaptador de tomada. Fiquei num quarto cuja TV tinha um plugue totalmente estranho.  Site: http://www.gardenhousebudapest.com/

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Disponha, @Effren !

Acabei me esquecendo de comentar: perto do Garden House você pode visitar o Museu Nacional da Hungria (Magyar Nemzeti Múzeum), caso goste de museus históricos. Tem também o Museu de Artes Aplicadas (http://www.imm.hu/), que no momento está fechado para restauração. O prédio é lindo.

Boa viagem e aproveite bem essa fase de planejamento também. :-)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Efren, estou pensando em pegar um voô  Rio de Janeiro - Budapeste em agosto/setembro e está 1.380 a passagem ;) Não sei quanto ficaria ida e volta, porque a voltarei de outra cidade, mas deve estar menos que 3 mil reais!

Recomendo olhar ou no skyscanner ou no google flights se tiver disponibilidade de datas!

  • Acompanhando 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@NicolasBRodrigues , epa! Isso muito me interessa! :-)

Se bem que o Victor está saindo de Salvador... tem que ver se compensa comprar o trecho nacional separado para viajar a partir do Rio ou de SP.

Já cheguei a gastar R$2800 a partir de Brasília viajando direto para a Europa... mas isso foi nos bons tempos. 

Este ano paguei R$3600 para viajar em maio fazendo conexão em GRU porque a KLM era a mais barata. 

De qualquer forma, vale a pena pesquisar!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@LF Brasilia moro em goiania e pra mim sempre vale a pena esse trecho nacional... 

nos ultimos tempos anda dificil ter alguma promoção para a europa partindo de brasilia e eu sempre guardo minhas milhas pra esses trechos dentro do brasil!

realmente, pra ele talvez valha a pena algum voo saindo do nordeste, há algumas opções baratas pra la!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@NicolasBRodrigues , houve uma época em que a TAP saindo de Brasília era a opção mais barata. Depois veio a Air France (que se tornou a opção mais em conta), e agora depende muito da época. Às vezes sai mais barato ir por GRU, às vezes por aqui ainda pode ser uma opção.

Meu irmão foi para a Índia pegando uma superpromoção saindo de SP e o trecho nacional foi com milhas.

Eu mesma não tenho nenhum programa de milhagem e às vezes o trecho nacional também não sai muito barato. 

Agora... complicado mesmo é para quem mora em cidades que recebem voos caros e escassos. Tenho um parente em Porto Velho e para ele o trecho nacional pesa bastante na hora de comprar passagens para fora. :-(

No caso de quem viaja a partir do Nordeste, vamos ver como se comportam - por exemplo - os voos da Air France saindo de Fortaleza.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×