Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Ana@

Alguém já foi para Paris falando apenas Português?

Posts Recomendados


Se você fizer a sua lição de casa e estudar bastante sobre a cidade, sobre como usar o metrô, como se locomover de um lugar para o outro, onde ficam as atrações turísticas, como chegar lá, aprender a usar o gps do celular para se localizar, e o tradutor do google para quando a coisa apertar, etc... 

Você vai ter alguns perrengues, mas consegue sim se virar em Paris.

Mas falar ao menos um mínimo de inglês ajuda um monte e facilita muito a sua vida, pessoalmente eu recomendaria fortemente que você use estes 3 meses que ainda faltam até a sua viagem para começar um curso de inglês básico, não dá para ficar fluente, mas você vai conseguir ter o mínimo de conhecimento de inglês para se virar com o básico do básico no dia a dia.

Há vários cursos gratuitos online, se você dedicar somente 30 minutos por dia para estudar inglês até Dezembro, você consegue apreender um monte de coisas que lhe ajudarão um monte durante a viagem, e com certeza farão muita diferença para tornar a sua viagem muito mais agradável e tranquila.

 

https://certificadocursosonline.com/courses/curso-de-ingles-basico-online-gratis/

https://www.primecursos.com.br/ingles-basico/

https://pt.duolingo.com/course/en/pt/Aprenda-Inglês-On-line
 

https://blog.descubraomundo.com/ingles/curso-de-ingles-oferecido-pelo-governo/


https://canaldoensino.com.br/blog/8-cursos-de-ingles-online-gratis-que-voce-deveria-conhecer

 

 

  • Gostei! 1
  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
20 minutos atrás, [email protected] disse:

Obrigada por sua resposta! Você acha melhor nesse pouquíssimo tempo, me dedicar ao inglês ou ao francês?

Inglês.

O inglês será muito mais útil na sua vida, e em Paris, todo mundo com que você vai ter contato (recepcionistas do hotel, garçom, vendedores, caixa de supermercado, padaria, lanchonetes, atendentes de bilheteria das atrações turísticas, policiais da imigração no aeroporto, etc ) fala inglês.

 

  • Gostei! 1
  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom vamos la contando minha experiencia (rs). Tenho inglês pre-avançado (isso significa que falo e não escuro aquele "what???" de volta kkk), como sabia que Franceses odeiam serem abordados diretamente no Inglês eu aprendi algumas coisinhas do Frances muito básicas ... Mesmo assim os perrengues acontecem e não necessariamente estarão atrelados ao idioma: O sinal do GPS pode cair e isso rola especialmente nas estações de metro e as vezes não há ninguém acessível para perguntar! Há quem não fale Inglês na Europa (ou pelo menos um bom Inglês compreensível para uma pessoa que fala o básico!), fala somente a língua nativa ... 

Tendemos sempre a imaginar o mundo ideal: estudo os mapas, decoro as linhas que vou utilizar, adquiro um chip 4g, baixo o google maps e esta tudo certo! Né assim? Mas na pratica a coisa é diferente...

1 - Imigração, vai desembarcar direto em Paris ou fara conexão em algum pais antes? Se a sua conexão não for em Lisboa ou Madri.... como ira se comunicar com o agente de fronteiras? Na melhor das hipóteses vai esperar horas no Aeroporto um tradutor, caso o aeroporto de chegada não tenha serviço de teleconferencia com tradutores...

2 - Saindo do aeroporto... por mais que você estude ...sempre pinta uma duvida se esta no lugar certo mesmo. A saída é um taxi mostrando a rua da sua hospedagem, maravilha! E para combinar o preço como faria? Tem espertinho em todo lugar! 

3 - Cheguei no hotel e agora é só comprar o chip 4g, né isso? Mas para adquirir seu passaporte para a felicidade você precisa explicar o que você quer, entender as opções que lhe serão oferecidas, o preço... 

4 - Comendo e bebendo... Muitas vezes em um Bistro lotado na hora do almoço não haverá condições de você traduzir palavra por palavra de um cardápio! Vai pedir uma carne? Provavelmente o garçom vai te perguntar o ponto desejado... quer uma agua? "Ok senhora, com gás? sem gás? da torneira? aromatizada???...  e por ai vai...

5 - Transporte publico... ate para comprar os tickets na maquininha vai precisar de Inglês! Sempre pinta uma duvida e precisa perguntar algo... se o sinal do celular cair no metro? 

Ate nas atrações as informações geralmente são escritas em Frances e Inglês... 

Não quero desanimar mas é complicado.

Não é impossível...mas é difícil se virar. Recomendo tentar encontrar uma companhia (aqui no blog tem uma sessão especifica para isso) ... e fazer um cursinho urgente! De antemão te adianto que 03 meses de Inglês não resolve a vida de ninguém! Não vai sair falando e as pessoas te entendendo perfeitamente; como também não vai entender muita coisa do que irão te falar... mas melhora!

  • Gostei! 1
  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá!

É totalmente possível...  Baixe o google tradutor offline para as emergências.... No mais, estude pelo menos o básico do inglês para não ir 100% zerada... Estude bem seus roteiros e seja feliz...

Hoje me considero mais ou menos no inglês... nunca fiz curso, mas o que aprendi nas viagens já me permite me salvar dos perrengues...

Já aos EUA, Ilhas Mauricio, Espanha, Italia, Africa do Sul, Uruguai e Argentina... tudo sem inglês... Quando a dificuldade aperta, o google tradutor salva!

Vá sem medo e aproveite sua viagem...

  • Gostei! 1
  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
6 horas atrás, f0soare disse:

Olá!

É totalmente possível...  Baixe o google tradutor offline para as emergências.... No mais, estude pelo menos o básico do inglês para não ir 100% zerada... Estude bem seus roteiros e seja feliz...

Hoje me considero mais ou menos no inglês... nunca fiz curso, mas o que aprendi nas viagens já me permite me salvar dos perrengues...

Já aos EUA, Ilhas Mauricio, Espanha, Italia, Africa do Sul, Uruguai e Argentina... tudo sem inglês... Quando a dificuldade aperta, o google tradutor salva!

Vá sem medo e aproveite sua viagem...

EUA qual cidade? Itália qual cidade?

Me desculpa, mas do jeito que fala fica parecendo uma coisa simples... Baixa o tradutor off line e esta tudo certo! E não é bem assim...

Em países de língua Espanhola, ok! Se formos falar de Miami e Florida no geral tem mais imigrante e turista que americano... tb não conta. Roma por conta do turismo religioso é uma cidade acostumada a receber turistas que não falam Inglês e nem a língua local. 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá!

Nas minhas viagens gosto de pegar o carro e sair para conhecer um pouco mais que o básico, cidades fora da rota de turista.. Eua já rodei pelo estado de Arkansas e Flórida ( aqui não só Miami e Orlando).

Na Itália por exemplo, peguei o carro saindo de Veneza e fiz base em varias cidades menos visitadas que Roma como Verona, San Remo ( fiquei aqui e aproveitei para visitar Mônaco) e Pistoia...Rodei em muitas cidades pequenas menos movimentadas como Abetone e Monterosso onde nem vi a cor de brasileiros.

Nas Ilhas Maurício que o Inglês não é falado por todos rodei por toda ilha...

Nao é fácil vc não dominar a língua,, mas com o mundo globalizado e ajuda da tecnologia é perfeitamente possível. O que eu notei nessas viagens é que há um grande esforço das pessoa em ajudar e entender suas necessidades.

No início da medo pela barreira da língua, mas vc acaba aprendendo muito interagindo com as pessoas fora do país .

  • Gostei! 2
  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ninguém está falando que é como um passeio até a pracinha da esquina, sem falar nada de inglês ou inglês, com certeza a pessoa vai passar alguns de perrengues, vai se enfiar em algumas furadas, mas nada que não seja impossível de contornar, ainda mais numa cidade como Paris, onde a maioria dos locais acostumados a receber um monte de turistas que não falam inglês e francês.

Alguns exemplos:

Na hora de comer ou beber, se você for num restaurante/bistrô lotado, com cardápio somente em inglês e você não souber o que escolher, saia e vá embora, vá num daqueles restaurantes bem "turistões", aqueles que tem foto dos pratos na entrada e no cardápio, onde você pode escolher pela foto e apontar com o dedo, pode não ser a melhor comida da cidade, mas fome você não vai passar.

Na hora de passar na imigração, tente decorar algumas frases básicas, como "Não falo inglês", e vá vem munida de comprovantes impressos que comprovem que você é turista, se você ver que o agente está fazendo muitas perguntas e você não entende, diga "Sorry, i dont speak english" e educadamente entregue os comprovantes de passagem, e reservas de hospedagem para ele, pode demorar um pouco mais, mas se estiver com tudo certo com os comprovantes, ele deve liberar você.

Chip de celular, usar o chip brasileiro no exterior custa uma fortuna, mas se você não se sentir confortável para comprar lá, você pode comprar um daqueles simcards internacionais pela internet e receber na sua casa antes de viajar, e já sair de casa com a internet funcionando.

Tem várias opções de empresas que vendem chip de celular internacional via internet, como a www.easysim4u.com, https://mysimtravel.com.br/https://www.eurodicas.com.br/chip-internacional/ , Novamente pode não ser a opção mais barata, mas é algo que consegue se contornar sem grandes complicações.

Na hora de pegar o metrô, comprar ticket, etc, tem horas que vai bater aquela indecisão e você não vai saber o que fazer e a internet resolve não funcionar, a bateria do celular acabou...

Nestes casos não deve se desesperar, tem que respirar fundo, contar até 20 e pensar como vai resolver, sempre ter um mapinha impresso do metrô e da cidade, com a localização do seu hotel marcada a caneta ajuda nestas horas onde tudo lhe deixa na não....

E assim por diante...

  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa noite, @[email protected] 

Em 14/09/2018 em 15:13, [email protected] disse:

Vou para Paris em dezembro e não sei nada de inglês e nada de Francês.  Consigo me virar falando apenas o português?

Você vai passar perrengue, mas conseguirá.

Planeje o mais detalhado que puder sua viagem para minimizar a necessidade de pedir ajuda. Mas, se precisar, é quase certo que haja alguém por perto para ajudar.

Bon voyage!

  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora



×