Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

joshilton

Como ir do Brasil a Guiana Inglesa de carro

Posts Recomendados

Como ir do Brasil a Guiana Inglesa de carro.
A Guiana é um dos países que faz fronteira com o Brasil, pode se chegar por terra, como eu fui, pela a cidade de Lethem, partindo de Boa Vista, Roraima. Tem voos até a capital do país, Georgetown, e a língua oficial é o inglês, e tem muitos dialetos. Em Lethem, também se fala ou se entende o português, já que a cidade é repleta dos tupiniquins, aliás, estamos no 4 cantos do mundo.
Os brasileiros costumam ir à Lethem, que é uma cidade para o turismo de compras, e fica próximo à Roraima. Lá são encontrados facilmente produtos como perfumes, roupas e alimentos de vários tipos. Como já tinham me convidado várias vezes, decidi ir nessa aventura.
Saímos de Manaus em uma Van, (alugamos uma com motorista), saindo para cada pessoa, 550 reais, eramos 10 pessoas. 
Vale a pena fazer compras em Lethem, como disse acima, perfumes, roupas e alimentos com preços excelentes.
De Lethem tem voos para Georgetown, que fica no outro extremo do país, e que guarda os principais pontos turísticos, entre eles, a Catedral de São George e o Museu Nacional da Guiana, porém continuamos de carro, e lembre-se, boa parte das estradas, não são asfaltadas.
A cidade é rica em diversidade e é eclética, tem influências europeias, (ingleses principalmente), indianas e ameríndia. Pelas ruas, vários edifícios, e o mercado central Stabroek Market é uma ótima pedida para entender mais sobre a cultura local.
Um outro famoso atrativo do país são as Cataratas de Kaieteur, um conjunto de quedas d'água que faz o visitante ter experiências únicas com a 6ª maior cachoeira do mundo, que tem 226 metros de altura.
No esporte, a preferência é por um esporte que envolve bolas e tacos, e que lembra bastante o basebol, não lembro o nome no memento.
A Guiana é banhada pelo mar, e até tem uma opção para passeio na orla. E para beber, é importante estar atento e preferir água mineral, sempre.
Vistos e passaporte: A moeda é o dólar guianense, que vale menos que o real, mas é importante fazer a conversão em dólar mesmo, eles aceitam por lá. Para entrar no país, se for de carro, o acesso por estrada é feito pela BR-401 de Roraima, até a cidade de Annai, e na prática aceita-se somente a carteira de identidade. Mas para prosseguir e ir até a capital, é necessário o passaporte com validade mínima de 6 meses e passagem de retorno. Em viagens turísticas e de negócios de até 90 dias, o visto é dispensado.
É importante ressaltar que o automóvel brasileiro precisa de permissão para entrar na país vizinho, e pode ser solicitado no Consulado-Geral da Guiana em Boa Vista. Foi aí que "quase" termina nosso tour, não sabíamos desse detalhe, tivemos que volta a Boa Vista para ir pegar essa permissão, Detalhe: A polícia local, não aceita propinas, cuidado ou serás preso na hora.
ATENÇÃO: Maioridade penal e intolerância LGBTQ+
Adolescentes de 16 e maiores de 16 anos são criminalmente imputáveis na Guiana. E caso haja algum incidente com os turistas, deve-se procurar imediatamente os agentes consulares brasileiros para pedir assistência. Além disso, a Guiana é um dos países em que a não há leis de proteção ao público LGBT, e portanto, relacionamentos com pessoas do mesmo sexo são criminalizados sob as penas das leis do país, entre elas, a prisão perpétua.Então fique avisado. Todo o cuidado é pouco.
Alimentação: Super barato. Em 10 dias, eu não gastei com alimentação e estadia, 1500 reais, comi de tudo, bebi muito e me diverti.
Total dos gastos:  em 13 dias, contando desde a saída de Manaus, até Georgetown.
Van: 550 reais
Alimentação + bebidas: 795 reais
Hospedagem: 700 reais

RTEmagicC_guiana_3_cachoeira.jpg.jpg

RTEmagicC_guiana_4_market.jpg.jpg

RTEmagicC_guiana_5_catedral_reproducao_youtube.jpg (1).jpg

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Como ir do Brasil a Guiana Inglesa de carro.
A Guiana é um dos países que faz fronteira com o Brasil, pode se chegar por terra, como eu fui, pela a cidade de Lethem, partindo de Boa Vista, Roraima. Tem voos até a capital do país, Georgetown, e a língua oficial é o inglês, e tem muitos dialetos. Em Lethem, também se fala ou se entende o português, já que a cidade é repleta dos tupiniquins, aliás, estamos no 4 cantos do mundo.
Os brasileiros costumam ir à Lethem, que é uma cidade para o turismo de compras, e fica próximo à Roraima. Lá são encontrados facilmente produtos como perfumes, roupas e alimentos de vários tipos. Como já tinham me convidado várias vezes, decidi ir nessa aventura.
Saímos de Manaus em uma Van, (alugamos uma com motorista), saindo para cada pessoa, 550 reais, eramos 10 pessoas. 
Vale a pena fazer compras em Lethem, como disse acima, perfumes, roupas e alimentos com preços excelentes.
De Lethem tem voos para Georgetown, que fica no outro extremo do país, e que guarda os principais pontos turísticos, entre eles, a Catedral de São George e o Museu Nacional da Guiana, porém continuamos de carro, e lembre-se, boa parte das estradas, não são asfaltadas.
A cidade é rica em diversidade e é eclética, tem influências europeias, (ingleses principalmente), indianas e ameríndia. Pelas ruas, vários edifícios, e o mercado central Stabroek Market é uma ótima pedida para entender mais sobre a cultura local.
Um outro famoso atrativo do país são as Cataratas de Kaieteur, um conjunto de quedas d'água que faz o visitante ter experiências únicas com a 6ª maior cachoeira do mundo, que tem 226 metros de altura.
No esporte, a preferência é por um esporte que envolve bolas e tacos, e que lembra bastante o basebol, não lembro o nome no memento.
A Guiana é banhada pelo mar, e até tem uma opção para passeio na orla. E para beber, é importante estar atento e preferir água mineral, sempre.
Vistos e passaporte: A moeda é o dólar guianense, que vale menos que o real, mas é importante fazer a conversão em dólar mesmo, eles aceitam por lá. Para entrar no país, se for de carro, o acesso por estrada é feito pela BR-401 de Roraima, até a cidade de Annai, e na prática aceita-se somente a carteira de identidade. Mas para prosseguir e ir até a capital, é necessário o passaporte com validade mínima de 6 meses e passagem de retorno. Em viagens turísticas e de negócios de até 90 dias, o visto é dispensado.
É importante ressaltar que o automóvel brasileiro precisa de permissão para entrar na país vizinho, e pode ser solicitado no Consulado-Geral da Guiana em Boa Vista. Foi aí que "quase" termina nosso tour, não sabíamos desse detalhe, tivemos que volta a Boa Vista para ir pegar essa permissão, Detalhe: A polícia local, não aceita propinas, cuidado ou serás preso na hora.
ATENÇÃO: Maioridade penal e intolerância LGBTQ+
Adolescentes de 16 e maiores de 16 anos são criminalmente imputáveis na Guiana. E caso haja algum incidente com os turistas, deve-se procurar imediatamente os agentes consulares brasileiros para pedir assistência. Além disso, a Guiana é um dos países em que a não há leis de proteção ao público LGBT, e portanto, relacionamentos com pessoas do mesmo sexo são criminalizados sob as penas das leis do país, entre elas, a prisão perpétua.Então fique avisado. Todo o cuidado é pouco.
Alimentação: Super barato. Em 10 dias, eu não gastei com alimentação e estadia, 1500 reais, comi de tudo, bebi muito e me diverti.
Total dos gastos:  em 13 dias, contando desde a saída de Manaus, até Georgetown.
Van: 550 reais
Alimentação + bebidas: 795 reais
Hospedagem: 700 reais

RTEmagicC_guiana_5_catedral_reproducao_youtube.jpg (1).jpg

RTEmagicC_guiana_4_market.jpg.jpg

RTEmagicC_guiana_3_cachoeira.jpg.jpg

  • Gostei! 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@xexelo, pode acreditar, é show de loca, e tudo é bem barato.

Muitas coisas, são melhores que os artigos do Paraguai e bem mais em conta.

  • Obrigad@! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@hlirajunior, fazemos esse trajeto a cada 6 meses, pois eles vem aqui fazer um jogo de futebol, e vamos lá fazemos também, o jogo. Isso 4 vezes por ano. 2 vezes em Manaus e 2 vezes lá. Em Lethem

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 09/04/2019 em 19:36, joshilton disse:

@xexelo, pode acreditar, é show de loca, e tudo é bem barato.

Muitas coisas, são melhores que os artigos do Paraguai e bem mais em conta.

Olá boa noite ! Poderia me informar o nome do hotel em que ficaram hospedados ?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...