Ir para conteúdo

dúvidas - mochilão américa do sul


Posts Recomendados

  • Membros

Não tem como saber...

O começo da vacinação é uma boa notícia, mas provavelmente ainda vai levar até o final de 2021 para que a vacinação comece a fazer efeito no número de casos do Brasil e América do Sul,  pois a capacidade de produção de vacinas é limitada, e literalmente o mundo todo está correndo atrás de comprar e o Brasil ficou para traz, também tem os grupos prioritários, e até nós que não somos dos grupos prioritários chegarmos na vez de tomar vacina, provavelmente vai ser final de 2021.

Pode ser que daqui a 2 meses as restrições sejam removidas e as atrações que estão fechadas reabram, mas se dai 3 meses depois o numero de casos voltar a disparar novamente, ou surja uma nova variante do vírus, provavelmente as restrições sejam impostas novamente e fechem tudo de novo.

Ou seja, 2021 vai continuar a ser um ano de bastante incerteza quando a viagens internacionais, onde não vai ser possível dar certeza de nada com mais de 30 dias de antecedência.

Viagens passando por vários países diferentes são especialmente problemáticas no cenário atual, pois por exemplo o Chile pode liberar a entrada e não exigir quarentena, mas no meio da viagem, a Bolívia mudar de ideia e voltar a exigir quarentena de 10 dias para todo mundo que chega do exterior...

Mas se mesmo assim for viajar para o exterior em 2021, eu recomendaria limitar a viagem a somente um único país, pois aí as chances de ter problemas são bem menores e você consegue acompanhar melhor a situação deste país.

 

  • Obrigad@! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Como estas viagens costuma custar um monte de dinheiro, pessoalmente eu acho que não vale a pena gastar toda esta grana neste momento em uma viagem meia-boca.

Pessoalmente eu guardaria esta grana para um momento melhor, para aí sim fazer uma viagem muito melhor.

  • Obrigad@! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Eu tenho organizada uma viagem para o Chile neste ano (Torres del Paine), e tenho acompanhado com frequência as novidades à respeito das decisões quanto às fronteiras e turismo.

Sinto que têm havido uma mudança no posicionamento do governo chileno, parece que estão tentando, dentro do limite, buscar meios de possibilitar a retomada das atividades.

Todavia, a situação ainda se encontra absurdamente longe do aceitável, impossibilitando, na minha opinião, qualquer tomada de decisão no que tange as garantias.

A Latam alterou algumas políticas possibilitando a remarcação de vôos, as concessionárias dos acampamentos em Torres del Paine fizeram algo similar, tolerando o cancelamento, sem custos (exceto taxas bancárias) de qualquer reserva (desde que feita em até 31 dias antes do check-in).

Inclusive, Punta Arenas e Puerto Natales ainda estão impedidos de receberem turistas (fase dois - precisaria chegar na fase quatro).

Enfim, eu estou aguardando, e até o final do segundo trimestre deste ano terei que decidir se farei ou não a minha viagem - se fosse agora, não faria.

Sinceramente não acho que seja um bom momento para fazer um mochilão pela américa do sul, diversas fronteiras terrestres ainda encontram-se bloqueadas - mas tu podes fazer como eu, e postergar a decisão até o último momento.

  • Vou acompanhar! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
Em 14/01/2021 em 14:37, ALB disse:

Não tem como saber...

O começo da vacinação é uma boa notícia, mas provavelmente ainda vai levar até o final de 2021 para que a vacinação comece a fazer efeito no número de casos do Brasil e América do Sul,  pois a capacidade de produção de vacinas é limitada, e literalmente o mundo todo está correndo atrás de comprar e o Brasil ficou para traz, também tem os grupos prioritários, e até nós que não somos dos grupos prioritários chegarmos na vez de tomar vacina, provavelmente vai ser final de 2021.

Pode ser que daqui a 2 meses as restrições sejam removidas e as atrações que estão fechadas reabram, mas se dai 3 meses depois o numero de casos voltar a disparar novamente, ou surja uma nova variante do vírus, provavelmente as restrições sejam impostas novamente e fechem tudo de novo.

Ou seja, 2021 vai continuar a ser um ano de bastante incerteza quando a viagens internacionais, onde não vai ser possível dar certeza de nada com mais de 30 dias de antecedência.

Viagens passando por vários países diferentes são especialmente problemáticas no cenário atual, pois por exemplo o Chile pode liberar a entrada e não exigir quarentena, mas no meio da viagem, a Bolívia mudar de ideia e voltar a exigir quarentena de 10 dias para todo mundo que chega do exterior...

Mas se mesmo assim for viajar para o exterior em 2021, eu recomendaria limitar a viagem a somente um único país, pois aí as chances de ter problemas são bem menores e você consegue acompanhar melhor a situação deste país.

 

Opa. Bastante esclarecedor! Realmente, parece um cenário que não dá pra confiar a grana e as férias...

Gostei da ideia de um só país :D

Muito obrigada!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
Em 15/01/2021 em 09:07, Alan Rafael Kinder disse:

Eu tenho organizada uma viagem para o Chile neste ano (Torres del Paine), e tenho acompanhado com frequência as novidades à respeito das decisões quanto às fronteiras e turismo.

Sinto que têm havido uma mudança no posicionamento do governo chileno, parece que estão tentando, dentro do limite, buscar meios de possibilitar a retomada das atividades.

Todavia, a situação ainda se encontra absurdamente longe do aceitável, impossibilitando, na minha opinião, qualquer tomada de decisão no que tange as garantias.

A Latam alterou algumas políticas possibilitando a remarcação de vôos, as concessionárias dos acampamentos em Torres del Paine fizeram algo similar, tolerando o cancelamento, sem custos (exceto taxas bancárias) de qualquer reserva (desde que feita em até 31 dias antes do check-in).

Inclusive, Punta Arenas e Puerto Natales ainda estão impedidos de receberem turistas (fase dois - precisaria chegar na fase quatro).

Enfim, eu estou aguardando, e até o final do segundo trimestre deste ano terei que decidir se farei ou não a minha viagem - se fosse agora, não faria.

Sinceramente não acho que seja um bom momento para fazer um mochilão pela américa do sul, diversas fronteiras terrestres ainda encontram-se bloqueadas - mas tu podes fazer como eu, e postergar a decisão até o último momento.

Aah compreendo! Eu consideraria bastante fazer desse jeito mas se perder a chance perco férias e daí mais 01 ano pra conseguir de novo :(

Boa sorte na sua viagem! Muito obrigada pela resposta :D

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...