Ir para conteúdo

Praga + Itália -18 noites


Posts Recomendados

  • Membros

Boa tarde!!!

 

Em conversas com a minha namorada, resolvemos que em Janeiro iremos noivar e tirar a primeira metade de Fevereiro para viajar. E nossa escolha foi um roteiro básico entre as 3 principais cidades Italianas e Praga ::love::

 

Hoje, fiz um mini draft do roteiro da viagem na agenda do Gmail pegando alguns horarios de voos e trem para a locomoção entre as cidades, e estou compartilhando abaixo

 

20120903181204.png

 

O motivo de estar compartilhando é que eu gostaria de ampliar a viagem entre 1 e 3 dias, mas não sei exatamente onde.... Tenho pensado em adicionar 1 dia em Veneza(coloquei 1 noite só lá pq os hotéis me parecem extremamente caros xD) e outro em Praga(p/ sobrar tempo de ir conhecer o osuário :D). Portanto, gostaria de pedir dicas a respeito desse roteiro, e onde eu poderia adicionar/tirar coisas, ou incluir daytrips além de San Gimignano e Cesky Krumlov.

 

Bom, eu tenho 22 anos e minha futura noiva 19, nós gostamos bastante de fazer sightseeing pelas ruas das cidades(ela é aficionada por tirar fotos), visitar um ou outro museu e ver localidades históricas... Ela é veggie e eu totalmente o oposto :D e ficaremos em hotéis simples (2/3 estrelas) já que o hotel é basicamente para passar a noite (e coisitas a mais, mas isso nao vem ao caso xD).

 

Estou pretendendo comprar passagem multiplas GRU/FLR e PRG/GRU, e depois comprar a parte uma passagem FCO/PRG pela Smart Wings.

 

Eu ainda tenho algumas duvidas a respeito das mochilas/malas e das roupas p/ levar, mas essas duvidas vou tentar tirar mais tarde.

 

Estou aberto a criticas e sugestoes, ambas são sempre bem-vindas!!

Desde já agradeço a paciencia e atenção de vocês.

Editado por Visitante
Link para o comentário
  • Respostas 38
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros de Honra

Fala, Fejohnson.

 

Entendo que pelo que dizem de Praga você provavelmente queira muito vê-la. Mas há um custo de se chegar até lá a partir da Itália, considerando que é curto o tempo total da sua viagem. Há outras opções ali na Itália que são muito românticas, com custo de tempo e grana bem menores. Lembrando que além disso tudo os dias são mais curtos no inverno, ou seja, você terá menos tempo para ver as coisas.

 

Pra bagunçar ainda mais sua cabeça, talvez valesse a pena montar um roteiro com cidades de inverno. Itália é a cara do calor, mesmo que você não vá a praia. Muito do colorido da paisagem da Toscana estará oculto pela neve. Os rios de Veneza talvez estejam congelados. Os horários das atrações podem reduzir e algumas coisas até deixar de funcionar.

 

A região dos alpes parece uma opção interessante nessa época. Alemanha, Áustria, Suiça, ou quem sabe a própria Itália, na região das Dolomitas.

 

Respondendo sobre o roteiro como está hoje - o dia de chegada é praticamente inútil, em função do cansaço da viagem, possíveis atrasos, adaptação e jet-lag. Isso não é algo a ser ignorado. Somado isso ao fato de que lá para 15-16h o dia escureceu, você perdeu esse dia. Sobra 1 dia para Florença e mais 1 para San Gimignano. Ok, mas a Toscana tem mais do que isso a oferecer, se você pesquisar bem.

 

São 2 dias incompletos em Veneza, com as limitações que já falei. Para quem quer romance, não vai parecer suficiente. Não dará tempo suficiente de ver as demais ilhas.

 

Tempo em Praga está bem pouco. Razoável ficaria sem a daytrip para CK. Só que CK ao menos para meu gosto parece algo imperdível, embora não sei se seria nessa época do ano. Aí a gente cai naquilo que falei, vai perder praticamente o dia todo em Roma em função de espera em aeroporto (e tem que chegar bem antes, pois o trânsito até o aeroporto pode levar 2h, como aconteceu comigo, fora a espera) só para ir até um país distante e não ter tempo para aproveitá-lo direito.

Link para o comentário
  • Membros

Muito obrigado pelas dicas Marcos!!

 

Realmente, analisando melhor, vejo que esses dias a mais que eu gostaria de passar viajando não só podem como devem ser aplicados nas cidades que eu já estarei visitando. Algumas dicas foram bem interessantes, como a Suiça, que eu me apaixono ainda mais a cada foto que vejo por aí. Mas para a Suiça eu estava pensando em fazer alguma viagem no futuro, p/ pegar um roteiro durante a Primavera, mas como eu e minha noiva fazemos faculdade, fica ruim simplesmente parar tudo por enquanto... Infelizmente Thun terá que me esperar até 2016 (bendita faculdade de psicologia que minha noive decidiu fazer :P)

 

1 dia a mais em Praga é obrigatório, ou até poderia adicionar 2 dias, já que em Fevereiro aparentemente vai estar nevando bastante ::Cold:: <3 ::Cold:: (pode ser besteira, mas nunca vi neve e sempre tive a vontade de descobrir como era). Será que caso eu adicione 2 dias, role encontrar algum lugar por perto p/ esquiar? Não manjo muito sobre ski stations infelizmente ./ Se alguém souber, poderia indicar algo?

 

Quanto a CK, aparentemente continua fantástico mesmo com a neve :P Daria uma dor no coração cortar essa daytrip do roteiro ./

20120904180853.png

fonte: panoramio(Michael proschek)

 

Quanto ao dia perdido em Roma, a idéia já era mais ou menos essa, se é que é possível xD Pois planejava achar alguma lavanderia p/ dar um trato nas roupas nesse dia, além de ficar descansando um pouco mais no Hotel e se tivesse animo sair p/ comprar alguma coisa a mais p/ usar em Praga p/ protejer do frio, obviamente depois de pegar uma diária em um Hotel p/ essa noite anterior ao voo que já fosse perto do FCO. Tu acha que vale a pena, assim?

 

E quanto a Florença e Veneza, o que tu acha que eu poderia fazer? Adicionar 1 dia a mais em Veneza e poder pegar trem p/ Roma mais cedo e fazer o percurso FLR/VEN mais tarde naquele dia? Ou simplesmente adicioanr 1 dia a mais em ambos os lugares? Estou meio perdido aqui hahahahaha

Link para o comentário
  • Membros de Honra

Que muitos desses lugares devem ficar bonitos com neve, não tenho dúvidas. O lance é que existe turismo de inverno, turismo feito para isso. Então sugeri Suiça por ser um dos países focados nisso. Mas foi só uma sugestão, você tem que ir para os lugares que realmente te parecerem mais chamativos.

 

Nunca ouvi falar de ski na República Tcheca, mas creio ser altamente provável de existir algum lugar focado nisso, considerando a neve. Aí você vai ter que pesquisar. O mais "próximo" que sei é na Polônia, perto da Cracóvia, em Zakopane.

 

Perdendo o dia da partida de Roma, sobram 4 dias inteiros. Pro meu gosto, isso é mais que suficiente. Mas aí tem que ver o que você espera fazer por lá. Aparentemente, seu plano para Roma é viável. Considerando o trânsito caótico de Roma, talvez não seja má ideia reservar algo perto do aeroporto na noite anterior. Vai te permitir acordar bem tarde, descansar dos dias anteriores, almoçar com calma e ter a devida antecedência no aeroporto. Não creio que você ache nada para vender perto do aeroporto.

 

Florença, o céu é o limite. É cada cidade medieval nas redondezas mais bonita que a outra. Eu só fiquei 3 dias na região e gostaria de ter ficado bem mais. Mas é aquilo que te falei, no inverno não sei se é a mesma coisa. Mesma coisa é Veneza. Em outras épocas eu sugeriria deixar o tempo em cada mais folgado. Vamos ver se outras pessoas aqui fizeram essas cidades no inverno e teriam alguma opinião. É possível que você não obtenha respostas por ser uma dúvida bem específica, então aconselho a perguntar também num forum estrangeiro com seções especializadas, como o Tripadvisor.

Link para o comentário
  • Membros

@Colormundi: tenho uma paixão pela Suiça que infelizmente ainda não cabe no meu bolso ::lol4:: Quem sabe até 2015... Esse roteiro que você me disse é bem interessante e pode se tornar minha trip #2 p/ a Europa, mas primeiro preciso me concentrar em tentar acertar essa primeira :D

 

@MarcosPereira: Eu estava pensando em ficar as primeiras noites ali perto da Termini ou do Coliseu em algum dos hotéis legais que andei encontrando pelos sites de pesquisa da vida... E p/ a última noite Achei um Hostel no Lido bem em conta, de frente p/ a praia e que tem uma linha de onibus que serve FCO passando a umas 2 quadras do Hostel, acho que realmente o pit-stop da viagem vai ser por ali.

 

Adicionei 1 dia a mais em Praga, e outro em Florença (se eu conseguir pegar um voo que chegue cedo, talvez até sobre um tempinho p/ esticar em Siena/Monteriggioni, mas vou deixar a daytrip de Siena ou Monterigionni ou até mesmo Pisa como backup, caso Eu tenha tempo de sobra em Florença).

 

Mesma coisa sever p/ Praga, se eu conseguir ver tudo no tempo que tenho, esse dia adicional pode servir para esquiar ou tentar alguma daytrip como Sedlec/Karlovy Vary/Alguma estação de ski nas redondezas), pois pelo que pesquisei, não tem muitas estações de ski perto de praga, mas nada que 1h ou 2h de onibus nao resolvam... Até porque caso os voos deem problema ou se atrasem ou cansem demais, sobra uma "gordurinha" p/ queimar ::otemo::

 

Minha dúvida ainda continua em Veneza mesmo, mas agora quanto ao Hotel, será que vale a pena pegar um Hotel em Mestre ou Ficar na ilha mesmo? Andei vendo que de trem é menos de 10 minutos... Só nao sei a tarifa, que suponho ser algo entre 4 e 10 Euros por cabeça entre Mestre e S. Lucia... Alguem sabe onde posso encontrar essa informação? Não consegui encontrar esses valores no site da Trenitalia ./

 

Agradeço bastante a ajuda cara, suas dicas me ajudaram a perceber alguns pontos que eu não estava prestando muita atenção antes!

 

Maas, vou aproveitar que o tópico está aberto e perguntar. Será que sobreviveremos com 40 Euros/dia em Praga e Florença e 50 euros/dia em Roma Veneza, basicamente para transporte e alimentação? Ou será que precisa de mais ou até menos para passar os dias nessas cidades? Isso sem contar com hospedagem e alguns passes que já pretendo comprar antecipadamente.

 

agradeço desde já pela atenção e pela ajuda !!

 

abraços

Link para o comentário
  • Membros de Honra

De nada, disponha. Falando sobre Lido, não conheço essa área e também não sei se a praia dali presta, você já se informou ?

 

Vejo que você já andou lendo sobre a Toscana e descobriu Monteriggioni. Não cheguei a conhecer, mas vi fotos e teria incluído no meu roteiro se soubesse na época. Siena não gostei tanto, mas não digo que chega a ser ruim. Acho que no inverno deve ficar até charmosa.

 

Sedlec não pesquisei a respeito. Karlovy Vary que eu saiba é uma cidade-spa, tem ski por lá ?

 

Quanto a Veneza, muita gente fica em Mestre porque é mais barata. Eu fiquei em Lido (de Veneza), tudo na ilha principal é caro demais. Mas como é janeiro, talvez você encontre algo em conta por lá. Quanto ao trem, são trens regionais, por isso não há a tarifa. Mas espere não passar disso, deve ser na faixa dos 4 euros. Acho que tem ônibus também.

 

Ah, uma coisa que você tem que pesquisar é se nessa época não há enchentes. Sei que tem uma época que Veneza fica tão problemática que se anda de gôndola em plena Praça São Marco, hehe. Mas acho mais provável que os rios estejam congelados, vai saber. Pesquise para não ter surpresas.

 

Quanto à grana, essa é para os dois ou para cada um ? Pra cada um, dá sim. Para os dois, você vai ter que economizar um pouco, optando mais por massas e vez ou outra pizza e fast-food. Falo um pouco sobre isso num dos links da assinatura.

Link para o comentário
  • Membros

Então, eu falei da praia mais p/ dar a localização do Hostel mesmo :D Achei bem legal por ser perto da estação de trem e por ter linha de onibus bem próxima que me levaria à FCO.

 

Monteriggioni é paixão de longa data, videogame serve p/ isso também hahahaha

Vendo pelo mapa, ele é perto de San Gimignano, será que tem como fazer as 2 trips num dia só?? acho que vai ficar meio corrido se eu não estiver de carro...

 

Ah sim, encontrei estações de Ski em Karlovy Vary... Agora realmente me interessei pela bagaça :D Vou calcular mais apuradamente meus gastos, e dependendo de quanto gastarmos no geral, vou guardar o melhor p/ o final :P

 

Sedlec é onde tem aquele Ossuário famoso com uns candelabros feitos do crânios humanos :shock: Mas, anaisando aqui no mapa, é mais perto de Viena do que de Praga, mesmo sendo na Rép. Checa xD Então p/ mim nem compensa muito ir...

 

 

Eu pesquisei sobre os alagamentos em Veneza, e me parecm que eles são bem comuns em Novembro, e depois diminuem de intensidade até a metade de Março onde se tornam um pouco mais frequentes, pelo jeito seu eu não for muito sortudo vou acabar pegando uma Veneza alagada ¬¬ vou me llembrar de levar uma bóia de braço p/ imprevistos hahahahaha

 

 

Então, a grana seria p/ os dois... Vai ficar muito apertado né? ./

O fato da minha namorada ser veggia ajuda ou atrapalha p/ arranjar comida por lá?

 

By the way, li os links que você indicou ,e gostei bastante da dica ded procurar supermercados nas redondezas do hotel!!

 

abraços, e muito obrigado pelas dicas novamente... Se tudo der certo, estarei te devendo alguma tranqueira de brinde de alguma dessas cidades ::lol4::

Link para o comentário
  • Membros de Honra

É aquilo que você falou, sem carro complica um pouco. Pois San Gimignano já não é acessível diretamente de trem, você tem que pegar um até Poggibonsi e, de lá, pegar um ônibus. E que eu saiba não há transporte direto de lá até Monteriggioni. Hoje eu consideraria fortemente alugar um carro, ou você vai ter que ficar o tempo todo ligado nos horários do ônibus - assim que saltar no ponto verá que há um cartaz com os horários. Eu gostei muito de SG ... é minúscula, mas muito charmosa.

 

Não conhecia o ossuário como Sedlec, é que todos se referem ao nome da cidade - Kutná-hora. Normalmente se faz o passeio de Praga mesmo, pesquise aqui no forum e verá que há relatos, com fotos. Já falou para a patroa os seus planos ? hehe

 

Eu acho mais provável você pegar uma Veneza com rios congelados, já que a temperatura pode chegar a 0 grau. Mas é bom se preparar para tudo ... quando alaga, você só vem e vai de gôndola, não dá nem para ir a pé. Deve ter vídeo no youtube.

 

A Itália não é muito baratinha para se alimentar. Os "primi piatti", que são os pratos de massa, costumam ser na faixa dos 10 euros por pessoa, mas dependendo do lugar você vai ter que andar um bocado para achar. A regra é, quanto mais turístico, mais caro, o que te obriga a se embrenhar pelas ruas paralelas atrás de um restaurante. Daí se você almoça e janta, com bebidas seus 50 euros já foram embora. Leve pelo menos uns 30 euros para cada só para alimentação e evite surpresas - se você pesquisar, vai sobrar, mas é melhor sobrar do que faltar.

 

Quanto a ela ser vegetariana, isso é um grande problema. E se for vegan, fodeu, hehe. Quase todos os pratos são misturados com algum acompanhamento de origem animal - macarrão à bolonhesa (carne), à carbonara (ovo), amatriciana (bacon) e por aí vai ... e vai falar para um italiano tirar a carne do macarrão bolonhesa, provavelmente ele vai te bater, hehe.

 

Veja um exemplo de menu:

 

http://www.vaticanrestaurant.com/

 

A maioria tem as mesmas opções. (detalhe, esse restaurante é mais barato que a média, tinha achado nas minhas pesquisas mas não cheguei a ir - é mais para perto do Vaticano).

 

Outro problema é que você vai ter que ficar sempre atento ao menu para não pedir algo que ela não coma. Isso significa que ou você procura restaurantes turísticos, com menu em inglês (não é difícil de achar, só costumam ser mais caros que os locais), ou aprende a ler os ingredientes na língua local ... boa sorte com o tcheco !

 

A melhor solução para vocês de longe é reservar apartamentos e cozinhar a própria comida. Minha esposa não é vegan, mas tem intolerância à lactose, o que nos obriga sempre a ter uma série de cuidados. Um deles é quanto ao café da manhã, só pode leite de soja. Aí já viu, tem que rodar o mercado inteiro atrás de um. A Itália até que é ótima nesse sentido, até no interior encontramos boas marcas. Mas na República Tcheca, sei não. Se a restrição dela for apenas quanto a carnes, menos mal.

 

É um prazer ajudar quando a gente vê que a pessoa realmente está interessada, presta atenção ao que você escreve e procura se adaptar ao forum e não o contrário. Infelizmente isso não chega a ser a regra aqui. Quanto aos brindes, agradeço, mas não precisa. Basta que você volte aqui, escreva um relato e ajude outras pessoas que também estarão cheias de dúvidas.

 

Abraços.

Link para o comentário
  • Membros

Ah, ela só é veggie, não tem problemas com leite, queijo e ovo, thanks god!! Senão seria beem complicado achar algo p/ ela comer!! Mas estou tentando convencer ela a comer ao menos peixe ou frango (já que ela nunca gostou de carne vermelha) p/ provar a comida local ao menos... mas tá dificil :P

 

Quanto ao Italiano, eu arranho algumas coisinhas e pelo menos fome eu não passo, até conseguirei procurar os menus nos restaurantes italianos e entrar e comer sem problemas, mas o Tcheco.... aushiaushiausas O jeito é comprar um livrinho da Rough Guide p/ conversação em tcheco, ao menos os lugares parecem ser baratos p/ comer pelo pouco que pesquisei so far (uma pratada de Spaghetti carbonara por 140Coroas = 14 reais) ou um Viennese coffee + Strudel por 8 reais +-. Isso procurando restaurantes turísticos... Se eu ao menos conseguir entender algo em Tcheco conseguirei achar opções melhores ainda por menos <3 Mas nada que uma boa pesquisa não ajude haha

 

Acho que o que vai ajudar a economizar é que nós não gostamos de bebidas alcóolicas, e minha noiva 1x ou outra toma uma taça de vinho no máximo. Isso já ajuda um pouco a economizar, e também passaremos em mercados e padarias p/ poder fazer um lanche ou comprar coisas p/ comer ao longo do dia (tipo, café reforçado no hotel, almoço decente e jantar tranqueira como sanduiche ou pizza).

 

Tendo isso em vista, então será que precisarei (p/ o casal) de +- 70 euros/dia em Veneza, 60 euros/dia em Roma, 50 euros/dia em Florença e 40 euros/dia em Praga? Esses valores parecem estar mais verossímeis com a realidade (obviamente vou carregar mais p/ imprevistos, em espécie, no cartão e em um traveller's check, só nao sei quanto em cada ainda xD).

 

Referente ao passeio de Sedlec, enfim, eu que estou organizando a logistica da viagem (já que trabalho com logistica industrial :P ), e como ela é daquelas pessoas que se não tiver um gps no carro não acha o caminho de casa, ela me ajuda a opinar sobre os hóteis e o que fazer/ver nas cidades e etc (ou seja, se ela n foi com a cara do hotel,esquece!! :D)

 

Muito obrigado pelo elogio, estou tentando aprender o máximo que posso aqui com quem já foi e conheçe bem melhor do que eu (que apenas pesquisei) p/ que eu evite perrengues o máximo possível!! E pode deixar, vou fazer um relato da viagem e tentar contribuir com os novatos de viagem o máximo possível

Link para o comentário

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


×
×
  • Criar Novo...