Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
LeoRJ

Seguro Carta Verde para Motocicleta

Posts Recomendados

PAGAR OU NÃO PAGAR ???

 

Quem faz carta verde para motocicleta?

Nome: Cesar Blauth

 

Mensagem: CARTA VERDE: inicia-se um período em que os Segurados fazem viagens para os países do Mercosul, e muitos utilizando-se de MOTOS, MOTOR-HOME, ou outros veículos que não se enquadram para contratação de CARTA VERDE.

 

Infelizmente os 'leigos' desconhecem que para determinados veículos NÃO EXISTE, mesmo que queiram, a emissão ou bilhete de Carta Verde. Apesar de que nossa Revista já tenha abordado o assunto, entendo que seria adequado que o SINCOR emitisse uma 'nota' alertando a 'população em geral', neste sentido. Além de divulgar no nosso site, acho oportuno que a nossa entidade dirija-se aos meios de comunicação, alertando que não existe a emissão de 'Carta Verde', para veículos que NÃO SEJAM de categoria VEICULO DE PASSEIO. Sabe-se que alguns 'gerentes de banco' ou outros 'não-profissionais', acabam 'resolvendo' a solicitação dos proprietários dos veículos que não tem enquadramento na 'Carta Verde', emitindo um 'bilhete preenchido e autenticado' em qualquer caixa bancário, com os dados daqueles veículos mencionados anteriormente. E, infelizmente nós os PROFISSIONAIS CORRETORES DE SEGUROS, perante os Segurados ficamos com uma 'má imagem' pois 'não conseguimos' emitir carta-verde para Motor Home ou Motos...

 

Havendo uma 'publicação oficial', emitida pelo SINCOR/RS (e talvez em conjunto com o SIINDESERGS), com este 'alerta', potencialmente teríamos uma melhor maneira de esclarecer os Segurados em geral, e potencialmente evitar que os 'leigos' sejam enganados, melhorando inclusive a 'Cultura do Seguro', a partir do momento que a 'população em geral' tome conhecimento.

 

Assim os 'gerentes de banco', ou os 'não-profissionais' tendem a não 'emitir' bilhete de Carta Verde que não tem nenhuma validade ou finalidade.

 

 

Sincor RS Responde:

 

Novas considerações sobre o seguro "carta verde"

 

No mês passado trouxemos algumas considerações sobre o Seguro “Carta Verde”, o que motivou novos questionamentos sobre a matéria, conforme a seguir :

 

Conforme referimos, o seguro foi instituído através da Resolução n° 120/94 do Grupo Mercado Comum do MERCOSUL que , em caráter obrigatório, a partir de 1° de julho de 1995, determinou a Responsabilidade Civil do Proprietário e /ou Condutor de Veículos Terrestres (automóvel de passeio - particular ou aluguel) não matriculados no país de ingresso em viagem internacional.

 

O seguro foi regulamentado, no Brasil, através da Circular SUSEP nº 010 de 16 de junho de 1995, que aprovou suas condições gerais e o certificado de apólice.

 

Tem como âmbito territorial os países integrantes do MERCOSUL e somente aplicados a eventos ocorridos fora do território nacional do país de matrícula do veículo.

 

Foi alterado pela Circular SUSEP nº 153/01 que passou a incluir a República do Paraguai dentre os países a exigir a obrigatoriedade do referido seguro.

 

A contratação é específica para : "Responsabilidade Civil do proprietário e/ou Condutor de Veículos terrestres na categoria automóvel de passeio - particular ou de aluguel - não matriculados no país de ingresso em viagem internacional , por danos causados a pessoas ou objetos não transportados.

 

Admite-se a hipótese do reboque, se discriminado no seguro, e quando estiver acoplado ao mesmo veículo segurado, desde que autorizada e regulamentada sua utilização por autoridade competente e pago o prêmio adicional correspondente

 

Deste modo, ficam afastados de contratações motos, moto home e caminhões, impossibilitando a contratação de algum outro seguro, caso sejam responsabilizados por acidentes ocorridos em países do MERCOSUL.

 

A inclusão de "categorias de veículos automotores" em detrimento de outros está diretamente relacionado com os dados estatísticos dos automóveis que circulam pelas fronteiras dos países do MERCOSUL.

 

No que concerne a legislação de trânsito que regula a matéria , fica a critério de cada país signatário do Tratado de Assunção onde a apólice foi emitida

 

Assessor Jurídico do Sincor-RS, Dr. Arly Rogério Silveira dos Santos

 

Bem... Estou indo de moto pra Bolívia e Peru. Mas liguei pro consulado do Peru no Rio de Janeiro e me informaram que é obrigatório o seguro Carta Verde pra ingressar no Peru.

 

Ai fica a pergunta... Pago ou não pago ??? :x:x:x

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Leo,

 

Como já citado num outro tópico, o seguro exigido no Peru não é exatamente o Carta-Verde mas um outro tipo de seguro que vc contrata por lá mesmo no momento do ingresso no país. Tenta um contato com o Marioluc que está retornando de uma viagem pelo Peru que ele tem maiores detalhes deste seguro que se chama SOAP.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Beier

 

Valeu a resposta. Vou dar uma lida no relato.

 

Agora... Fica esse impasse do texto acima com a obrigatoriedade do seguro Carta Verde para os países do Mercosul.

 

Pois nele fica claro que moto não deve pagar.

 

O texto do acordo do Mercosul só pode ter sido criado pelo Brasil, pois já é um vício deixar as leis cheias de brechas e livre pra várias interpretações.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É verdade...apesar de não existir exigência legal do mesmo para motos se vc não tiver é um prato cheio para os policiais corruptos da Argentina ::ahhhh:: ... aí vira festa pra eles. :evil:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A polícia argentina é nojenta mesmo !! Justa e honesta como os Carabineros de Chile eu ainda não encontrei.

 

Pior que eu vou ter que pagar 140 dólares pelo Seguro SOAT no Peru.

 

Pelo menos dura um ano. Mas ainda não sei se precisa de algum pra Bolívia também. Só falta isso !!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bem pessoal....

digo aqui o meu relato...

 

Fui do Parana, atravessei o Paraguay, a Bolivia e o Peru e retornei pela Bolivia novamente, Argentina ate o Parana.

 

 

Quanto a Carta Verde.....pelo que percebi eh igual a extintor para moto e kit 1 socorro exigido pela Argentina....

NAO tem validade nenhuma para moto....ta na lei........mas va explicar isso para um policial argentino....nao importa...eu mesmo sai fugido da argentina e deixei o policial na mao...veja relato no site abaixo.

 

Se eu for e pretento ir para a argentina novamente....irei levar com certeza. um kit 1 socorro, um extintor e farei a Carta verde tbm apesar de saber que ela nao tem validade.

 

Quanto a Argentina nao me pediram a Carta Verde e NAO tinham conhecimento do CArta Verde na aduana da Argentina com Bolivia, pois tentei fazer e nao consegui....entrei na Argentina mesmo assim fui parada diversas vezes e a unica coisa que nao me pediram foi a Cartas Verde.

 

Quanto a Bolivia e o Peru nao tenho conhecimento sobre seguro obrigatorio la.....eu nao fiz....fui parado algumas vezes e NAO me pediram.....foi um pouco burocratico a entrada no Peru (normal) pois tive que apresentar a documentação completa para a entrada e registrando a entrada da moto tbm.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bem, eu e três amigos, viajamos de moto por cinco paises da América do Sul, entre eles a Bolivia, Peru, Chile, Argentina e Paraguai, pois bem, tentamos fazer a seguro carta-verde, em nossa cidade (Goiânia-GO) e não conseguimos, exatamente porque não existe formulário do seguro para motos e o gerente do banco se recusou a fazer (atitude correta, pois não e para esse tipo de veículo), diante disso fomos sem o documento mesmo, e pra nossa surpresa não foi pedido o referido seguro em nenhum momento da viagem, e olha que fomos abordados várias vezes pela policia em todos os paises em que passamos... Bem que na Argentina, onde anteriormente policiais chilenos havia nos informado que teriamos problemas com a policia argentina, o que não aconteceu, talvez em virtude de protestos de agricultores que pipocavam em todo norte da Argentina, mas a verdade e que não tivemos problema algum....

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou postar o que acabei escrevendo em outro tópico:

 

Segundo informações da LEX CORRETORA DE SEGUROS (0800-707-3009) esse tipo de seguro é feito somente pela Porto Seguro, desde que o cliente faça o seguro da moto nessa Cia. para depois solicitar o “Carta Verde”.

 

Essas informações acima me foram passadas pelo pessoal do Sindicato dos Corretores de Seguros de SP (Sincor SP). Mas nem eles sabem ao certo como isso funciona.

 

Resposta da PORTO SEGURO:

Prezado Fábio,

 

A cobertura de Carta Verde para Motos é sob consulta à Seguradora. Para que esta análise seja feita é necessário que o seguro da Moto já esteja nesta Seguradora. Seu Corretor de Seguros deverá entrar em contato com a área técnica responsável para que seja analisada a aceitação desta cobertura.

 

Atenciosamente,

Silvia Gamarra - Produto Automóvel

 

Enviei novamente um email para a Porto Seguro dizendo que não tenho e não me interesso pelo seguro regular da moto, somente o Carta Verde para fazer uma viagem aos países do Mercosul, e se eles me fazem esse seguro. Ainda estou aguardando retorno.

 

Conforme resolução nº 120/94 do Grupo Mercado Comum do Mercosul, o porte obrigatório do Seguro Carta Verde se destina exclusivamente à Veículos de Passeio Comercial ou de Aluguel.

 

Mas vamos imaginar o seguinte: se por algum acaso acontecer de você bater em um carro, ou atropelar alguém, etc (que Deus te livre, mas estamos sujeitos), a quem você vai recorrer? Você está em uma terra conhecida? Fala fluentemente o idioma local? Sabe para que número ligar ou alguém que te ajude na hora? Conhece algum advogado nesse país?

 

Pois é, são perguntas que na minha humilde opinião faz a obrigatoriedade ou não desse seguro ser um mero detalhe. O valor para 30 dias é aproximadamente R$216,00. Não dá R$8,00 por dia.

 

Se formos discutir a questão do É LEGAL ou não, ficaremos páginas e páginas desse tópico falando sobre isso. Tem gente que fuma e joga a bituca para fora do carro (além de falta de educação, isso é ilegal e dá multa). Alguém aí já levou uma multa por jogar lixo para fora do carro??? Mas ela existe e mesmo que não existisse eu não jogaria (apesar de não fumar).

 

Não sei o que esse último parágrafo tem a ver com essa história hehehehe, mas depois posto a resposta da Porto Seguro, ok?

 

Intééé

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Agora a resposta da Porto Seguro:

 

Olá Fábio,

 

A cobertura de carta verde é um seguro que cobre danos causados a terceiros - nos países do Mercosul - no valor máximo de U$ 40.000 para danos materiais e U$ 200.000 para danos corporais.

 

No entanto como você não possui seguro de sua moto, a Porto Seguro não aceita a cobertura de Carta Verde por se tratar de uma cobertura extensiva da apólice.

 

Sugiro que você contate seu Corretor de Seguros para que ele verifique se alguma seguradora efetua o seguro exclusivo de carta verde.

 

Atenciosamente,

Silvia Gamarra

Corporação Porto Seguro

 

 

Intééé

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora



×