Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Arquivado

Este Post foi arquivado e está fechado para novas respostas.

brunosmenezes

[Arquivo] PERGUNTAS REPETIDAS E INFORMAÇÕES DUPLAS

Posts Recomendados

Conselho bem-vindo virtu, eu vou criar um topico para receber dicas de como combater o frio.

Só mais uma coisa, tirando as historias de morte nos canions, já ouviu alguma de alguem que fez a travessia sozinho, inexperiente e saiu bem sucedido?

Compartilhar este post


Link para o post

Bom isso deve ocorrer na época do verão (apesar que as chuvas são mais intensas). Não digo que é impossível a travessia. Mas temo com as reviravoltas do tempo, que é algo comum hoje em dia no Rio Grande do Sul.

 

Não tenho experiências lá no Itaimbezinho, mas sei, que sozinho não faria algo assim.

Compartilhar este post


Link para o post

Galera já fui várias vezes aos cânions e não acho boa idéia fazer a travessia sozinho, principalmente pra quem não conhece.

 

Outro dica: no verão tem muita nevoa, vem de uma hora pra outra e fecha tudo, vc não enxerga um palmo na frente.

No inverno é bastante frio, mas com pouca nevoa.

 

Qto aos Pumas, eles aparecem mais a noite, é normal as pegadas aparecerem de manhã cedo.

 

A última vez que fui foi em fevereiro e choveu muito e tinha muita nevoa, praticamente não dava para ver nada.

 

é isso aí tchê..

Compartilhar este post


Link para o post

Valeu virtu e Papo10

 

Alguma notícia sobre como conseguir mapas detalhados da area?

É parece que sozinho eu não vou tb, um amigo ficou interessado em fazer a travesssia, que tal mais umas duas pessoas, para fazer a travessia do Fortaleza ou outro canion em Julho? Vamos?

Compartilhar este post


Link para o post

Olá Fernando: eu pretendo ir aos Aparados na ultima semana de julho,onde tentarei ir com alguem que esteja participando de um congresso que estou organizando.Quanto aos guias, não há´problema, custam apenas 3 reais.Outra coisa , o parque dos Aparados fecha as segundas e as terças.Nos outros dias funciona das 9h as 17h30min.O parque da Serra Geral é aberto e por isso pode ser acessadop livremente em qualquer dia.

Compartilhar este post


Link para o post

Eu vou estar lá no meio ou na última semana de julho, quem sabe nos falamos por lá. Vou levando agasalhos pro frio, gps, anorak, comida suficiente, mapas detalhados se conseguir, maquina fotografica e algumas coisas mais. Bem, tirando o incrível frio e a possibilidade de virar café da manhã de puma, parece tudo tranquilo. Vou seguindo o leito do rio e se nao encontrar nenhum desnível muito alto totalmente intrasponível, devo completar sem problemas a travessia.

Quando eu voltar da Argentina em agosto ou setembro eu digo como foi e mostro as fotos. :)

Compartilhar este post


Link para o post

Fernando, li hoje tuas idéias e dúvidas e me vejo obrigado a fazer algumas considerações:

1. É completamente proibido atravessar qualquer um dos cânions que fiquem dentro dos parques. O que não quer dizer que vc não possa fazê-lo, porém de modo clandestino. Esqueça a travesssia do Itaimbezinho: é o que tem maior infra-estrutura e fiscalização. Além de ser o mais feio, na minha opinião.

2. Não existe cânion no qual vc possa fazer a travessia sem um mínimo de 2 rapéis. O Malacara tem duas vias para travessia, uma "por dentro d'água", com cerca de 16 rapéis (o maior com 50m) e outra "por fora d'água", com 2 rapéis (cerca de 20m cada). Em qualquer uma das vias, vc terá obrigatoriamente que se molhar, e muito. O que significa que vc sentirá muito frio no inverno. Mesmo no verão, faz-se a travessia com roupa de neoprene.

3. Já atravessei o Malacara, fiz a trilha do Rio do Boi (pelo interior do Itaimbezinho) e trekking pela região dos cânions, num total de cerca de 10 incursões. Nunca vi o Puma nem qualquer tipo de serpente. Ou seja, estes animais existem por lá, mas não são comuns.

4. O equipamento mais importante que vc deve levar é um saco de dormir que resista a temperaturas negativas.

5. Moral da história: se vc, por motivos de programação ou de tempo, só puder vir para o sul no inverno, acampe, caminhe, conheça (o visual no inverno é muito mais bonito) mas não tente atravessar nenhum cânion. Nem os guias de lá fazem! Se vc quer especificamente fazer travessia de cânion, venha no verão! Eu, particularmente, te aconselho a contratar um guia. Não porque uma pessoa não possa fazer o caminho sozinha, mas devido as particularidades da região. Acredite, é muito perigoso. Mas, se vc faz questão absoluta de ir sozinho, bem... Pelo menos converse com algum dos guias e pegue todas as dicas possíveis, vc vai precisar.

 

Sei lá, Fernando, espero que de alguma forma eu tenha te ajudado. qualquer coisa, escreve!

 

Um abraço,

Felipe

Compartilhar este post


Link para o post

Então Felipe, as ideias de fazer a travessia estão meio estagnadas pois agora viajo com um amigo e não sei se para ele a travessia vai continuar atraente quando o frio e o tamanho da area aparecerem.

Talvez faça exatamente o que voce disse, ir agora e sentir o ambiente e depois voltar em uma epoca de temperatura mais amena. Principalmente agora que todos me informam que realmente é necessario ter conhecimentos de escalada para completar. O bom disso tudo é que descobri um esporte que nem sabia que existia. Canyoneering. É tão interessante e faz tempo que existe, olha lá que falta de informação a minha. :P Em breve posto os livros que vou comprar sobre o assunto e uma lista com os sites.

Compartilhar este post


Link para o post

Fernando, me parece que tua decisão está extremamente correta. Vai lá, te informa como pé sente o lugar e depois tu voltas para a travessia.

O maior conhecimento que é necessário ter para atravessar os cânions é o das características locais mesmo. Sabers os refúgios e pontos de escape em caso de chuva. Às vezes nem chove dentro do cânion, mas basta chover no leito do rio, lá em cima, para o nível das águas subir muito. A correnteza fica muito forte mesmo. Neste caso precisas saber onde poderás ficar com segurança, se necessário.

Conheço um pouco o lugar, precisando de alguma ajuda, escreve!

Um abraço,

Felipe

Compartilhar este post


Link para o post

Reply author: Agui SEA

Replied on: 19/08/2004 17:20:56

Message:

 

Bom ... pesssoal. Cambara é uma cidade q não tem a menor infra- estrutura p/ turismo. Mas ... Praia Grande, fica longe paca. Em Camabara seria menos pior, pois tem albergues, casas comunitarias e principalmente ... a Secr. de Turismo.

 

A própria Secr. elabora algumas trilhas. É mais barato fazer com eles. Se eu não me ingano, uma trilha c/ 7 pessoas pelo meio dos Canyons, incluindo o Fortaleza sai por R$ 70,00. Só não sei como funciona o transporte.

 

Não sei como funciona os onibus na cidade. Alias, nem sei se existe onibus urbano na cidade. Acho que não ...

 

Os Canyons tb tem ums estrutura muito limitada. Não tem lancheria, etc ... mas vale a pena.

 

A dica seria vir de carro. A estrada é pessima mas da p/ vir. Fui la a 1 mes, e tava bem ruim. Mas valeu a pena.

 

Eu se fosse vc, ficaria em Cambara (reserva antes), vá até a Secr. de Turismo e de seu nome. Dai eles encaixam vc nos passeios ... tem vários. Eu fiz uma trilha no Fortaleza, R$ 40,00 (grupo de 7). Muito fera ....

 

Tenho em casa uma lista q peguei na Secr. com todas as pousadas, casas e hoteis da cidade. Vou escanear e te ando por e-mail. Acho que te tenho telefone da Serc. tb, vou ver.

Compartilhar este post


Link para o post
Visitante
Este post está impedido de receber novas mensagens


×
×
  • Criar Novo...