Ir para conteúdo

Textos Mochileiros - Poste o seu!!!!


.Mika.

Posts Recomendados

  • Membros de Honra

Ae mochileiros!! Esse topico eh pra vcs colocarem textos sobre tudo que estiver relacionado com mochileiros (ja vi alguns pelo site....tem akele do "como escolher seu companheiro de viagem"....tinha um tbm d que tipo de mochileiro vc eh....).

Pode colocar qualquer coisa, qq tipo de texto, desde que tenha a ver com o assunto, blz??

Link para o comentário
  • Membros de Honra

Ai vai o primeiro:

 

Com sabedoria na bagagem id="size4">

 

Então saí da rodoviária ainda com os olhos marejados. "Roma, finalmente!" Um sonho de tantos anos se concretizava ali, entre mim e a Cidade Eterna. Arrastando a mala pesada, só conseguia devorar os arredores com os olhos. Até que surgiu um senhor. Ele ofereceu seu táxi. Aceitei com um sorriso e o pensamento "puxa, quanta cordialidade, estou em casa". O Escort, de tão enferrujado, podia me passar tétano. A corrida custou o dobro do normal. Ele me deixou longe do hotel - sem ajudar com a bagagem. Aprendi muitas coisas naquelas férias em Roma. Inclusive que velhinhos simpáticos podem ser escroques safados e ladrões. Viagem também serve para isso, sabe?

 

"Não se viaja para ir a lugar algum, senão simplesmente para ir". Foi o escritor britânico Robert Louis Stevenson quem cunhou a frase. Usurpo a máxima sem vergonha: viajar é mesmo um verbo intransitivo. Não importa aonde vamos, importa é ir de uma vez. Isso porque, no fim, a intenção é sair de casa para ter contato com tudo aquilo que não faz parte da rotina. Chegar em Tóquio, Ouro Preto, Madagascar, Groenlândia ou na casa da Tia Loreta em Jundiaí? Que importa? A diversão está no caminho.

 

Acho engraçado gente que gasta dinheiro com dezenas de sapatos, roupas, festas, carros. Eles devem achar engraçado também que eu tenha uma poupança-viagem, destinada tão somente à próxima escapadela. Mas ainda estou com a minha idéia: pra quê torrar fábulas com o restaurante francês ali da esquina se eu posso comer um bom crépe sentada na sarjeta em Paris?

 

Viajar ensina, esse é o ponto. Você vai morrer de estudar a rotação da Terra nas aulas de física, mas só vai saber direito como o mundo gira depois que embarcar numa viagem. A mala pode voltar cheia de roupa imunda e o cartão de crédito pode voltar cheio de dívidas. A cabeça, certamente, estará cheia de idéias e histórias, o que invalida o resto.

 

Não garanto que uma viagem transforme alguém em poucos dias. Mas garanto que vai ensinar fundamentos vitais de existência. Porque só assim você aprende...

... a comer de tudo

Conheço um zé-mané que foi à Índia e, fresco como ele só, não quis relar a comida local na boca. Levou, para seu consumo, potes e mais potes de papinha de bebê. Pode ter voltado sem nenhuma diarréia, mas perdeu a chance de provar sabores jamais sentidos. Estar fora de casa é se lançar num desafio - e em pratos variados e estranhos. Vai encarar um café da manhã inglês, com salsicha e feijão no molho? Engula sem careta e ganhe um ponto no céu. Além de uma história para contar.

 

... que caminhar é legal

Em casa, posso apanhar o carro pra ir da lavanderia ao quarto. Em viagem, aproveitar o transporte coletivo é comum. Nada como percorrer uma Londres inteira debaixo da terra (depois de entender aquele maldito placar de trens) ou curtir os canais de Amsterdã de barco. Andar, porém, ainda é o melhor jeito de conhecer lugares. Amargar uma ladeira em Tiradentes, enfrentar vielas em Lisboa, camelar uma hora por Verona e ver a cidade inteira. Sapatos confortáveis e um mapa, essa é a pedida.

 

... que ter dinheiro é relativo

Fico pensando como deve ser incrível viajar feito rico. Dormir em camas com tamanho de estádios, comer do bom e do melhor, ser paparicado. Quem liga? Tão gostoso quanto isso é apreciar um cachorro-quente no banco do Central Park ou fazer farofa no albergue francês, contando com refri, pão, queijo e uma fruta esquisita comprada na barraca do árabe na rua. Pobre você não vai se sentir, é fato. Pobre são aqueles que preferem passar domingos vendo o Gugu.

 

... a valorizar costumes

Touradas são execradas por nós, mas fazem a festa dos espanhóis, por exemplo. Não é preciso partilhar de muitos hábitos locais quando se viaja, mas é preciso tentar compreender. Também seria bom não dar uma de engraçadinho quanto à realidade alheia... Conheço um jornalista que, em pleno Iraque, achou por bem acompanhar a excursão usando uma camiseta com os dizeres "Eu 'coração' Nova York". Recebeu uma jaqueta e um sermão. Palhaço.

 

... que só se conhece alguém assim

Não adianta: pode conhecer o indivíduo desde bebê, namorar doze anos e ficar casado por mais dez. Um dia as bodas serão comemoradas na Disney e você descobrirá que ele regula gorjetas, grita feito menininha na montanha-russa e tem um senso de direção tão infeliz que se perde nos corredores do avião. Para conhecer alguém no íntimo, a verdade crua, marque férias fora do Estado. É tiro e queda. Às vezes, tiro e queda da relação.

... a improvisar

Um modesto canivete já matou minha fome ajudando a abrir um coco verde em plena Ilha do Mel. Muito jornal já foi socado dentro dos meus sapatos em dias de caminhada com chuva. Já usei durex pra prender o cabelo e o cadarço do tênis como varal. Eu não me orgulho de nada disso - mas ser uma MacGyver das viagens rende, ao menos, lembranças engraçadas. E fotos terríveis, mas isso sempre deve ficar guardado no cofre.

... a ter saudade de casa

Ir é mesmo bom. Voltar é muito, muito bom. É normal deixar de valorizar seu cotidiano e seus amigos quando se olha para eles todo santo dia - por isso é tão incrível achar um contraponto nas culturas, hábitos e rotinas do resto do planeta. Roubando de novo os pensamentos do espertinho Robert Louis Stevenson, "vale mais viver e morrer de uma vez do que passar cada dia dentro de casa sob o pretexto de se preservar".

 

Fonte: www.garotasquedizemni.com.br

Link para o comentário
  • Membros

ohh legal esse tópico Mika.

q tal essa poesia de Fernando Pessoa?

 

Viajar! Perder países!

 

Viajar! Perder países!

Ser outro constantemente,

Por a alma não ter raízes

De viver de ver somente!

Não pertencer nem a mim!

Ir em frente, ir a seguir

A ausência de ter um fim,

E a ânsia de o conseguir!

 

Viajar assim é viagem.

Mas faço-o sem ter de meu

Mais que o sonho da passagem.

O resto é só terra e céu.

Link para o comentário
  • Membros de Honra

Texto tirado do Guia Criativo para o Viajante Independente na Europa. Acho perfeito!

 

Economia exagerada: Sempre é possível ir à Europa e gastar menos. Muitos se orgulham por viajar ao Velho Continente com US$15 ao dia. Aí aparece mais um que fez com US$8. E logo surge outro cara que fez ainda com menos. Isto não nos surpreende e não há mérito algum. O importante não é gastar pouco, é gastar bem. Você pode dormir na rua, em praças públicas, em estações. Você pode passar o dia inteiro comendo pão com manteiga e bebendo água de alguma torneira. Você não precisa se locomover mais do que suas pernas podem aguentar. Você não tem, afinal, que visitar ou entrar em museus ou atrações turísticas. E você gastará 3 dólares por dia!

Na real, você não precisa viajar! Se você vai com este espírito, conhecer a Europa pelo álbum de fotos de seus amigos será mais barato ainda. Não há razão para viajar assim. Se você realmente não tem a grana necessária, o que não é comum em tempos de instabilidade econômica, é preferível guardar um pouco mais e viajar no ano seguinte ou no outro ainda, se for o caso. Planeje com antecedência, mas quando você for, viva! Aproveite o que há de melhor. Visite tudo o que você tem direito, coma bem, experimente as delícias típicas de cada país, durma legal, conheça novos viajantes, exerça sua cidadania como habitante do planeta...e tenha uma viagem inesquecível! Acredite em nós. Isto não tem preço!

Link para o comentário
  • Membros de Honra

Quanto vou gastar?

 

Normalmente o dinheiro é limitador para todos os mochileiros. Tente ser moderado nos souvenirs, primeiro porque viajar não significa comprar, e segundo porque vai ter que carregar tudo que comprar.

 

Não vá para os tours de ônibus, sempre muito caros e "engessados". Normalmente eles não valem a pena, melhor fazer o passeio avulso. Também, fuja dos locais turísticos para comer.

 

Em todas as cidades da Europa tem máquinas de sacar dinheiro com cartão de crédito (Não se esqueça de levar consigo o código de saque do cartão de crédito, a maioria das pessoas não sabe porque não se utiliza aqui no Brasil - solicite o código com sua operadora de cartão de crédito com antecedência), então leve sempre alguns com você.

 

Leve um pouco de traveller checks e dinheiro, mas não muito. Evite as trocas de moeda, pois sempre perde-se um pouco a cada câmbio. Quando precisar trocar, nunca vá a estações de trem, de ônibus, aeroportos ou locais turísticos, que tem sempre o pior câmbio. Pesquise, uma andada de 20 metros pode lhe economizar valiosos $$$!!!!!

 

Quase todos os museus têm um dia que é de graça ou tem um descontão, ou depois de um horário. Você pode se organizar melhor se você souber dessas dicas assim que chega na cidade, por isso o ideal é pegar as informações sempre no começo da estada. Aliás, falando em museus, não pague por guias. Tente localizar um guia daqueles grupos imensos e disfarçadamente os acompanhe. Terá um guia de graça!

 

Evite ligações telefonicas que são caras, mas se realmente achar necessário, compre um cartão telefonico e ligue à noite, que normalmente é mais barato. Tem uma rede de Cybercafés que está crescendo enormemente na Europa, chamada Easyeverything. Pode ter certeza de que é a melhor opção (de preço e qualidade de conexão).

 

Caso faça compras de alto valor (varia, mas a partir de aprox. US$ 70-100 já deve valer) , procure as lojas que tem o "refund" da taxa cobrada (sales tax). Cada país tem seu procedimento, mas com certeza você terá que preencher um formulário na loja onde está fazendo a compra e nesse formulário estará explicado o procedimento a ser tomado.

 

(do site www.voudemochila.com.br)

Link para o comentário

Arquivado

Este tópico foi arquivado e está fechado para novas respostas.

Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.
×
×
  • Criar Novo...