Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

_maya

É possível viver mochileiro?

Posts Recomendados

Pô aminguinho não te critico não... tomara que dê tudo certo pra você. Cuidado aí... ::otemo::

a propósito já assistiu 'into the wild"?

 

com certeza...

agente acha que precisa do dinheiro pq viveu, cresceu e construiu seus princípios nele, mas não.

se vc mudar todos os valores em que acredita, consegue viver sem, mas a maneira mais fácil é agindo e sofrendo um pouco.

dia 3 de dezembrou eu vou pra espírito santo, qualquer praia que tiver na hora que eu chegar até o terminal, e entao, vou subir até a bahia ou mais, e sem dinheiro e sozinho, com meu violao e alguns livros de filosofia.

medo? certeza que tenho, mas não é por isso que vou deixar de conhecer.

como vou comer?

a humildade está ai, e as pessoas estão dispostas a ajudar...

vou pedir comida nas casas...

achamos que o mundo é cruel e injusto pelo fato de não conhecermos o suficiente...

eu acredito no ser humano.

-levarei meu violão, e então ganhar dinheiro através dele para mandar cartas...

tenho minha cabana, minha mochila e tudo que preciso comigo...

pra mim é o suficiente pra viver...

vou voltar, perdi oportunidade de emprego? sim.

mas o próximo terá um guilherme muito mais maduro.

não me importo em ganhar muito, o que eu procuro é estar feliz e confortável aonde eu for.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boto fé Guilherme!

Conheço uma galera que fez ou faz isso!

Sempre há pessoas que ajudam, pode ter certeza.

E fora que você já esta saindo com a ideia de tocar sua musica em troca de algo. Genial!

Conheci no Equador 5 pessoas que estavam viajando sozinhos... Cada um de um canto (2 argentinos, 1 chileno, 1 cuba e o outro nao lembro), cada um com sua arte (música) e um dia se encontraram, juntaram e começaram a fazer a grana para seguir viagem.

Essa é a onda! Nao tem regra...

 

Boa sorte!!!

 

E depois volte para contar como foi.

 

Bjoooo

 

Cris

 

com certeza...

agente acha que precisa do dinheiro pq viveu, cresceu e construiu seus princípios nele, mas não.

se vc mudar todos os valores em que acredita, consegue viver sem, mas a maneira mais fácil é agindo e sofrendo um pouco.

dia 3 de dezembrou eu vou pra espírito santo, qualquer praia que tiver na hora que eu chegar até o terminal, e entao, vou subir até a bahia ou mais, e sem dinheiro e sozinho, com meu violao e alguns livros de filosofia.

medo? certeza que tenho, mas não é por isso que vou deixar de conhecer.

como vou comer?

a humildade está ai, e as pessoas estão dispostas a ajudar...

vou pedir comida nas casas...

achamos que o mundo é cruel e injusto pelo fato de não conhecermos o suficiente...

eu acredito no ser humano.

-levarei meu violão, e então ganhar dinheiro através dele para mandar cartas...

tenho minha cabana, minha mochila e tudo que preciso comigo...

pra mim é o suficiente pra viver...

vou voltar, perdi oportunidade de emprego? sim.

mas o próximo terá um guilherme muito mais maduro.

não me importo em ganhar muito, o que eu procuro é estar feliz e confortável aonde eu for.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Amigos, embora o autor do post aparentemente sumiu, quero também deixar aqui minha pequena contribuição. Um pouco longo o texo, mas acho que vale a pena.

 

Não existe verdade absoluta e em toda e qualquer discussão sempre iremos encontrar argumentos prós e argumentos contras para aquilo que estamos discutindo.

 

Tendo isso como premissa é difícil dizer se devemos ou não sair pelo mundo, fazer a faculdade ou não, vender tudo ou continuar no emprego público. Não há resposta "certa" pra nada. Basta olhar as respostas aqui postadas e veremos argumentos válidos tanto para ir como para não ir. Sendo assim pretendo deixar essa questão de lado, pois acredito que cada um deve saber o que é melhor para si e o que quer da vida.

 

Já do ponto de vista prático, sou mais um que engrossa o coro daqueles que gostariam de sair viajando pelo mundo. E estou me preparando para isso. Só ainda não sei como e nem quando, mas é algo que farei mais cedo ou mais tarde, pois é visceral. Aliás, pouco tempo atrás vi uma entrevista de um psicoterapeuta que afirma que essa característica de querer "desbravar" o mundo está fortemente arraigada principalmente no DNA masculino, portanto não me estranha o fato de tanta gente ter essa mesma vontade. Mas enfim, a entrevista é longa e depois posto aqui um link para o conteúdo total.

 

Acredito também que, SIM, é possível viver mochileiro, mas não "abestadamente". Por mais contraditório que pareça, até para sair sem rumo, numa viagem "eterna", é preciso um pouco de pé no chão.

 

Como muitos, estou tentando descobrir a melhor fórmula (a minha) para viver viajando. Cheguei a algumas conclusões:

 

1. Sim, é bom ter um porto seguro para onde poderemos voltar caso tudo de errado, nem que seja a casa dos pais, dos tios, avós ou quem quer que seja.

 

2. A viagem deve ser auto-sustentável. Aliás, acho que esse é o principal quesito, porque sem grana, por menor que seja a coisa não evolui. Não adianta sair por aí, torrar todas as economias e depois ficar perdido sem saber o que fazer, fora do mercado, sem emprego, etc. A menos que voce dê sorte e se arranje pelo caminho, mas prefiro não contar exatamente com a sorte, pois a verdadeira sorte aparece sempre pros mais preparados.

 

Sendo assim, a principal pergunta a ser respondida é como ganhar alguma grana para sustentar a viagem. A palavra chave pra mim nesse caso é LINGUAGEM UNIVERSAL. Você tem que pensar algo globalizado. Voce tem que pensar em "linguagens"/profissões universais. É claro que voce pode trabalhar de garçom, de faxineiro, lixeiro, etc, mas o ideal é que você tem que pensar em algo que poderá fazer mesmo quando estiver de volta para casa, ou simplesmente numa pausa entre uma viagem e outra.

 

Vou ser mais objetivo:

 

1a coisa. Aprender inglês. Suas chances aumentarão muito.

 

2a coisa. Quando penso em LINGUAGENS UNIVERSAIS penso em música, fotografia, internet, websites, aulas, artes plásticas... só para dar alguns exemplos. São coisas que podem ser feitas em qualquer lugar do mundo para praticamente qualquer pessoa do mundo.

 

Terminando, viajar pelo brasil de bicicleta por exemplo não é caro. Talvez com 1.000 a 1.500 reais/mes voce consiga uma vida com certo conforto. Se fizer paradas programadas em alguns destinos poderá desenvolver suas atividades e angariar os fundos que necessita para continuar. Afinal, vender e viajar são duas das profissões mais antigas do mundo.

 

ABRACOS

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sou jovem, quase não viajei ainda. Porém tenho uma grande vontade de viajar, de conhecer as coisas que só vi por documentários. E se a pergunta é: É possível viver mochileiro? Acredito realmente que sim, e se um dia descobrir que não é possível, vai ser um grande desgostos. '' Nunca diga a uma criança que sonhos são besteiras, seria uma tragédia se ela acreditasse nisso'' (William Shakespeare).

Eu farei algo parecido com esse que você pensa em fazer, e estou muito confiante, e não penso em me arrepender quando voltar, porque quando a gente quer alguma coisa de coração a gente consegue, e a vida é cheia de obstáculos, e tu pode supera-los quando voltar. Sem contar que uma experiência dessas vai te fazer mudar totalmente teu modo de ver o mundo, e provavelmente te ensinara muito, vai aprender a usar a sua criatividade para continuar a viagem.

''Não desista amigo, e saiba que tem pessoas que dividem esse mesmo sonho''

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Deve ser possível sim! Mas claro, será necessário um trabalho e tudo isto... E como meu amigo que se mudou pra o Japão disse para mim: "Uma vida de merda(na questão financeira), mas a vida que queremos!"

 

Estou viajando o sul do país inteiro agora, com uma mochila nas costas, fico em albergues e conheço os lugares de ônibus! Se vocês tem um meio de transporte (moto, de preferência), não se desfaçam dele! Vai ser uma grande ajuda para sua viagem! Talvez até mais que o dinheiro, pois com moto pode trabalhar como entregador, motoboy e outros trabalhos pequenos que já dão uma graninha a mais, e ainda por cima é pago por semana.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tenho um amigo que conseguiu viajar o Chile (1 mês), ensinando como fazer coxinha e ajudando nas tarefas dos albergues.

Um ano acho mais difícil, mas não impossível.

Boa sorte!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá!

 

É possivel viver mochileiro?

Acho que só vc pode responder a essa pergunta. Vi algumas respostas, mas nenhuma (tirando o Xaliba) respondeu o que no fundo vc quer saber, isso na minha opinião.

 

Ninguém, mais ninguém mesmo, pode saber o que vc está vivendo nesse momento e nem o quanto vc precisa de algo para viver uma vida completa, sendo que cada um tem um proposito de felicidade, com sonhos e projetos.

Então, 15mil não é muito para alguns e uma fortuna para outros. A maioria vai falar assim, investe para conseguir mais e mais e assim "curtir a vida", mas não sabemos de amanhã e se não der? Depois vc segue essa vida convencioanl arruma mulher e filhos e daí tem que juntar mais pra levar eles tbm e o negocio vira uma bola de neve. O segredo é não correr atrás da grana, ela tem que vir pra suprir os nossos desejos, tenta arrumar uns empregos temporários pelo caminho e segue até vc sentir que deve voltar, confia sempre na vida pq ela te leva ao melhor sempre.

Se é isso que vc quer vai, arrisca! Arrisca tudo mesmo, vai acreditando que vai dar certo, que vc vai viver experiencias únicas, vai passar aperto sim.....mas quando vc voltar e contar as suas aventuras, muitas pessoas e são muitas mesmo, vão falar assim: pq não fiz isso tbm?!!!!

Aproveita essa é a hora, vc ainda é jovem e pode arriscar, pode errar (os erros fazem parte!), pode recomeçar sempre e sempre.

 

::kiss::

Desejo muito sucesso na sua escolha!

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

esse tópico traduz tudo que pensei mais uma vez, em mais uma grande noite de insônia, diante do natal e outras festividades que promovem a vida estável. david, estou com você. também cheguei em um ponto de nossas vidas que os modelos pre-fabricados não servem mais, e não posso estabelecer uma morada definitiva aqui - casa, profissão, cachorro - sem conhecer as infinitas possibilidades de vida que existem lá fora. passagens compradas, lá vamos, e dessa vez, pra voltar sei lá quando.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...