Ir para conteúdo

Você já foi roubado ou assaltado em alguma de suas viagens?


Silnei

Você já foi roubado ou assaltado em alguma de suas viagens?  

133 votos

  1. 1. Você já foi roubado ou assaltado em alguma de suas viagens?

    • Sim
      41
    • Não
      92


Posts Recomendados

  • 6 meses depois...
  • Respostas 66
  • Criado
  • Última resposta
  • Membros

Hoje (23/02/2013) entraram em nosso carro e levaram uma pequena mala com um iPad e um iPhone, as outras malas deixaram no lugar.

Foi em frente ao RESTAURANTE OUTBACK em Miami numa praça de alimentação q não recordo o nome. MUITO CUIDADO! MIAMI ESTA D+! Um detalhe me chamou atenção... Meu carro não apresentou nenhum sinal de arrombamento (locado na locadora Dollar). Estranho... Muito estranho! :/

Link para o comentário
  • 1 ano depois...
  • 1 mês depois...
  • 2 anos depois...
  • Membros

Em abril desse ano eu faria uma viagem de férias ao Morro de SP/BA. Faria porque minha viagem não foi completada. Quando cheguei em Salvador, fui para a parada de ônibus do aeroporto para pegar o coletivo até o terminal marítimo para pegar o barco e finalmente chegar ao meu destino final. Eis que na parada estava um rapaz de mais ou menos 28 anos de idade, negro, em torno de 1,60 de altura, muito bem trajado (camisa longa, calça e mochila nas costas), conversando com uma senhora que vendia lanches e que começou a puxar assunto comigo tb. Ele falava que era evangélico e que estava vindo do trabalho. Dizia trabalhar no setor de cargas da TAM. Muito solícito, falou que me avisaria quando meu ônibus viesse, mas o ônibus que eu iria pegar passou e ele falou que distraído não viu. Nessa hora eu já estava impaciente, pois tinha perdido quase a manhã inteira esperando um ônibus que nunca vinha. Ele então, vendo minha aflição, aplicou o golpe: disse que tinha um amigo que fazia o transporte de pacientes do hospital de Salvador até Valença, onde eu pegaria o barco pro Morro de SP e perguntou se eu queria ir. A essa altura ele já tinha ganhado minha confiança e minha resposta foi: Claro que quero!!! Assim ele me induziu a ir de ônibus até o hospital. Lá ele pegou minha bagagem e a mochila dele e deixou na recepção com o pretexto que tinha que me apresentar ao administrador do hospital para que eu pudesse ir na van. Fomos até o segundo andar e lá ele falou: Vou só aqui no quarto andar pegar a autorização para você ir... Eu inocentemente fiquei esperando que ele voltasse por intermináveis 2 minutos, quando caiu a ficha. Saí correndo até a recepção e como havia previsto não havia mais nada lá. Fiquei apenas com a roupa do corpo e R$ 1.300,00 que tinha colocado dentro da roupa. Fui na DELTUR (Delegacia do Turista no Pelourinho) e passei o resto do dia dentro da viatura, colhendo as imagens de segurança do hospital, voltando aos pontos onde nós tínhamos passado, mas de nada adiantou. Admito que fui bem inocente, mas ficou a lição e consequentemente a má impressão daquela cidade.

Link para o comentário

Arquivado

Este tópico foi arquivado e está fechado para novas respostas.

Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.

×
×
  • Criar Novo...