Ir para conteúdo

As empresas de Eco-Turismo querem o fim dos Mochileiros ????


Visitante Eu Eu mesmo

Posts Recomendados

Já reparou que depois do BOMMM do Eco-Turismo ficou mais difícil viajar por conta própria?

 

Já reparou que alguns Parques Nacionais que eram abertos ao publico em geral agora exigem o acompanhamento de guias mesmo para trilhas fáceis e simples?

 

Já reparou que os Parques Nacionais que tem entrada restrita acabam favorecendo as empresas de Eco-Turismo que compram todas as entradas para um find só para te obrigar a ir com eles ?

 

Pois é, pode parecer paranóia minha, mas existem fatos, por exemplo, há algum tempo um amigo Fernando Leme foi até Ibitipoca e tentou pagar com antecedência de uma semana a entrada no Parque e pegar a autorização de acampamento (que é limitada) só que ele foi informado que não tinham mais vagas, e o mesmo funcionário que informou que já não havia mais vagas indicou uma agencia chamada Eco-Trips que não só tinha entradas como também tinha comprado todas as autorizações para acampamento dois dias antes da data em que são liberadas para pedidos de reserva, chegando à agencia informaram a ele que tinham vagas para o seu passeio guiado dentro de Ibitipoca e se Fernando paga-se o pacote da agencia teria a entrada e a permissão de acampar (isto não lembra os cambistas ??? coisa que é proibida!!! Né???).

 

Agora outra, tem um tempo eu fui procurado por uma agencia de turismo bem conhecida (Não posso divulgar o nome pq não tenho provas materiais pq não gravei a proposta que me foi feita) eles simplesmente me pediram para tirar do ar o meu site que disponibiliza arquivos GPS de todas as trilhas que eu fiz, me ofereceram R$ 3.000,00 , o emprego de guia e uma comissão sobre as pessoas que eu indicasse para a agencia, para ter tudo isto era só eu parar de divulgar os arquivos e mapas que eu colocava no ar, pq segundo eles isto estava prejudicando os negócios da agencia quando poderíamos ser parceiros!!!!!! Com o perdão da má palavra eu mandei eles PRA PUTA QUE PARIU!!!

 

Enquanto isto a revista Aventurajá parou de circular acredito eu por falta de verbas, as agencias de eco-turismo devem ter ficado feliz pra caramba por que na revista o Sergio (Redator) colocava o roteiro completo de trilhas e mostrava como vc pode fazer de graça trilhas que as agencias cobram R$250,00 a 500,00 por pessoa, quando vc não gastaria mais de R$100,00 para ir sozinho.

 

No mês passado eu e dois amigos sinalizamos a entrada da trilha para a Pedra do Faraó em cachoeiras de Macacu e sabe o que ocorreu??? Uma semana depois quando voltamos lá as sinalizações tinham sido arrancadas e a placa quebrada, vandalismo??? Nada, um morador do local disse que viu quando o dono de uma pousada próxima foi até o local a noite e arrancou todas as sinalizações e as placas e sabe por que??? Simplesmente porque a pousada oferece pacotes com guias e transporte para subir a pedra do Faraó e nós estávamos “Tirando o Pão deles” ou seja o cerceamento do direito a informação, resquícios da ditadura militar... fazer o que.

 

Um Amigo meu , Julio Mello me escreveu um e-mail me pedindo o arquivo GPS da trilha da Pedra do Faraó e me contou uma coisa legal e uma coisas triste, a coisa legal é que um casal amigo dele abriu o primeiro camping de Cachoeiras de Macacu e eu fiquei muito feliz, ai ele me contou que arrancaram a placa que eles tinham colocado para indicar o caminho do camping e sabe porque??? Porque os donos de pousadas da cidade e as empresas de eco-turismo não querem um camping lá, porque camping é sinônimo de turismo independente e isto os mesquinhos querem evitar!!!! Quem abre um camping (em local adequado e consciente da preservação ambiental como me foi dito que é o caso) merece uma medalha e respeito porque esta permitindo que pessoas de todas as rendas visitem um determinado local, esta democratizando o turismo e o mundo.

 

Outro dia um amigo meu o Sergio Manco que é proprietário de um sitio por onde passa a trilha que liga Castalia a São Lourenço foi procurado por uma empresa de eco-turismo de Friburgo que fez a seguinte proposta “ Vc fecha a a sua porteira e não permite mais ninguém fazer a trilha se não for guiado pela nossa agencia e em troca vc ganha 20% de cada turista que levarmos pra fazer a travessia” isto é fato!!!! E tem testemunhas!!! Só que isto não é crime a justiça brasileira vê nisto um direito legitimo de comercio, o Sergio Manco que é uma pessoa legal e espiritualizada não aceitou a proposta imunda mas ele me falou o seguinte “Eu não vou aceitar isto mas os meus vizinhos vão acabar aceitando e pondo trinco nas porteiras”

 

Quer mais!?!?!?! Então lá vai, no Parque Nacional dos Pontões Capixabas no pequeno e notável município de Pancas, situado no noroeste do Espírito Santo, os vereadores locais lutam contra a regulamentação do Parque Nacional e querem que esta área se torne reserva particular dos moradores originais, e sabe para que??? Para que só eles detenham o controle do turismo na cidade, e ocorre que os mesmos vereadores que lutam contra o parque nacional que viria a democratizar e liberar o acesso de todos os brasileiros a este fabuloso monumento natural, estes mesmos vereadores apoiados por alguns deputados estaduais já estão abrindo agencias de Eco-Turismo para controlar o turismo local , ou seja sem o Parque Nacional, vc cidadão comum e dono deste Pais como todos nós, seria obrigado a contratar uma destas agencias para poder visitar as belezas naturais que estariam em propriedade privada e sendo um cartel eles poderiam cobrar o que quisessem e vc teria que pagar.

 

É isto ai amigos... Agora eu sei bem que não sou o dono da verdade e por isto coloco estes fatos para serem debatidos por todos nós, as agencias de Eco-Turismo querem ou não impedir o turismo independente????

Link para o comentário
  • Respostas 43
  • Criado
  • Última resposta

Uma andorinha so nao faz o verao. Mas estou solidario a voce e concordo com muitas coisas que vc escreveu no topico. Eh realmente uma m... ter que pagar uma fortuna pra comprar os pacotes que eles vendem. Acho que compra o pacote quem quer, quem nao quizer vai por conta e pronto... E igual as estoria dos megaresorts que acabam por fechar praias que sao publicas, isto fere a constituicao e o direito de ir e vir.

Link para o comentário
  • Membros de Honra

Acredito que haja espaço para todos, portanto não podemos deixar de lado tais acusações e perder a possibilidade de fazer simples caminhadas de forma independente.

 

O problema é que quando falamos sobre independencia dentro de áreas de preservação, os "outros" logo pensam em vandalismo. Acham que quem não tiver acompanhamento vai sair da trilha, deixar lixo, etc etc etc... mas tudo se resume em falta de controle.

 

Pegando o exemplo de Ibitipoca, no qual podemos juntar forças e ir trabalhando para tentar mudar algo... as vagas para acesso e camping deveriam ser nominais, com uma lista de disponibilidade online. Se a agência de viagens fechar um pacote com 10 turistas, ela então inscreve seus clientes na lista... comprar vagas antes disso é imoral.

 

25% das vagas para acesso e camping poderiam ser deixadas para viajantes de última hora, que não têm acesso a internet mas chegaram lá.

 

Vou procurar me informar mais e podemos abrir um tópico específico para Ibitipoca.

Link para o comentário
  • Membros de Honra

E aí "Eu mesmo".

 

Coloque aí o endereço desse seu site.

Eu também sou adepto do se vire vc mesmo.

Nos meus relatos e albuns de fotos coloco mapas e o maximo de infos possiveis.

 

Isso é bom, pois na minha opiniao certos roteiros nao tem de ser privilegios de empresas de ecoturi$$$$$$mo, que só pensam no lado financeiro da coisa.

 

 

Esse fórum também foi criado assim.

Esse é o intuito dele.

 

 

Abcs.

 

 

 

Augusto

Link para o comentário
  • Membros de Honra

Aaaahh..

 

Mas também tem aquele porém..... tem limite. Entregar tudo de mão beijada para milhares de viajantes pode não ser tão legal para o LOCAL EM SI...

 

Diga onde está o queijo... mas não entregue a faca. :P:P

 

O problema das agências é que se sentem donos do queijo, da faca, querem patentear o modo de fabricação, cobrar pela "amostra grátis" e por aí vai... :?:(:x

Link para o comentário
  • Membros

Agsts,

 

Já vi seus topicos e acho legal oq vc faz, a independencia é tudo, quantas vezes já tentaram te barrar? quantas vezes j´pa tentaram te obrigar a arrumar um guia ou uma agencia pra chegar em certo lugar? E no entanto vc mesmo assim vai e divulga!!! e é isto que temos de fazer!!! A Aventurajá fazia isto mas saiu das bancas, podemos procurar o Sergio o Redator da revista, perguntar oq podemos fazer para que ela volte sei lá, alguem ai já leu a Aventurajá??

 

Abraços,

Link para o comentário
  • Membros de Honra

Acho que esta exigencia de Guias para muitos parques mesmo em trilhas que não justificam a presença deles é mais voltada para eles quererem ganhar grana apenas.

 

Com o enorme procura pelo ecoturismo esta levando cada vez mais pessoas a procurarem este tipo de viagens e claro sempre tem quem quer ganhar com isto.

 

 

Agora acho que o mais importante é esquecido que é concentisar as pessoas a preservar os locais que visitam...

Link para o comentário
  • Membros de Honra

Me solidarizo com as críticas e também aguardo o endereço do site.

 

Há poucos instrumentos legais para evitar os casos que você citou - embora a entrega de autorizações ANTES do prazo informado infrinja diversas normas - e, por isso mesmo, a INFORMAÇÃO é a principal arma de que dispomos.

Link para o comentário

Arquivado

Este tópico foi arquivado e está fechado para novas respostas.

Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.

×
×
  • Criar Novo...