Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Aschoff Neto

EuroTrip em Dez/2018

Posts Recomendados

Pessoal,

Irei fazer a minha primeira EuroTrip de 09/12 a 05/01/19 e gostaria de pedir a ajuda de vocês com algumas duvidas:

1. Bagagem: As medidas para voos entre países da Europa são as mesmas dos voos internos no Brasil?

2. Dinheiro: Qual a quantia média recomendável para levar em especie?

3. Já ouviram falar em Travel Card? É mais vantajoso dinheiro, ou, travel card?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

1 hora atrás, Aschoff Neto disse:

1. Bagagem: As medidas para voos entre países da Europa são as mesmas dos voos internos no Brasil?

O limite de bagagem costuma ser mais restrito do que no voo Brasil-Europa: uma mala de 23 quilos. Para a bagagem de mão, o limite varia entre 8 e 10 quilos, dependendo da companhia aérea; na maioria dos casos, as dimensões não devem extrapolar 55 centímetros de comprimento, 40 centímetros de largura e 23 centímetros de profundidade.

1 hora atrás, Aschoff Neto disse:

2. Dinheiro: Qual a quantia média recomendável para levar em especie?

Olha, eu costumo levar 60% a 70% do orçamento planejado em espécie. O restante eu divido em VTM (pela questão da segurança) e cartão de crédito int. (comodidade).

 

1 hora atrás, Aschoff Neto disse:

3. Já ouviram falar em Travel Card? É mais vantajoso dinheiro, ou, travel card?

Em valores, o cambio em espécie é mais vantajoso que o cambio no VTM. Mas tem a questão da segurança também. Sugiro levar os dois, dinheiro em especie e uma quantidade no VTM.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
12 horas atrás, Aschoff Neto disse:

1. Bagagem: As medidas para voos entre países da Europa são as mesmas dos voos internos no Brasil?

Não,  cada companhia aérea possui os seus próprios limites de peso e medidas.

Por exemplo na Ryanair a maior companhia low-cost da Europa o limite de bagagem de mão gratuita agora é de um único volume de 40cm x 20cm x 25cm e 7 Kg, na Wizz Air o limite é de 55 cm x 40 cm x 23 cm, e assim por diante...

Mas a sua viagem é relativamente longa, e você vai viajar no inverno, quando vai estar fazendo temperaturas abaixo de zero na maioria dos países europeus, e por causa disto você precisa levar mais roupas e elas serão muito mais volumosas e pesadas.

Você até pode conseguir se virar só com bagagem de mão, mas pessoalmente eu acho que o limite gratuito é pouco para uma viagem desta duração e no inverno, principalmente se tiver que pegar voos da Ryanair que agora tem um limite muito pequeno.

Se couber tudo na mochila, vai ser no limite e não sobrar nenhum espacinho para você comprar um chaveiro de lembrança, e se precisar comprar alguma roupa ou calçado mais "pesado" lá devido ao frio, você vai ter que jogar alguma coisa fora por que não vai caber tudo na mochila.

Então eu sugiro já se programar e incluir bagagem despachada junto com a compra das passagens, se você incluir bagagem despachada já no momento da compra da passagem, despachar uma mala/mochila não é caro, custa entre 15 e 25 Euros em média.

O que é caro é você chegar lá no aeroporto com uma mochila ligeiramente fora dos limites e ser barrado no embarque por que a mochila é 3 cm ou 1 kg acima do limite, ai a brincadeira vai lhe custar 50 a 80 Euros para despachar a mala/mochila lá na hora.

 

12 horas atrás, Aschoff Neto disse:

2. Dinheiro: Qual a quantia média recomendável para levar em especie?

Eu concordo com o FernanM, faça as contas de quanto que a viagem vai lhe custar e deste valor leve entre 50% e 70% em espécie e o resto num cartão pré-pago em Euros ou cartão de crédito.

Pois tem algumas pequenas coisinhas do dia-a-dia  como por exemplo uma passagem de metrô, que as vezes você só consegue pagar no cartão, e estas pequenas coisinhas podem lhe causar um enorme transtorno se por exemplo você não conseguir comprar uma passagem de metrô de 2 Euros por que a máquina automática está sem troco para a sua nota de 20 Euros e a bilheteria já está fechada.

12 horas atrás, Aschoff Neto disse:

3. Já ouviram falar em Travel Card? É mais vantajoso dinheiro, ou, travel card?

O colega acima já falou, dinheiro em espécie paga menos IOF e por isto é mais "barato", mas tem a questão da segurança, já pensou se lhe roubam a carteira com metade ou todo o seu dinheiro dentro? 

Não pense que isto não acontece, já furtaram a minha carteira no metrô de Paris, e quado estivemos em Lisboa no ano passado, tentaram furtar a carteira da minha esposa de dentro da bolsa dela enquanto estávamos na fila da bilheteria da Torre de Belem, sorte que ela percebeu e gritou e o ladrão fugiu correndo sem levar nada.

Alem daquelas pequenas situações do dia-a-dia que citei acima, onde você precisa de um cartão. 

Mesmo que você resolva concentrar os seus gastos numa opção, sempre tenha pelo menos 1 ou 2 outras opções de pagamento, pois quem só tem uma opção, frequentemente não tem nenhuma...

Travel card também é conhecido informalmente como VTM, e é uma das formas mais populares de se levar dinheiro para o exterior em segurança sem precisar levar um monte de dinheiro vivo dentro da cueca.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, 111111 disse:

Não,  cada companhia aérea possui os seus próprios limites de peso e medidas.

Por exemplo na Ryanair a maior companhia low-cost da Europa o limite de bagagem de mão gratuita agora é de um único volume de 40cm x 20cm x 25cm e 7 Kg, na Wizz Air o limite é de 55 cm x 40 cm x 23 cm, e assim por diante...

Destacando uma notícia recente sobre a Ryanair:

http://www.melhoresdestinos.com.br/bagagem-mao-ryanair-nova-politica.html

A partir de 1º de novembro todos os passageiros que não comprarem o passe de embarque prioritário não poderão embarcar com suas malas de mão (carry on), somente um item pessoal pequeno, como bolsa, mochila ou sacola de compras (limitado a 35 cm x 20 cm x 20 cm), que caibam embaixo do assento da poltrona.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
15 horas atrás, Aschoff Neto disse:

2. Dinheiro: Qual a quantia média recomendável para levar em especie?

Eu acho justamente ao contrario... a maior parte levo de forma segura, no Travel Card. Pois funciona como um cartão de debito protegido por senha. Você não corre o risco de perder sua grana, no máximo perde o cartão e pode solicitar um outro. Pago tudo que posso com o Travel card... museus, bares, restaurantes, transporte publico... praticamente tudo aceita Travel card ( é como se fosse um cartão de debito em conta  aqui no Brasil). 70% da minha grana vai no Travel...

Outra vantagem é a seguinte: Vamos supor que carregou 2.000 euros no Travel card. Vai passar 04 dias em Londres (a moeda local é libras) ... Você pode sacar uma parte desse valor já convertido na moeda local em qualquer ATM (caixa eletrônico na Europa).

30% em especie para os lugares que não aceitam a bandeira VISA ou MASTERCARD (são raros os lugares que so aceitam dinheiro... algumas casas noturnas... algumas cidades para comprar tickets de transporte publico). Se o seu dinheiro em especie acabar.... você pode ir num ATM e efetuar um saque da grana que esta no Travel Card (a tarifa é em torno de 2 dólares).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
19 horas atrás, Rafael_Salvador disse:

Eu acho justamente ao contrario... a maior parte levo de forma segura, no Travel Card. Pois funciona como um cartão de debito protegido por senha. Você não corre o risco de perder sua grana, no máximo perde o cartão e pode solicitar um outro. Pago tudo que posso com o Travel card... museus, bares, restaurantes, transporte publico... praticamente tudo aceita Travel card ( é como se fosse um cartão de debito em conta  aqui no Brasil). 70% da minha grana vai no Travel...

Outra vantagem é a seguinte: Vamos supor que carregou 2.000 euros no Travel card. Vai passar 04 dias em Londres (a moeda local é libras) ... Você pode sacar uma parte desse valor já convertido na moeda local em qualquer ATM (caixa eletrônico na Europa).

30% em especie para os lugares que não aceitam a bandeira VISA ou MASTERCARD (são raros os lugares que so aceitam dinheiro... algumas casas noturnas... algumas cidades para comprar tickets de transporte publico). Se o seu dinheiro em especie acabar.... você pode ir num ATM e efetuar um saque da grana que esta no Travel Card (a tarifa é em torno de 2 dólares).

@Rafael_Salvador , estou planejando minha segunda viajem pela Europa, da outra vez não levei nada em VTM apenas especie (25%) e cartão normal (75%). Estou planejando levar dessa vez 50% / 50% em VTM e Especie, sabe se o VTM funciona como cartão normal? Pois estou fechando os hostels e atrações e estou em duvida se pago no VTM também (aumentando a porcentagem do VTM) ou se pago com meu cartão normal.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@felipeocr Cara, cartão normal seria Cartão de credito? Cartão de credito é a ultima opção a ser usada! Por que você sabe o custo real quando sua paga a fatura... ou seja, se o dólar der um salto você entra pelo cano...

Como te falei o Travel Card funciona perfeitamente. Atrações, bares, restaurantes... até para comprar ticket de transporte publico nas maquininhas! 

É bom você ter em especie para lugares que só trabalham com dinheiro, e são poucos.

Imagina que voce leva tudo em dinheiro... vai andar o tempo inteiro com  TODA sua grana na mão? Vai deixar dentro de um quarto compartilhado no hostel? No cofre do hotel? É uma preocupação...

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Complementando, 

O VTM /Travel Card, cartão pré-pago ou seja lá como você preferir chamar ele, só não pode ser usado na locação de automóveis, bikes e afins.

Pois quando você aluga um carro ou bike, geralmente você tem que informar os dados de um cartão como garantia pelo objeto locado, a locadora então faz um bloqueio do valor da garantia no limite do seu cartão, este valor não é cobrado, mas fica bloqueado no seu cartão até você devolver o carro/bike sem danos, e o valor bloqueado é liberado entre 5 e 30 dias depois, dependendo do cartão locadora, banco, etc...

E como o valor da caução que as locadoras bloqueia para o aluguel de um carro é de uns 1200 a 1500 e uns 200 ou 300 Euros no caso daquelas bikes que você pega nas cidades, se usar o cartão pré-pago para estas coisas, você pode ficar com o saldo todo do cartão bloqueado e sem poder usar ele durante toda a sua viagem.

Outra questão similar é na caução que alguns hotéis/hosteis cobram contra danos que você possa causar ao quarto. 

Alguns hotéis/hosteis exigem que você faça um pagamento antecipada de 50 ou 100 Euros como garantia e eles devolvem o dinheiro quando você vai embora, mas também tem hotéis/hosteis que exigem um cartão como garantia para estes casos, e eles bloqueiam 50 a 100 Euros do saldo do cartão, liberando o bloqueio sem cobrança quando você for embora sem quebrar nada, mas novamente pode levar entre 5 e 30 dias para o banco efetivamente liberar o valor bloqueado e você ficar com um monte de dinheiro parado no VTM sem poder usar.

 

Alem disto, alguns cartões pré-pagos não permitem que seja feita esta pré-autorização/bloqueio de valores, por isto as locadoras de carros ou bikes já nem aceitam cartão pré-pago, e no caso do aluguel de bikes e caução nos hotéis/hosteis você não conseguir completar a transação e não conseguir pegar a bike ou o hotél/hostel exigir outro tipo de caução.

Então se você pretende alugar carro ou bike, é bom ter um cartão de  crédito tradicional para estes casos, e no caso dos hotéis/hosteis, a maioria dos locais não cobra a caução, e os que cobram, geralmente permitem que você forneça outro tipo de caução, mas é bom dar uma olhadinha nos detalhes da reserva se você não tiver cartão tradicional e for viajar só com o VTM, para não correr o risco de você pegar justo o único que exige cartão caução no cartão de crédito  como garantia e nãoa ceita outros meios de pagamento.

A caução com cartão de crédito nos hotéis/hostéis é mais comum nos EUA, na Europa não costuma ser muito comum os hotéis/hosteis exigirem cartão como caução, mas nos EUA é bem comum.

Mas no restante das situações, o VTM funciona exatamente como um cartão de crédito/débito normal, com a única diferença de que ao invés de o valor das comrpas vir na fatura do próximo mês, ele é descontado do saldo do cartão.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 horas atrás, Rafael_Salvador disse:

@felipeocr Cara, cartão normal seria Cartão de credito? Cartão de credito é a ultima opção a ser usada! Por que você sabe o custo real quando sua paga a fatura... ou seja, se o dólar der um salto você entra pelo cano...

Como te falei o Travel Card funciona perfeitamente. Atrações, bares, restaurantes... até para comprar ticket de transporte publico nas maquininhas! 

É bom você ter em especie para lugares que só trabalham com dinheiro, e são poucos.

Imagina que voce leva tudo em dinheiro... vai andar o tempo inteiro com  TODA sua grana na mão? Vai deixar dentro de um quarto compartilhado no hostel? No cofre do hotel? É uma preocupação...

 

Opa, sim Cartão de Crédito. Na epoca que usei era 2010>2011 estávamos em outra realidade, a variação cambial que existia era de 5 centavos e o euro tava 2,30 hehehe.

Você sabe se consigo comprar online (reservar) coisas com o VTM?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
10 minutos atrás, felipeocr disse:

Opa, sim Cartão de Crédito. Na epoca que usei era 2010>2011 estávamos em outra realidade, a variação cambial que existia era de 5 centavos e o euro tava 2,30 hehehe.

Você sabe se consigo comprar online (reservar) coisas com o VTM?

Rapaz... não lembro de ter tentado! Você fala tipo que comprar o ingresso da Eiffel ou pagar a reserva de um hotel... So testando.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora



×