Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Parque Indígena do Xingu e Serra do Roncador - MT


Posts Recomendados

  • Membros de Honra

Alguem pode me dar maiores informações sobre o Xingu?

 

Existe esquema de visitação? Como funciona o parque? É aberto para todos ou tem q ter autorização da Funai? Tem alguma opção de hospedagem barata na região (sem ser com as onças?! hehe).

 

Ah, tbm queria saber algo sobre a Serra do Roncador, mapas, localização, hospedagem, etc... qq info é bem vinda!

 

[]'s!

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra

O Parque Indígena do Xingu (PIX) localiza-se na região nordeste do Estado do Mato Grosso, na porção sul da Amazônia brasileira. Andei lendo sobre o parque e diz-se que não é permitido entrar no Parque.

 

Quanto à acomodação, para atender a demanda turistica sei que tem o Xingu Refúgio Amazônico(fora do perímetro do Parque).

 

 

Pode-se dividir o Parque Indígena do Xingu em três partes: uma ao norte (conhecida como Baixo Xingu), uma na região central (o chamado Médio Xingu) e outra ao sul (o Alto Xingu). Na parte sul ficam os formadores do rio Xingu; a região central vai do Morená (convergência dos rios Ronuro, Batovi e Kuluene, identificada pelos povos do Alto Xingu como local de criação do mundo e início do Rio Xingu) à Ilha Grande; seguindo o curso do Rio Xingu, encontra-se a parte norte do Parque (o mapa ao lado indica a localização de todas as aldeias e postos).

 

São ao todo 14 povos indígenas:(Línguas: Kamaiurá e Kaiabi (família Tupi-Guarani); Juruna (tronco Tupi); Aweti (tronco Tupi); Mehinako, Wauja e Yawalapiti (família Aruak); Kalapalo, Ikpeng, Kuikuro, Matipu e Nahukwá (família Karib); Suyá (família Jê); Trumai)

 

Já tive oportunidade de ir em aldeias dos tupis-guaranís e os caiuás.

 

Na mochila, coloque roupas leves e que sequem rápido. Como às vezes chove, a capa de chuva é outro item importante. Protetor solar e repelente são obrigatórios. Calças e camisetas de mangas compridas também ajudam a evitar o ataque dos mosquitos. Vale ressaltar que em caminhadas na mata é imprescindível usar bota. Além de formigas, nunca se sabe quando se encontrará uma cobra. De resto, é aproveitar.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Valeu Dete, mas tá dificil de achar informações sobre tais destinos... o pessoal fica restrito à Chapada dos Guimarães, Bonito e Pantanal, e esquece desses outros lugares. Pelo que li, a Serra do Roncador parece ser um lindo lugar, e o Parque do Xingu tem uma história incrível.

 

Pena q ainda não apareceram dicas mais "praticas" sobre a região.

 

[]´s

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 8 meses depois...
  • Membros

Nobres e bons Companheiros,

 

Olá, para todos. Estou planejando conhecer a Serra do Roncador em janeiro. Gostaria de saber informações de quem já foi para aquelas bandas ou mesmo já leu a respeito. Como é o clima nesse período? Existe um Parque com infra-estrutura no local? Como é o esquema para as trilhas: dá para fazer sozinho ou só com guia? Alguém conhece algum site específico onde existam mais informações?

 

Abraços

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 3 meses depois...
  • Membros de Honra

Pelas informações que tenho para entrar no parque nacinal do xingu e visitar aldeias é necessário uma autorização da Funai e é um pouco complicado de conseguir. Na teoria só entra lá quem está ligado algum órgão ou projeto do governo fazendo algum tipo de pesquisa ou trabalho de assistência às aldeias. Também sei de alguns grupos religiosos conseguem autorização para contato com as aldeias. Não é um lugar aberto a visitação como outro parques nacionais. Lá é uma reserva indígena e os índios, pelo menos a maioria dos líderes, não quer visitantes fazendo turismo nas aldeias.

Você pode visitar com mais facilidade as aldeias que ficam na região mas fora dos limites do parque.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Nobre e bom Samuel,

 

Bom saber que você não desistiu do Roncador. Meus planos de ir agora em julho furaram em função de trabalho e grana. Talvez fique para o ano que vem.

 

Sobre hospedagem no Roncador você encontra lugares baratos em Barra do Garça, que é a entrada da Serra. Mas se você tiver indo de carro o ideal é ficar na propriedade do Mauro, localizada num lugar chamado bico da serra. Ele cobra barato por uns chalezinhos... e você pode inclusive acampar. Aí, sim, você está aos pés do Roncador... e de carro, podes conhecer lugares super-legais. A chácara do Mauro fica a caminho de Nova Xavantina...uns poucos quilômetros além do Vale dos Sonhos. Diversas pessoas chegaram lá através dos texto que eu disponibilizei no site... para todas valeu à pena. Sobre mapas e maiores informações, são escassos. Se você clicar no google: "roncador barra do garça" você pode buscar um site que eu já achei com diversas informações... inclusive de lugares para conhecer.

 

Sobre o Xingu. As visitas às aldeias tem se transformado num programa complicado. Ouvi vários relatos de grupos que tiveram que deixar seus carros e pertences nas aldeias, sequestrados pelos índios. Nem sei se contato com a Funai resolve. Me parece que existem ongs que organizam visitas. Mas maiores informações tem que ser no local... ou então num contato quente.

 

Nobre, boa sorte e tudo de bom! Abraços,

 

André.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Obrigado André... pra ser sincero, tenho mais interesse na Serra do Roncador do que nas aldeias do Xingu, ainda mais por essas 'complicaçoes' que vc citou (e outras pessoas com quem fiz contato tb já me disseram sobre esses problemas).

 

Agora, o Roncador ainda está nos meus planos... só não sei quando vou conseguir concretizar, mas não desisti não!

 

[]'s!!!!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 6 meses depois...
  • Membros

Aew qdo eu era mais novo fui umas 4 vzs pro xingu pescar com meus tios, pois meu tio tem uma fazenda que por rio sao 100km do xingu, qlq coisa tamos aew conheço bem a rota por rio, mas tem uma parte que num pode acampar nem entrar sem permissão dos indios(pq la quem manda e eles a FUNAI num apita nda eles fazem o que querem)e se eles te pegam la ja era matam mesmo então a gente ia de barco parava e ia R$pedir pros indios é assim que funciona pra ficar la e pescar se eles te autorizarem vc pode ate mora la se vc quiser, bem acho que eh isso aew! espero que tenha ajudado..

  • Gostei! 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 4 semanas depois...
  • Membros

A verdadeira história da região do Xingu contada por quem a explorou, por quem a descobriu: "EXPEDIÇÃO RONCADOR" - maravilhoso livro com mais de 700 páginas, escrito pelo irmãos Villas Boas, famosos sertanistas brasileiros.

Vão ver como surgiram muitas das cidades existentes lá no Mato Grosso, como por exemplo a cidade de Água Boa, um dos primeiros pontos escolhidos para acampamento porque tinha um riacho com "água boa", limpa e refrescante. Tudo começou em Barra do Garças, divisa entre Goiás e Mato Grosso. Vão saber sobre o Rio das Mortes e Cristalino e também sobre um outro rio que tem nome parecido com um rio nos Estados Unidos, provando que a lingua Tupy Guarany é a lingua mãe dos povos indígenas. É o Rio Suiá Missu e nos EUA há o Rio Missuri. Há também uma cidade com nome Suiá Missu.

Trata-se de um livro de pura história, daqueles livros que vc não quer parar de ler. Lembro-me de que me senti um nada quando estava lendo esse livro. Vão saber o que é um Trekking de verdade. Bom proveito.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 anos depois...

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...