Ir para conteúdo

Buenos Aires - Abril 2012 - 5 dias


Posts Recomendados

  • Membros

Introdução

Em Janeiro a TAM estava com diversos trechos na América do Sul com promoção para resgate de pontos, algo em torno de 4000 ou 6000 pontos por trecho, ou seja uma viagem de ida e volta por 8000 pontos era uma oportunidade imperdível.

Meu destino era para ser Caracas, sou louco para conhecer a terra do Hugo Chaves por diversas razões, tanto pela cultura, praias e pelos ônibus (meu hobby). Após ler aqui no Mochileiros.com descobri que na Venezuela quase não se aceita cartão de crédito e usando eles entraria na cotação oficial ou seja 4 Bolivares para 1 dolar e descobri que no câmbio negro a cotação duplicava 8 bolivares para 1 dolar. Mas como eu tinha pouca grana resolvi mudar o destino e acabei ficando com Argentina.

 

Aeroporto - chegada - ida ao hostel

Fiz a viagem com a minha esposa entre os dias 11 e 16, embarcamos de TAM as 20:30 em GRU em um A320 e as 23:25 pousamos em EZE. Havia pesquisado que EZE é bem longe da Capital e o taxi custa entre 160 e 200 pesos, porém como a minha chegada foi as 23:30 com o processo de alfândega e malas, saímos no saguão 00:00. Logo na saída fui "assaltado" o Banco de La Nacíon onde iria fazer o câmbio de reais para pesos, estava sem sistema sobrando apenas as casas de câmbio que tinham a "maravilhosa cotação de 1,99", quase caímos duros, mas precisava de um pouco pelo menos para chegar ao Hostel.

 

O Taxi Ezeiza cobra 198 pesos até o centro, já havia até feito reserva, mas vi que o ônibus da Manuel Tienda Leon ainda funcionava e partiria as 01:00 por 70 pesos cada e ainda deixava no hostel, acabei optando pelo ônibus. Uma Van nos levou e em menos de 30 minutos estavamos no terminal da empresa onde fomos alocados em um carro que nos deixou na esquina da Florida, onde ficariamos no Hostel Florida Suites.

 

Buenos Aires - Passeios - Zoo Lujan

Levamos mil reais para gastar lá e também o cartão de crédito. Havia reservado um quarto MIX para 4 no Florida Suites, o quarto estava vazio porém o cheiro de cigarro era insuportável e o banheiro estava totalmente poluído, horrível. Como já era 2 da manhã dormimos e logo pela manhã fomos reclamar na recepção e acabamos optando por um quarto Double, saiu o dobro do inicial mas vale a privacidade. O Quarto era grande, tinha cheiro bom e estava bem limpo, além de uma ducha muito boa.

Na quinta após o "assalto" da casa de câmbio seguimos até a Rua Sarmiento onde tem diversos bancos e casas de câmbio e trocamos mais real em peso pela cotação de 2,35 (uma larga diferença do aeroporto).

Andamos por todas as ruas da região para conhecer e também procurando algum lugar pra comer empanado e achei uma casa que vendia empanados maravilhosos por 6 pesos cada. O lugar chamava Sérgio e fica em uma travessa da Florida, muitos executivos comprando e levando. Vale a pena.

Ainda neste dia andamos até a Casa do Governo onde havia um protesto com ruas interditadas e muita policia, sorte a nossa que pudemos andar na rua totalmente livre.

20120417112131.JPG

 

20120417112251.JPG

Na sexta fomos ao Zoo Lujan, reservei o FABEBUS na quinta e embarcamos as 9h30 pelo custo de 28 pesos por pessoa cada trecho, viagem super rápida e confortável. Na chegada ao Lujan reservei a volta para 14h30. Deixo a dica: Chegar cedo ao Zoo é a melhor opção pois os grupos de turismo chegam as 11, então chegando cedo não tem filas para entrar nas jaulas e os bichos estão tranquilos (mansos, dopados, sei-lá).

 

Nossa opinião sobre o ZOO, quem é defensor de animais é melhor nem ir, pois não quero entrar na discussão mas parece que os bichos estão dopados e recebem maus tratos. Mas a visita é bacana, passar a mão no Tigre, Leão, Elefante, Chimpanzé é bem emocionante. Leve algo para comer pois os produtos lá dentro são caros e 4 horas são ideias para todo a visita.

Gastos para 2 pessoas em pesos: 112 de transporte FABEBUS + 200 de ingresso: 322 pesos ou R$137,00 (2,35).

 

20120417113306.JPG

 

No sábado optamos pelo ônibus turístico de dois andares, as 09h30 fomos até a central de vendas na Av. Corrientes (loja vazia) e por 90 pesos cada compramos os tickets por 24h mas só havia vagas no ônibus das 13h, enquanto isso resolvemos andar pela região e decidimos almoçar, ao meio dia na Rua Sarmiento encontramos um restaurante Chig Ling de comida por kilo. 2,60 cada 100 gramas com muitas opções argentinas e chinesas. Como minha esposa dez redução de estômago ela come pouco então vale a pena. Gastamos 22,50 pesos com uma Coca-Cola de 600ml. Valeu a pena.

Seguimos para o embarque do ônibus e foi super rápido e sem filas(não deixe pra comprar o bilhete naquele local é muito cheio e demorado, compre nas casas de informações turísticas). Alguns ônibus são totalmente abertos e outros tem uma lona de proteção contra chuva e sol, vale a pena ver a temperatura no dia para não passar raiva com o Sol e nem com o vento.

O ônibus é a melhor opção para conhecer a cidade, você desembarca onde quer e fica o tempo que quiser. No dia o meu ônibus foi o último a passar pelo Caminito e pelo estádio do Boca por causa do jogo. Descemos em diversos lugares e aproveitamos bem o dia e a cidade.

20120417114512.JPG

 

No domingo fomos dar uma volta de Metrô e ao entrar na estão Catedral não sei o motivo mas a catraca estava livre e segurança logo nos pôs pra dentro da plataforma sem pagar e já embarcamos no trem que também estava parada. Sistema bem judiado mas nada diferente do sistema de NYC.

No almoço queriamos comer um Choriço e após andar, andar e não querer entrar onde tinha muito turista e nem muita propaganda, achamos na esquina da Tucuman com Esmeraldo se não me engano um restaurante chamado LA NUEVA FAROLA DEL CENTRO que oferecia prato executivo onde optamos por um Choriço com batatas fritas + um refrigerante e + a sobremesa por 53 pesos por pessoa. O serviço foi sofrível por ter apenas 1 garçom no atendimento mas o prato foi perfeito, a carne estava no ponto e muito suculenta com batatas maravilhosas, valeu muito a pena.

 

Resumão

Viagem para casal com bilhetes aéreos emitidos com pontos, total de 16000 pontos. 4 dias inteiros e mais meio dia. Hospedagem econômica no Hostel Suites Florida, passeios e comidas de modo econômico também.

Deixo algumas dicas: Comida por kilo nos restaurantes da Rua Sarmiento tem custo baixo e boa qualidade.

Zoo Lujan, chegar cedo é a melhor opção e 4 horas ta de bom tamanho, não é tudo aquilo que dizem. Os animais aparentemente sofrem ou são dopados, mais isso deixo para cada pessoa tirar sua conclusão. Melhor forma de ir FABEBUS ou Linha 57 da empresa Atlântida.

Alimentação vai do gosto de cada pessoa, mas por kilo sai barato e procuro lugares onde tem mais nativos e menos turistas. Refrigerante tem preço muito variado e as vezes muito caro.

Passeios: Andar a pé, metrô e ônibus urbano. Ônibus de dois andares de turismo vale a pena.

Compras tudo muito caro, quem puder e tiver com compre no EUA.

 

Espero poder ajudar e quem tiver dúvidas ou comentários será um prazer.

William e Lya

20120417121125.JPG

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 30
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Colaboradores

Parabéns pelo relato. Muito bom.

Irei a Buenos Aires em julho com minha mãe. Ficaremos em San Telmo no Circus. Chegou a conhecer?

Me diz uma coisa, esse valor que você falou que a empresa de ônibus cobrou do Aeroporto até o hostel foi para os dois?

Sabe dizer o gasto total lá ?

Também vou com pontos 8 mil ida e volta e chego no mesmo horário que você chegou.

Além disso minha viagem também vai ser econômica.

Um abraço!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Olá Ricardo D. e rpn

 

O valor do ônibus da Manuel Tienda Leon foi de 70 pesos para cada, ficando mais barato que o TAXI EZEIZA que cobra 198 pela corrida.

Vale lembrar que quando for comprar o bilhete no guichê peça transporte até o seu hotel, pois se não eles te deixam no terminal da empresa e tem que pagar pelo complemento.

 

>>Sobre a grana, verifique no dia do seu embarque como ficou a cotação se possível troque no Banco de La Nacion no aeroporto pois geralmente tem a melhor taxa. Procure estabelecer uma meta para os gastos por dia, pense em alimentação, transporte e despesas extras. Procure fugir de locais que são feitos para turistas, a diferença de preço chega ser quase 80%.

Se quiser conhecer a cidade gastando pouco pode usar os ônibus urbanos que vão para diversos lugares e o Metrô ou então reserve 90 pesos por pessoa e pegue o ônibus de dois andares que circula toda a cidade, vale muito a pena o custo benefício.

 

Na minha viagem (2pax)eu havia programado ficar em quarto coletivo no Hostel o que daria um total de 377 reais, mas após as condiçoes do quarto optamos por upgrade pra quarto privativo e tive que desembolsar mais 300 reais.

Levei 1000 reais para trocar por pesos, no aeroporto troquei 200 na na cotação de 1,99, no outro dia troquei na casa de cambio na rua Sarmiento mais 400 reais por 2,35 e na sexta troquei mais 350 reais na cotação de 2,28.

Gastei 1000 reais e um pouco no cartão mas cosia pouco em torno de 200 reais.

 

Caso queira fazer Luján reserve 156 pesos por pessoa (indo de FABEBUS).

Caso queira fazer o tour no ônibus de dois andares reserve 90 pesos por pessoa

Caso queira comer um bom chouriço reserve em média 60 pesos por pessoa

Caso queira trazer alfajor recomendo o CACHAFAZ por 33 pesos a caixa com 6 ou então vá até o CARREFOUR e compre um saco que vem com 6 da marca GUAYAMALLEN por 8 pesos e não perde em nada pros famosos CACHAFAZ E HAVANA.

 

Abração

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...
  • Membros

Oi Willis, eu adorei o seu relato! bem detalhado!!

Estou inda á BAs em setembro e vou ficar por 8 dias. Vou desembarcar no aeroparque e me hospedar no Hotel suíte florida em quarto coletivo mesmo.

Os passeios serã na maioria todos feitos á pé, já traçei vários roteiros.

Pretendo passar 1 dia em Colonia, pois dizem que é um passeio imperdível.

Seguindo conselhos de outros mochileiros, vou comer em restaurantes á kilo, mercados municipais e também preparar minha própria comida no hostel.Vou reservar apenas um dia pra comer num restaurante legal.

Não pretendo fazer compras á não ser algumas lembrancianhas e alguns alfajores!!rsrsrs

Não vou levar cartão de crédito nem débito, talvez um com limite bem pequeno só pra alguma emergência.

Já tenho as passagens.

Vc acha que com 2.000,00 eu consigo passar sem problema????

Não quero passar por apuros por falta de grana, estou planejando bem antes e contando com dicas de quem já foi.

O intuito da minha ida é de apenas explorar e tirar muitas fotos.

Conto com sua dica.

Um abraço.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Oi Antonia,

 

Buenos Aires é uma cidade muito agradável e vale a pena o passeio. O Hostel Suítes Florida é muito bom e sua localização melhor ainda pois da a possibilidade de diversos passeios a pé e de metrô com 3 estações super perto.

 

Com R$ 2000,00 você vai passar muito bem e poder fazer os mais variados passeios e comer bem também. Uma dica sobre restaurantes por kilo, na Calle Sarmiento que fica muito próxima do Hostel você encontra diversos restaurantes por kilo e com muita variedade.

 

Acho bacana o city tour com o ônibus de dois andares, uma ótima opção de passeio com informações sobre cada local. (Dica: Se tiver frio leve agasalho pois o vento na parte superior do ônibus é terrível)

 

Vou deixar uma opinião pessoal sobre Alfajor: Experimentei praticamente quase todas as marcas, gostei muito do Cachafaz tradicional (sem cobertura de chocolate) porém a caixa com 6 custa em média 33 Pesos, para presente eu encontrei no Carrefour uma marca chamada Guayamallen que não vende em caixa mas em pacote e tem praticamente a mesma qualidade dos mais famosos e seu sabor é muito bom e o melhor custa em torno de 7 pesos o pacote com 6 no Carrefour.

 

Estou a disposição para qualquer dúvida e aproveite bem a viagem e tire muitas fotos.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra

eai Willy, valeu pelo relato !!

ainda ñ conheci esse Guayamallen, sempre trago os jorgitos tb comprados no carrefour, vale muito mais e tb são tão bons qto os mais famosos.... são tantos alfajores q cada um tem seu preferido kahakuakhuhauh

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

É Verdade Pedrada, são muitas as opções e a maioria de dar água na boca. Mas prefiro os que são praticamente impossíveis de encontrar no Brasil. Havana você encontra em aeroportos e shopping e também em lojas de gente rica, já os tipicamente argentinos só na lembrança do sabor maravilhoso.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra

Coincido com Pedrada referente a Jorgito. E mais ricos são ainda os Alfajorcitos Jorgito são excelentes dentro das opções de alfajores econômicos. Se vendem em um Pack de 6.

Mais também coincido em que cada um tem sua preferência entre tanta variedade. Existem mais de 100 marcas de alfajores; cosa lógica em um pais onde se comem 6 milhões de alfajores por dia!

 

20120510112928.jpg

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


×
×
  • Criar Novo...