Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Relato Europa Finalizado (Munique, Praga, Berlim, Amsterdã, Bruxelas, Londres, Paris, Roma)-2012/2013


Posts Recomendados

  • Membros

Fala Gabrieh, td certo?

Depois de acompanhar seus relatos aqui e muits pesquisas no fórum e outros blogs,estou quase fechando o meu roteiro.

Como disse anteriormente,ele é bem semelhante ao seu, iniciando por Munique tbm (oktober), praga,berlim, amsterdã, bruxelas?? (vc não chegou a fazer uma parada pra conhecer lá ne?), londres,paris e provavelmente Barcelona ao invés de Roma. Queria dedicar roma e demais cidades italianas para uma viagem futura.

Tenho algumas dúvidas: de Amsterdã vc optou pegar o trem para Londres e depois para Paris e de lá avião para Roma. Algum motivo especial?Preço? Pq pelo o que eu li muita gente vai de trem de Amsterdã primeiro para Paris e só depois para Londres.

De Munique para Praga provavelmente irei de ônibus tbm,assim como vc.A diferença de valores em relação ao trem é tão grande assim?Eles vendem a passagem do ônibus antecipadamete pela internet,assim como para os trens, ou vc comprou estando lá?

Abraços

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 157
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros
Fala Gabrieh, td certo? Depois de acompanhar seus relatos aqui e muits pesquisas no fórum e outros blogs,estou quase fechando o meu roteiro.

Como disse anteriormente,ele é bem semelhante ao seu, iniciando por Munique tbm (oktober), praga,berlim, amsterdã, bruxelas?? (vc não chegou a fazer uma parada pra conhecer lá ne?), londres,paris e provavelmente Barcelona ao invés de Roma. Queria dedicar roma e demais cidades italianas para uma viagem futura.

Tenho algumas dúvidas: de Amsterdã vc optou pegar o trem para Londres e depois para Paris e de lá avião para Roma. Algum motivo especial?Preço? Pq pelo o que eu li muita gente vai de trem de Amsterdã primeiro para Paris e só depois para Londres. De Munique para Praga provavelmente irei de ônibus tbm,assim como vc.A diferença de valores em relação ao trem é tão grande assim?Eles vendem a passagem do ônibus antecipadamete pela internet,assim como para os trens, ou vc comprou estando lá?

Abraços

 

Ei Diogo...td blz!

A Rota = Amsterdã - Paris - Londres realmente é a mais fácil e lógica... Qto ao preço se houver diferença, acredito que seja mínima... portanto melhor seguir o roteiro que mais te agrada. A grande vantagem desta Rota é: Se for o fim de sua viagem vc só passa pelo controle de Imigração 2 vezes. Porém, se este não é o destino final de sua viagem (no meu caso p. ex eu voltaria para Roma, não vejo tanta diferença)... No meu caso em particular fui para Londres antes pq era fim de ano e queria passar o Reveillon lá. Os relatos sobre o Reveillon em Paris não foram os mais animadores... :|

Faça um comparativo de preços e veja também eventos etc que estejam acontecendo nos dias de repente vc encontre um motivador para fazer um ou outro.

 

Munique - Praga eu fiz de ônibus pq seria num horário que me daria mais tempo em Praga (saída 01:00hs madruga de Munique)- Como não fui a Fussen essa opção nem se mostrou tão valiosa pq meu tempo em Munique foi suficiente para ver td que eu queria. O preço foi parecido, porém o trem noturno de Munique pra Praga era bem mais caro e demorado (lembrando que eu comprei pela student travel, tem um site tosquinho...mas comprei por ele e foi tranquilo...). Não deixe pra comprar na hora... Qdo peguei ele estava LOTADO!

 

Até...

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

7º Dia - Berlim

 

Finalmente cheguei a Berlim, quando pensava numa trip pela Europa esta juntamente com Londres e Paris eram os lugares para mim considerados inegociáveis e imperdíveis. Berlim não tem o que falar, é cosmopolita, histórica... a cidade carrega mais história contemporânea que qualquer outra no planeta! Berlim no entanto exige tempo para conhecer...e nesta parte confesso que 3 dias inteiros foram insuficientes... Consegui fazer bastante coisa, visitar todos os lugares desejados...mas faltou um tempinho para curtir mais a cidade. Bom motivo para voltar!!! ::otemo::

 

Quando cheguei já estava escuro, era por vota de 20hs. A estação central parece um shopping: lojas, fast foods, etc. Primeira medida era ir ao centro de informações turísticas. Meu objetivo era comprar um passe que me desse transporte livre pela cidade. Este passe custou um pouco caro (30E +/-), mas valeu super à pena... Passes livres sempre penso que são um bom negócio ::cool:::'> . Não me arrependi de nenhum que comprei, arrependi sim...onde não comprei. O guichê tava vazio, e o senhorzinho teve tempo pra me explicar cada um e suas vantagens... bem há um passe que dá direito a museus..mas eu não saberia se meu tempo seria suficiente então larguei mão. Pedi um mapinha ele me ofereceu um que custava 1 euro... e me falou que tinha um outro lá que era grátis... optei pelo mapinha free...e ele me olhou com uma cara estranha e me deu o mapa pago e falou algo em alemão, o que eu interpretei como: Leva de graça seu pobre! mas... não me envergonhei e agradeci o mapinha free. :D Ele me indicou onde pegar o ônibus, era bem de frente à estação. Agradeci aos céus ser tão pertinho, afinal eu estava com meu set de malas. Quando saí o frio era de trincar os ossos... ::Cold:: nunca senti tanto frio (mas como ressaltei a todos que perguntam - suportável). Td estava branquinho, vários carros foram deixados estacionados nas ruas ou estacionamentos completamente cobertos por neve. Andar na neve arrastando a mala foi complicado.. fica agarrando e ao mesmo tempo vc se preocupa em não cair, escorregar... mas eu tava adorando td aquela novidade. Em Berlim realmente vc se sente na Alemanha, não que Munique não tenha os traços, Berlim no entanto por ser mais metrópole te faz encarar os mais diversos tipos que se pode imaginar. hehe. Alguns minutos de espera e o relógio marcando o horário de chegada de ônibus finalmente marcou que ele deveria chegar. Fiquei pensando, ah...trem ainda vai, mas ônibus? como vão ter certeza do horário... enfim qdo o relógio bateu o horário exato de chegada e ele não apareceu, pensei... sabia... foi o tempo desse pensamento passar pela minha cabeça e o ônibus encostou. ::xiu:: Vc não precisa dar sinal, basta ficar no ponto que o motô para pra vc. Já tinha visto no site do hostel como fazer para chegar ao mesmo e do ônibus seria fácil e realmente foi...em 15 minutos eu chegava ao WOMBATS. O staff foi simpático (achei a turma de Munique mais legal) e me indicou onde ficar e tals. O quarto era muito bom... este hostel realmente é super recomendado... tinha até uma mesinha com pufs no quarto (perfeito prum carteado...mas arranjar parceiros prum truquinho ali seria difici). Um carinha entrou no quarto e logo me reconheceu do ônibus.. ele tbem tinha pegado o mesmo que eu. Muito jóia ele, se tornou meu companheiro de balada... Ele era holandês e estava ali pra conhecer a cidade antes de se mudar para os EUA. (Coisas de Europeu... Véspera de Natal e vc deixa sua família pra viajar sozinho, exatamente antes de se mudar para outro continente). Achei graça e comentei com ele. Ele foi super gente boa e tentou me passar umas dicas de Amsterdam...porém deu pra ver que ele não conhecia muito o circuito turístico...

Tomei banho e decidi que era hora de fazer a 1ª rodada de lavagem de roupas... Desci atá a lavanderia e confesso...não nasci para essas maquininhas ou devo ser mei burro...pq não funcionou... coloquei meu din din lá, xuxei as trouxas e... nada. As instruções não eram claras, e não sabia qual opção selecionar etc etc...Perdi um tempão só tentando ligar. Fui até a recepção e um carinha gente boa me respondeu em bom Português o que fazer. Pergunte de onde ele era e ele informou que era da Alemanha mesmo...inacreditável. Ele falava com pouquíssimo sotaque. Pior que informou que estudou um pouco e logo aprendeu a falar? comassim? (detalhe sórdido - este é o 2º Alemão que me fala que aprendeu português com pouco tempo de estudo). Bem, voltei à lavanderia, enfim a máquininha funcionou. Resolvi aproveitar o intervalo para dar uma organizada nas minhas coisas. Trocando uma idéia com meu novo friend. Resolvemos ir ao Bar. O Wombats tem um bar muito bom. Cerva da boa, há uns intervalos de happy hour com preços reduzidos... etc. Bebi bastante até que lembrei da minha roupa. Novamente outro processo para secagem e volta ao bar. Estava lotado de brasileiros. Muitos mesmo...acho que era a maioria neste hostel. Finalizei com minhas roupas e voltei pro Bar. Fiquei até fechar (fecham cedo 1h acho), dei uma passada rápida num restaurante próximo ao hostel. Um árabe, me empanturrei de humus e pão sírio. Bem já estava tarde eu já tinha aproveitado bastante era hora de dormir. Berlim prometia ser um lugar realmente marcante! ::hahaha::

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
Fala Gabriel,

Bruxelas - 2 dias (incluindo daytrip para Bruges)

Amsterdam - 4 dias

Berlim - 5 dias (incluindo daytrip para Postdam)

Dresden - 1 dia

Praga - 4 dias (incluindo daytrip para Cesky Krumlov)

Budapeste - 3 dias

Viena - 4 dias (incluindo daytrip para Brastislava)

Salzburg - 2 dias

Munique - 4 dias (incluindo Fussen e Dachau)

 

Estou esperando abrir para jul/ago (dizem que são com 90 dias) para pesquisar se vale a pena comprar algum passe ou passagens avulsas mesmo. Talvez ainda colocar lowcost entre AMS-BER ou PRA-BUD que seria o maiores percursos. O que vc acha?

 

Você poderia também informar quanto vc gastou durante os 3 dias em Praga, convertendo para Euro ou Real?

 

Outra coisa, em Munique vc acha que daria para fazer Garmish-Partenkirsh e Fussen no mesmo dia, em se tratando de verão? Há algum modo de se juntar os dois ou ficaria cansativo?

 

Obrigado.

 

Seu Roteiro ao meu ver está muito bem distribuído. Como não fui a alguns destes lugares sugiro abrir um tópico próprio, para que outros que foram a estes lugares possam te ajudar.

Como seu roteiro inclui várias day-trips vale a pena comparar os preços passes x avulsos. No meu caso como foram utilizados apenas para cruzar países, não achei que valeu a pena. O problema são estes países do leste que não sei te falar quais aceitam ou não o passe.

Praga eu gastei aproximadamente 70 Euros/dia (Td incluso)... e olha que comprei umas tralhas, comi bem, bebi bastante, e fui à diversas atrações pagas.

Não fui à Fussen, portanto não sei te falar... notório no entanto que todos que foram no hostel em que eu estava chegaram bem cansados e fizeram apenas Fussen. Acho melhor programar em princípio pra fazer em dias separados.

 

Boa Viagem! Abss

 

 

Opa Gabriel,

 

Obrigado por responder.

 

De fato, Garmish é um tanto complicado juntando com Fussen, deixarei pra outra vez, dizem ser melhor no inverno por causa das montanhas, ficarei com Fussen apenas.

 

Em relação aos passes de trem, estou percebendo comprar avulso msm, com antecedencia sai mais em conta. Mas, mesmo para futuras viagens suas ou alguem que tenha a mesma dúvida, o passe é aceito em todos os países que pretendo visitar. Eu sei que na Polônia ele não vale.

 

Berlim parece ser excelente msm, vi q vc já comecou o relato de lá e disse q achou 3 dias pouco. Coloquei 5 dias inteiros (ainda mais no verão) pra poder ver mto de lá e ainda acho que devo sair de lá imaginando que faltou algo ::lol4:: Em outro tópico, um camarada que passou 5 dias lá me informou sobre o Welcomecard e o Citytourcard que junta viagens ilimitadas de metro/tram/onibus, descontos em vários locais e poderiam conter os museus, separados em 2, 3 ou 5 dias. Deve ter sido um desses que vc conseguiu.

 

No mais, estão excelentes os relatos. Abraço!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Insônia = Relato :shock:

 

8º Dia - Parte 1

 

Acordei cedo para começar meu roteiro programado por Berlim, embora eu já estivesse na cidade desde a noite anterior não conheci nada da cidade. Dois sites que recomendo com dicas de Berlim são: "Alemanha porque não" e Viva Berlim ::cool:::'> . O dia estava programado para muitas atividades então o jeito era fazer um bom café da manhã. O hostel oferece por uma taxa (3,5E axo) um brunch completo que vale muuuito à pena. Como era um Domingo, minha intenção inicial era visitar um famoso mercado de pulgas que só acontece aos domingos no Mauerpark. Pra chegar lá foi bem simples pq o metro era direto. O metrô é muito bom de andar, fácil de se conectar e os mapinhas ajudam muito. Não se pode esquecer de validar os tickets pois se for pego nas "blitz" tem multa, sem desculpinha do tipo não sabia, ou "I am tourist". Como já havia validado meu passe na noite anterior no ôns que peguei, não foi necessário fazê-lo novamente. Nevava bastante, o que dificultou um pouco encontrar o local... e chegou a ser hilário minha ida ao mercadinho, pois apesar de estar funcionando normalmente, tava bem dificil visualizar as "ofertas" pois a neve não permitia. Mesmo assim, recomendo muito. O mercadinho é a cara de Berlim, muita coisa diferente, muitas tralhas, etc... comprei umas coisinhas inúteis que eu gosto, tinha muita coisa legal, mas eram pesadas demais (sempre que via algo legal lembrava de minhas malas e logo desistia) ::putz:: . Tinha umas maletinhas de metal...acho que eram de soldados, muito da hora, inútil, mas sendo de lá...Infelizmente não pude trazer. A visita ao mercado foi rápida coisa de 1h e eu já estava voltando pro metro. Este dia em termos de frio e neve foi o mais trágico de toda viagem, algo em torno de -10ºC ::Cold:: ...mas de alguma forma compôs o cenário. Dali eu fui para o Topografia do Terror, uma espécie de Memorial da 2ª Guerra, mais focado nas forças militares ::grr:: - Gestapo, SS, etc. IMPERDÍVEL! Tem informação de todo período da Guerra, pra quem é interessado no assunto prepare-se pra ficar horas...como eu... O mais legal é que ele fica próximo à uma área intacta do Muro de Berlim. Por ali havia no subsolo uma espécie de Quartel General de Hitler. Dá pra descer no espaço, porém como a neve estava muito alta, a área foi fechada... fiquei com a intenção de voltar depois, mas infelizmente o tempo foi corrido e não consegui. Gastei (ou Ganhei) um bom tempo ali, valeu cada minuto pois vai de encontro ao que gosto. Como não podia ser diferente encontrei uma turma de brasileiros de Porto Alegre, que estavam bem mais à vontade naquele frio do que eu. Trocamos umas idéias e aproveitamos para fazer um lanchinho bem ali perto. Sanduíche de salsicha pra variar...ok a comida na Alemanha não é a mais variada...mas é tãaaaao boa! Conversamos um pouco e logo me despedi, pois, meu dia ainda tinha bastante coisa por vir. Eu havia agendado no site uma visita guiada à cúpula do Reichstag. Então era pernas pra que te quero (ainda doloridas de minha subida à torre da catedral no castelo de Praga). ::hãã2::

 

Abrass aos viajantes!

 

Vista do hostel com a torre de TV ao fundo

8636868748_f8834a07db_b.jpg

Fleamarket Mauerpark

8636865632_b079551dca_b.jpg

Tralhas e mais tralhas...

8635761115_bb68bc9280_b.jpg

Um dia frio... Será que as crianças sofrem?

8636863858_de0107f6c0_b.jpg

8635759319_bc8eab6b10_b.jpg

Caminho para o mercadinho... Not as expected!

8635762171_8e1b8f0b83_b.jpg

 

8635756459_4f0c969259_b.jpg

Triste mas imperdível! Cartões de cadastramento de Judeus que chegavam aos campos...

8635754079_4d392edd67_b.jpg

Olha ele aí,.. o famoso muro!

8636860724_c97fb33303_b.jpg

8635752967_d3c42cd46b_b.jpg

German way!

8636857354_c1f28b621c_b.jpg

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
Gabrieh, tdb?

Muito legal seu relato, já estou anotando suas dicas (e irei continuar anotando); passarei pelas mesmas cidades, exceto Praga.

 

 

Legal que tá curtindo Emerson... A Europa é realmente um lugar marcante que deixa histórias...e nada melhor que relatar pra recordar e ajudar outros viajantes.

 

Abraços!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

8º Dia - Berlim Parte 2

 

Do Topografia do Terror ao Reichstag (palácio do parlamento) através dos restos do meu mapinha que tava todo molhado percebia-se que era uma caminhada possível. Bem, apesar de toda a neve, considerando toda a dificuldade de se andar eu resolvi ir caminhando afinal para vc curtir qualquer cidade ao máximo nada melhor do que andar e andar. Segui pela Wilhelmstrasse. Berlim é incrivelmente limpa, ok tinha muita lama de neve se desfazendo, mas vc vê pouca sujeira, apesar de todas as pichações nos muros e prédios abandonados. Outro detalhe interessante era o trabalho intenso das máquinas que "faziam" trilhos nos caminhos mais utilizados pelos pedestres de modo a tornar utilizável ruas e calçadas. Era por volta de 14e30 e minha visita estava agendada para às 15:45. Meu objetivo era ver o "anoitecer" de dentro da cúpula (aqui vale a dica de ficar atento que no dia que agendei não era possível mas existe uma visita guiada (inglês) e grátis à cupula, tá disponível no site!). Caminhei bastante e por volta de 15:00 estava chegando, quando fui brindado com um local muito marcante, esperado sim, mas não naquele momento... A meia distância pude observar o Memorial do Holocausto, todo coberto de neve. Fiquei muito surpreso e achei muito emocionante... :!: Não parei para visitá-lo pois faria no dia seguinte, e hora marcada lá não é como cá, ou seja, melhor não bobear. Para chegar ao Parlamento passei ainda pelo maior marco de Berlim, O Portão de Brandenburgo - Espetácular por sinal :o - A construção é muito bela, e realmente te coloca, como disse anteriormente, em contato com os maiores acontecimentos da nossa história contemporânea mundial. Quando cheguei ao parlamento a entrada para quem fez a reserva fica na lateral, ticket na mão e... CLOSED! ::putz:: Gentis guardinhas informavam a todos que a neve + chuva que havia caído fez com que se fechasse o acesso à cúpula. Não acreditei, mas fazer o que, felizmente informaram que quem tivesse as reservas poderiam ir até lá, caso melhorasse o tempo, dali 2 dias. Este dia era 23 de Dez, no dia 24 estaria fechado e só reabriria no dia 25. Fica a dica pra quem pensa que não dá pra fazer nada nos domingos e feriados! Bom, sem possibilidades de visitar o jeito foi fazer umas fotos do prédio mesmo e torcer para que houvesse modo de encaixar esse passeio na minha programação do dia 25. Com tempo sobrando resolvi pegar o Ônibus 100 e fazer um tour pela cidade. Este ônibus faz uma rota bem turística em diversos marcos da cidade e o melhor, pra quem quer economizar $ e pernas...faz parte do transporte regular da cidade, ou seja, vc pode usar seu ticket, passe ou mesmo comprar o bilhete normal. Infelizmente com a chuva caíndo e todo embaçamento não foi um passeio tão bacana assim, além disso na hora de descer do 2º andar, escorreguei e paguei maior micão caindo um tombão! Felizmente não foi nada de grave e desci na estação próxima ao zoo (que não fui, pois não faz meu tipo de programa). Peguei um metro pra AlexanderPlatz. Eh uma região cheia de lojas e como estava muito frio queria comprar uma luva boa. Alem disso já havia lido que a Feira de Natal estava superbacana e que valia muito a pena! Há realmente muitas lojas aí... aproveitei para tomar um Gluhwein (viciei nesse trem...) e de quebra ainda fiquei com a canequinha bem legal (mais peso pras minhas malas). Comi umas carnes diferentes com chucrute e voltei pro hostel... Precisava afinal tomar um banho e partir pra bebedeira hehehe Era natal neh? Mais uma vez fiquei no bar do hostel...desta vez me juntei a uma turma super gente de boa do interior de São Paulo, ficamos bebendo lá até sermos literalmente expulsos do bar! Foi muito divertido, sinuca, boa música, cerva e belas mocinhas! ::love:: A noite literalmente foi uma criança.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...