Ir para conteúdo

PERU-Abr 2013-Lima,Arequipa,Chivay,Puno,Cuzco-SUPER dicas


Posts Recomendados

  • Membros

DAM,

 

Meu anjo, obrigada pelas informações.. Valeu demais! Quanto aos preços da Camila estão corretos mesmo. Só não decidi ainda pq acho que o busão tem a "vista", né??? Mas, se eu optar pelas viagens noturnas vou comprar o aéreo mesmo. Economiza tempo. Adoraria colocar minha planilha aqui e meu roteiro, mas não sei anexar nada :/

alguém me ensina??

 

Obrigadão

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 198
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros

Olá!

Assim como a Lu, não sei como anexar arquivos, minhas fotos. Ajuda aí, pessoal!

Dam, eu e o marido optamos por não ir ao canion pois nos apaixonamos por Arequipa. Ainda pensamos na possibilidade de fazer o canion de 1 dia, mas nosso guia desaconselhou. Disse que o horário da ida a estrada é perigosa e, na hora, desistimos..

Não nos arrependemos. Arequipa é uma cidade linda, com muito pra ver e fazer... mas fiquei louca com tuas fotos e teu relato! Na próxima, iremos a Chivay!

Abcs

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

16-04-2013 – Puno – quem faz a viagem é, sobretudo, o viajante.

 

Às 6:30 já estávamos na sala do café da manhã com tudo pronto para irmos à rodoviária de Arequipa. O café da manhã, que normalmente só sai às 7:00, foi antecipado meia hora por pedido nosso na noite anterior (não queríamos correr o risco de chegarmos atrasados e perder o ônibus). Durante o café... decidi separar uns 3 pães e frutas para comer na viagem, vez que não sabia se haveria paradas e tínhamos esquecido de comprar lanches na noite anterior. Daí foi só chamar um taxi (7 soles do centro de Arequipa para rodoviária) e se mandar.

 

A rodoviária de Arequipa não é das mais bonitas. Um prédio antigo, cheio de gente para tudo que é lado e vendedores das empresas de transporte gritando bem alto na tentativa de comercializar passagens como se estivessem em uma feira livre: Cusco, Cusco, Cusco... Puno, Puno, Puno... Lima, Lima, Lima...

 

Desde a noite anterior minha esposa já estava desconfiada com a diferença de preço entre a nossa passagem pela empresa JULSA e o valor da passagem pela Cruz del Sul: 20 soles e 59 soles, respectivamente. Então eu comecei a ficar preocupado... cara... será que é uma furada? Pelos reatos que tinha lido, a JULSA era classificada como uma empresa simples e que atendia bem principalmente para viagens durante o dia. O fato é que... agora era tarde. Embarcamos no ônibus (novo, 2 andares, com banheiro) e esperamos sentados o horário da partida para vermos o que ia acontecer. Ainda bem que estávamos sentados quando o carinha começa a anunciar... JULIACA – Puno, JULIACA – Puno, JULIACA – Puno... ai eu me levantei e perguntei ao motorista se o ônibus passava em JULIACA. E o carinha... “primeiro em JULIACA e depois vai para PUNO”. Daí eu pensei... me ferrei. Li em alguns relatos que a cidade de JULIACA era muito violenta (“a mais violenta do Peru”) e recomendações para ficar longe de lá. Cara... no início fiquei um pouco receoso. Depois lembrei que era Brasileiro e estatisticamente falando... em problemas de segurança somos campeões mundiais. Então foi só aguardar (e rezar), hehehehhehe. O ônibus atrasou um pouco e umas 8:40 saímos da rodoviária (o horário de 8:00 era mera formalidade).

 

Informações exageradas.... o fato é que alguém ouve uma informação “Juliaca é perigosa” e sai espalhando sem apurar os fatos com cautela. Ao passarmos pela cidade notamos o motivo do preconceito... se trata de uma cidade pobre, com casas simples e habitações inacabadas. Nada mais. E outra... descobrimos que TODOS os ônibus que saem de Arequipa para Puno passam obrigatoriamente por JULIACA. Conclusão: a diferença da passagem mais barata (de Arequipa à Puno) para a mais cara, além da poltrona reclinar mais, talvez fosse a pontualidade.

 

Durante o caminho o ônibus realiza uma parada em um posto de descanso no meio da estrada onde as pessoas podem utilizar o banheiro com calma (entenda realizar o nº 2) e para a compra de lanches em vendedores ambulantes. Reparei que várias pessoas compravam um saquinho de nome esquisito que uma senhora vendia. Com minha curiosidade, não pensei em outra... perguntei quanto custava (3 soles) e já fui comprando. Cara... ao retornar ao ônibus constatei que se tratava de uma refeição em um saco: carne e batata (achei que era uma salgadinho, hehehhe). O cheiro não estava convidativo então não deu para comer. Se não fosse o lanche que filamos do Hostal... íamos passar um aperto, vez que já era uma 13:00.

 

Chegando em Puno... de longe já se vê o lindo lago Titicaca. O bacana desta cidade é que colocaram a rodoviária à margem da sua atração principal (o lago), o que facilita em muito a vida do Viajante. É possível, por exemplo, ir de Arequipa para puno... conhecer visualmente o lago da rodoviária mesmo e já pegar outro ônibus em direção a Cusco. E falando de Puno... novamente informações desencontradas entre os relatos que li e o que vi. Diversas pessoas falam mal desta cidade e criticam sua infraestrutura. Cara... para um turista de shopping realmente o Peru não é o melhor destino (é melhor optar por Miami ou algo do tipo). O fato é que a cidade é simples e a rodoviária superou em muito minhas expectativas. Trata-se de um prédio novo, com ampla vista para o lago, equipado com uma pousada no piso superior e uma praça de alimentação bem estruturada. O ambiente é limpo e seguro.

 

Chegamos à rodoviária por volta das 14:00. Daí já negociamos o passeio para ilhas Uros. Pagamos 25 soles com a empresa Sumaya Tours E.I.R LTDA. O dono é um senhor que te atende com toda a atenção do mundo (a loja deles fica no piso superior em frente a única escada de acesso). Depois fomos almoçar uma truta maravilhosa na praça de alimentação da rodoviária.

 

O passeio para ilhas Uros saiu umas 15:50. Pegamos um barquinho em um frio tremendo junto a um grupo onde ninguém se conhecia. No caminho... aquela vista maravilhosa do lago e logo chagamos a uma das ilhas artificiais de totora. Conhecemos seus habitantes, a forma de construção e depois já nos deslocamos para a ilha principal no por do sol. Chegando lá o grupo acabou se reunindo ao redor de um dos integrantes (um cara tipo... bicho grilo gente fina) e ai rolou um luau muito massa. Tem uma música que foi cantada pelo próprio Bicho Grilo que eu achei fantástica (até então não conhecia) e faço questão de publicar aqui:

 

 

Retornando a rodoviária foi só comprar a passagem para Cusco e esperar o horário do embarque (22:00) zanzando pelo local. Sobre as ilhas Uros... cabe deixar registrado que li inúmeros relatos negativos sobre o local e sua população. O que realmente não procede. De fato na alta estação é possível que o barco ancore em ilhas onde a população utiliza apenas para receber os turistas e realmente não more lá, mas em geral as ilhas são habitadas. Falo isto porque em função do improvisado luau o passeio acabou atrasando e saímos de lá umas 19:40 e não notamos sinal de retorno dos habitantes a costa. Pelo contrário... reparei toda uma infraestrutura para habitar neste ambiente: energia elétrica fornecida por painel solar, escola, cozinha razoavelmente estruturada, etc.

 

Galera, este dia foi especial na viagem porque alem de maravilhoso, nos deu um aprendizado para toda a vida: quem faz a viagem é, sobretudo, o viajante. Se fossemos “pela maioria”, não iríamos conhecer este lugar fantástico e vivenciar esta experiência maravilhosa. Desta forma, não se deixe influenciar apenas por relatos. Pode valer a pena ver com seus próprios olhos.

 

Grande abraço e até Cusco.

 

 

Dica 1 - Sobre as malas no ônibus: li uns 2 relatos em que as pessoas diziam para entrar no ônibus com todos os seus pertences, tipo... entrar no bus com aquela mochila gigante de carga e colocar não sei onde... sob o risco de perdê-la porque seria arriscado despachá-la no bagageiro do veículo. Olha... esta informação NÃO procede. Até os ônibus intermunicipais mais simples possuem comprovante de despacho de bagagem e não deixam você entrar com a mochila de carga no lugar destinado aos passageiros. Eu tentei e levei um “escalde”, Hehehehehehehe.

 

Dica 2 – A vista no caminho de Arequipa para Puno é maravilhosa. Se puder, realizem esta viagem durante o dia e nas poltronas 1 a 4 (as primeiras da parte superior do ônibus, com vista panorâmica do trajeto).

 

Dica 3 – Para conhecer o lago Titicaca (ilhas Uros e/ou Taquile), escolha uma empresa de turismo que possua sede na rodoviária. Assim é possível deixar suas bagagens com segurança e sem pagar nada a mais por isso. Optamos pela empresa Sumaya Tours E.I.R LTDA. O dono é um senhor que te atende com toda a atenção do mundo (a loja deles fica no piso superior em frente a única escada de acesso). Gostamos bastante.

 

Dica 4 – Uma excelente empresa para ir de Puno a Cusco é a Tour Peru: 30 soles no assento SEMI cama. Existem outras empresas boas, mas são mais caras.

 

Dica 5 – Não se deixe influenciar pela maioria. As vezes é melhor ir pela sua intuição e constatar com seus próprios olhos.

 

 

Gastos:

- Taxi do centro de Arequipa para a rodoviária: 7 soles

- Passagem de Arequipa para Puno: 20 soles pela Julsa

- Lanche no caminho: 3 soles

- Passeio a ilha Uros: 25 soles

- Almoço: 10 soles

- Passagem de Puno para Cusco: 30 soles pela Tour Peru

- Jantar: 12 soles

598da25ae637f_AIlhaquevisitamos.JPG.fe60be8a88093f8094a1fc3a4f49bf59.JPG

598da25b099cd_IlhasUros.JPG.dc47a0746700dad0441105ff51e040c1.JPG

Puno.JPG.7d1ea97f6c993807abe5099c6b727ad8.JPG

598da25b21395_IndoaPUNO....JPG.ad31a71e825fe32dce0055ee56efb177.JPG

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
DAM,

 

Meu anjo, obrigada pelas informações.. Valeu demais! Quanto aos preços da Camila estão corretos mesmo. Só não decidi ainda pq acho que o busão tem a "vista", né??? Mas, se eu optar pelas viagens noturnas vou comprar o aéreo mesmo. Economiza tempo. Adoraria colocar minha planilha aqui e meu roteiro, mas não sei anexar nada :/

alguém me ensina??

 

Obrigadão

 

Oi Lu,

 

Sobre as informações... relaxa.

 

Para adicionar a planilha: Na hora de postar, clica em “editor completo”. Agora clica em “adicionar um anexo” daí é só selecionar o arquivo que se deseja anexar clicando em “procurar”. Depois clica em “Adicionar um anexo”, preenche a “descrição do arquivo” e finalmente clica em “Enviar”.

 

Passagens... Cuidado com a compra de passagens pela LAN. Verifique no site porque existem passagens mais baratas que são exclusivas para peruanos. É uma forma de estimular o turismo interno.

 

Abraço,

 

DAM

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
Olá!

Assim como a Lu, não sei como anexar arquivos, minhas fotos. Ajuda aí, pessoal!

Dam, eu e o marido optamos por não ir ao canion pois nos apaixonamos por Arequipa. Ainda pensamos na possibilidade de fazer o canion de 1 dia, mas nosso guia desaconselhou. Disse que o horário da ida a estrada é perigosa e, na hora, desistimos..

Não nos arrependemos. Arequipa é uma cidade linda, com muito pra ver e fazer... mas fiquei louca com tuas fotos e teu relato! Na próxima, iremos a Chivay!

Abcs

 

Oi Ana,

 

No post anterior ensinei como postar. Se tiver dúvida é só perguntar.

 

Sobre Chivay... já é uma desculpa para retornar ao Peru. ::otemo::

 

Eu e minha esposa fizemos o contrário... deixamos vário museus de Arequipa para a próxima viagem. :D

 

Grande abraço,

 

DAM

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

olá DAM e demais companheiros,

 

Fiz uma planilha aproximada dos gastos..

 

Quem puder me ajudar, ótimo..

Ah, segue o roteiro também para vocês palpitarem, por favor!

 

Abraços

 

ROTEIRO PERU $ Soles

07/08- Embarque

08/08- Chegada em Cuzco – Aclimatização : Passeios em Cuzco

Compra do Boleto Turístico $ 70

Compra da entrada de Machu Picchu

09/08- Ida a Puno pernoite

Visita a Isla Taquile (?????)

10/08- Ida a Arequipa

Visita ao Canon Del Colcha (1 dia) (?????)

11/08- Retorno a Cuzco $90

12/08 - Visita ao Valle Sagrado

Ollontaytambo: Trem para Machu Picchu

Pernoite em Águas Calientes

13/08- Machu Picchu

Retorno a Cuzco

14/08- Cuzco

15/08- Retorno ao Brasil

despesas moch.xls

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Dam,

 

Li absolutamente tudo que escreveu e estou amando. Quero saber de Cusco, rs!

Eu e meu noivo vamos para o Peru no final de dezembro, é bem provável que passemos o Natal por lá e o Reveillon com certeza (devemos ficar +/- 20 dias). Infelizmente ele não tem férias e o recesso dele é sempre do natal até a primeira quinzena de janeiro.

Nosso roteiro está bem parecido com o seu, precisamos definir a sequencia dos lugares que iremos passar e quanto tempo ficar em cada um. Acho que vamos ficar em Lima mais dias que você, o reveillon em Cusco, Natal ainda não sabemos e pensamos em incluir Huaraz no roteiro.

Vamos chegar e partir de Lima, logo, pensamos em fazer: Lima - Cusco - Águas calientes - Puno - Lago Titicaca - Arequipa - Canyon de Colca - Chivay - Ica - Nazca - Paracas - Huaraz - Lima. Gostaria que opinasse sobre essa sequência.

 

Vou continuar acompanhando seu relato.

Desde já, obrigada!!

 

Beijo,

 

Babi

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
Dam,

 

Li absolutamente tudo que escreveu e estou amando. Quero saber de Cusco, rs!

Eu e meu noivo vamos para o Peru no final de dezembro, é bem provável que passemos o Natal por lá e o Reveillon com certeza (devemos ficar +/- 20 dias). Infelizmente ele não tem férias e o recesso dele é sempre do natal até a primeira quinzena de janeiro.

Nosso roteiro está bem parecido com o seu, precisamos definir a sequencia dos lugares que iremos passar e quanto tempo ficar em cada um. Acho que vamos ficar em Lima mais dias que você, o reveillon em Cusco, Natal ainda não sabemos e pensamos em incluir Huaraz no roteiro.

Vamos chegar e partir de Lima, logo, pensamos em fazer: Lima - Cusco - Águas calientes - Puno - Lago Titicaca - Arequipa - Canyon de Colca - Chivay - Ica - Nazca - Paracas - Huaraz - Lima. Gostaria que opinasse sobre essa sequência.

 

Vou continuar acompanhando seu relato.

Desde já, obrigada!!

 

 

Beijo,

 

Babi

 

 

Oi Babi,

 

Valeu por ter gostado do relato. Sobre o roteiro... eu faria na ordem: Lima -> Paracas -> Ica -> Nazca -> Arequipa -> Chivay (Canon del Colca)-> Puno -> Cusco -> Ollanta --> Aguas Calientes --> Cusco --> Lima. Considerando o trecho Cusco - Lima de avião e os demais rodoviários.

 

motivos:

1- Machu Picchu (MP) para a maioria é a melhor atração do Peru, então pode ficar sem graça conhecer qualquer sítio arqueológico depois de já ter visto MP.

2- Realizando a viagem rodoviária primeiro dá para se aclimatar melhor com a altitude.

3- Proximidade dos locais.

4- Ficar um dia no Vale Sagrado é muito massa. A cidade de Ollanta vale muito a pena.

5- Tiraria Huaraz porque seria uma "contramão" (dá uma olhada na localização no mapa).

 

Abraço,

 

DAM

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


×
×
  • Criar Novo...