Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
wendersonporai

Delfinópolis - MG ( Serra da Canastra )

Posts Recomendados

PERCURSO: Saindo de Praia Grande - SP, de moto, fiz o percurso com 4 paradas rápidas de 15 minutos em média, 500 km percorridos em 7h por Rodovias asfaltadas e com pedágio, sendo que para moto apenas 1 é pago. Já em MG na divisa entre Cássia e Delfinópolis atravessei o Rio Grande de balsa, cerca de 15 miinutos, o valor foi R$ 10 pago na travessia de volta.

HOSPEDAGEM: Iria acampar, mas descobri um Camping que possui uma Cabana com 2 colchões de solteiro, então nem levei barraca. Valor do camping R$ 30 e da cabana R$ 35 por dia. Ótma opção custo benefício e fica na área central/urbana da cidade. http://www.viladelfinopolis.com.br/index.php/fotos

ATRATIVOS: No 1o. dia fui às cachoeiras do CLARO, 7km do camping, percorridos com calma, cerca de 30 minutos. Paguei R$ 20 para acessar as trilhas e cachoeiras. Neste local existe camping e para quem acampa lá o acesso às cachoeiras é gratuito. Como são várias cachoeiras ao longo da trilha é necessário 1 dia para aproveitar bem as águas, trilhas e paisagens.

No 2o. dia fui às cachoeiras do PARAÍSO, que fica 1 km à frente do CLARO ( 8km do centro ), R$ 20 para entrar, é necessário 1 dia inteiro para explorar e apreciar em detalhes as maravilhas desse lugar que faz júz ao nome que lhe foi dado.

No 3o. dia foram dois destinos. Primeiro percorri 22 km de visuais lindos de paredões ( Serra da Canastra ) à perder de vista até chegar nas cachoeiras de MARIA CONCEBIDA, R$ 30. Depois segui mais 11km à frente rumo às cachoeiras do OURO, R$ 25. Os dois atrativos foram contemplados em apenas 1 dia, mas sugiro que seja ágil para poder aproveitar bem os atrativos. Ou, melhor ainda, 1 dia para cada atrativo.

ALIMENTAÇÃO: Café da manhã em padaria R$ 15, jantar com bebida em restaurantes em média R$ 40.

SEMPRE LEVANDO ÁGUA E COMIDA para o consumo durante a contemplação dos atrativos.

 

 

LUGAR FANTÁSTICO!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estou pensando em fazer uma viagem desta em Dezembro deste ano.

Eu vou com a minha biz 125.

Pra a viagem você tem alguma dica para me dar de postos de gasolina onde eu possa descansar? Considerando que a minha moto faz cerca de 300km com um tanque de 4,5 litros de gasolina.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

  • Conteúdo Similar

    • Por Karen M.
      Olá pessoal,
      Estou planejando uma viagem em grupo (10-12 pessoas) a Serra da Canastra no final de novembro/ início de dezembro.
      A ideia é sair de van de SP na sexta a noite e aproveitar o sábado e domingo inteiros lá.
      Sei que esta época é chuvosa, mas alguém que já foi sabe dizer se chega a prejudicar demais os passeios ou dá para aproveitar?
      Preciso de dicas de hospedagem e empresas que façam os passeios de 4x4 também!
      Se tiverem dicas de vans que fazem o transporte até lá, também fico agradecida!
      Valeu!
    • Por Robinson Venturin
      Sou novato no site.
      Porém sou apaixonado por caminhadas longas, já fiz várias travessias e vários caminhos a pé.
       
      Conheço muito o vale da Babilônia e a Serra da Canastra, sempre fui de carro ou de moto, porém agora estou
      querendo atravessá-los a pé, eu e minha esposa com mochila nas costas.
      Quem interessar segue a jornada, já aviso que são muitos Km andados por dia, e o nível de subidas é médio alto, porém
      a estrada é ótima para caminhar e a paisagem e principalmente a hospitalidade do lugar vale a pena!!!!
       
      1º dia. Saída de São João Batista do Glória dormindo em cima do Morro das Cruzes ( lugar magnífico de díficil acesso) 23 Km
      2º dia. Morro das Cruzes até o alto da Serra Branca neste ponto atravessamos a Babilônia ( pense num lugar deserto, pensou?? é muito mais.......) 18 km.
      3º dia. Serra Branca fazer uma visita na parte Baixa da Cachoeira Casca Danta, a maior cahoeira de MG e uma das maiores do Brasil, e chegar até
      São José do Barreiro, uma pequenina cidade de aproximadamente 3 mil hab. onde tem um artesão mui talentoso em animais de madeira, comida ótima!! 22 Km
      4º dia. São José do Barreiro passando por Vargem Bonita e chegar até São Roque de Minas, uma longa caminhada 39 Km
      5º dia. São Roque de Minas, entrando no parque nacional indo até a nascente do Rio São Francisco, visitando currais de Pedra e iniciando a travessia inteira do parque Da Serra da Canastra na parte alta onde iremos dormir em um distrito chamado São João. 50 a 55 Km, porém é muito plano, sem dificuldades.
      6º dia. São João até a saída da portaria de Sacramento, onde cocluiremos a travessia da parte alta do parque. 35 a 40 Km. de lá para frente é de carro né!!!
       
      A data é em novembro, ainda não definimos os dias, não vale a pena ir em feriados o movimento de motos e trilheiros é intenso o que dificulta a caminhada devido a poeira.
      Quem interessar, é bom tirar uns dias a mais para a empreitada, como todo caminheiro sabe....haver imprevistos ( chuvas, bolhas,etc..) e demorar mais que os 6/ 7 dias.
       
      Abraços.
      Robinson
    • Por takami
      Salve galera, fiz uma edição de como foi a minha viagem a Serra da Canastra.
      Os lugares visitados foram as cachoeiras da região de S. José do Barreiro, Vargem Bonita, São Roque de Minas, parque nacional da serra da canastra, São Joao Batista da Canastra e Delfinópolis.

      Realmente os lugares são muito bonitos, alguns é necessário um 4x4 principalmente se for descer ou subir a Serra Branca, ou então se decidir ir a cachoeira do Fundão dentro do Pq da Serra da Canastra. De resto é tranquilo, a não ser em caso de chuva, as estradas se tornam perigosas.
      Segue o link do youtube onde postei  a minha edição das filmagens na Serra da Canastra:
       
      Um abraço a todos!!
    • Por Nique Varela
      Férias! Finalmente...
       
      Porém não tive tempo de planejar muito bem, a data veio meio de surpresa. Minha irmã decidiu embarcar na aventura.
      Pegamos o carro às 00:30 de terça no RJ, era um dia frio e chuvoso, mas insisti. Nunca acredito nas previsões do tempo, nem mudo de idéia por causa delas. . Na estrada chuva e uma parte com nevoeiro na BR-354 ( guardem esse nome), pista de mão dupla, estreita... não recomendo passar por lá com o tempo assim, muitos galhos caidos e pouca visibilidade.
      Chegamos no hotel às 10:30( demoramos por conta do tempo.
      Ficamos no Rib's Hotel, localizado em Piumhi, distante 20 km do trevo de Capitólio. Diária= 149,00/ 2 pessoas. Somando 5,10+ 5,10 do pedagio + gasolina = 18, ainda assim saiu mais barato que todas as hospedagens que pesquisei.
      O café da manhã é muiiito bom! Camas e chuveiro excelentes.
       
      Terça- feira:
      Desembarcamos as malas, tomamos um banho, uma esticada nas pernas e fomos almoçar no restaurante Tropeiro ( indicado pelo gerente do hotel). Comida muito boa, preço justo. O tempo estava bem ruim, não daria pra aproveitar uma cachoeira . Então fomos conhecer a Usina de Furnas, que fica 40 km distante do trevo de capitolio. Na volta paramos no mirante do Canion.. liiindo. Valtamos à Capitolio, olhamos os mercados e compramos algumas coisas para o dia seguinte.
       
      Quarta- feira
      O sol apareceu e em homenagem a ele fizemos a Trilha do Sol. A entrada beira a MG050, sobe de carro 4 km por estrada de terra até chega na Pousada. Lá paga-se 35,00. A trilha é super tranquila, composta por 3 quedas d'agua ( Grito, Poço Dourado e No limite). Passamos o dia lá, cachoeira pra nós duas apenas. Algumas pessoas encontramos pelo caminho, mas iam embora rápido. Levamos uma bolsa térmica com cervejas( está escrito que não pode, mas burlamos o sistema....rs). Saimos por volta das 15h e fomos para Lagoa Azul 20,00, de novo cachu só pra gente. Fializamos o dia no Tropeiro, bebendo cerveja e comendo aperitivo. Não há absolutamente nada pra ser feito na cidade, então a idéia e dormir cedo.
       
      Quinta-feira
      Mais um dia de sol, fizemos Paraíso Perdido. Fica depois da entrada de Furnas, então calculo 46km do trevo de capitolio. O lugar é lindo, você sobe a cachoeira a pé. Quando chegamos, mais ou menos às 10:30 , havia algumas pessoas, porém 1 hr depois estavamos sozinhas novamente. Cachoeira só nossa! Levamos cerveja( está escrito que não pode) e lanche. Lá passamos o dia. Queríamos relaxar e curtir cada minuto daquele paraíso vazioooo.
      Saindo de lá, tentamos cachoeira do Lobo, mas fica distante 20 km do trevo de capitolio, chegamos quase às 18h e foi recomendado que para não entrar Voltamos e paramos no Tropeiro..kkkk
       
      Sexta- feira
      Arrumamos as malas, colocamos no carro. Hoje era o dia de ir pra Canastra no final do dia,então tomamos café e fomos curtir o resto do dia em Capitolio. Fizemos o passeio de lancha de 2h( 70,00). Lindo ver os Canions ali debaixo. Agua boa demais para tomar banho. Saimos do passeio direto para o Restaurante do Rio Turvo, comemos a famosaTraíra recheada. boooooa demais. 76,00 para duas pessoas. Dali fomos para a Cascatinha. Fica em frente ao Mirante do Canion, mas do outro lado da pista. É tipo Paraiso Perdido com menos agua. De lá fomos pra São Roque de Minas, porta de entrada pro Parque da Serra da Canastra.
    • Por paulo_vet
      Salve Pessoal
       
      Vou contar para vcs um pouco da minha viagem a Serra da Canastra (São Roque de Minas) no feriado de junho e colocar algumas impressões que eu tive para ajudar quem estiver planejando viajar para a Serra
       
      07-06-12: Saímos de Jaboticabal (próximo a Ribeirão Preto) as 6:30 da manhã..seriam qse 400 km de estrada e estávamos em 2 carros em um total de 7 pessoas!! Fazia tempo que estava chovendo e a previsão do tempo para o feriado não era nada animadora e ainda por cima iriamos acampar.. estávamos apreensivos em relação as barracas e ao frio mas desistir de uma viagem JAMAIS. Pegamos chuva a viagem inteira, sem um minuto de trégua!!!Chegamos em São Roque de Minas perto das 11 hras e fomos direto almoçar aquela comida mineira maravilhosa... Conversando com as pessoas de como estava o tempo e a previsão... continuava nada animador e qdo falávamos que iriamos acampar todos faziam cara de espanto e pena!!!hehehehe..
      Após o almoço fomos para o camping PICARETA reservado atraves da Tamandua Ecoturismo por 15R$ a diária a estrada até la estava extremamente escorregadia.. aqui vou falar do camping: Seu Chico o dono e toda a sua família são pessoas realmente especiais, aquele jeitinho mineiro calmo e de bem com a vida, extremamente atencioso, convidou a gente para um cafezinho e um queijo mineiro, nos emprestou lona para podermos estender sob as barracas. O lugar do camping tbem é especial, um lugar lindo e tranquilo próximo relativamente a entrada 1 do parque. Só temos a agradecer ao atendimento e ao camping..a noite ainda rolava uma roda de sanfona do seu Chico..realmente quem quiser acampar pode ir para lá!!!
      Arrumamos a barraca e fomos até o centro da cidade buscar um americano que eu conheci pelo CouchSurfing e que iria acampar com a gente. No primeiro dia como chovia mto e isso ja era 4 da tarde fizemos pequenas trilhas pela redondeza do camping.
       
      08-06-12 - Esse foi o dia que iriamos conhecer a famosa Casca Danta a maior cachoeira do Parque. Quando eu li no site da serra e nos relatos não tinha entendido a distância entre a parte baixa e a alta da cachoeira..o acesso de carro pela parte alta fica em Sao Roque de Minas na entrada 1 do Parque e é extremamente longe chegar a pé da portaria até a cachoeira portanto é necessário estar de carro ou alugar um transporte 4x4 na cidade que faz esse translado. Ja para a parte baixa da cachoeira vc tem que ir a Vargem Bonita que fica aproximadamente 40 km de São Roque de Minas.. entre a parte alta e baixa da cachoeira existe uma trilha de aproximadamente 1:30 h que é muito legal..foi o que fizemos ..primeiramente fomos a Vargem Bonita conhecer a parte baixa e depois fizemos a trilha até a parte alta..uma trilha longa e com um visual muito bonito..nesse dia a chuva deu uma trégua temporária pelo menos na ida.. na volta começou a chover forte e os trechos escorregadios tornaram um pouco mais perigoso o caminho... na verdade não sei se foi pela chuva ou pela falta de sinalização mas nos perdemos da trilha na volta e tivemos que fazer uma boa parte do caminho no meio dos arbustos pois não achávamos a trilha mas sabíamos que tínhamos que descer e ir na direção esquerda..foi o que fizemos, após alguns arranhões e tombos conseguimos novamente achar a trilha... Outra coisa que eu indico para quem for fazer esse percurso é levar lanche pq não existe restaurante em nenhuma das duas portarias portanto levem comida!!! Chegamos na cidade por volta das 19 hras e fomos jantar em um restaurante muito bom que eu não lembro exatamente o nome mas acho que era Zangaia ou algo assim... feijão tropeiro dos bons!!!
       
      09-06-12 - Esse dia reservamos com a empresa de turismo o passeio de 4x4 para a parte alta da cachoeira pois devido as chuvas as estradas não estavam legais para irmos de carro normal.. Fechamos um pacote por 45R$ por pessoa em uma passeio que fez a parte alta da cachoeira Casca Danta, Rolinhos, Nascente do Rio São Franscisco, Curral de Pedra..Ai realmente conhecemos o Cerradão... tivemos a sorte de ver o raro e ameaçado de extinção PATO MERGULHÃO, emas, gaviões e com um pouco de esforço e no binóculos o que segundo o guia era um tamandua bandeira..mas vimos ele do tamanho de um gato ou seja não contou...
      A noite ficamos no camping com o resto do pessoal que estava la, conversando, bebendo...e a chuva havia dado trégua..não tivemos nenhum problema com barracas molhadas ou frio!!!
       
      10-06-12 - Acordamos 6:30 da manha e fomos fazer a trilha do camping até a Cachoeira do CAPÃO FORRO...uma trilha de aprox 1 hora e 10 minutos sendo que em uma parte da trilha tem que escalar um paredão..ela é mais curta porem tem esse trecho que é mais complicado...para quem nao quiser se arriscar existe possibilidade de ir por terra estrada mesmo... La nessa cahoeira tem como tomamos banho... estava MUITO geladaa agua, poré,m vale a pena..vc sai revigorado da agua!!!
      Meio dia era hora de levantar acampamento e retornar a realidade
       
      IMPRESSÕES:
       
      - realmente um lugar que eu indico para quem quiser viajar e acampar
      - não desanimem se o clima não estiver favorável pois nós tínhamos todos os motivos para desistir p causa da chuva e mesmo assim fomos e aproveitamos MUITO!!!
      - camping Picareta extremamente recomendado pela hospitalidade do Seu Chico, pela localização e beleza do lugar
      - é extremamente necessário estar de carro ou alugar uma 4x4 para fazer os passeios pois as atrações são longe uma da outra na minha opinião..
      - Acho muito legal fazer a trilha que liga a parte baixa da alta da Casca Danta
      - Torcer para ter mais sorte que a gnte para ver tamandua ou lobo guará!!!
       
      Vou postar algumas fotos em breve
       
      Abraço e boa viagem..espero ter ajudado quem esta programando uma visita a Serra da Canastra!!!!


×