Ir para conteúdo

Alguém poderia me dar um conselho??


MFrehley

Posts Recomendados

  • Membros

Olá galera.

Sei que se conselho fosse bom era cobrado, mas estou passando por uma situação em minha vida, vou tentar resumir:

Estou em um casamento fazem 5 anos, e sempre tive o sonho de viajar por aí, conhecer vários lugares do mundo e tal, no início do ano contei isso para minha companheira, que sinto essa vontade e essa necessidade de viajar, e ela achou meu sonho uma besteira.....com isso meu sentimento foi mudando, sei lá, assisti o filme Into the Wild e me identifiquei muito, ela também achou uma bobagem, tem até um clipe da música Wish You Where Here do Pink Floyd com as cenas do filme que ela odeia, pq eu assisto direto e adoro....em junho fui para um curso no RJ e fiquei até agosto, sem ela, saí com amigos, fiz alguns passeios e fiz até uma amiga lá, acabei saindo com ela e fui conhecer Cabo Frio, mto show.

Então, tenho pensando em acabar com o relacionamento para realizar meus sonhos, de repente nossos gostos não combinam mais, gostos musicais, projetos de vida, parece que nada mais combina, gosto mto dela, mas o amor acho que está acabando....mta gente fala que é loucura acabar o relacionamento por esse motivo, mas, tipo, é meu sonho, minha felicidade, não seria o mais importante?? A felicidade??

Sei que o objetivo do site não é esse, mas como o foco são viagens, gostaria da opinião de alguém, sei lá, alguém já pode ter passado por isso....

Obrigado!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra

Brother....   difícill esse conselho, heimmm?! Viajar é algo que renova e revigora a alma.

O relacionamento é muito importante, mas sua felicidade é vital. Ser 'meio feliz' não compensa, você tem que ser feliz por inteiro, pois se assim você não fizer acontecer poderá se arrepender profundamente no futuro.    Eu não seria tão radical e deixaria a esposa decidir o que realmente quer.  

Mostre e deixe muito bem claro que seu objetivo é mesmo viajar e conhecer o mundo, e que a participação dela seria muito importante neste sonho, mas que você está decicido a seguir com esse sonho de qualquer forma. Aposto todas as letras que assim ela irá enxergar com outros olhos e e se ela realmente te amar, vai te acompanhar. Se a decisão for diferente, abrace a mochila e (literalmente) Bon Voyage!! 

Abração, amigo!!

 

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

Mfrehley,

Quando os projetos de vida não combinam é complicado.

Agora... se ela acha "bobagem" o seu sonho de viajar, isso pode se dar por vários motivos. Talvez ela ache que vocês precisam economizar primeiro. Talvez ela encare o processo de viajar de uma forma mais utilitarista (viagens a trabalho, viagens para encontro de família, viagens a passeio, etc) e encare o "viver viajando" como uma forma de escapismo (muita gente aqui deve ter escutado esse tipo de coisa). Talvez ela se cobre ou esteja sendo cobrada com relação a filhos. Vi um caso desses na minha família com uma pessoa que gosta de viajar.

Enfim... talvez seja um problema de comunicação, e não uma diferença de objetivos de vida. Caso optem por terminar o relacionamento, é importante que vocês tenham a certeza de que essa era a melhor decisão a ser tomada. Então, caso vocês ainda não tenham conversado, ou não tenham conversado o suficiente... façam isso!  Desejo o melhor no que vocês decidirem.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Cara, não acho que tu vai encontrar a resposta numa comunidade de viagens. Pq o problema aí não é o viajar em si. Contudo...

Tu precisa viajar com ela? Viajar sozinho ou com outras companhias não rola? Vocês não tiram férias então, ou tiram férias pra pra ficar em casa?

Se quiser a companhia dela, façam viagens curtas, de 2/3 dias pra locais próximos. Quem sabe ela anima?

Mas mesmo que tu realize teu sonho de viajar, o relacionamento vai continuar uma bosta né? Só conversando com ela então.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores
Em 26/09/2017 em 19:03, MFrehley disse:

Olá galera.

Sei que se conselho fosse bom era cobrado, mas estou passando por uma situação em minha vida, vou tentar resumir:

Estou em um casamento fazem 5 anos, e sempre tive o sonho de viajar por aí, conhecer vários lugares do mundo e tal, no início do ano contei isso para minha companheira, que sinto essa vontade e essa necessidade de viajar, e ela achou meu sonho uma besteira.....com isso meu sentimento foi mudando, sei lá, assisti o filme Into the Wild e me identifiquei muito, ela também achou uma bobagem, tem até um clipe da música Wish You Where Here do Pink Floyd com as cenas do filme que ela odeia, pq eu assisto direto e adoro....em junho fui para um curso no RJ e fiquei até agosto, sem ela, saí com amigos, fiz alguns passeios e fiz até uma amiga lá, acabei saindo com ela e fui conhecer Cabo Frio, mto show.

Então, tenho pensando em acabar com o relacionamento para realizar meus sonhos, de repente nossos gostos não combinam mais, gostos musicais, projetos de vida, parece que nada mais combina, gosto mto dela, mas o amor acho que está acabando....mta gente fala que é loucura acabar o relacionamento por esse motivo, mas, tipo, é meu sonho, minha felicidade, não seria o mais importante?? A felicidade??

Sei que o objetivo do site não é esse, mas como o foco são viagens, gostaria da opinião de alguém, sei lá, alguém já pode ter passado por isso....

Obrigado!

Saudações, irmão!

Gostaria de focar em dois pontos.

O primeiro é: por que você está escolhendo colocar a sua felicidade na mão de outra pessoa? Isso equivale a dizer que para você ser feliz o outro tem que atender às suas expectativas, gostar das mesmas coisas que você ou comprar os teus sonhos. E, evidentemente, isso te coloca numa situação de infelicidade pois para você ser feliz isso depende de outra pessoa (e, muito provavelmente isso também é motivo de infelicidade para os demais envolvidos pois ninguém em sã consciência gosta de ser responsável pela felicidade ou infelicidade alheia). Logo, te convido a olhar para este ponto e se perguntar honestamente o por quê tem escolhido colocar a sua felicidade nas mãos de outra pessoa. Somente nós somos responsáveis pelas coisas que escolhemos sentir. Lição número um da autorresponsabilidade: nós estamos onde nos colocamos.

E o segundo ponto como já dito pelo Mestre Antonio Olinto, e que posso afirmar com conhecimento de causa, é: o que nos incomoda no nosso travesseiro, nos incomoda em qualquer lugar do mundo. Quando a gente viaja, os nossos problemas vão junto com a gente. Mas talvez você só vá compreender isso quando tiver tomado a coragem de escolher viajar. Mas para isso você tem que invariavelmente explorar o primeiro ponto citado.

Que você seja feliz.

Que a existência possa compassivamente atender a todas as suas necessidades.

 

In Lak'ech Ala K'In
PRABHU AAP JAGO

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...