Ir para conteúdo

BOTAS: quais comprar?


Posts Recomendados

  • Membros de Honra

Blz Rocha.

 

Se vc ficar com essa da BT, é só cuidar bem da bota.

Se fosse vc, não trocaria ela.

 

Dependendo de onde vc for fazer trilhas e cuidar bem dela, pode até durar alguns longos anos.

Só não recomendo usá-la na cidade.

As botas não foram feitas p/ isso.

 

 

 

Abcs

Link para o comentário
  • Membros

Meus amigos, fiquem atentos com a Timberland!!!

 

Tive um problema sério com uma Timberland Chochorua GTX, cujo solado soltou parcialmente durante uma subida à Pedra do Sino, Parque Nacional da Serra dos Órgãos.

 

Busquei o suporte da Alpargatas, que detém os direitos e produz os itens da marca aqui no Brasil, e, além de ter sido tratado com total desinteresse, me foi solicitada a apresentação da nota fiscal ou da caixa original do produto, para que eles pudessem submetê-lo à análise técnica.

 

Como a bota foi um presente, não dispunha da nota fiscal... Além disso, não é bem meu hobby colecionar caixas de sapato, então, nada feito.

 

Fiquei tão irritado, que liguei direto para o telefone da diretoria da Alpargatas e, só assim, me encaminharam um formulário, para que eles pudessem verificar se as botas serão recolhidas para análise. Vejam bem, isso não é promessa de troca ou reparo do produto! Trata-se, apenas, de uma análise para verificar se houve algum defeito na fabricação... Como se o cliente achasse um barato pegar sua bota e arrancar o solado só para curtir...

 

Um total descaso com o cliente, uma total enganação... Prometem uma bota resistente a uma guerra nuclear, mas que não resiste a uma ida à padaria.

 

Já haviam me falado da queda da qualidade dos produtos Timberland no Brasil.

 

Pude verificar pessoalmente, agora... Vejam a quantidade de reclamações no site Reclame aqui. É absurdo!

 

Conclusão: Não compro, não recomendo, falarei mal sempre que puder.

 

Fujam para as colinas, mas não contem com a Timberland pra isso!!

 

Abração e muita sorte para os detentores desta bo(S)ta...

DSCN0533.JPG.a68585043b7c69329cdd9814e1bfc0c2.JPG

Link para o comentário
  • Membros

Ate nos estados unidos a timberland e de péssima qualidade... Ela e outras são marcas de linha casual com estilo de montanha... As vezes tem modelos bons... Na maioria das vezes bem medianos quando não péssimos.

 

No Brasil sofremos... Enquanto la fora sao montanhistas que fazem equipamentos de qualidade aqui recebemos o restolho.

 

Mesmo quando uma empresa e de alguém experiente na montanha não fazem material de real qualidade... Foram raras as empresas que fugiram da regra e logo foram compradas por empresas maiores de descaracterizadas como a Snake.

 

A única que mantém um conjunto de preço e qualidade ao meu ver e a SOLO.

Link para o comentário
  • Membros

Acampo esporadicamente há 12 anos e sempre fiz trilhas de tênis comum (street) e até chinelo. Andava o dia inteiro atrás de praias, cachoeiras e picos, mas o mais pesado que peguei (com relação a tempo com peso) foi a trilha para chegar em Martim de Sá que são cerca de 2:30h carregando todo o equipamento de camping, inclusive comida.

 

Recentemente resolvi tomar vergonha na cara e comprar um tênis que fosse leve e desse conta dessas caminhadas que considero leves. Estava praticamente decidida por este Quechua:

http://www.decathlon.com.br/montanha/calcados-36562/trilha/bota-feminina-forclaz-fresh-quechua_37146?chosen=roxa

 

Agora decidi que 1º semestre de 2015 farei uma volta ao mundo de 1 ano. Estou começando a ver roteiro e etc, mas estou preocupada com o calçado. Sei que vou pegar vários terrenos e climas, mas gostaria de levar 1 tênis para uso urbano e eventuais trilhas e 1 bota impermeável para frio/neve. Pesquisando em alguns tópicos aqui, já desisti do Quechua por causa da qualidade. Para a bota estou querendo uma Vento (Nômade), provavelmente a Palu http://botasvento.com.br/modelo/palu/

 

Mas e o tênis? Não gosto de tênis brutos pq sou pequena e fico me sentindo uma astronauta. Queria um para usar no dia a dia com mochilão e passeios durante a viagem, mas também pudesse usar nas trilhas que costumo fazer por aqui.

 

Abraços!

Link para o comentário
  • Membros

Prezados,

 

Preciso muito da ajuda de vocês. Sou biólogo e trabalho geralmente em áreas úmidas e montanhosas (+- até 1000m) e ocasionalmente em áreas de caatinga. Preciso de uma bota resistente, impermeável e de até uns R$ 300,00. Sempre usei borracheiras, no entanto, estou procurando algo um pouco mais confortável. Fico entre 5-9 h por dia andando com a bota no meio da mata e por dentro de riachos. Minhas viagens duram em média 7-8 dias. Nos próximos meses irei fazer aproximadamente 10 viagens dessas.

 

Eu ia comprar a Snake Tronador – R$ 340. Agora entrando no fórum fiquei na dúvida – vocês falam da Vento Finisterre – conhecidos falaram q ela é boa mas para um trampo puxado assim, seria melhor a Guaterlá Attack II. No entanto, essa última achei muito cara.

 

Enfim, gostaria de recomendações =)

 

Muito Obrigado

Link para o comentário
  • Membros

Oi gente, estou indo para Patagonia em Março, e lá quero só fazer trilhas, nada de neve. Andei olhando umas botas e a que mais me chamou a atenção (pela sugestão de vcs e pelo preço) foi a FINISTERRE - NÔMADE / VENTO. O que acham? Vou ficar 1 mês andando por El Bolson, El Chalten, Calafate...

Hj vou tentar ir na loja fisicia para experimentar.

Tenho uma da Timberlando muito ruim... escorrega em todos os tipos de terreno! Até parada eu escorrego! :lol:

Link para o comentário
  • 1 mês depois...
  • Membros

Olá Pessoal,

 

Estou em busca também de uma bota impermeável para comprar.

 

A minha experiência inicial foi com uma Bull Terrier, sabe aquela ansiedade de querer comprar logo uma bota de trilha? Pois então, entrei numa loja qualquer, vi a bota, achei linda e pronto, comprei. ::putz::

 

Fiz uma trilha pequena para a cachoeira do Tabuleiro e: a bota esgarçou toda.

 

Voltei na loja extremamente triste. O vendedor me disse que era problema com o modelo, sei lá o que, e trocou para um outro modelo. ok.

 

Fiz uma trilha pequena para Pedra Grande em Atibaia, e beleza, passou. Mas quando fui fazer o Monte Roraima, foi uma tortura. A bota por ser muito dura arrebentou os meus pés, no último dia meu pé ficou tão inchado que não cabia na bota.... tive que fazer o percurso Kukenán - portaria do parque com uma papete emprestada de um amigo! ::grr::::putz::::putz::

 

Achei que fosse um azar meu..... até que fui pra Serra Fina.... e descobri que realmente o problema era da bota e não do meu pé, coitado! A bota detonou meus pés mais uma vez, e ainda abriu tudo na frente devido as chuvas do percurso.

 

Resumindo: ::bad:: NÃO recomendo a ninguém que queira fazer trilhas ou caminhadas:

 

1º - porque achei ela super dura e pesada

2º - porque ela não é resistente a trilhas pesadas e o solado descola na chuva

3º - porque ela faz bolhas nos pés

 

 

Agora quero uma bota decente! Acho que vou investir na Finisterre Vento, conforme a indicação dos colegas do tópico.

 

 

Abraços

::otemo::

Link para o comentário

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...