Ir para conteúdo

Arquivo - Cidadania Italiana - Procedimentos


Posts Recomendados

  • Membros

Ola Arnaldo e todos!

 

Tambem tenho o caso dos primos que obtiveram a cidadania.

Primeiramente deve entrar em contato com a comune de Verona pra verificar se o processo da sua prima foi despachado pra Roma (procedimento que era feito ate 03/11/99).

Caso nao tenha sido (sorte sua!!) podera usar a mesma documentacao que sua prima usou, apresentando somente os documentos do seu ramo familiar.

E caso tenham enviado a Roma, pra desenterrar o processo eh um martirio que ninguem recomenda, assim seria mais facil comecar do zero.

Quando o processo eh feito no Brasil (meu caso), a pasta eh enviada para a cidade de origem do ascendente e entao era (ate 03/11/99) despachada pra Roma.

Agora meu proximo passo eh verificar na comune do meu avo (Castiglione Olona) se o processo esta la, no Brasil ou em Roma, caso esteja na comune, nao precisaria nem da negativa de naturalizacao, so dos documentos do meu ramo familiar.

Entao, pensamentos positivos pra mim mocada!!!

Quando tiver mais informacoes (ou duvidas!!), posto aqui.

Link para o comentário
  • Respostas 1,5k
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

Mais Ativos no Tópico

Posted Images

  • Membros

Ola pessoal e Mari!

 

Quanto a negativa de naturalizacao, a informacao que postamos aqui (inclusive o Consulado fornece essa informacao) foi que a negativa pode estar em nome de outra pessoa, mas soube de alguem que exigiram no nome dela. E tambem consultei uma pessoa que trabalha com isso aqui, que me explicou que a lei italiana nao especifica nada que deve estar em nome do requerente, apenas diz ser necessario o documento emitido pelo orgao governamental. MAS, se encontrar alguem que quiser te complicar a vida exigindo que esteja em seu nome, vai ter que pedir outra em seu nome. Portanto, o melhor eh nao arriscar e trazer a certidao no seu nome, assim nao corre-se o risco...

Ate mais

 

Giseli

Link para o comentário
  • Membros

Rodrigo, Mari, e quem mais estiver aí na Itália e puder responder. Seria muito bom se o pessoal que estiver espalhado pela Itália pudesse ajudar.

 

Sei que já devem ter comentado isso antes, mas vocês poderiam dizer como estão as coisas pra conseguir trabalho por aí? Eu digo em relação a quem tem o "permesso di soggiorno". Supondo que alguém chegue aí com a documentação toda certa, falando um italiano razoável, ainda enfrenta muita dificuldade? E alguém poderia comentar alguma coisa sobre como é obter bolsa de estudos pra estudar em uma universidade italiana (no caso de cidadão italiano reconhecido).

 

Valeu.

Link para o comentário
  • Membros

Virei a noite lendo tudo aqui. Ajudou bastante, mas ainda ficou uma dúvida.

Eu moro em Brasília, mas todas as certidões são do interior de São Paulo. Em qual tabelionato eu vou reconhecer a firma das certidões? Pode/Tem que ser em Brasília? Pode ser nas cidades onde emitiram as certidões?

Valeu! []s BRuno

Link para o comentário
  • Membros de Honra

Esta mensagem è da Fernanda Levorato

 

Gente, para quem é do PR e SC e está vivendo o drama da não-legalização, gostaria de repassar o que me disseram no consulado.

1- só vão legalizar os docs para quem já tiver a residência na Itália. A partir do momento que você comprovar a residência na Itália, uma pessoa que tenha uma procuração em seu nome, pode ir até o consulado de Curitiba legalizar os documentos. Isso vai demorar 30 dias - o que eu sinceramente acho um absurdo, mas va bene. Já deixei uma procuração com minha mãe e estou indo para a Itália já nas próximas semanas tentar fixar a residência.

2- Não-renúncia. Como a não-renúncia é a última parte do processo (segundo a querida funcionária do Consulado de Curitiba), eles me disseram que a não-renúncia é enviada em 1 mês e meio - 45 dias em média. Mas, isso é enviado por último né? Ou seja, o comune já tem que ter feito tudo e pedir isso para Curitiba.

3- Cálculos: um cálculo BEM simples para quem é do PR ou SC - 1 mês para a legalização + 1 mês e meio para vir a não-renúncia= 2 meses e meio. Mas, 1 mês (com sorte) até fixar a residência (antes de mandar os papéis para legalizar né?)=3 meses e meio. Mais uns 15 dias ou sei lá até o comune resolver tudo (isso se você tiver MUITA, mas MUITA sorte de todos os documentos estarem corretos, pegar um comune rapidinho, só tenha você fazendo o processo lá, Curitiba responder dentro do prazo estipulado, etc. Ou seja paranaenses e catarinenses: nós realmente estamos ferrados. 4 meses no mínimo com sorte.

***

Será que não podemos fazer nada para tentar adiantar esse prazo da legalização??? 30 dias para legalizar um documento??? Putz...

Link para o comentário
  • Membros

Olá, eu irei até a Itália entrar com o processo de cidadania em breve e gostaria de saber se realmente preciso levar a Certidão Negativa de Naturalização... Eu irei herdar a cidadania do meu pai. Ele ainda está vivo e tem passaporte válido e renovado, o que prova que ele não abriu mão da naturalização dele. Eu posso até levar o passaporte dele se for preciso.

 

Só gostaria de saber se alguém pode me dar esta dica...

Link para o comentário
  • Membros

Pessoal, estava procurando o telefone do Departamento de Naturalização e encontrei uma informação interessante para quem ainda não possui a negativa...aí vai:

 

"O Departamento de Estrangeiros informa que está promovendo a informatização dos registros históricos de naturalização para manutenção do acervo e otimização da expedição de certidões negativas ou positivas.

Enquanto isso, está implementando a agilização dos processos em tramitação.

O departamento destaca que a emissão de certidões constitui SERVIÇO PÚBLICO GRATUITO, não sendo cobrada qualquer taxa ou pagamento de custas, inclusive de correio. Evite intermediários.

Em breve, a emissão de certidões será disponibilizada pela Internet."

Link para o comentário
  • Membros

E ai galera blz!!!

Entaum estou com a ideia de ir pra londres primeiro pra levantar uma grana mais forte pra depois ir pra italia tirar a cidadania.

Minha ideia é de me matricular em um curso, só para garantir a entrada no pais. Chegando lá abandonar o curso e só trampa.

Minha duvida é depois na hora em que eu estiver com a grana na mão os cara num deixa eu ir pra italia por naum ter uma regularidade de presença no curso e em consequencia disto estar ilegal no pais e tals.

Será que é uma boa, da pra fazer desse jeito!?!?!?!

um abraço a todos e muito obrigado pela a atenção!!!

Link para o comentário
  • Membros
quote:Originally posted by danielhim

 

E ai galera blz!!!

Entaum estou com a ideia de ir pra londres primeiro pra levantar uma grana mais forte pra depois ir pra italia tirar a cidadania.

Minha ideia é de me matricular em um curso, só para garantir a entrada no pais. Chegando lá abandonar o curso e só trampa.

Minha duvida é depois na hora em que eu estiver com a grana na mão os cara num deixa eu ir pra italia por naum ter uma regularidade de presença no curso e em consequencia disto estar ilegal no pais e tals.

Será que é uma boa, da pra fazer desse jeito!?!?!?!

um abraço a todos e muito obrigado pela a atenção!!!


id="quote">
id="quote">

 

Acontece que para você conseguir o visto de estudante na Inglaterra, você terá que se matricular antes no curso. E para se matricular, você vai ter que pagar o curso e com isto já se vai uns R$6.000. E mesmo que você desistir do curso lá em Londres, eles não vão te devolver o dinheiro. Sem contar na grana para moradia, comida, essas coisas...

Não compensa você ir direito para a Itália com essa grana e lá você trocar o seu permesso quando já tiver no processo de cidadania e assim começar a trabalhar?

Para levantar uma grana boa em Londres, você vai ter que ficar por lá, no mínimo 1 ano....

Sei lá, é só uma opinião...

Link para o comentário
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.

×
×
  • Criar Novo...