Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
Luana247

Fazer a própria conexão é uma boa?

Posts Recomendados

Olá, gente, nunca viajei por avião, no estado que moro um voô para argentina é muito mais caro que um voô saindo de SP
Eu saindo do meu estado e pegando em São Paulo sai muito mais em conta, mas é muito arriscado fazer isso? Alguém tem experiencias com esse tipo e coisa?

Seria assim

Compro uma passagem pra São Paulo separada pro mesmo dia e pego esse voô lá
A diferença de preço chega a ser de 600 reais!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá @Luana247 !

Não é arriscado desde que vc deixe um tempo confortável entre cada vôo. Leve em consideração atrasos no embarque e desembarque e algum tempo para recuperar a sua bagagem em São Paulo. Tb some a isso o tempo para fazer o novo check-in no segundo vôo.

Não se esqueça que, caso haja algum problema, a primeira companhia não se responsabiliza pelo segundo vôo que vc perdeu.

Boa sorte e boa viagem!

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É sempre um risco, mas fazendo de maneira calculada dá certo. 

Uma vez eu saí de Vitória pra ir pra Guarulhos e eu tinha vôo de lá pra Bolívia no dia seguinte. Eu comprei este vôo pra GRU um dia antes justamente pra ter tempo em caso de cancelamentos e atrasos de vôo. O vôo foi atrasado então eu acabei trocando meu vôo original por outro que ia pra Guarulhos fazendo escala no Rio antes (eu tinha a opção de sair mais cedo e fazer escala em Confins assim, mas caso desse algum problema na conexão, estando no Rio eu chegaria relativamente rápido de ônibus até SP).

Fiz o mesmo de Vitória pra Confins. Eu tinha um vôo de Confins com conexão em BH pra Lima, então comprei um vôo separado de Vitória pra Confins com uma margem muito boa de tempo, então caso eu perdesse este vôo ou fosse cancelado, eu teria tempo de pegar um ônibus e chegar a tempo no aeroporto de Confins.

É só calcular o tempo de deslocamento entre cidades e ter um plano B que te possibilite chegar no aeroporto pra pegar seu vôo. 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Luana247 Compre na mesma empresa aérea,ai se não chegar a tempo,eles mudarão o seu voo,mas com diferenças de 3,4h é muito difícil atrasar,se bem que seu destino é perto e não uso avião para chegar lá,falo de por exemplo, Europa. 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 horas atrás, D FABIANO disse:

@Luana247 Compre na mesma empresa aérea,ai se não chegar a tempo,eles mudarão o seu voo,mas com diferenças de 3,4h é muito difícil atrasar,se bem que seu destino é perto e não uso avião para chegar lá,falo de por exemplo, Europa. 

Então se for a mesma companhia aérea fica por conta deles me recolocarem caso atrasar ou ser cancelado?

Digo, se eu chegar e acontecer algo como atraso e cancelamento, não corro risco de ficar desamparada? 

Desculpa as perguntas, é que eu não tenho experiencia nisso 😆

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Luana247 Isso,mas comprar com tempo pars não ter que passar por isso,pois podem arranjar para tempos depois e dá no mesmo,esperas intermináveis. 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mesmo sendo na mesma companhia aérea, se os voos forem comprados separados, a empresa não tem obrigação legal nenhuma de lhe alocar em um segundo voo sem custo adicional caso o primeiro voo atrase ou seja cancelado.

Mas por ser da mesma empresa, se o atendente estiver de bom humor e houver assentos livres sobrando, eles podem lhe fazer um favor e lhe alocar em outro voo, mas é sem garantia nenhuma, depende unicamente da boa vontade deles.

Então se for fazer,  faça por sua conta e risco, com pelo menos umas 5 ou 6 hora de intervalo entre as conexões.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quando preciso ir ao exterior eu quase sempre compro os trechos separados, pois passagens saindo de Curitiba costumam ser uns R$ 1.000 mais caras do que saindo de São Paulo.

Eu sempre compro com um intervalo de 5 ou 6 horas entre os voos, e já fiz isto umas 12 ou 13 vezes e de todas as vezes que eu fiz isto, umas 10 vezes deu certo, mas em 2 ocasiões não deu e me ferrei feio...

Na primeira vez que deu errado, eu estava indo de Düsseldorf para o Rio de Janeiro com conexão em Paris pela Air France e depois do Rio para Curitiba na Gol em outra passagem.   

O voo de Munich até Paris atrasou umas 4 horas por causa do mau tempo, e por causa disto eu perdi o voo para o Rio, como esta conexão foi comprada na mesma passagem, a Air France me colocou no voo do dia seguinte sem custo adicional, pagou hotel e alimentação.

Mas ao chegar no Rio de Janeiro um dia depois do previsto, eu já havia perdido o meu voo para Curitiba, quando fui ver quanto que custava alterar ou comprar uma nova passagem lá na hora para Curitiba, o preço estava em R$ 1.400.  Acabei pagando os R$ 1.400 em uma nova passagem, pois a outra opção era encarrar 15 horas de ônibus, eu estava morto de cansado...

 

Na segunda vez que tive problema, foi algo parecido, era um voo de Munich para São Paulo na Tap com conexão em Lisboa e depois um voo separado para Curitiba na Latam.

O voo de Munich para Lisboa foi cancelado por problemas no avião, mas me ofereceram a opção de ir direto para São Paulo com a Lufthansa com direito a upgrade de assento para a classe Econômica Premium sem custo adicional.

Só que o voo da Lufthansa chegava em São Paulo 3 horas depois do da Tap que eu tinha comprado. Se ele chegasse na hora certa, ainda estaria dentro das 5 horas de folga que eu tinha em relação ao voo para Curitiba. Mas como azar pouco é bobagem, o novo voo da Lufthansa onde me colocaram acabou atrasando uns 30 minutos na saída de Munich, e depois atrasou outros 30 minutos em rota por que tinha muito vento contrário, e o resultado foi que chegou com 1h de atraso em SP.

Corri para desembarcar, passar na imigração, etc, mas quando cheguei para fazer o check-in e despachar a bagagem na Latam, o check-in tinha fechado faz 20 minutos e perdi o voo para Curitiba.

Novamente fui ver o preço para alterar o voo ou comprar um novo lá na hora, e estava custando R$ 900. Mas desta vez resolvi pegar um ônibus até o Terminal Tiete e de lá seguir de ônibus até Curitiba por R$ 120, pois São Paulo é bem mais perto de Curitiba do que o Rio.

 

 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Somando todas as 12 ou 13 passagens, por enquanto estou no lucro, mas tem sim o risco de você se ferrar feio comprando separado mesmo deixando 5 ou 6 horas de intervalo entre os voos e você tem que estar ciente disto.

Se for uma cidade que tenha bastante voos por dia, o risco é menor, pois se um voo for cancelado por algum problema, você pode tentar conseguir uma vaga em outro voo,  e ainda conseguir chegar a tempo, ou em último caso apelar para o ônibus caso ainda dê tempo.

Mas se for num local muito distante de SP para se ir de ônibus, ou se for um local com poucos voos para SP, muitas vezes não tem outro voo no mesmo dia para você chegar em SP, e nestes casos seria melhor ir no dia anterior para SP, dormir num hotel baratinho, mas já estar lá em SP para o voo de ida.

Na volta não seria tanto risco, em último caso você encarraria 20 ou 30 horas de ônibus até chegar em casa, mas não arruinaria toda a sua viagem, como poderia acontecer na ida.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×