Ir para conte√ļdo
  • Fa√ßa parte da nossa comunidade!¬†

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Posts Recomendados

Motociclistas e Mochileiros,

Beleza?

Depois de muito utilizar o Mochileiros.com para me auxiliar nas trips pelo mundo, chegou a hora de retribuir e escrever meu primeiro relato por aqui¬†ūüĎŹ.

Em 26/12, eu e minha noiva embarcamos na nossa primeira viagem de moto mais longa. J√° fizemos algumas viagens e mochil√Ķes pela Europa e Am√©rica do Sul e¬†tamb√©m¬†algumas viagens curtas de moto, mas essa foi nossa primeira ridetrip de m√©dia dura√ß√£o (total de 12 dias e 3.724km).

Para começar, escolhemos o Uruguai, país que muito nos agrada, já conhecíamos, e que fica razoavelmente perto de Curitiba, nossa cidade de partida.

Fomos com um BMW F800GS Adventure que dispensa coment√°rios. Moto perfeita para ridetrips.

 

Nosso roteiro foi o seguinte: (mais adiante detalho tempos de viagem e quilometragem rodada)

26/12: saída de Curitiba/PR com pernoite em Porto Alegre/RS

27/12: Dia livre em Porto Alegre/RS

28/12: Saída para Punta del Diablo/UY

29, 30 e 31/12: Dias livres em Punta del Diablo/UY

01/01: Saída para Piriápolis/UY

02/01: Dia livre em Piri√°polis/UY

03/01: Sa√≠da para Col√īnia do Sacramento/UY com passagem para almo√ßo em Montevideo/UY.

04/01: Dia livre em Col√īnia do Sacramento/UY

05/01: Sa√≠da de Col√īnia do Sacramento/UY com pernoite em Santa Maria/RS

06/01: Retorno para Curitiba/PR com passagem por Bento Gonçalves/RS

 

----- PREPARAÇÃO -----

Antes de come√ßar as informa√ß√Ķes dos trechos, aqui v√£o algumas informa√ß√Ķes iniciais do planejamento.

Como j√° conhecia v√°rios dos lugares que passamos, em um mochil√£o feito em 2016, j√° tinha uma ideia de como eram os locais e as necessidades de hospedagem, dinheiro, c√Ęmbio etc.

Optamos por fazer as reservas de hostel antecipadamente, porque √©poca de final de ano, sobretudo em Punta del Diablo e Col√īnia que ficam muito cheias, principalmente de turistas brasileiros.

Com a moto, como ela está bem cuidada, fiz apenas uma revisão preventiva, troca de óleo, filtro e pastilha traseira. Para quem for de Curitiba, recomendo a Touring Motos, adiante do Parque Barigui. Pneu traseiro estava praticamente novo. Pneus dianteiro já estava meia vida, mas resolvi encarar (talvez uma decisão errada rsrsrs).

Estamos sem top case e bauletos laterais. Utilizamos uma soft bag da BMW de 65 litros emprestada de um tio meu e, para evitar problemas com espaço, comprei um saco estanque da Guepardo de 20 litros. Só 55 reais na Canyon Adventure, em Curitiba, e coube um monte de coisa. O saco era preso sobre a soft bag com extensor. Não tivemos problemas.

Levei apenas o kit de ferramentas da moto e um frasco de spray Motul para lubrificar a corrente. Nada mais, nem kit de reparo de pneu. No Uruguai tem bastante auxílio, caso fosse necessário.

Emiti a carta verde pelo site da Porto Seguro, inclusive imprimi em papel verde como havia recomendando alguns blogs. Achei exagerado, mas preferi evitar problemas.

Fomos com passaporte, mesmo sendo permitido entrar com RG. Tenho pra mim que o √ļnico documento internacional √© o passaporte, ent√£o prefer√≠vel sempre estar com ele fora do pa√≠s. Aqui foi uma vantagem. Na fronteira do Chuy, a agente de imigra√ß√£o disse que com passaporte tudo fica mais f√°cil e r√°pido e n√£o precisa preencher aqueles formul√°rios de imigra√ß√£o. Ponto pro passaporte rsrsrs!

O planejamento n√£o teve nada de especial. Apenas criei uma planilha com o roteiro, dist√Ęncia entre as cidades, descri√ß√£o de pontos de refer√™ncia para orientar na estrada (viajamos sem GPS) e tempo, conforme o Google Maps, entre os destinos.

 

Dia 1 (26/12) ‚Äď Curitiba a Porto Alegre ‚Äď 744km

No dia anterior j√° prendi a soft bag na moto e o saco estanque, assim economizava tempo para a partida. Pneus calibrados e tanque cheio.

Às 6:00 saímos de Curitiba com destino a Porto Alegre. Fomos pela BR-101 a qual conheço bem até a região de Laguna/SC. Depois era tudo novidade.

Neste trecho tem pagamento de ped√°gio, n√£o √© caro, at√© chegar no RS. Estrada boa, mas bem movimentada. Evite abastecer pr√≥ximo a Balne√°rio Cambori√ļ e Florian√≥polis, o pre√ßo vai l√° em cima nessas regi√Ķes.

Depois de Laguna a estrada continua boa, só um vento lateral na região da ponte de Laguna, muito bonita por sinal, que assustou um pouco.

Em Os√≥rio/RS, pegamos a famosa freeway. Que monotonia rsrs. 90 km de quase uma reta infinita, sem subidas ou decida, sem posto, sem nada. E pior, estava um solz√£o de 34 graus marcando no painel da moto. Os quil√īmetros n√£o passavam kkk.

Chegamos em Porto Alegre por volta das 15h30. Viagem bem tranquila.

Ficamos no Intercity Cidade Baixa. Peguei uma promoção no booking.com e o hotel saiu por um preço muito bom. Chegamos lá e o queixo caiu. Que baita hotel.

Banho para recuperar as energias e fomos conhecer Porto Alegre (POA). Cidade agrad√°vel, bastante constru√ß√Ķes antigas e um pouco mal cuidadas. Mas o saldo foi positivo.

 

Dia 2 (27/12) ‚Äď Dia livre em POA ‚Äď 0km de moto, muitos km‚Äôs a p√©.

Dia livre para conhecer POA.

Visitamos o centro, Palácio Piratini (recomendo entrar e fazer a visita guiada -  gratuito), Mercado Central, Hotel Majestic (casa do poeta Mario Quintana) e várias feiras de rua. Porto Alegre, embora um pouco mal cuidada, nos impressionou muito. Gostamos de lá.

Pr√≥ximo ao fim do dia fomos ao Gas√īmetro¬†para ver o p√īr do sol. Que lugar bonito e vibe legal. Vale a pena tirar uns minutos para relaxar e apreciar o visual. √Ä noite, voltando para o hotel, paramos para comer em um lugar chamado Butcher Burger. Que surpresa boa. Lanche e lugar muito bom. Fica a dica.

 

Backup 09012019 149.JPG

Backup 09012019 183.JPG

Backup 09012019 218.JPG

Dia 3 (28/12) ‚Äď Porto Alegre a Punta del Diablo ‚Äď 563km

Saímos cedo, não tanto como queríamos, pois o café da manhã do hotel começava apenas as 6 horas, com destino a Punta del Diablo, Uruguai.

A sa√≠da de POA foi um pouco complicada, bastante tr√Ęnsito e mesmo com a ajuda do GPS do celular acabamos errando algumas sa√≠das. Chegamos at√© a entrar errado na rodovi√°ria da cidade (no lugar exclusivo de √īnibus ‚Äď que cagada ūüėÜ), mas depois de quase 1 hora conseguimos sair da cidade e rumamos sentido Pelotas.

Estradas boas e pedágio gratuito para moto.

Em Pelotas seguimos pela RSC-741, sentido Rio Grande e depois sentido Chuí.

Aqui uma dica: a estrada que leva até a fronteira do Chuí é um retão de 100 km sem posto de gasolina. Bom ficar atento com o abastecimento do veículo. Fomos achar posto só perto de Santa Vitória do Palmar.

Na fronteira com do Chuí, antes de ir para a imigração, paramos trocar alguns reais. A cotação estava boa. Pelo que me lembro, algo em torno de 8 pesos uruguaios por real.

Dinheiro trocado, fomos para a fronteira fazer a imigração. Preenchemos aqueles formulários de entrada, porém quando chegamos no guichê a funcionária nos informou que como estávamos com passaporte não era necessário. Fila um tanto quanto grande para a fronteira. Era por volta das 14 horas.

Imigração feita, seguimos para Punta del Diablo.

Estrada uruguaia muito boa e, nesses primeiros quil√īmetros, cuidando com os limites de velocidade, pois ainda n√£o sabia como era o controle por l√°.

Fato curioso: poucos quil√īmetros ap√≥s a fronteira tem uma pista de pouso de avi√Ķes m√©dios no meio da rodovia. √Č bem curioso, voc√™ passa sobre aquelas marca√ß√Ķes na pista de pouso, al√©m da largura da pista que chama a aten√ß√£o.

Por volta das 15h30 chegamos no nosso hostel em Punta del Diablo, Giramundos. Lugar bacana, vibe boa e preço bom. Recomendo.

Check-in feito, fomos dar um pulo na praia de Punta. Primeiro a Playa de la Viuda, bonita mas a visitada no dia seguinte era mais.

 

 

 

Backup 09012019 311.JPG

À noite uma cerveja e milanesa num lugar que não lembro o nome e estava muito bom. A conta ficou em torno de 1.100 pesos (cerveja grande e duas milanesas que também são grandes).

Dica: pagar com cartão de crédito para receber a isenção do imposto. Atualmente está em 22%. Vale muito a pena.

 

Dias 4, 5 e 6 (29, 30, 31/12) ‚Äď Dias livres em Punta del Diablo

Tiramos esses dias para descansar e aproveitar Punta del Diablo e regi√£o.

Dia 29 tiramos para aproveitar a praia, dessa vez a Playa de los Pescadores, bem bonita, cheia e agrad√°vel. Nada como descansar e ler um livro na areia.

Aproveitamos que t√≠nhamos cozinha em nossa cabana e compramos um peixe fresco direto dos pescadores para o almo√ßo. Que del√≠cia¬†ūüėč.

Backup 09012019 279.JPG

Dia 30 aproveitamos para voltar até a fronteira do Chuí para comprar algumas coisas no duty free e abastecer a moto no lado brasileiro. São apenas 60 km de Punta até a fronteira. Então valeu a pena voltar para abastecer lá. Os preços do duty free do Chuy uruguaio são bem bacanas. Vale a pena dar uma olhada.

Aproveitamos para trocar mais um pouco de dinheiro. Desta vez em um supermercado mesmo. A melhor cota√ß√£o da viagem. Pedi indica√ß√£o de casa de c√Ęmbio e o atendente se disp√īs a fazer o c√Ęmbio para mim. Foi quase 9 pesos por real.

Voltamos para Punta, passeamos um pouco mais na praia e a noite voltamos ao centrinho para comer algo.

Aproveitando para falar de Punta.¬†O¬†centrinho do balne√°rio, especialmente por ser final de ano, √© bem agitado e cheio. Muitos carros, motos, vans e motorhomes do Brasil e da Argentina. V√°rias op√ß√Ķes de restaurantes e bastante mercadinhos pela cidade. No hor√°rio de almo√ßo e, principalmente, perto do hor√°rio de fechar (cerca de 20h30) sempre ficavam cheios. O pre√ßo √© mais alto que o habitual.

Dia 31, virada de ano, aproveitamos para ir conhecer a Fortaleza de Santa Tereza. Fica cerca de 15 km de Punta e vale a pena a visita.

A Fortaleza ainda é uma instalação militar e funciona como um pequeno museu. Vale a pena a visita. O Parque Nacional de Santa Tereza tem praias bem bonitas e muita gente acampando nessa época do ano.

748685428_Backup09012019395.thumb.JPG.c9f0ca3a5f33d156c8b15f22695a3871.JPG

Na volta de Santa Teresa para Punta, paramos em um mercadinho e compramos um bom bife ancho uruguaio. Vamos aproveitar a cozinha que temos ūü§™. 400 pesos por dois bons peda√ßos de carne e batatas. O almo√ßo estava garantido. Ahhh a carne uruguaia.

505147724_Backup09012019386.thumb.JPG.fdde97ab548788034b24bb4a308df19f.JPG

À noite, começos um peixe fresco feito na cabana do hostel mesmo e por volta da 22h00 descemos para a praia para quem sabe ver um queima de fogos.

Olha ... surpreendeu. Teve uma boa queima de fogos. Bastante gente na areia e no centrinho confraternizando.

 

CONTINUA ...

  • Gostei! 1
  • Vou acompanhar! 1

Compartilhar este post


Link para o post

Demorou, mas consegui continuar a escrita do relato. Vamos l√°!!!

Dias 7 (01/01/19) ‚Äď Punta Del Diablo a Piri√°polis -¬† 208 km

Sa√≠mos por volta das 10 da manh√£ para Piri√°polis. Estrada muito tranquila, plana e com poucas curvas. Alguns ret√Ķes que n√£o tem fim.

Chegamos em Piriápolis próximo do horário do almoço. Nosso hotel/albergue ficava próximo ao Cerro San Antonio e com uma vista linda para o porto do Piriápolis.

Backup_09012019_435.JPG

Vista do quarto.

 

Dia 8 (02/01) ‚Äď Dia livre em Piriapolis ‚Äď Bate e volta a Punta del Est ‚Äď 40 km

Era aniversário da minha noiva e decidimos ir até Punta para fazer algo diferente. Só tinha um problema: estava chovendo muito.

No meio da tarde deu uma trégua na chuva em Piriapolis e resolvemos ir. Ao invés de voltar pela rodovia principal, fomos por uma estrada local, mageando o mar que passa por Punta Negra e Punta Colorada. Visuais incríveis. Recomendo esse trajeto.

Quando entramos na estrada quase chegando em Punta del Est a chuva apertou demais. Pegamos um baita temporal com um vento lateral bem forte. Na entrada da cidade um tr√Ęnsito bem pesado.

Mas em compensação, tivemos o monumento Los Dedos apenas para nós. Completamente vazio. Eba!

Tomamos apenas um café em uma panaderia e decidimos voltar para Piriapolis.

À noite voltamos comer na mesma cervejaria da noite anterior. Comemos um Burger muito bom.

 

Dia 9 (03/01) ‚Äď Piriapolis a Col√īnia do Sacramento ‚Äď 208km (passagem por Montevideo)

A ideia era sair cedo para poder aproveitar um tempo maior em Montevideo, porém só na hora da saída que me avisam que a hospedagem não aceitava cartão. Tive que sair sacar dinheiro. Nunca tinha tido problema com saques, mas dessa vez Murphy caprichou.

Mais de uma hora tentando sacar e nada. Mudava de banco, caixa automático e nada. No final juntamos uns reais que tínhamos ainda e pagamos a conta em real mesmo.

A estrada at√© Montevideo √© bem boa. Pistas largas e tr√Ęnsito um pouco mais intenso.

A chegada em Montevideo foi tranquila. Dentro da cidade, como j√° tinha estado l√° antes, consegui me localizar f√°cil.

Fomos no Mercado do Porto e comemos uma carne muito saborosa na Caba√Īa Veronica. Recomendo muito o lugar.

Por sorte encontrei uma prima e seu marido comendo no porto. Total coincidência hehehe.

Por volta das 15 horas sa√≠mos para Col√īnia.

A saída ali pelo porto é muito fácil. Praticamente uma reta só. Estrada até lá foi bem tranquila. Algumas horas sem ninguém em nenhum dos sentidos.

Chegamos em Col√īnia no final da tarde e nos hospedados no Hostal de Los Poetas. Lugar muito bom e agrad√°vel. Local pequeno e cuidado pelos pr√≥prios donos.

Descansamos um pouco e fomos para as praias de Col√īnia ver o p√īr do sol. Que visual incr√≠vel.

 

Backup 09012019 609.JPG

Compartilhar este post


Link para o post

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Voc√™ colou conte√ļdo com formata√ß√£o.   Remover formata√ß√£o

  Apenas 75 emoticons no total s√£o permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conte√ļdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   N√£o √© poss√≠vel colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

  • Conte√ļdo Similar

    • Por Birovisky
      Texto abaixo
       
       
      Saber qual o regime de alimenta√ß√£o que mais se ad√©qua ao seu perfil talvez fa√ßa TODA a diferen√ßa em sua viagem. Pode representar uma grande economia ou uma grande¬†TRAG√ČDIA. Nesta ‚Äúrezenha‚ÄĚ eu vou tentar explicar os tipos de regime.
       
      Tipos de regime de alimentação:
      ‚ÄúCM‚ÄĚ ou Caf√© da manh√£:
      Regime com caf√© da manh√£ incluso. No caf√© da manh√£, h√° ainda duas diferen√ßas que valem √† pena o registro: Caf√© da Manh√£ ‚ÄúContinental‚ÄĚ e Caf√© da Manh√£ ‚ÄúBuffet‚ÄĚ.
      O Caf√© da Manh√£ Continental algumas vezes √© chamado de ‚Äėcaf√© da manh√£ frio‚Äô, pois a maior parte dos alimentos s√£o frios. √Č um caf√© da manh√£ muito simples, com pouca variedade. Em algumas regi√Ķes ele pode ser t√£o somente um caf√© com leite, p√£o e manteiga. Algumas vezes pode incluir uma fatia de queijo ou presunto, ovos fritos e um suco. Costumo apelid√°-lo de ‚Äúcaf√© com p√£o, bolacha n√£o‚ÄĚ. N√£o espere encontrar diversidade de p√£es, bolos e comidas quentes.
      O Caf√© da Manh√£ Buffet (Buf√™) √© mais elaborado. Normalmente inclui frutas da √©poca, gr√£os e cereais, variedade de queijos e outras esp√©cies de frios, derivados de leite, geleias, gelatinas, sucos, ovos mexidos, salsichas cozidas com molhos, carnes secas, ‚Äúwaffles‚ÄĚ, panquecas doces e salgadas, omeletes feitos com escolha de acompanhamentos na hora, papas, mingaus, cuscuz, inhame, macaxeira, batata doce e tapiocas feitas na hora (quem conhece o Nordeste sabe do que estou falando, uma del√≠cia!). A quantidade de itens varia de acordo com a regi√£o. na Europa, por exemplo, estes buf√™s chegam at√© a terem saladas, conservas como picles, pastas, p√£es, torradas e piment√Ķes, al√©m do tradicional caf√©, leite e ch√°s. N√£o inclui √°gua mineral engarrafada, somente se estiver servido em filtros ou jarras.
      ¬†‚ÄúMAP‚ÄĚou Meia-pens√£o:
      Regime com café da manhã e jantar. Este tipo de regime de alimentação é muito conveniente para para Hotéis e Resorts centrais, pois durante o dia os viajantes poderão explorar à vontade o turismo local, passando o dia inteiro fora do hotel, almoçando onde melhor lhes convier. Quando retornarem ao hotel, e como na volta bate um cansaçozinho, poderão jantar no próprio hotel, e, muitas vezes, até curtir um show/apresentação/atração oferecido pelo estabelecimento.
      Normalmente inclui bebidas n√£o alco√≥licas (√°gua, suco e refrigerante), mas apenas durante os hor√°rios em que estejam sendo servidas as refei√ß√Ķes.
      Alguns hot√©is oferecem a possibilidade de Meia-Pens√£o com caf√© da manh√£ e almo√ßo, ao inv√©s do jantar, mas n√£o √© regra. Aqui vale dizer que uma refei√ß√£o n√£o substitui a outra, isto √©, n√£o se pode ‚Äėtrocar‚Äô o caf√© da manh√£ pelo almo√ßo, por exemplo.
      ‚ÄúFAP‚ÄĚ ou Pens√£o Completa:
      Regime com caf√© da manh√£, almo√ßo e jantar. A Pens√£o Completa √© interessante para grandes Resorts, que ficam mais isolados do centro. Este regime √© indicado para quem est√° viajando com a fam√≠lia ou para quem deseja curtir toda a estrutura do hotel. Est√£o inclu√≠das as bebidas n√£o alco√≥licas (√°gua, suco e refrigerante), tamb√©m apenas durante os hor√°rios em que estejam sendo servidas as refei√ß√Ķes.
      ‚ÄúAll Inclusive‚ÄĚ ou Tudo Inclu√≠do:
      Regime com caf√© da manh√£, almo√ßo, jantar, lanche e servi√ßos. Observem que a principal diferen√ßa deste regime para o Pens√£o Completa √© a inclus√£o do lanche e dos servi√ßos. Alguns hot√©is incluem servi√ßos como boliche, cavalgada, passeios de bicicleta, golfe, mergulhos etc. Este regime √© geralmente adotado em alguns Resorts e Cruzeiros e possuem o que chamamos de ‚Äėcard√°pio nomeado‚Äô, ou seja, o que n√£o constar nos card√°pios como liberados, saem por conta do viajante. N√£o est√£o inclu√≠das ‚Äėbebidas Premium‚Äô, como Whisky 12 anos, Vodcas e Vinhos de carta especial, al√©m de servi√ßos extras como SPA e sal√£o de beleza.
      A quest√£o mais fundamental na hora de escolher o seu regime de alimenta√ß√£o √© entender o contexto da sua viagem. Faz sentido para uma fam√≠lia com crian√ßas contratar um regime All Inclusive, assim como faz sentido voc√™ contratar apenas o caf√© da manh√£ se o objetivo da viagem for Gastron√īmico.
      E aí, qual regime é o melhor para você, viajante?
      Boa viagem!
    • Por Thalles33
      T√ī passando pra avisar que m√™s que vem "outubro" vou fazer uma trip √©pica rumo a Argentina bem "m√£o de vaca" pegando caronas, barraca e etc ..
      J√° te adianto que vai ser tri ūüõ£ÔłŹūüĆĄ‚õįÔłŹ
      Fico pilhado? Ta afim de ir? van bora!! 

    • Por Jo√£o Paulo Falanque
      Era para ter publicado este relato faz um tempinho , pois fui para o Peru ¬†no dia 04/06/2019¬† , tinha feito um lindo relato diretamente no site , mas infelizmente na hora de publicar deu falha e perdi tudo , mas minha vontade voltou , e desta vez fiz pelo word antes de publicar , meu primeiro mochil√£o foi em 2018¬† para Bol√≠via ,¬† e nesse ¬†mesmo ¬†mochil√£o¬† conheci ¬†um pouquinho de Arequipa e Puno ¬†no Peru , foi incr√≠vel , decidi naquele momento que faria o Peru no proximo ano com mais calma ,¬† fui sozinho e voltei com muitas amizades , para este ano resolvi buscar por companhia , encontrei algumas pessoas , passei uma peneira¬† e montamos um grupo no whatsapp , foram um pouco mais de 3 meses de planejamento¬† , e durante este tempo conheci a Sheylla , Uma porto-riquenha que mora na Bahia e est√° h√° 10 anos no Brasil ¬†, muito alegre¬† , divertida ,humilde , e que aos poucos fomos tendo mais intimidade , eu n√£o estava a procura de ter um relacionamento , e ela tamb√©m ¬†n√£o , at√© aconteceu umas flertadas , mas eu sempre fugia , ¬†ent√£o finalmente chegou o grande dia¬† , as meninas ¬†chegaram no dia 03 , eu e o Renan chegamos no dia 04 , sendo eu o √ļltimo¬† a chegar ¬†, j√° havia lido umas dicas sobre os t√°xis do aeroporto de Cusco para o centro hist√≥rico¬† , que n√£o chegava a 10 soles , eles cobravam¬† 25 , 30 , 40 soles , que foi o que o Renan ¬†pagou ,¬† Uber cobra 20 soles ,¬†sai para a rua e andei um pouco e paguei 10 soles ¬†, mas no final cobrou 15 soles , ¬†pois demos varias voltas para encontrar o¬† hostel , ficamos no Black Hostel , n√£o recomendo , tivemos alguns problemas bem chatos por l√° ,¬† quando cheguei ¬†estavam todos na recep√ß√£o¬† Sheylla , Fran , Renan e¬†Talita ,¬†¬† a¬† Sheylla ¬†veio correndo e me deu um forte abra√ßo , eu estava morto , pois n√£o havia dormido direito , mas foi √≥timo conhecer a todos , alias foi uma viagem incr√≠vel , com belas novas ¬†amizades , eu resolvi sair para fazer c√Ęmbio , a sheylla resolveu me acompanhar ¬†, e nessa caminhada ela acabou me dando um selinho , pronto resolvido¬† , quebrou o gelo , dali para frente n√£o largamos mais , ela j√° havia mudado o roteiro e gastou uma grana por isso,¬† para fazermos¬† todos juntos , mas acredito que valeu a pena , o Peru tamb√©m √© um pais incr√≠vel , lindo , muito o que se ver , claro tem os lugares ¬†mais visitados e famosos como Machu Picchu , mas tudo √© muito lindo , comidas maravilhosas , povo muito alegre , muita cor e alegria , no segundo dia j√° fizemos a Laguna Humantay¬† , at√© que foi bem tranquilo , at√© escorreguei¬† em uma pedra e molhei minha bota¬† , parece uma pintura de t√£o lindo , a estrada achei bem mais perigosa do que para hidrel√©trica , talvez por termos feito de micro √īnibus , acho bem mais seguro com van , n√£o √© aquela seguran√ßa , mas √© bem melhor , pois as estradas s√£o bem perigosas , devem ter 3 Mts de largura , que com um ve√≠culo maior acaba se tornando mais perigoso ,¬†apesar do perigo tem belas paisagens¬†, no terceiro dia houve uma manifesta√ß√£o e n√£o estavam saindo para tours , resolvemos conhecer melhor Cusco¬† , tem muito o que se ver , provar , foi bem legal, uma bela cidade , muita cultura¬† , muita cor , no dia seguinte come√ßou nossa aventura rumo a Machu Picchu , iniciamos o tour para o vale sagrado¬† ,¬† come√ßamos por Moray , Maras e Ollantaytambo¬† , onde passamos a noite¬† , pois cometemos um erro¬† , mas o importante √© que deu certo e ollantaytambo √© incr√≠vel demais¬† , eu particularmente achei muito lindo , lugar incr√≠vel , por termos passado a noite por l√° , pudemos aproveitar mais o passeio , pois os tours s√£o muito r√°pidos , √© o tempo de subir ¬†e descer , ¬†acaba sendo cansativo e n√£o aproveitado , a paisagem daquele lugar √© incr√≠vel , muito rico em ruinas , a noite eu e a Sheylla fomos jantar e resolvemos provar um hamb√ļrguer¬† de Alpaca , melhor escolha , muito bom de verdade , assim como eu , a Sheylla adora provar comidas diferentes , umas das qualidades dela que me conquistou¬† , pois comer foi o que mais fizemos por l√° ,¬† achamos uma padaria bem pequena¬† pr√≥xima ao mercad√£o que tinham p√£es deliciosos , alguns recheados de queijo , o mercad√£o tamb√©m √© um bom lugar para comprar algumas coisas , fomos comprar algumas frutinhas diferentes¬† , esses mercad√Ķes s√£o muito bons¬† , voc√™ encontra de tudo por l√° , no dia seguinte seguimos rumo a t√£o sonhada e esperada Machu Picchu¬† , a maioria do pessoal passou mal no caminho , eu fiquei tranquilo , achei mais perigoso a parte asfaltada¬† do que a de terra¬† , pois os cara pisa mesmo¬† , todos os passeios tem os seus riscos , eu por ter conhecido a Bol√≠via¬† , j√° estava esperando por essa aventura¬† ,¬† chegamos na hidrel√©trica ¬†, se resolverem comer por l√° antes de iniciar¬† , andem uns 10 minutos¬† rumo a¬† √Āguas Calientes¬† que v√£o encontrar um pre√ßo melhor , infelizmente o Renan chegou passando mal , passou mal o caminho todo , algo que comeu n√£o caiu bem , ent√£o ele acabou indo de trem , o resto de n√≥s fomos caminhando , o caminho √© bem tranquilo¬† e muito bonito , quando chegamos no letreiro de Machu Picchu ficamos muito¬† felizes¬† , mas ainda tinha que caminhar um pouco at√© √Āguas Calientes ( Macchu Picchu Pueblo ) , quando finalmente chegamos¬† fiquei de queixo ca√≠do¬† , achei que iria ser uma cidade feia , mas n√£o , tamb√©m √© muito lindo , hot√©is e restaurantes de alto padr√£o¬† , mas tem para todos os bolsos , se procurar certinho come bem e barato¬† , vale a pena passar¬† um dia a mais naquela cidade¬† , aquele rio cortando a cidade √© muito maneiro , aquelas montanhas gigantesca que nada mais √© que a parte de¬† tr√°s de Machu Picchu √© muito lindo , muito louco , ¬†o c√©u tamb√©m √© muito lindo por l√° , pegamos tempo bom em todos os passeios , nem neblina pegamos em Machu Picchu, passamos a noite e de madrugada eu e a Sheylla sa√≠mos¬† rumo subir Machu Picchu , o¬† resto¬† do pessoal foi de √īnibus , que custa 12 d√≥lares¬† ,¬† eles liberam a partir das 05:00¬† , compramos o primeiro hor√°rio , pois far√≠amos ¬†Huayna Picchu , somente eu e a Sheylla¬† , acho que deu para perceber o companheirismo n√©¬† kkk , eu sinceramente achei que seria tranquilo¬† , pois altitude n√£o era alta , fizemos os outros passeios tranquilos¬† , mas para mim foi bem dif√≠cil , as escadas parece que foram feitas para gigantes¬† , for√ßa bastante , passei mal , parava bastante , mas conseguimos subir em 1 hora certinho , eu quase chorei , segurei na verdade , mas valeu muito a pena , que lugar lindo , incr√≠vel , parece de mentira¬† de t√£o lindo que √© , ver o sol nascer ali n√£o tem pre√ßo , ainda mais ao lado de algu√©m¬† que se tornaria minha namorada , tiramos algumas fotos e partimos para Huayna Picchu , foi tranquilo a subida , tem que ir com cuidado e calma , pois algumas partes se voc√™ cair¬† , vai se juntar aos Incas , mas valeu a pena o esfor√ßo¬† , vista incr√≠vel de Machu Picchu¬† , voltamos tiramos mais algumas fotos¬† , e resolvemos voltar de √īnibus , pois minhas pernas estavam at√© tremendo¬† , ainda t√≠nhamos que caminhar 12 km para voltar para hidrel√©trica ¬†, sofri um acidente de moto em 2018¬† , justamente pegou minha perna , voltando a trabalhar somente em janeiro deste ano , por isso n√£o estava 100% , mas deu tudo certo¬† , almo√ßamos , e seguimos de volta para hidrel√©trica¬† , na volta resolvemos tomar um Dramin para dormir , deu certo , acordei rapidamente somente duas vezes em uma freada brusca e na parada ,¬† no dia seguinte iriamos fazer nosso ultimo passeio ¬†juntos¬† para Montanha Colorida ( Rainbow Mountain ) , pois Renan , Fran e Talita ¬†seguiriam para Bol√≠via , e n√≥s para Huaraz¬† , √© uma caminhada at√© que tranquila¬† , √© muito linda tamb√©m , feito o passeio nos despedimos¬† das belas amizades¬† que fizemos , foi muito divertido , pessoas do bem , no dia seguinte eu e claro a Sheylla pegamos um voo para Lima ¬†, onde quer√≠amos passar uns 2 dias¬† , mas resolvemos n√£o ficar¬† , tem sua beleza , mas n√£o curtimos muito ficar na cidade cinza , l√° foi o melhor c√Ęmbio que encontramos¬† , tanto para o Real quanto para D√≥lar¬† , no final deixo gastos e roteiro¬† ,¬† fomos at√© o terminal de √≥nibus para comprar as passagens¬† para¬† Huaraz¬†¬†¬† , tem poucos hor√°rios¬† , v√°rios pre√ßos , a melhor companhia √© a Cruz del Sur¬† , mas tem algumas muito boas tamb√©m¬† , fomos de Linea , que sai do terminal norte , foi uma viagem tranquila¬† , a cidade √© bem grande e movimentada , muitos gringos , muitos mesmo , ficamos no Black Mountain¬† , gostamos bastante¬† , fechamos os passeios com eles¬† , tem uma ag√™ncia¬† no pr√≥prio¬† hostel , pre√ßo bom tamb√©m , fizemos apenas Laguna 69 e Glaciar¬† , o caminho para Laguna 69 √© lindo demais , parece realmente cen√°rio de filme , O senhor dos An√©is por exemplo¬† , lembra muito , foi tranquilo a caminhada , no finalzinho quando estamos chegando pesa um pouco , mais vale a pena¬† todo o esfor√ßo¬† , lindo de se ver , o Glaciar infelizmente¬†¬† no m√°ximo daqui 5 anos n√£o ter√° mais nada , devido ao aquecimento global , √© muito triste ver o derretimento acelerado¬† daquela beleza¬† , voltamos para lima e seguimos para Arequipa ¬†, umas das cidades que a Sheylla queria conhecer¬† ,eu havia conhecido , mas n√£o fiz tour , ent√£o foi uma nova oportunidade¬† , tamb√©m foi um dia especial , pois era o anivers√°rio dela¬† , aproveitei levei ela para jantar em um restaurante bacana¬† e aproveitei e pedi em namoro¬† tamb√©m , fizemos o passeio para ver o voo dos condor e descemos o¬†Canyon de Colca¬† que foi uma bela caminhada¬† , uma experi√™ncia incr√≠vel¬† , lugar lindo , voltamos para Arequipa , conhecemos um pouco mais , provamos bastante comidas claro , principalmente o Cuy ( Porquinho da √≠ndia ) ¬†e infelizmente nos separamos¬† , pois meu voo saia de Cusco e o dela de Lima¬† , voltar√≠amos a nos ver em S√£o Paulo ,¬† antes dela partir no dia seguinte para Porto Seguro¬† e eu de volta para o interior de S√£o Paulo¬† , em Cusco conheci¬† mais dois Brasileiros¬† bem legais¬† , um n√£o lembro o nome ,¬† mas tinha a Ariane¬† que mora em Franca e estava sozinha , mostrei alguns lugares para eles¬† , dei dicas¬† , eu fiz uma correria o dia todo atr√°s de lembran√ßas e por ultimo as alian√ßas¬† ,¬† pois estava tendo¬† desfile de Corpus Christis¬† a cidades estava lotada , at√© por que estava perto da famosa Festa do Sol , de volta ao Brasil esperei ela com um par de alian√ßas que comprei com a trilogia Inca¬† , claro que guardei segredo¬† , e consegui pegar o tamanho sem que ela percebesse¬† , os Incas foram nossos cupidos , nada mais justo que selar esse novo amor com a trilogia ¬†Inca , foi uma viagem inclivel¬† , com muita alegria , amizade , amor , experi√™ncia¬† , paisagens de tirar o folego , viajar sem duvida √© a melhor coisa a se fazer no mundo ,¬† havia decidido a dar um tempo para mim mesmo , viajar , sem se preocupar de estar sozinho , pois j√° havia sofrido muito com relacionamentos , e j√° n√£o me importava de estar solteiro , at√© gostava muito , mas em umas dessas viagens encontrei algu√©m parecido comigo em muitas coisas , ela acabou me conquistando , e resolvi dar mais uma nova chance ao amor , que nunca deixei de acreditar , mesmo com tantas decep√ß√Ķes¬† , na minha opini√£o o segredo √© n√£o procurar , √© primeiramente se amar antes de tudo , dar¬† valor para voc√™ mesmo(a)¬† , e quando menos esperar¬† , n√£o importa onde estiver , o amor vai pedir uma nova chance , mas quem ira decidir se aceita ou n√£o , √© voc√™(a) , encontrei uma companheira para viagens , uma aventureira , que assim como eu , quer conhecer o m√°ximo de lugares poss√≠veis no mundo , agrade√ßo mais uma vez ao Mochileiros.com¬† , pois minhas aventuras come√ßaram gra√ßas¬† a esse site , desejo a todos for√ßa , coragem e amor em suas viagens por esse mund√£o , e que deus proteja a todos n√≥s , quem quiser ver mais fotos ou tirar duvidas , meu insta √© Jo√£oFalanque , at√© mais pessoal...
                Roteiro Peru 2019
      S√£o Paulo x Cusco = 04/06
      Laguna Humantay = 05/06  
      Cusco Tour =  06/06
      Vale Sagrado = 07/06(Moray , Maras , Ollantaytambo )  
      √Āguas Calientes = 08/06
      Machu Picchu= 09/06
      Montanha Colorida = 10/06
      Cusco x Lima = 11/06
      Lima x Huaraz = 11/06
      Huaraz / Laguna 69 = 12/06 
      Huaraz / Pastoruri = 13/06
      Huaraz x Lima = 14/06 
      Lima x Arequipa = 14/06
      Arequipa = 15/16/17/18 = C√Ęnion de Colca / voo do condor / tour cidade
      Arequipa x Cusco = 18/06
      Cusco = 19/06
      Cusco x S√£o Paulo = 20/06
       
      Passagem Aérea = São Paulo x Cusco  = 1.415 = Tem conexão em Lima
      Gasto Viagem = 3.100 Reais
      C√Ęmbio = 1 real = 0,85 a 0,90 = Soles= Lima foi o melhor C√Ęmbio
      Dólar = 1 dólar = 3, 30= Soles
       é possível reduzir uns 20% do valor gasto..
       
       
       






























    • Por Schmiegelow
      Os C√Ęnions de Capit√≥lio e dicas sobre essa linda cidade.
      Uma cidade bonita e bem organizada. O turismo para conhecer os c√Ęnions de Capit√≥lio ganhou mais for√ßa nos √ļltimos 3 anos e com isso mudou a vida de muita gente.
      Este √© o tipo de hist√≥ria que mais se ouve por l√°. O maior exemplo √© o do Gilson, do¬†Gilson Passeios N√°uticos, que de caseiro hoje √© empres√°rio com 10 lanchas que fazem o passeio pelos C√Ęnions de Capit√≥lio. Tive a oportunidade de conhec√™-lo nos dando carona at√© o passeio. Falei nos no plural porque estava com a Nat√°lia, Americana em sua primeira viagem para fora dos EUA. O Gilson contou um pouco como rala para ser ‚Äúpatr√£o‚ÄĚ.
      No embalo das oportunidades do crescimento da cidade, conheci mais dois casais, nos dois coincidentemente os homens s√£o ex publicit√°rios.
      Um deles é o Eduardo do Salvatore, que me recebeu em uma tarde quando bati em sua porta sem marcar nem avisar, e mesmo assim ele foi bem receptivo me contando todas as mudanças de caminho que já teve em dois anos de estabelecimento na cidade. Parece que depois de muito esforço estão conseguindo mudar um pouco ou pelo menos ampliar um pouco a visão dos moradores daqui sobre culinária. Estive lá e experimentei bife ancho angus com risoto de tomate e estavam muito bons. Vale conhecer!
      Saiba mais no Blog O Mundo em Lanches.

    • Por tqueel
      Conhecer Buenos Aires d√° para fazer tudo com muita autonomia, cidade segura e com meios de transporte muito bons, para me movimentar na Argentina utilizei o app Moovit, ele √© muito bom e mostra todas as linhas (metr√ī/√īnibus) trocas de meios, etc. Tudo voc√™ faz com o mesmo cart√£o SUBTE, as tarifas variam e voc√™ pode deixar ele at√© 2 passagens negativas (se n√£o me engano), pode ser utilizado por mais de uma pessoa tranquilamente tamb√©m.¬†
      √Č uma cidade Noturna, ent√£o n√£o adianta sair t√£o cedo assim, pois vai encontrar muita coisa fechada.
      Pouquíssimas pessoas em Buenos Aires terão paciência com estrangeiros, mas a cidade continua lindaaa!!
      Ps. O nome do meio de transporte eu chamo de metr√ī, mas o correto √© SUBTE, mas √© mais f√°cil o entendimento.¬†
      Chegamos a noite e nesse dia apenas fomos direto ao hotel, viemos de buquebus da Col√īnia del Sacramento, bem mais barato que de Montevideo, rsrs Muito r√°pido tbm.
      Quando chegamos a internet só funcionava antes de desembarcar, depois esqueça como pedir uber, aí tive que pagar caro em um transfer, mas foi o jeito, eles te mostram uma tabela e você pode pagar em seu cartão de crédito ou money.
      No dia seguinte sa√≠mos turistar, ficamos hospedadas no Koten Hotel, bem simples, barato pela regi√£o e com caf√© da manh√£, mas nada de luxo n√£o, ficava uma quadra da plaza It√°lia, ent√£o muitos √īnibus, esta√ß√£o de metr√ī e com muito com√©rcio perto e n√£o posse deixar de dizer o mais importante, uma Western Union bem pertinho!
      O dia era domingo e eu morrendo de medo de n√£o ter casa de c√Ęmbio aberta, pois deixei para trocar direto na Argentina, mas esqueci que era domingo, para minha alegria e sorte a WU estava aberta, geralmente melhor cota√ß√£o.¬†
      Pagamos o metr√ī na plaza It√°lia e descemos na Catedral, que √© uma quadra da casa Rosada, para nossa alegria um dia lindo, ensolarado e aberta a parte da casa rosada (outro dia passamos e s√≥ estavam tirando foto de longe), peguei um mapa, pois o wifii das pra√ßas de BA diferente do Uruguai N√ÉO FUNCIONAM quase nunca...
      Encontramos uma feira e fomos passeando por ela, depois descobri que era a de San Telmo, grande variedade, barata!! Indo por ela que se encontra a escultura da Mafalda também, geralmente tem pessoas tirando foto, no domingo filas, rsrs
      Tiramos várias fotos na casa rosada e aproveitamos o sol que tinha no meio da praça, caminhamos até o Obelisco, lá é beeem organizado para foto, com fila, ninguém atrapalha ninguém, gostei disso!!
      Fomos almoçar em um restaurante mais barato, masss, aí tem uma questão SEMPRE confiram bem a contagem e o que vem cobrado, me cobraram café q nem tomamos, etc. Contestei óbvio, mas ainda assim foi em conta, 100 para duas pessoas com bebida. 
      Caminhamos um pouco mais, procurando wifii, fui em um kiosko e n√£o me venderam chip, falaram que eu tinha que ir em uma loja, no fim, fomos no shopping e eu mesma cadastrei, tudo pelo face, bem r√°pido!
      Fomos no Starbucks, pegamos com Doce de Leite, claro! Ma-ra-vi-lho-so.
      Final de tarde no Porto Madeiro, bonito, cheio de restaurantes, um pouco mais caros...
      A noite fomos no Sullivans era open de Quilmes (Porte√Īo √Ī gosta de Quilmes em geral), mas para a brasileira foi √≥timo, bebi algumas!! Hahahaha 350 pesos o open!
      Depois queríamos sair dançar, mas segunda é complicado... Iamos caminhar até a balada, nos pararam oferecendo para entrar no Brujas, é péssimo, não gostei, falaram que tocaria Kumbia (o mais próximo de sertanejo kkkk) não tocou, falamos com o cara que nos vendeu sobre isso e para nossa supresa!!! FOMOS EXPULSAS KKKKK não nos deixaram nem pedir uber. Um ponto de atenção é que o uber não está legalizado, então inclusive, nessa área tivemos que pedir mais distante, aeroporto dizem ser quase impossível, mas ir ao aeroporto bem tranquilo.
      No segundo dia passamos o dia no Caminito, pegamos se √Ī me engano o 64, na plaza It√°lia e parou l√° na frente, muito f√°cil e pr√°tico. Amei!
      L√° tem os pega turistas das fotos do Tango, caso queira sua foto negocia antes o valor...
      Adorei os artesanatos, realmente mais baratos ali, inclusive me arrependi de n√£o ter comprado algumas coisas!!
      Para equilibrar e tentar economizar nesse dia almo√ßamos fast food, dei uma nota e aguardei o troco, acredita que a menina n√£o iria me passar? Isso s√£o situa√ß√Ķes chatas, mas que aqui no Brasil tamb√©m ocorrem, ent√£o tranquilo...
      A noite fomos ao mercado, comemos uma empanada e um chocolate em um café e deitamos cedo, turistar cansa também. 
      No terceiro dia, esse quase morri, caminhamos MUIIITOOO, depois quando est√°vamos quase chegando lembramos que poder√≠amos ter pego √īnibus/metr√ī kkkkk
      Fomos ao Rosedal de Pallermo, muito lindo, o lugar que mais me encantou, de verdade!! E ainda quando chegamos os trabalhadores nos entregaram rosas que estavam podando, achei linda a atitude e fiquei toda boba! Hahahahaha
      Depois disso fomos caminhando até a Floralis, tiramos umas fotos e descansamos, acerca dali tem a faculdade de derecho, aproveitamos e passamos no cemitério, mas como não faz muito nosso estilo de turismo, não quisemos ficar muito ali, rsrs na praça do cemitério tem aquelas cabines de telefone (igual de London) para fazer fotos.
      E não paramos por aí, hahahaha 
      Fomos na biblioteca El Ateneo, muito linda, tem um café no fundo, amei!!!
      Almoçamos, tipo jantar junto, pois era bem tarde... fast food novamente, rsrs
      E nesse dia nem pensar em levantar, estávamos MORTAS! Pois ainda caminhamos até o hotel, rsrs
      No √ļltimo dia, fomos ao Jardim bot√Ęnico, bem bonito, organizado...
      Fomos sentido casa Rosada novamente caminhamos mais (nesse dia q estava fechado os port√Ķes), fomos at√© o Obelisco e ali pr√≥ximo almo√ßamos em um restaurante muito bom (precis√°vamos comida).¬†
      A tarde caminhamos na calle Florida, tem várias lojas, lembrancinhas, tudo que você imaginar na verdade, uma coisa que eu não podia deixar de passar antes de ir embora era o café Havanna, muito charmoso, gostoso, lógico que pedimos outro de doce de leite!
      A noite fomos no local onde minha amiga trabalha, cara, que lugar MASSA, o nome é BIERLIFE, você gosta de chopp artesanal? Tem que ir lá!! Várias torneiras de chopp de todos os tipos, você pode provar antes de pedir e tem o happy hour, voltamos umas 21 e foi bem tranquilo de SUBTE, até porque a cidade é noturna.
      No dia seguinte pedimos Uber para o aeroporto, foi metade do valor que seria de t√°xi, ou seja, vale muito a pena, como n√£o est√° regulamentado, sempre sentar adelante e tratar como conhecido ao descer.
      Eu super retornaria, pois a cidade é bonita, limpa, fácil de se locomover e conhecer tudo por conta.
      Umas das coisas que mais queria conhecer era o zoo de Lujan, mas ir sozinha √© complicado pelas fotos, mas o bom que tem √īnibus que vai direto at√© l√° e n√£o precisa pagar o absurdo dos transfer, joga no moovit e j√° aparece!!
       










√ó
√ó
  • Criar Novo...