Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Como me tornar um nômade digital?


Posts Recomendados

  • Membros

Olá, como vocês estão?

Eu não sei o que quero da vida e minha mãe fica me chamando toda hora para essa questão, porém ter um canal no YouTube para poder carregar meu vídeos de viagens ( nunca viajei nem praia nem nada) e ganhar meu sustento com isso séria uma vida bacana. 

Bom, quase todo mundo aqui deve ter ouvido a palavra nomade digital, se não, basicamente é alguém que trabalha remotamente e com isso pode viajar trabalhando. Alguém aí é ou está tentando viver assim?

Alguém me de luz de clareza

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Membros

cara, infelizmente as coisas não são tão fáceis assim

a maioria aqui queria poder viver das viagens porém essa é a realidade de muitos poucos

 

o melhor é você trabalhar, estudar, juntar seu dinheiro e quado tiver a disponibilidade poder viajar

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

@Samu-kao conforme o colega acima comentou, as coisas nao sao tao simples assim. Voce pode até começar a postar alguma coisa em seu canal, porém para conseguir engajamento e monetizaçao leva algum tempo e voce tambem precisa ter um conteúdo relevante para fazer com que as pessoas assistam seu canal.

Se voce nao tem grana pra ficar por conta de viajar e gerar conteúdo pro canal, sugiro estudar, trabalhar, juntar grana e quando der fazer alguma viagem. Isso é o que a maioria aqui faz. Poucos sao os que nao precisam trabalhar e conseguem viajar.

E sua mae está certa em colocar pressao em voce, afinal, ela nao quer ficar ti sustentando o resto da vida. Voce precisa crescer e fazer seu proprio dinheiro. Entao se vc quer viajar, comece a trabalhar pra bancar suas vontades, pq aquela historia de viajar de carona, acampar e fazer bico pra economizar grana pode ate funcionar para alguns mais experientes, pessoas sem nenhuma bagagem dificilmente se dão bem.

  • Gostei! 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Colaboradores

Foi-se o tempo em que era fácil entrar nas mídias sociais e fazer dinheiro de verdade. Voce tem canais grandes e de pessoas famosas, com um investimento pesado... e do outro lado um publico mega exigente.

Ai voce vai olhar sozinho para toda a parte de gravação dos vídeos, edição de vídeo, arte final, divulgação dos vídeos, divulgação do canal... Vai ver que sem usar o Insta, o face, o telegram, O Twiter, a coisa não vai para frente... e voce é um cara sozinho para dar conta de tudo. Um mínimo de investimento é necessário: Iluminação que é caro... um tripé... um bom celular para filmar, um bom computador para editar os vídeos...

Outra coisa que te trago por experiência, as pessoas não querem ouvir bla bla bla por mais relevante que seja o que estiver dizendo! As pessoas querem ver a imagem dentro do restaurante "x", na cidade "Y", o garçom servindo a mesa, querem ver o prato, querem ver como faz para comer, querem ver a conta... Ou seja, voce tem que vivenciar a experiência, pagar pela experiência e mostrar a experiência acontecendo em "tempo real"... é isso que os grandes canais fazem com uma puta produção em cima... como concorrer? Esse é a resposta de 1 milhao.

Iniciei um teste com o material que tinha disponivel de viagens que tinha feito antes da ideia de ter o canal... procurei dar mais ênfase a contar minhas experiência do que mostrar (afinal não tinha colhido material para "mostrar" pq não tinha feito viagens com esse enfoque)... não avalio o resultado como tão positivo assim. Poucos inscritos.

Estou para fazer uma segundo teste com um serie de 10 vídeos onde vou falar somente a minha impressões e algumas dicas sobre 10 cidades do mundo, mudando o enfoque que tentei dar nos videos que publiquei. Esperar e ir avaliando novamente, ate ser possível sair do pais.

Da um saque no canal: https://www.youtube.com/channel/UCY-UVhB03VVj0XctO7iKTwQ

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Bom, você precisa saber o que você quer... qual a sua motivação.... Isso só você vai poder responder... 

 

Ai você descobriu que a sua motivação é viajar e você quer viver disto... Você precisa se estruturar...

Não pense que é só filmar e ponto... Tem todo um investimento que precisa ser feito, afinal, o que você recebe de retorno geralmente é diretamente proporcional ao esforço empreendido... 

A tendência do Youtube é ter cada vez mais acessos , com a melhoria da internet no mundo... isso é fato e esta deixando as TVs abertas de cabelo em pé...

Mas começar agora é bem mais complicado que antigamente... o nível de qualidade e exigência do consumidor de conteúdo aumentou muito.... Então você já tem uma desvantagem competitiva ai... fora que terá que investir mais para atrair a atenção do consumidor...

Veja o exemplo do mundosemfim... estão há anos na batalha e o valor arrecadado não é lá essas coisas... http://mundosemfim.com/como-ganhamos-dinheiro-para-viajar-veja-nossas-contas/

Enfim, é possível viver viajando, mas é um caminho logo até chegar ao ponto disto acontecer... até lá, a conta vai ficar negativa e você vai precisar encontrar meios para se manter...

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
20 horas atrás, Samu-kao disse:

Olá, como vocês estão?

Eu não sei o que quero da vida e minha mãe fica me chamando toda hora para essa questão, porém ter um canal no YouTube para poder carregar meu vídeos de viagens ( nunca viajei nem praia nem nada) e ganhar meu sustento com isso séria uma vida bacana. 

Alguém me de luz de clareza

Olá! Infelizmente as obrigações das vidas não nos permitem que vivamos nossos sonhos sempre. Arrume uma renda para assim poder investir nos seus sonhos. Mas não desista!

Abraços,

Gustavo Woltmann

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 semanas depois...
  • Membros

Os canais de viagem mais famosos (Estevam pelo Mundo, Mundo sem fim, Apure Guria, Via Infinda etc) demoraram bastante tempo até virar a chavinha e começar a ter uma monetização bacana. Além disso, você como um consumidor não quer ver um vídeo com uma má qualidade, um áudio estourado, pouca iluminação, má edição... principalmente quando temos um leque de opções e, obviamente, todos os itens listados demandam um capital que não é barato. Outro exemplo é o 196 Sonhos que bombou no insta quando estava finalizando a viagem e até hoje não conseguiu engrenar no Youtube. 

Não quero te desmotivar, mas acho válido jogar a real. Acredito também que seja interessante você ter uma experiência viajando e gravando com o intuito de fazer um vlog pra ver se é realmente isso que você deseja depositar muito esforço, paciência e dinheiro. Não precisa gastar dinheiro com equipamentos, hoje sua melhor câmera é o seu celular, mas acho válido você se descobrir tendo uma experiência real. Pode ser que você queira trabalhar com viagens mas não necessariamente com Youtube: pode optar por blogs de viagens, ter um perfil legal no Instagram como a Liviajando ou até algo mais formal, como um concierge.

Se após essa experiência isso não fizer sentido pra você mas ainda assim queira viajar e ganhar dinheiro, há a opção de ser um nômade digital, que já estava em alta antes da pandemia e provavelmente terá um crescimento exponencial após esse período visto que as empresas já notaram que é possível ter resultados satisfatórios com o Home Office. 

Por fim, como os colegas acima disseram, sua mãe está certa em ficar no teu pé, afinal ela só quer o seu bem. Pessoas mais tradicionais demoram a entender que você pode ganhar dinheiro sem ter uma carteira assinada, mas isso exige que você seja muito inovador e competente na tua atividade.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Silnei changed the title to Como me tornar um nômade digital?

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...