Ir para conteúdo

Cânion do Funil na Serra Catarinense


Posts Recomendados

  • Membros

As viagens de carro em família eram presentes na minha infância, então a Serra Catarinense entre outros destinos que fossem possíveis há algumas horas de distância de Blumenau. Quando entrei para esse mundo de trilhas, trekkings, mochilão e viagens sozinhas, um novo leque de possibilidades se abriu, incluindo visitar lugares com outra perspectiva.

@anavoando

O Canion do Funil fica em Bom Jardim da Serra e é propriedade privada do Sr. Miguel, é interessante mandar uma mensagem para ele no WhatsApp (49 99127-1014) para pegar mais informações. Existe uma cobrança no acesso que na minha opinião é um custo elevado, o valor é R$ 40 somente visitar e R$ 60 se for acampar (valor abril 2021). O lugar não tem nenhuma estrutura, nem banheiro, nada. Mas como é a propriedade dele, resta a nós somente aceitar né?!

O acesso pode ser feito tanto por caminhada como por carros 4×4, o Sr. Miguel também faz o transfer, (o valor se não me engano é R$ 100 por pessoa). Passadas as informações gerais, vou contar um pouco da minha experiência.

Eu sou iniciante nesse tipo de atividade mas se tem um lugar que é interessante para uma primeira experiência, o Canion do Funil é a opção. A caminhada não é longa e nem exige demais, são cerca de 7km até o Canion, ida e volta totalizam então mais ou menos 14km. A parte boa é que o terreno é praticamente plano, você segue pelo caminho dos carros então dificilmente vai se perder, no máximo vai afundar o pé na lama e é a oportunidade ideal para ver a Serra Catarinense por outro ângulo.

1798525239_WhatsAppImage2021-04-12at21_58.00(1).thumb.jpeg.9aecb0b5d31ab6ccebb98cdc2babff6c.jpeg

Se for acampar, considerando que terá que levar o peso de equipamentos como barraca, saco de dormir, isolante térmico (é frioooo, não esqueçam!), comidas e coisas para cozinhar, essa caminhada te dá um embasamento de como é um trekking, mas em um nível mais tranquilo. Eu tive uma experiência anterior mais exaustiva e exigente, então para mim não trouxe minha novidade. O que foi diferente da minha primeira vez debaixo de sol, é que essa foi debaixo de chuva!

Por volta das 15h começamos a caminhada e chegamos umas 17h, o caminho todo foi debaixo de neblina e um chuvisco. Nada que molhasse muito, então não impediu que continuássemos o caminho ou que ficássemos muito molhados. A trilha é basicamente dentro de um campo/pasto e seguimos o trilho do carro.

1802330567_WhatsAppImage2021-04-04at01_57_07.thumb.jpeg.7f8674f52e69489a83d35108def87e9f.jpeg

595303689_WhatsAppImage2021-04-12at21_57_59.thumb.jpeg.8394b866a85f13e3d2fc914901b17d7e.jpeg

Mesmo lugar, com duas horas de diferença entre as fotos

Quando chegamos o tempo no Funil estava aberto, então conseguimos ver a paisagem, que era muito mais impressionante pessoalmente. O negócio é mais gigante do que aparenta nas fotos, então eu fiquei bem feliz de ter ido até lá. Montamos as barracas um pouco afastado da borda do Canion, próximo de umas árvores que faziam uma boa proteção contra o vento e também possibilitava alguma privacidade caso precisássemos usar o banheiro hahaha

A nossa sorte foi que assim que acabamos de montar as coisas, a chuva caiu! E caiu fortíssima por horas, até a manhã seguinte deve ter parado por uns 30 ou 40 minutos no máximo. Foi outra experiência completamente diferente na minha bagagem de aventuras ao pegar uma noite inteira com o barulho na barraca. A barraca que eu estava dormindo era muito boa, não passei nem frio e nem entrou umidade ou chuva dentro. Zero perrengues! Inaugurei meu saco de dormir novo e senti até calor hahaha aprovadíssimo! O mais complicado foi cozinhar, mas tudo ocorreu bem.

Quando despertou o celular na manhã seguinte, eu estava na esperança de um nascer do sol. Só ouvi os pingos na barraca e fiquei um pouco triste e já imaginando o perrengue que seria desmontar o acampamento se continuasse desse jeito. Em 10 minutos aconteceu outra pausa abençoada que nos proporcionou apreciar a vista do início do dia naquele lugar incrível, como vocês podem ver nas fotos abaixo. 

946943825_WhatsAppImage2021-04-04at00_25_25.thumb.jpeg.9b0337dabe50fd6a8fa60a1584176907.jpeg

1054960359_WhatsAppImage2021-04-04at01_54_03.thumb.jpeg.84486b74e8cb55dc240287f4ba00a31d.jpeg

107201026_WhatsAppImage2021-04-04at01_54_15.thumb.jpeg.8537baa35e205560d87cdb5afe784c03.jpeg

1530421502_WhatsAppImage2021-04-04at01_56_35.thumb.jpeg.7708b50eee791802f112bdd8f74ed0e8.jpeg

únicos raios de sol do dia kkkkk

1263903767_WhatsAppImage2021-04-04at01_55_11.thumb.jpeg.e866a4021e6f49e7aaa2c17446374c0a.jpeg

Após comer, desmontar as coisas, organizar as mochilas, começamos o caminho de volta e impressionados que o timing foi perfeito! O tempo fechou novamente e nossa volta foi praticamente toda no meio das nuvens, mas também sem chuva que poderia trazer algum estresse.

207801529_WhatsAppImage2021-04-04at01_57_08.thumb.jpeg.7eedf8e0434e409f767289b954d27ccd.jpeg

Quem não deu tanta sorte foi os carros 4×4, como choveu realmente uma quantidade muito grande, isso prejudicou a estrada para eles e vimos mais de um atolado e até capotado! Complicado… e por isso recomendo que quem vá de carro tenha certa experiência ou acompanhe a previsão do tempo e se tiver muita chuva antes ou depois, não arriscar.Fico muito feliz de encontrar lugares novos e novas experiências próximos a mim, principalmente “perto” de casa. Mesmo já conhecendo a Serra Catarinense, consegui ter uma experiência totalmente diferente e única. O Brasil possui uma imensidão de possibilidades que me traz orgulho de explorar cada cantinho.

69887600_WhatsAppImage2021-04-12at21_58_00.thumb.jpeg.a364f3bae05372986cfae1e507b5242e.jpeg2003692300_WhatsAppImage2021-04-12at21_58_01.thumb.jpeg.73100d757247bacd1a53aad3c5cec786.jpeg

Caso queiram me acompanhar, eu compartilho no meu Instagram: @anavoando

Espero que ajude alguém :)

  • Gostei! 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

Muito legal @Ana Caroline Cunha, certamente um destino que me interessa também!

Desde o início da pandemia, dadas as limitações (lugares inacessíveis devido a bloqueios) comecei a procurar lugares aqui por perto que pudessem valer a pena (também sou do vale).

Até cheguei a dar uma espiadinha por essas bandas onde fizesse teu trekking, mas me deparei com diversos sites de agências exigindo valores exorbitantes.

Por mais que tenhas dito que o valor de acesso seja caro, ainda tá muito abaixo de outras opções (como o Morro da Boa Vista, que está custando R$ 850,00 por pessoa - segundo minha última pesquisa).

Abraços! :D

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
2 horas atrás, Alan Rafael Kinder disse:

Muito legal @Ana Caroline Cunha, certamente um destino que me interessa também!

Desde o início da pandemia, dadas as limitações (lugares inacessíveis devido a bloqueios) comecei a procurar lugares aqui por perto que pudessem valer a pena (também sou do vale).

Até cheguei a dar uma espiadinha por essas bandas onde fizesse teu trekking, mas me deparei com diversos sites de agências exigindo valores exorbitantes.

Por mais que tenhas dito que o valor de acesso seja caro, ainda tá muito abaixo de outras opções (como o Morro da Boa Vista, que está custando R$ 850,00 por pessoa - segundo minha última pesquisa).

Abraços! :D

Uau, caríssimo hahaha é obrigatório fazer dessa forma? Geralmente agências cobram valores mais altos mesmo né?! Por gosto de ir em lugares que não dependam delas e o acesso possa ser feito independente :)

Nossa região tem muitos lugares legais, principalmente para quem gosta de montanha!

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
35 minutos atrás, Ana Caroline Cunha disse:

Uau, caríssimo hahaha é obrigatório fazer dessa forma? Geralmente agências cobram valores mais altos mesmo né?! Por gosto de ir em lugares que não dependam delas e o acesso possa ser feito independente :)

Pois então, parece que é a única alternativa.

Os proprietários entraram em acordo com essa 'Eco Trilhas' oferecendo exclusividade (talvez se cansaram de andarilhos em suas terras). Não sei até que ponto é possível arriscar...

Pelos relatos antigos que encontrei, antes era diferente o processo, mas infelizmente estamos limitados agora.

38 minutos atrás, Ana Caroline Cunha disse:

Nossa região tem muitos lugares legais, principalmente para quem gosta de montanha!

Também acho, o duro é correr contra o tempo para conhece-los antes que se tornem atrações turísticas famosas (e com isso, comecem as extorsões). Uma pena essa cultura gananciosa.

  • Gostei! 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...