Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Panamá - Perguntas e Respostas


Posts Recomendados

  • Membros

Sobre Colombia -Panma de barco:

O Lonely Planet recomenda o Casa Viena, mas outros hostais também tem informaçoes, entao se tiver tempo chegue em Cartagena e pesquise, converse com os capitaes, em geral o emial deles estah disponivel, se possivel visite o barco. O que vimos é que alguns dos barcos recomendados pelo hostal saem abarrotados, um deles com 23 pessoas.

 

Nos tivemos uma grande sorte, conhecemos uma menina brasileira que jah estava pesquisando e resolvemos nos juntar a ela e ir de barco, pois a passagem de aviao a essa altura estava custando 500 USD ida e volta. Ela estava esperando um capitao com quem ia conversar no Hostal Media Luna quando um casal franco-brasileiro apareceu perguntando quem estaria interessado numa viagem de barco e entao eles disseram que tinham um catamara e que procuravam passageiros, sendo que queriam no maximo 4 passageiros.

 

Fomos visitar o barco e ficamos encantadas e fechamos na hora. Fizemos entao a travessia com o Rebelle, um catamara, bem melhor que um veleiro, pois tem mais espaço para circular, com apenas o capitao frances, a esposa brasileira e 4 passageiros, um irlandes e nos 3 meninas brasileiras pelo mesmo valor que outros barcos que saem abarrotados de gente.

 

Outra coisa que foi super positiva de irmos com eles é que nunca ficavamos parados em um só local, visitamos varias ilhas desertas, enquanto os outros barcos ficam ancorados em um so lugar, em ilhas habitadas, em que os corais jah estao cinza. Alem de tudo comemos super bem, comida super natural, saladas maravilhosas, atum pescado na hora, e lagostas frescas vendidas pelos indios Kunas.

 

Infelizmente o Rebelle vai estar por pouco tempo fazendo a rota porque o casal estah dando a volta ao mundo. Entao se alguem quiser aproveitar essa chance unica avise que mando o contato do Rebelle.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Respostas 491
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Colaboradores

Pessoal acabei de voltar do panamá onde fiquei 2 dias vindo de Miami. Aqui vão minhas impressões.

 

1. Transporte: Eu li alguns relatos aqui no site e no guia lonely planet que eu tenho que o taxi do aeroporto para o centro custava cerca de 25 dolares. Como eu estava com esposa e filha pequena, resolvi alugar um carro econômico. Aluguei na Hertz do aeroporto fazendo reserva pela internet antes. O carro alugado foi para mim uma grande barbada: por 25 dolares diários (11 dolares a diaria + 12 seguro e 2 taxas) eu tinha um carro com ar condicionado com km livre e podia visitar o que eu quisesse. A Cidade do Panamá não é muito grande, ela é espalhada ao redor da costa do pacífico. Assim um mínimo de orientação você não vai se perder. Claro, um mapa sempre ajuda e eu imprimi o meu antes através do Google earth e não me arrependi: na hertz eles não davam nenhum mapa.

 

2. Dinheiro: como também já foi dito, eles utilizam o dólar americano como moeda, exceto algumas moedas balboas que também circulam, mas as americanas são também aceitas. Entretanto as notas de U$ 50 e U$ 100 são aceitas com muita dificuldade. Em alguns casos eles tiram Xerox da nota, anotam seu numero de passaporte e você assina no Xerox. É uma boa você separar algumas notas de dólares pequenos para a chegada principalmente para o pedágio da via sul que custa U$ 1,25 e eles não dão troco. Cartão de credito nem sempre é aceito

 

3. Comida: achei a comida como um todo um pouco mais temperada que a brasileira, gostam muito de pimenta. No fim eu já pedia sem pimenta e com pouco sal. Frutas eles tem poucas e com media/baixa qualidade assim como saladas. Não quis me aventurar nos restaurantes populares por receio da higiene.

 

4. Compras: Eu fui no shopping albrook, na calle central e na calle espana. Para falar a verdade as lojas localizadas nas calles vendem mercadoria de muita baixa qualidade e baixo preço, e acho que não compensa. Alem de você ter que caminhar no calorão de uma loja para outra, as melhores lojas são as mesmas que estão localizadas no albrook. Então nem percam tempo e sigam direto para este shopping. Ele fica localizado exatamente ao lado do terminal rodoviário. Leve junto o passaporte pois brasileiros alem de não pagarem a taxa local de 5% as vezes ainda ganham desconto. Para ter como base, relógios bons por 5 dolares, havaianas chinesas iguais as nossas por 1,50 dolar. Eletrônicos custam uns 30% menos que no Brasil.

 

5. Passeios: para quem como eu tem pouco tempo (2 dias), com o carro você consegue tranquilamente visitar o centro de miraflores onde tem as eclusas de mesmo nome, o casco viejo que é muito bonito, a calçada amador que é muito comprida e lá no final dela tem vários restaurantes e uma vista indescritível do pacifico. Pedida ótima para jantar principalmente se estiver acompanhado. Neste local tem um restaurante, o “tambor de la alegria” em que eles servem comida típica e apresentam alguns shows folclóricos deles próprios. Vale também passar com o carro na ponte das Américas e na ponte centenária, mais adiante um pouco que as eclusas. Isso sem contar com uma passada básica pelo shopping albrook para comprar bugigangas para amigos e familiares no Brasil. Acredite, leve uma mala vazia ou sacolão pois os preços realmente são muito bons. Não esqueça o passaporte!!!!!!!!! Eu comprei um sacolão enorme na loja TITAN por 10 dolares para acomodar todo o extra que comprei. Com o carro vá também pela calle amistad que passa bem no meio do parque natural metropolitano. Eu li no meu guia que é meio “boca braba” por lá e realmente não senti segurança. Indo por esta calle já dá para ter uma boa idéia da floresta tropical, os pássaros, etc. Vá devagar com o carro é uma via relativamente tranqüila.

 

6. Clima: quente, muito quente e úmido. Leve apenas um moleton para usar nos locais onde eles colocam ar condicionado no máximo (aeroporto tocumen por exemplo). Leve varias camisetas para ir trocando conforme suja, roupa intima, meias, e no meu caso varias bermudas/shorts. É muito comum durante o dia caírem várias “bombas” que são aquelas chuvas pesadas mesmo, mas duram uns 5/10 min e já pára de chover. Aí vem o sol com tudo e fica ainda mais quente.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Meu breve relato...

 

A loja Liverpool no Centro da cidade, no Shopping Plaza de las Américas, não vale a pena. Só compre lá se não passar pelo Free Shop do Panamá. E no shopping tem a Sears e uma outra loja com alguns preços mais em conta. Esse lance de bonificação de 15%/20% do valor de compra só serve para cobrir o preço mais caro e vc gastar mais.

 

O Shopping La Isla na Zona Hoteleira é muito bom. Tem várias lojas com preços ótimos. Para roupas, veja Zara, Pull and Bear (mesmo dono da Zara), Tommy Hillfiger entre outras. Tem a imbatível Dufry para perfumes, onde o preço é mais baixo que em todos os lugares (inclusive FreeShops) e se vc comprar acima de 87 dólares, ainda ganha mais 10% de desconto. Vamos dizer que os perfumes saíram entre $10 e $25 mais baratos que no próprio Dufry daqui do Galeão. Comprei perfumes baratíssimos. Tem uma lojinha de coisas típicas mexicanas chamada Casa Mexicana que vale a pena se vc quiser comprar tequilas e afins, fora as besteiras que turista compra.

 

Agora vem o melhor para comprar eletrônicos, Free Shop do Panamá. Tirando os laptops, que achei bem carinhos até, vale comprar muita coisa aqui. A Riviera monopoliza tudo no FreeShop do Panamá, portanto, não adianta pesquisar preço e sim disponibilidade. Comprei um Bluray Philips ($199), um GPS Garmin ($160), um Wii ($275) e minha namorada comprou uma câmera Panasonic Lumix com cartão SD2Gb($135). Só não comprei mais porque iria estourar a cota. Ah! Um detalhe. Comprando vários itens eles dão 3% de desconto em cada item (menos no Wii). Apesar deles colocarem o preço declarado que vc quiser na nota, resolvi não arriscar para não ter problemas aqui na Receita. Parece que fiz certo porque passaram minhas bagagens no Raio-X ao chegar no Galeão. Estou arrependido de não ter comprado outras coisas que passariam fácil na alfandega como óculos de sol, barbeador Philips entre outras bugigangas que valiam o preço.

 

Acho que é só isso. Se lembrar de alguma coisa mais, coloco aqui.

 

Abçs a todos.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

UMA PEQUENA CORREÇÃO...

 

Meu breve relato...

 

EM CANCUN... Loja Liverpool no Centro da cidade, no Shopping Plaza de las Américas, não vale a pena. Só compre lá se não passar pelo Free Shop do Panamá. E no shopping tem a Sears e uma outra loja com alguns preços mais em conta. Esse lance de bonificação de 15%/20% do valor de compra só serve para cobrir o preço mais caro e vc gastar mais. O Shopping La Isla na Zona Hoteleira é muito bom. Tem várias lojas com preços ótimos. Para roupas, veja Zara, Pull and Bear (mesmo dono da Zara), Tommy Hillfiger entre outras. Tem a imbatível Dufry para perfumes, onde o preço é mais baixo que em todos os lugares (inclusive FreeShops) e se vc comprar acima de 87 dólares, ainda ganha mais 10% de desconto. Vamos dizer que os perfumes saíram entre $10 e $25 mais baratos que no próprio Dufry daqui do Galeão. Comprei perfumes baratíssimos. Tem uma lojinha de coisas típicas mexicanas chamada Casa Mexicana que vale a pena se vc quiser comprar tequilas e afins, fora as besteiras que turista compra.

 

NO PANAMÁ... Agora vem o melhor para comprar eletrônicos, Free Shop do Panamá. Tirando os laptops, que achei bem carinhos até, vale comprar muita coisa aqui. A Riviera monopoliza tudo no FreeShop do Panamá, portanto, não adianta pesquisar preço e sim disponibilidade. Comprei um Bluray Philips ($199), um GPS Garmin ($160), um Wii ($275) e minha namorada comprou uma câmera Panasonic Lumix com cartão SD2Gb($135). Só não comprei mais porque iria estourar a cota. Ah! Um detalhe. Comprando vários itens eles dão 3% de desconto em cada item (menos no Wii). Apesar deles colocarem o preço declarado que vc quiser na nota, resolvi não arriscar para não ter problemas aqui na Receita. Parece que fiz certo porque passaram minhas bagagens no Raio-X ao chegar no Galeão. Estou arrependido de não ter comprado outras coisas que passariam fácil na alfandega como óculos de sol, barbeador Philips entre outras bugigangas que valiam o preço.

 

Acho que é só isso. Se lembrar de alguma coisa mais, coloco aqui.

 

Abçs a todos.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

abarretojr,

 

Desbloquear o Wii, que eu saiba, sai por uns R$150 se for chipado. Basta olhar no MercadoLivre. Mas já existem outras maneiras de desbloquear o mesmo através de software que são mais baratas ou gratuitas se vc tiver paciência de procurar. Tem uma que era com o jogo Zelda que parece que não funciona em alguns casos. Mas tem outras que estou pesquisando e parece que funcionam. Meu chefe no trabalho sabia de uma maneira, mas que não funciona mais após o update da formware para 4.0 ou maior. Tem um programinha na Internet perfeito para isso, chamado HomeBreWare que custa $29. Vou ver qual a melhor opção.

 

Abçs.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Fala Marco

 

Com relação ao Wii, realmente existem esses 2 tipos de desbloqueio. Só deve tomar cuidado e ter confiança em quem irá desbloquear o seu aparelho. Com relação a LIVERPOOL do Plaza Las Americas, foi lá que comprei o meu óculos escuros da DKNY por US$ 80,00. Comparado a loja da LIVERPOOL do Isla Mall, ela é um pouco maior. Mas nada que possa fazer tanta se forem somente na loja do Isla Mall onde podem encontrar todos os gêneros de produto.

 

Os preços os quais relatei das compras realizadas na loja RIVIERA do Free Shop do Panamá, todos estão com os 3% de desconto que você citou. Ou seja, peça sempre desconto.

 

Acabei não comprando do Wii, pois achei caro comparado ao preço de Miami que está US$ 199,00. No meu regresso, que foi no dia 28 de outubro pela manhã, ninguém nem olhou pra minha cara. Os caras da receita recolheram apenas a declaração dos produtos, que diga-se de passagem, estavam todas jogadas em cima de um balcão, e mandaram passar direto. Sequer passaram as bolsas de mão no RAIO X. Me arrependi de não ter trazido mais coisas.

 

abs

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Colaboradores

Pessoal, já que voces estao falando do Wii e do Panamá...... Voces não viram lá o pirata do Wii, o "Mi"? Sim, isso mesmo, o pirata do nintendo WII se chama "Mi" e eu vi a venda em vários locais.

 

O console é o mesmo, branco e inclinado, os joysticks, os jogos tambem, só não tem o supermario. O console custa 27 dolares e acompanha todos os acessorios de jogos, ou seja, a raquete de tenis, o taco de beisebol, etc. Eu joguei este jogo na TITAN tinha um lá instalado. Eu diria a voces que é praticamente igual ao nintendo.

 

Mas o preço, 27 dolares, é imbativel. Eu nao quis comprar porque sou particularmente contra video games. Mas para o pessoal aí que curte acho uma boa....

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Colaboradores

Soares, o aeroporto de Tocumen é longe, beeeeem longe da cidade. Acho que uns 30 km ou mais. Do aeroporto existem duas formas de chegar à cidade. Pelo "corredor sul", saindo do aeroporto à esquerda. A estrada é vazia, boa e tem dois pedágios. Um custa U$ 1,25 e o outro mais perto do centro custa U$ 0,50, ou seja, de graça.

 

A outra estrada (a da direita - av. domingo diaz) eu não fui, mas lá no centro ela é insuportável: cheia de carros, sinaleiras, aqueles ônibus americanos antigos pintados e enfeitados. Aliás tome muito cuidado com eles - os ônibus - são muito "barbeiros" e páram onde "dá na veneta"

 

O transito em geral não é congestionado, a não ser perto das 18 horas, aí parece que todo o mundo resolve andar de carro e pára. Mas isso +- uma hora, aí depois já alivia.

 

A dica para quem aluga carro é reservar tudo pela internet, eu vi várias agencias lá no aeroporto, mas com esses preços absurdos de taxi acho que todo o mundo tem a mesma ideia. Entretanto, imprima seus mapas antes pelo google earth. Imprima vários, de diferentes tamanhos, inclusive onde aparecem os lugares turisticos mencionados no fórum. No panamá não existem aquelas plaquinhas de esquina com o nome das ruas, tem que ficar perguntando para as pessoas, ou então seguir as placas que existem eventualmente pela cidade.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 4 semanas depois...

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...