Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

[Arquivo] Roma - Perguntas e Respostas


Posts Recomendados

  • Membros de Honra

Nossa, totalmente necessário ficar dois dias. Principalmente se quiser conhecer Murano. Não, não dá para andar correndo por aquelas ruas. Tem que dar uma parada no final do dia na praça São Marco e ficar vendo as pessoas passarem.

Link para o post

  • Respostas 1,4k
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros de Honra

Ja que estarao em Venezia ... se tiverem tempo eu aconselharia a conhecerem as cidades de Bassano del Grappa e Vicenza, sao duas cidades que nao estao em nenhum roteiro Turisco (que eu Saiba) e sao Lindas (Vicenza por exemplo tem uma replica perfeita da Piazza San Marcos, com a torre do Relogio e tudo) ... Bassano tem um castelo perfeito ...

Padova tb seria uma boa, o Prato della Vale è belissimo, e ainda os solteiros de Plantao poderiam passar na Basilica de Santo Antonio (conhecida como Basilica Del Santo) para fazer seus pedidinhos de casamento (quem for na Basilica nao deixe de assistir o documentario sobre a vida de santo Antonio, è em italiano claro)!!

 

Abraços!

Link para o post
  • Membros

Visitando um outro site resolvi juntar alguns comentarios e postar aqui. Espero que possa ser útil.

ITÁLIA

 

BARBADAS

 

 

MUITAS DICAS ÚTEIS

Esta viagem não é bem uma aventura, uma vez que contratei um pacote, mas tenho boas dicas da Itália. Em Roma fique no hotel Quatro Fontane, ele é bem no centro a 1 quadra da Via Venetto e dá para ir à pé a todos os lugares como, Coliseu, Fórum,... Via de Corso e Via del Babuino (para as compras). Jante na Toca del León, próximo ao hotel, de turístico não tem nada o garçom nem sequer fala Inglês. Atenção, se você quer economizar nunca peça entradas, elas são absurdas. Se atente para o preço do refrigerante, é mais caro que vinho. Se quiser compre nos mercados. Não deixe de comer a pizza quadrada vendida nos "botecos" e os sanduíches expostos nas vitrines das padarias. A Piazza de San Pietro e o Vaticano são fechados aos domingos, mas você pode ter a sorte de ver o Papa rezando a missa, como eu tive. Poderia escrever uma imensa carta sobre Roma, ela é maravilhosa. Em Veneza, na hora de comprar as máscaras, tome cuidado para não pagar preço de legítima (papel machê, super caras) em Koreana. Para não me prolongar, San Marino é belissima, fique no Gran Hotel, o Ritz Milão é fantástico (padrão americano, longe do europeu - não se espante se não encontrar chuveiros/duchas nos banheiros), Florença, Piza, Assis, Verona tudo maravilhoso, vale a pena!! Boa viagem, principalmente se for de lua-de-mel.

Ilka

DICAS DE ROMA

Bom, como comentário da minha última empreitada (ROMA), seguem alguns toques: Bem em frente ao Hotel Papa Germano, indicado em seu guia, talvez nr. 17, tem um prédio, com umas pousadas informais. Procurar pela senhora Emanuella, ela tem 3 quarto (limpos e com tv, tem até uma brasileira clandestina que faz a limpeza) que saem bem mais em conta que o normal. Outra sacada, quando forem comer em lanchonete olhem os preços, tem para ficar em pé e para sentar na mesa. A diferença?! Sentada custa mais que o dobro! Sacanagem italiana pura... No lado contrário à Ilha Tibertina, no bairro do Trastevere (que meio afastado do centro) tem bons restaurantes, com boa comida, com preços melhores que na parte central. Outra coisa, quem for ao Vaticano e não subir até a Cúpula da Basílica deve ser excomungado com passaporte cassado!!! É simplesmente sensacional! Bom, por hoje é só. Um grande abraço.

ROMA É UM ESTADO DE ESPÍRITO!

Olá cidadãos do mundo! Hoje tenho umas dicas de Roma para vocês! Para ser sincero, eu moraria tranqüilamente em Roma. A cidade é romântica, a comida maravilhosa, as pessoas bonitas e elegantes, pena que não tem muita opção noturna. Não deixe de tomar um tartufo sentado na beira da Fontana di Trevi, de conhecer o parque Villa Borghese, um dos mais belos que conheci. Quando disserem que são brasileiros, os italianos abrirão um sorriso e irão falar de Carnaval/Rio de Janeiro/Ronaldinho/Modelos brasileiras, mas não se irritem, isso é uma prova de simpatia para com nós brasileiros. Se tiver coragem, você poderá arriscar passear de graça, pegando o ônibus 64 que vai para o Vaticano, pois não há cobrador e sim uma chanceladora do bilhete que é comprado em máquinas nas ruas. Mas se o fiscal aparecer e você não tiver o bilhete, terá que pagar 50x o valor do mesmo. Outro local imperdível é a Piazza di Spagna, ponto de encontro de todos os turistas, além da vista da Igreja Trinitá dei Monti e da Fontana della Barcaccia. Stuppendo!!! Até a próxima dica.

Valdir Pinheiro

VENEZA APAIXONANTE

Para apaixonados, uma super dica é a linda Veneza, onde de qualquer lugar e de qualquer ângulo é mágica, onde o meio mais barato de locomoção é o vaporetto, podendo ir a ilhotas como Murano, e à noite o mais interessante é estar perto da estação de trem onde os bares são poucos, mas você irá escutar a típica canção italiana tocada por sanfonas...

Renata

A BONITA E CARA VENEZA

Moro em Budapeste e num final de semana prolongado decidimos conhecer Veneza.Olha gente, que lugar fantástico!!! Acho que não existe nada assim no mundo. Mas preparem-se porque se não levarem sanduíche ou um pequeno almoçozinho o almoço não sai por menos de 4 euros. Mas olha, vale a pena!

 

ROUBADAS

 

NOTA ZERO

Em Roma evite o hotel Tempio di Pallade; por péssima assistência do agente de viagem Atlas Turismo de Maringá-Pr, fomos parar neste hotel próximo à estação Termini: foi um horror! Só não foi pior, pois o pessoal do hotel foi muito atencioso, mas do hotel propriamente dito (dependências) nota zero! E zero pra agencia de viagem (nunca viaje por ela).

Cristina

 

GOLPE NA AVENIDA CAVOUR

Tudo aconteceu em janeiro de 2004, quando viajei para Itália. Visitei cidades como Roma, Veneza, Milão, Rimini e San Marino (república). O destino principal era Rimini, pois havia naquela época uma feira de negócios em um espaço de eventos na região. A grande roubada aconteceu em Roma. Naquela noite, por volta das 20h. Estava eu na estação Termini. Como eu já tinha andado pela Avenida Cavour, de dia, decidi caminhar daquela estação até a estação Cavour, pois eu estava hospedado em um hotel daquelas redondezas.

No meio do caminho, um jovem sujeito me abordou, em inglês, me perguntando, em que direção que ficava o Vaticano. Bom, quem já foi à Roma, sabe que dali até o Vaticano tem um bom chão. Então eu disse a ele que estava bem longe. Então me respondeu dizendo tudo bem em seguida me pediu para que eu tirasse uma foto. Não tinha percebido mas quando me dei por conta, estava tirando foto dele em direção a um beco escuro. Em principio achei estranho, mas como o sujeito tinha uma boa aparência e falava o inglês muito bem, não me despertou nenhuma desconfiança. Muito pelo contrário, tive dó pois eu achava que estava perdido e solitário.

De repente quando já estava indo embora, um outro sujeito se aproximou rapidamente e nos abordou mostrando uma espécie de carteira funcional, dizendo, em inglês (com um sotaque estranho) que era um policial disfarçado para investigar tráfego de drogas e de dinheiro falso. Perguntou primeiramente o que nós estávamos fazendo naquele local. O turista perdido disse que estava perdido e eu disse que estava dando uma informação. O suposto policial fez uma cara de quem não estava acreditando e deu inicio a uma espécie de blitz. Pediu para que o jovem mostrasse todos os volumes dentro dos bolsos e começou a verificar cheirando os pertences e olhando com desconfiança. Destruiu todos os cigarros de um maço, ao mesmo tempo que, cheirava compulsivamente. Ao analisar a carteira, foi muito minucioso, e quando achou o cartão de crédito, pegou o celular e digitou todos os números e em seguida pediu que ditasse a senha. Achei estranho, mas o jovem disse com a maior naturalidade. Após uma rápida conversa no celular(em italiano carregado de sotaque) disse ao jovem que estava tudo em ordem e o liberou.

Quando chegou a minha vez, eu já estava em estado de tensão a mil. O procedimento foi o mesmo, pedindo para tirar todos os volume dos bolsos. Ao verificar a minha carteira, pegou o meu cartão de crédito e iniciou o mesmo procedimento adotado na outra vez e quando me pediu a senha, eu disse que não lembrava (e não lembrava mesmo). O "policial" achou estranho, mas desistiu e me perguntou se havia mais dinheiro, pois na carteira não tinha muito. Me perguntou de onde eu era então disse que era brasileiro, foi quando me pediu o passaporte para verificar a veracidade. O problema é que dentro do passaporte eu tinha guardado cerca de 1000 euros. E ao verificar que eu estava omitindo o dinheiro, ficou agressivo e me perguntou porque havia feito aquilo, então respondi que eu estava desconfiando daquela situação. O sujeito contou o dinheiro, e colocou de volta no passaporte e me devolveu. Em seguida me liberou e disse para eu tomar muito cuidado, pois não era seguro andar naquele local naquela hora pois haviam muitos perigos.

Agradeci e segui o meu caminho. Senti naquele momento um misto de alivio e medo.

Quando consegui chegar a o hotel, fui verificar se estava tudo em ordem. Qual não foi a minha surpresa quando contei o dinheiro que estava no passaporte e descobri que estavam faltando 500 euros.

Senti uma decepção comigo mesmo por não ter percebido tal manobra para furtar o dinheiro.

Ao fazer um balanço da situação cheguei à conclusão de que aquilo que aconteceu comigo se tratava de um golpe de uma quadrilha formada por um suposto turista perdido e um suposto policial a paisana. O turista perdido aborda um turista qualquer, geralmente um que fala o inglês e que seja cortês, então aplica o golpe.

Ao mesmo tempo que me sinto um trouxa por ter caído neste golpe, agradeço por não ter acontecido nada comigo, fisicamente, pois se eu tivesse desconfiado que se tratava de um golpe, talvez os meliantes poderiam ter me agredido ou coisa pior para conseguir alcançar o objetivo inescrupuloso.

Moral da história, não se deve andar por Roma ou qualquer cidade turística de noite pois o policiamento não existe e a possibilidade de acontecer algo não é privilégio só de brasileiros.

Espero que fatos como estes, não se repitam e é para isto que estou dando este testemunho.

Jorge Massao

EVITE IR EM AGOSTO

Resolvi passar o verão europeu na Itália... Grande roubada, agosto é o mês de feria dos italianos (famoso ferragosto), alem de tudo ser muito, mas muito mais caro, se você não tiver nada reservado, prepare-se para dormir na rua, no carro ou na praia, ou quem sabe você com muita sorte consegue um hotel, mas daqueles 5 estrelas que normalmente já são caros e em agosto custam verdadeiramente uma fortuna. Vale a pena ir em julho que ainda não é tão lotada ou esperar setembro que os preços já caem bem.

Patricia 'People'

TAXI EM ROMA

Cuidado ao pegar taxi em Roma. Eu e o meu marido estivemos em Roma em maio de 2003. Resolvemos ir de Taxi do aeroporto para nosso hotel que ficava próximo a estação de trem, porém antes de entramos no taxi, perguntamos ao motorista quanto custava até o nosso destino. E ele nos informou por volta de 50?. Para nossa surpresa, ao chegarmos em nosso destino, nossa viagem tinha custado somente 25?, porém o safado do taxista disse que teríamos que pagar o retorno dele para o aeroporto. Achei aquilo muito estranho, porém o meu marido decidiu pagar. Chegando no hotel perguntei ao recepcionista se isso era normal. Ele disse que não e que deveríamos ter pedido recibo para o taxista, pois assim nós poderíamos dar queixa e pedir ressarcimento do "roubo" e ele ainda iria pagar multa e se fosse reincidente poderia até perder a licença de dirigir taxi. Então ai vai a dica. Na Itália peça recibo, seguro morreu de velho.

Adriane

ATRAVESSADORES

Para quem vai para a Itália, eu tenho uma coleção de roubadas. Parece até que eu caí em todos os truques que a Velha Bota reserva aos seus visitantes. Chegar na estação termini de Roma e não ser abordado por atravessadores de hotel e táxi é virtualmente impossível. Tente passar por eles e vá procurar sozinho seu albergue. Chegamos no Dia de Roma (sem querer, é óbvio) e o hotel mais barato disponível era US$150,00. Então resolvemos deixar as coisas no locker, sair para a noitada, quando a estação abrisse as 5:00 da manhã pegaríamos um trem para qualquer lugar e dormiríamos nele. Perguntamos a um senhor na Via Veneto onde poderíamos encontrar uma boate. Ele fez questão de nos levar para um tal Clube de Paris... não preciso nem dizer o que era... as próprias garotas de programa nos avisaram que estávamos em lugar errado. Pedimos para sair pois havíamos acabado de entrar. Foi quando apareceram gorilas com cacetetes dizendo que se não pagássemos a taxa mínima teriam que nos levar para conversar lá dentro. Final... tivemos que pagar US15,00 cada para sair com os dentes intactos. Fiquem muito espertos com pessoas solícitas demais.

Rodrigo

HOSPITALIDADE ITALIANA

Do norte até o centro da Itália a marca registrada dos italianos é a falta de educação e a hostilidade ao estrangeiro. A desorganização, a absurda forma como dirigem no trânsito, as armadilhas para enganar ou maltratar o turista fazem da Itália uma grande decepção. Verdadeiro país subdesenvolvido. Os brasileiros dão uma grande lição aos europeus, em especial aos italianos, de como se deve receber o turista. Ouvi muitos comentários favoráveis de italianos que estiveram passeando por aqui, a respeito da acolhida, da fartura das refeições, da afetividade do povo etc. Tudo o que eles não têm e deviam aprender conosco. A única forma de mudar estes estado de coisas seria um grande boicote internacional ao turismo italiano.

João

PASSEIO ATÉ A PIAZZA SAN MARCO

Tomar muito cuidado quando em Veneza, ao deixar o carro na garagem e ser abordado de forma intensiva por várias pessoas que lhe oferecem a viagem de barco para a Piazza San Marco ou outro local. Oferecem a travessia a ser feita em apenas 20 minutos, o que é real, enquanto o serviço oficial leva cerca de 90 minutos, porém são serviços ilegais e clandestinos, com barcos sem segurança e com lotação acima de sua capacidade. Prometem a inclusão do retorno na taxa paga, mas assim que chegam na Piazza fazem todos descer rapidamente e somem com medo de serem pegos pela polícia.

João

INVASÃO DE TREM NO SUL

Em Fev/04 quando estava fazendo a minha aventura com mais 2 amigas pela Europa, nós pegamos um trem de Roma até Bari, porém 2 estações antes de Bari, entraram no nosso vagão uns 30 rapazes que ficaram falando bobeiras (deu para perceber que houve uma invasão, pois eles não tinham passagens), chegamos a ficar bastante assustadas. Quando eles estavam se preparando para descer na estação seguinte percebemos que um deles estava mexendo em uma de nossas mochilas que estava no compartimento de bagagens, porém foi tarde demais, uma mochila já havia sido roubada pelos primeiros que descerem, tentamos ir atrás, avisar os guardas mais foi tudo muito rápido. Depois disso viajamos o tempo todo com as mochilas ao nosso lado ou embaixo dos nossos pés.

Monica

ITÁLIA PRIMEIRO E TERCEIRO MUNDO? QUE FENÔMENO É ESTE?

Interessante e ao mesmo tempo explicável pelas contradições sociais que cada país enfrenta e não apenas o Brasil. Numa bela manhã de verão, num trem de Padova a Milão eu acompanhava uma amiga que vinha para o Brasil. Qual a nossa surpresa quando seus pertences denominadas nos vôos de sacola de mão foram espertamente roubados por dois jovens que simularam um tropeço nas malas que se encontravam no chão do trem. Tendo a atenção voltada para isso a bagagem no suporte no alto, foi roubada. Dando a falta em pouco tempo, acredito eu, procurei caminhar alguns vagões para ver se encontrava alguma coisa. Uma certeza: não tinha havido nenhuma parada do trem. Ao cruzar o primeiro vagão eis algo que chamou atenção: um dos rapazes que tropeçou nas malas encontrava-se próximo ao banheiro, que estava fechado quando tentei entrar. Suspeitei de algo... Simulei que passaria para outro vagão. Quando o fiz qual não foi minha surpresa ao olhar para trás: o rapaz entrava no banheiro. Rapidamente retornei e forcei a minha entrada, pois do lado de dentro os dois tropeços das malas forcavam para que eu não abrisse a porta. Mesmo assim consegui e qual a minha surpresa, não tão inesperada: a maleta de mão repousava no banheiro. Recuperei-a e após fui atras dos dois tropeços que encontravam-se muitos e muitos vagões a frente. Pedi ajuda a um policial que estava como passageiro, embora fardado num banco, o mesmo disse que isso era função do segurança do trem. Interessante, nenhuma ajuda. Resumindo a opera: Consegui que um dos rapazes voltasse ate a poltrona em que me encontrava alojada e conferir que não faltava nada. Pensei em registrar queixa na Policia na Central de Trem em Milão, porem minha amiga perderia o vôo. A pergunta é: que Pais é este? A contradição social é global. Menos preconceito com o Brasil! Mensagem: muita atenção nos trens da Itália!!!

Ana Maria de Arruda Camargo

SENTADO É MAIS CARO

Olá, cheguei da Itália neste mês de setembro e fiquei chocada com o fato de ter que pagar preço diferente de um sanduíche e uma água só porque sentamos à mesa (e nem fomos avisados disto) Um lanche de 3 reais custou 7 reais e a cerveja que a minha amiga pediu de 3 reais custou 13 (treze mesmo). Pergunte sempre se há "Coperto" (é como eles chamam o fato de comer sentado).

Cris

 

OS ATRAVESSADORES

Pra quem vai para Roma, cuidado com os atravessadores de hotéis, eles ganham ate o dobro do que custa os apt. que giram normalmente em torno de 60 reais, a boa pedida é procurar os hotéis mais simples perto do terminal central, que você fica perto de quase todos os pontos turísticos, caminhadas em torno de 20 a 40 min, outra é procurar aluguel de motos 50cc em torno de 40 reais dia... aquele abraço...

Alvimar

Link para o post
  • 2 meses depois...
  • Membros de Honra

Agrupando:

 

Topic author: GustavoH

Subject: Trem Roma - Veneza é seguro?

Posted on: 13/07/2005 23:37:34

Message:

 

 

Ola pessoal,

 

Procurei pelos topicos mas nao achei nada que respondesse minha duvida...

Em março eatarei viajando para a Italia. Pretendo ficar uns dias em Roma e depois seguir para Veneza. Como sera minha primeira viagem internacional, pintou a duvida: é seguro fazer essa viagem, ou seja, nao tem nenhum problema viajar carregando malas? E para saber a hora de desembarcar, tem algum perigo de passar do "ponto"?

 

Obrigado a todos desde ja

Abraços

Gustavo

 

Replies:

 

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: flavioencerrabodes

Replied on: 14/07/2005 00:36:39

Message:

 

Oi, Gustavo. Eu fiz o caminho inverso, de Veneza para Roma.

Comprei para mim e para minhs esposa 2 bilhetes de 2ª classe, em promoção.

Qdo compramos a diferença para um bilhete de 1ª estava bem grande, então até valeu a pena. O problema foi que não dormi quase nada à noite, e ainda tinha um bêbado na nossa cabine (para seis pessoas). Viajei meio preocupado, mas nada demais aconteceu, a não ser meu cansaço pela manhã.

Mas se perder não tem erro não, dá até pra pedir pra te avisarem quando chegares. Um abraço!

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: fabioorkut

Replied on: 14/07/2005 04:08:24

Message:

 

Gustavo, realmente, como o Flavio falou, em algumas viagens tu acaba pegando alguns companheiros de cabine meio estranhos... mas pegar um bilhete de primeira classe nao é garantia de que os teus companheiros de cabine vao ser perfeitos... se tu quiser um pouco mais de segurança, pode optar por pegar um trem Eurostar, um pouco mais caro que os Intercity, mas em compensaçao é mais rapido e nao existem cabines (é tudo aberto, mais seguro)... mas na boa, jà viajei dezenas de vezes tanto nos Intercity quando nos Eurostar e nunca me deu nenhum problema...

 

e quanto a "passar do ponto", como o Flavio falou, nem te preocupa... o sistema de alto-falantes avisa, alem do que a estaçao de Veneza é a ultima, o trem nao consegue ir alem...

 

P.S.: tu tambem pode fazer esse trajeto de aviao... a passagem da RyanAir sai mais barato que a passagem de trem...

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: schwertner

Replied on: 14/07/2005 07:28:15

Message:

 

Eu viajei muito com trens noturnos e nunca tive problema. Quase sempre estive com pessoas estranhas. Mas nunca tive problemas.

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: Janse

Replied on: 14/07/2005 18:46:57

Message:

 

Qual o valor deste trem ?? E é bonita a viagem ??

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: GustavoH

Replied on: 14/07/2005 23:43:04

Message:

 

Ola amigos,

 

Obrigado pelas dicas, é que sabem como é ne? Primeira vez na Europa e sempre pintam algumas duvidas e grilos...

Qual o tempo de viagem entre as cidades, de trem? É seguro mesmo viajar com aquelas malas de viagem (nao sou mochileiro, mas vou com 2 malas grandes - lua de mel)

 

Abraços

Gustavo

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: fabioorkut

Replied on: 15/07/2005 04:00:11

Message:

 

 

quote:

--------------------------------------------------------------------------------

Originally posted by Janse

 

Qual o valor deste trem ?? E é bonita a viagem ??

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

 

Tudo bem, Janse?

 

Seguinte, o valor do trem Roma-Veneza depende do tipo de trem que tu pegar... se tu pegar Intercity, o preço normal é de 38 euros, mas tem algumas promoçoes em que tu compra a passagem por 15 euros... e o trem Eurostar custa 45 euros o valor normal ou 29 euros o valor promocional...

 

Agora, quanto a ser bonita a viagem, depende... as paisagens que tu ve no trem no meio do caminho entre Roma e Venezia sao muito parecidas com as que tu ve quando pega estrada no Brasil... claro que, pelo menos meia hora antes de chegar nas cidades, aì a paisagem muda de figura, principalmente quando tu vai chegando em Veneza... é sensacional chegar de trem em Veneza porque tu passa por uma espécie de ponte, com mar a tua esquerda e a tua direita e de longe tu jà consegue enxergar parte da cidade... muito legal...

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: fabioorkut

Replied on: 15/07/2005 04:09:42

Message:

 

 

quote:

--------------------------------------------------------------------------------

Originally posted by GustavoH

 

Ola amigos,

 

Obrigado pelas dicas, é que sabem como é ne? Primeira vez na Europa e sempre pintam algumas duvidas e grilos...

Qual o tempo de viagem entre as cidades, de trem? É seguro mesmo viajar com aquelas malas de viagem (nao sou mochileiro, mas vou com 2 malas grandes - lua de mel)

 

Abraços

Gustavo

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

 

Roma-Venezia de Eurostar, 4 horas e meia (aproximadamente)... de Intercity, 5 horas e meia... levar malas é sempre um incomodo, jà cheguei a viajar com 4 eheheheh... é um estorvo e meio complicado, mas em trem nao tem limite de bagagem... se as malas nao couberem na tua cabina, tu pode deixar elas no corredor... mas sempre deixa num lugar em que tu pode controlar elas, que de pra ficar de olho... sabe como é, seguro morreu de velho...

 

P.S. pra confirmar horarios, valores e tempos de viagem, dà uma consultada na www.trenitalia.it

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: Mauroc

Replied on: 30/11/2005 20:43:05

Message:

 

É otimo, barato e seguro. Vai nessa

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: Bru_sp

Replied on: 01/02/2006 00:36:15

Message:

 

 

quote:

--------------------------------------------------------------------------------

Originally posted by GustavoH

 

oii gente

então, gostaria de saber quanto tempo eu levaria pra ir, por exemplo, de roma até paris, de trem... ou quqlaquer cidade da italia até quaklquer cidade de um país perto, tipo alemanha, espanha.

 

quanto eu demoraria? é muito caro?

 

obrigada

abraços

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: simone_cps

Replied on: 01/02/2006 19:55:26

Message:

 

Eu peguei o trem noturno entre Veneza e Roma em setembro passado. Olha... Foram umas 7 horas de viagem, saímos de Veneza perto da meia-noite e chegamos na estação Tiburtina de Roma às 7:00. De lá eu peguei um trem para o Termini às 7:10.

 

Não é uma viagem agradável, pelo menos pra mim não foi. O trem parava em todas as estações possíveis e imaginárias. Qdo o trem saiu de Veneza a cabine onde eu estava não estava cheia, o que foi um alívio. Sentei do lado da janelinha, e tinha uma menina deitada do meu lado. ocupando dois assentos. A mãe dela estava sentada na minha frente. O problema é que a menina, dormindo, ficava me chutando, querendo esticar as pernas e eu estava lá, putz, não dava pra ela esticar as pernas !!! Qdo eu tentava me ajeitar e fechar os olhos a mulher me cutucava e ficava dizendo pra eu ficar esperta porque podia ter ladrões no trem e roubarem minha bolsa. Eu era chutada pela da menina e cutucada pela mãe, fora que algumas estações a frente entraram outras pessoas e a cabine ficou cheia. Foram 7 horas nesse inferno. Qdo chegamos em Roma eu queria chorar de emoção, hehe... Eu não me arrependo por ter tomado o trem noturno. Eu ia sair de Veneza no trem das 6 da tarde, mas se tivesse feito isso não teria aproveitado a cidade até a noite, e Veneza noite é a coisa mais linda e emocionante do mundo. Paguei os pecados no trem noturno, mas isso passa, isso é superado. O que fica é a emoção de estar em Veneza, isso é maior do que tudo, maior do que uma garota me chutando por horas e horas, maior do que passar a noite em claro daquele jeito.

 

Se você não se importa com desconforto por várias horas, se tem muitos pecados a serem pagos para estar em dia qdo chegar o juízo final, vá em frente. Perigoso eu não acredito que seja. É chato e cansativo pra burro, mas perigoso acho q não.

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: cdantas

Replied on: 02/02/2006 17:45:55

Message:

 

Olá Pessoal,

 

Uma perguntinha básica pra quem vai fazer a primeira viagem a Europa (abril 2006) e literalmente esta "perdido":

 

a) Como faço para encontrar as promoções descritas acima? Pela net ou só no momento de embarque?

 

b) Tenho a possibilidade de comprar as passagens de trem com antecedência via internet ou só no momento de embarque?

 

c) É recomendado adquirir as passagens aqui no Brasil ainda? Sai mais barato realmente?

 

Muito obrigado pela atenção e abraços....

 

 

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: giedu

Replied on: 03/02/2006 16:50:18

Message:

 

 

quote:

--------------------------------------------------------------------------------

Originally posted by cdantas

 

Olá Pessoal,

 

Uma perguntinha básica pra quem vai fazer a primeira viagem a Europa (abril 2006) e literalmente esta "perdido":

 

a) Como faço para encontrar as promoções descritas acima? Pela net ou só no momento de embarque?

 

b) Tenho a possibilidade de comprar as passagens de trem com antecedência via internet ou só no momento de embarque?

 

c) É recomendado adquirir as passagens aqui no Brasil ainda? Sai mais barato realmente?

 

Muito obrigado pela atenção e abraços....

 

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

 

Caro Amigo,

 

Estou indo no dia 10/02 para a Europa, e vou fazer 2 trechos de trem (ParisXVeneza em trem dormitorio e VenezaXRoma em Primeira Classe), e sinceramente achei uma confusao comprar as passagens dos trens pela Internet.

Adquiri 3 passagens aereas, reservei 5 hoteis e aluguel de carro, tudo pela Internet, de forma simples e sem depender de ninguem, mas a parte dos trens achei extremamente confusa, e acabei optando pela agencia que me vendeu as passagens aereas para a Europa. Acho que paguei um pouco mais caro, mas pelo menos tive certeza de nao estar fazendo nada errado. De qualquer modo, segue os sites relacionados que encontrei:

http://www.voyages-sncf.com/

www.eurail.com

www.raileurope.com

www.eurorailways.com

 

Abracos.

 

 

 

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: giedu

Replied on: 03/02/2006 16:57:57

Message:

 

Conforme coloquei no post acima, estou fazendo 2 trechos de trem na europa.

 

Tenho uma duvida, se alguem puder me ajudar, agradeco:

 

1 - Li aqui no forum de pessoas que entraram no vagao errado, e fui checar o vagao na minha passagem do trem de VENEZA X ROMA, mas nao identifiquei o vagao, aparece apenas COACH 11, seat number 41 e 42. E O VAGAO??????

 

 

 

 

--------------------------------------------------------------------------------

 

 

Reply author: simone_cps

Replied on: 05/02/2006 13:24:40

Message:

 

Giedu, boa tarde.

 

Na tua passagem, Intercity ou Eurostar, deve haver os seguintes dados:

 

Treno ## (o número do trem)

Carrozza ## (o número do vagão)

Posti ## (o número do assento)

Corridoio ou finestrino (corredor ou janela)

 

Procure pelo campo carrozza para saber o nº do vagão.

 

Até,

Simone

Link para o post
  • 4 semanas depois...
  • Membros de Honra

Chego em Mestre dia 8 de abril, fico mesmo no Camping Fusina.

Aceitou a reserva antes do carnaval e minha ansiedade agradeceu.

O Ostello Santa Fosca só aceita reserva 7 dias antes...

Li e reli várias vezes as dicas sobre a Itália. Agradeço a quem teve o trabalho de responder às dúvidas colocadas.

Abraços,

Link para o post
  • Membros

Eu sempre tive uma pulga atrás da orelha a respeito de uma questão, vou explicar agora: a hospedagem em Mestre é mais barata. No Lido tb há hotéis com preço interessante. Mas eu fico pensando: não é chato ter que pegar condução para se deslocar para Veneza todos os dias, e depois para voltar para o hotel ? Sei que Veneza é uma cidade cara, mas compensa pagar menos e ter todo esse trabalho ?

Link para o post
  • Membros

Pessoal

Chego DE CARRO em Veneza na quinta feira "santa" (dia 13/04).

Alguma dica de hotéis baratos?

E do que fazer com o carro...

 

Ah.. pretendo visitar Murano na sexta-feira santa. Será que vai estar tudo fechado? Outra coisa: será que da pra fazer em meio período?

 

Obrigada

[]´s

Mariana

Link para o post
  • Membros

Mariana, acho que vai ter que deixar o carro em Mestre mesmo e de lá são pouco minutos até Venezia mesmo.

 

Meio período pra Murano só né? dá sim. Lá vc poderá se informar se estará aberto ou não. Não vai faltar do que fazer em Venezia.

 

sobre a hospedagem anda rápido com isso, pq vai lotar a cidade.

Link para o post
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.

×
×
  • Criar Novo...